Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Agrião  Voltar

Agrião

Nome Científico: Nasturtium officinale R. Br. Família: Brassicaceae Nome Popular: Agrião

Características

Erva com raízes gemares

Folhas alternas, compostas de 3 - 11 folíolos oblongos e glabros Flores branco - amareladas, e dispostas em racinos curtos, terminais ou auxiliares; fruto silica subcilíndrica, nervada de 5cm de comprimento, contendo sementes pardacentas, apteras, rugosas, pequeninas. Contém iodo, cobre, ferro, enxofre, fostato e óleo essencial sulfo-azotado amargo e volátil (essência de mostarda isosulfocyanato de allyla) ( Corrêa, 1926).

<?php echo $alt; ?>

Clique na imagem para ampliar

Comentários

Segundo Morgan (1979), para uso em saladas, quanto mais tenra melhor. Utilizando-se a planta fresca é necessário colhê-la no momento de servir e o ato da colheita deve ser feito preferencialmente antes da floração.

Do Dictionnaire des Sciences Medicales cita: O Agrião tem sido recomendado na tuberculose pulmonar. É excelente nas desordens digestivas caracterizadas por debilidade. Usado também com êxito na dispepsia associada com flatulência e azedume. (Balbach, 198?).

Relata Corrêa (1926), que a medicina tira grande proveito do suco e do óleo sobretudo como tônico e antiescorbútico. Diz ainda que a planta é originária da Europa e que acha-se subespontânea em todo o Brasil.

Alzugary e Alzugary (1983), atribui como propriedades medicinais, ser agrião depurativo, descongestionante digestivo e diurético, que possui grande teor de vitamina "C". Funciona como antídoto aos efeitos tóxicos da nicotina, apressa a cicatrização. Seu suco adoçado com mel dá um excelente xarope para combater a bronquite, tosse e toda a sorte de enfermidade catarrais.

Balbach (198?), confere à planta, grandes poderes curativos nos casos de varíola, sarampo e que provoca transpiração, além de propriedades vermífugas.

Balbach e Boarim (1992), afirmam que o agrião convém aos diabéticos, porque encerra poucos principios amiláceos. O suco é bom para amenorréia, dismenorréia, anorexia, colecistite, colelitíase, debilidade cardíaca, debilidade geral, dematose, hidropisia, litíase renal, vermes, além de previnir a queda do cabelo em fricções diárias.

Fonte: www.geocities.com

Agrião

<?php echo $alt; ?>

Amargo que dá gosto

O agrião é originário do sudeste da Ásia, e vem sendo utilizado há vários séculos na Europa, principalmente por gregos e romanos, que apreciavam banquetes ricos em especiarias e saladas picantes.

O agrião de terra seca é uma hortaliça tipo folha, rica em vitamina C e em sais minerais. O agrião é mais rico em ferro que a couve e o espinafre e os talos são ricos em iodo. É uma brássica, assim como a couve, o repolho e o brócoli.

Além deste, existe outro tipo de agrião, chamado agrião d’água. Como esse tipo é raro no mercado brasileiro, não será tratado nesta cartilha.

COMO COMPRAR

Os melhores preços do agrião ocorrem de julho a novembro.

Escolha maços com folhas frescas, de cor verde escura, sem áreas amareladas ou pontos escurecidos. Os talos devem estar firmes e quebradiços. Escolha os maços com cuidado, pois as folhas se rasgam com facilidade e os talos escurecem e apodrecem rapidamente quando danificados. A presença de flores e pequenos frutos verdes não prejudica a qualidade do agrião para consumo.

O agrião pode ser encontrado já lavado, higienizado e embalado em filmes ou vasilhas de plástico, acompanhado ou não de outras hortaliças folhosas. Antes de comprar, verifique a data de validade e compre somente o produto refrigerado. Descarte aqueles que apresentarem líquido amarelado no fundo da embalagem ou com as folhas sem brilho ou com bordas escuras.

COMO CONSERVAR

O agrião é uma hortaliça de pequena durabilidade, por isso compre somente o necessário para consumo imediato. Em condição ambiente, pode ser mantido por no máximo um dia, se colocado em local fresco, com os talos imersos em uma vasilha com água. Em geladeira, pode ser conservado por até 3 dias, se embalado em saco plástico para alimento ou vasilha tampada. Os talos inteiros, lavados e secos com pano limpo ou papel absorvente, duram por mais tempo que as folhas.

COMO CONSUMIR

O agrião pode ser usado cru em saladas, sozinho ou misturado com outras hortaliças como alface, rúcula e chicória e em sucos com diversas frutas. Também pode ser usado para incrementar sanduíches, panquecas, rabadas, rocambole, pães, molhos, sopas e purês. Os talos podem ser usados em sopas, misturados ao arroz, refogado com temperos e ovos batidos, como recheio de suflês e bolinhos.

As folhas temperadas com limão, sal e azeite são um excelente acompanhamento para churrascos de todos os tipos de carne. Experimente!

Antes de consumir as folhas cruas, lave-as com bastante cuidado em água corrente, removendo os talos grossos e as folhas amareladas ou escuras. Coloque as folhas verdes e talos finos em solução de água sanitária por 30 minutos (1 colher de água sanitária para 1 litro de água filtrada) ou use produtos próprios para higienização de saladas, disponíveis nos supermercados. Enxague as folhas com água filtrada, em seguida.

Fonte: www.cnph.embrapa.br

Agrião

Nastuitium officinale R.

Para quem não tem água corrente disponível, o mais indicado é plantar o agrião de terra enxuta. A germinação é de 6 dias, podendo ser plantado durante todo o ano.

Semear distanciado 10 cm nos dois sentidos em canteiro bem adubado com matéria orgânica.

O gosto do agrião de terra seca é tal qual o agrião de água.

<?php echo $alt; ?>

Clique na imagem para ampliar

A partir de 90 dias já se pode colher o agrião de terra seca, diferenciando apenas no tamanho das folhas, que são menores.

Fonte: www.agrov.com

Agrião

O Agrião é uma verdura de folhas pequenas, verde-escuras, e de sabor levemente picante. Cresce espontaneamente em solos úmidos, perto de córregos. Na culinária, o agrião é usado principalmente em saladas, mas também pode ser empregado em pratos quentes, como sopas e purês.

O agrião é considerado uma das principais fontes de vitamina A, essencial para a vista e para a pele. Também possui um altíssimo potencial de sais minerais, como iodo, enxofre, cálcio, fósforo e, principalmente, ferro. Como o agrião tem poucas calorias e, praticamente, nenhuma gordura, é um excelente alimento para as pessoas em regime de emagrecimento. Além disso, tem propriedades tônicas e estimulantes, que o tomam um alimento ótimo para abrir o apetite - por isso se recomenda servi-lo como primeiro prato, em forma de salada, principalmente em dias quentes, pois também tem poder refrescante.

Quando é de boa qualidade, o agrião deve ter folhas verdes bem escuras, brilhantes, firmes e tenras, sem manchas nem marcas de insetos. As folhas amareladas e murchas indicam que o agrião já está velho, não sendo, portanto, recomendado o seu consumo.

Antes de guardar, limpe bem em água corrente. Elimine as folhas amareladas e guarde na gaveta da geladeira.

Fonte: www.horti.com.br

Agrião

Considerações gerais

É uma planta pertencente à família das Crucíferas, e é conhecida cientificamente por Lepidium sativum, L.

Ë excelente verdura, sendo consumida geralmente na forma de salada, mas pode ser ainda utilizada como mistura de sopas diversas ou então cozida para posteriormente ser consumida.

Variedades

As mais conhecidas são as folha larga e folha d´agua. Existe ainda o “agrião de terra sêca” ou conhecido como “mastruço”, mais picante.

<?php echo $alt; ?>

Plantio

Por ser uma planta aquática, que exige água corrente. Nem todos poderão cultivá-la.

Para a sua cultura, cava-se um buraco plano de uns 25 cm. de profundidade; coloca-se no fundo a primeira camada de 10cm. do solo que foi cavado e amontoado ao lado. Esta porção de terra deverá ser misturada com esterco de curral bem curtido na proporção de 10 kg/m2 de canteiro.

No geral, a multiplicação é feita por meio de estacas, isto é, por meio de pedaços de hastes fortes, plantadas de 15 a 20 cm uma da outra. Deixa-se depois entrar água, que não mais é retirada; com o crescimento das plantas, procura-se ir aumentando a altura da água.

O primeiro corte é feito 40 dias depois da plantação e os seguintes, espaçados de 25 dias. Uma boa agrieira suporta até 4 cortes. Os melhores cortes são os de época fria. No verão, há tendência para florescimento, diminuindo o tamanho das folhas.

Pode-se também fazer a multiplicação do agrião por meio de sementes. A sementeira é feita pelos métodos comuns, tendo-se o cuidado de pulverizar bem a terra do canteiro, porque as sementes são muito miúdas. Com 8cm. de altura leva-se as mudas para as agrieiras.

Já o “agrião de terra seca” ou “mastruço” é consumido como salada, servindo ainda para enfeitar certos pratos. É bastante picante ao paladar.

Prefere os meses mais frescos do ano, e a semeação é realizada no local definitivo, a lanço, em linhas espaçadas de 10 cm. As colheitas são feitas tal como no caso do agrião de água, suportando alguns cortes.

Clima e Solo

As temperaturas ideais variam entre 16 e 20ºC, mas produz em regiões mais quentes, no entanto, o índice de produtividade é menor.

Os terrenos argilosos, com muita matéria orgânica e baixa acidez são ideais.

Fonte: www.criareplantar.com.br

Agrião

<?php echo $alt; ?>

O agrião é um componente de saladas de qualidades excepcionais para a saúde.

Estimula a formação de hemácias.

Tanto as saladas de agrião, quanto outras, dever ser incrementadas com sementes como gergelim, avelãs, amêndoas, nozes, etc. E porque não (?) uma fatia de abacate.

Hoje, já existem algumas redes de lojas Fast Food que oferecem saladas especiais acompanhadas com molhos de baixas calorias.

Se as cadeias de Fasta Food fornecerem produtos comprovadamente de baixas calorias, e livres de gorduras trans, no mínimo eles não perderão os seus clientes. Aproveite as suas saladas!

Incremente-as com sementes mediterrânicas e azeite de oliva extra-virgem.

Fonte: www.dontmakediet.com

Agrião

Berro para os espanhóis; crescione di fontana, para os italianos e cresson de fontaine para os franceses. Com esses sugestivos nome, o popularíssimo agrião é conhecido na Europa, terra onde nasceu. Mas apesar de sua origem estrangeira podemos considerar essa gostosa e picante erva inteiramente adaptada ao Brasil. Em qualquer região do nosso país, basta haver a umidade de um córrego para ele nascer e crescer.

Tão fácil de ser encontrado, o agrião é indispensável numa bonita e saudável salada verde, e vai muito bem em vários outros pratos surpreendentes.

Assim como a maioria das verduras de folha, o agrião é um vegetal de baixo teor calórico. Fornece 22 calorias em cada 100 gramas. Ele é considerado uma das principais fontes de vitamina A, essencial para a boa visão e para manter a saúde da pele. Apresenta ainda vitaminas do Complexo B(responsáveis pelo crescimento), além de grande quantidade de vitamina C. Tem alto potencial de sais minerais como Iodo, Enxofre, Fósforo e Ferro. Eles são importantes para o funcionamento da glândula tireóide, ajudam na formação de ossos e dentes, evitam a fadiga mental e estão ligados à produção de glóbulos vermelhos do sangue.

<?php echo $alt; ?>

O agrião combate a ácido úrico, a tuberculose, o raquitismo, a formação de pedras nos rins, as cistites e ainda os efeitos tóxicos da nicotina.

Como um dos produtos mais ricos da natureza, o agrião é digestivo, faz bem ao fígado, é diurético e bom para os diabéticos.

O suco de agrião, fervido com leite, em partes iguais, dá excelentes resultados contra enfermidade do peito, catarro e reumatismo. E mostra-se eficiente contra a bronquite quando misturado ao mel.

Por suas propriedades tônicas e estimulantes, o agrião tem o poder de abrir o apetite. Assim, deve ser, sempre, servido como primeiro prato, em forma de salada, principalmente nos dias quentes, quando é muito refrescante.

Na hora da compra, escolha o maço que tiver folhas verdes e brilhantes, firmes, limpas e sem marcas de insetos. Nessas condições pode ser conservado em geladeira por3 a 4 dias. Os períodos de safra do agrião vão de janeiro a fevereiro e de agosto a setembro.

Fonte: www.lyndha.com

Agrião

<?php echo $alt; ?>

Assim como a maioria das verduras de folha, o agrião é um vegetal de baixo teor calórico. Fornece 22 calorias em cada 100 gramas. Ele é considerado uma das principais fontes de vitamina A, essencial para a boa visão e para manter a saúde da pele. Apresenta ainda vitaminas do Complexo B(responsáveis pelo crescimento), além de grande quantidade de vitamina C.

Tem alto potencial de sais minerais como Iodo, Enxofre, Fósforo e Ferro. Eles são importantes para o funcionamento da glândula tireóide, ajudam na formação de ossos e dentes, evitam a fadiga mental e estão ligados à produção de glóbulos vermelhos do sangue.

O agrião combate a ácido úrico, a tuberculose, o raquitismo, a formação de pedras nos rins, as cistites e ainda os efeitos tóxicos da nicotina. Como um dos produtos mais ricos da natureza, o agrião é digestivo, faz bem ao fígado, é diurético e bom para os diabéticos.

Comprando

Na hora da compra, escolha o maço que tiver folhas verdes e brilhantes, firmes, limpas e sem marcas de insetos. Nessas condições pode ser conservado em geladeira por3 a 4 dias.

Os períodos de safra do agrião vão de janeiro a fevereiro e de agosto a setembro.

Consumindo

O agrião pode ser usado cru em saladas, sozinho ou misturado com outras hortaliças como alface, rúcula e chicória e em sucos com diversas frutas. Também pode ser usado para incrementar sanduíches, panquecas, rabadas, rocambole, pães, molhos, sopas e purês. Os talos podem ser usados em sopas, misturados ao arroz, refogado com temperos e ovos batidos, como recheio de suflês e bolinhos.

As folhas temperadas com limão, sal e azeite são um excelente acompanhamento para churrascos de todos os tipos de carne. Experimente!

Antes de consumir as folhas cruas, lave-as com bastante cuidado em água corrente, removendo os talos grossos e as folhas amareladas ou escuras. Coloque as folhas verdes e talos finos em solução de água sanitária por 30 minutos (1 colher de água sanitária para 1 litro de água filtrada) ou use produtos próprios para higienização de saladas, disponíveis nos supermercados. Enxague as folhas com água filtrada, em seguida. ( Embrapa )

Conservação

O agrião é uma hortaliça de pequena durabilidade, por isso compre somente o necessário para consumo imediato. Em condição ambiente, pode ser mantido por no máximo um dia, se colocado em local fresco, com os talos imersos em uma vasilha com água. Em geladeira, pode ser conservado por até 3 dias, se embalado em saco plástico para alimento ou vasilha tampada. Os talos inteiros, lavados e secos com pano limpo ou papel absorvente, duram por mais tempo que as folhas. (Correio Brasiliense) O suco de agrião, fervido com leite, em partes iguais, dá excelentes resultados contra enfermidade do peito, catarro e reumatismo. E mostra-se eficiente contra a bronquite quando misturado ao mel.

Por suas propriedades tônicas e estimulantes, o agrião tem o poder de abrir o apetite. Assim, deve ser, sempre, servido como primeiro prato, em forma de salada, principalmente nos dias quentes, quando é muito refrescante.

Fonte: www.sitiosaocarlos.com.br

Agrião

O agrião é originário do sudeste da Ásia, e vem sendo utilizado há vários séculos na Europa, principalmente por gregos e romanos, que apreciavam banquetes ricos em especiarias e saladas picantes.

Nome Científico

Nasturtium officinale R. Br.

Família

Brassicaceae

Nome Popular

Agrião

Características

Erva com raízes gemares

Folhas alternas, compostas de 3 - 11 folíolos oblongos e glabros

<?php echo $alt; ?>

Clique na imagem para ampliar

Flores branco - amareladas, e dispostas em racinos curtos, terminais ou auxiliares; fruto silica subcilíndrica, nervada de 5cm de comprimento, contendo sementes pardacentas, apteras, rugosas, pequeninas.

Contém iodo, cobre, ferro, enxofre, fostato e óleo essencial sulfo-azotado amargo e volátil (essência de mostarda isosulfocyanato de allyla) ( Corrêa, 1926).

Utilizações Medicinais do Agrião

O xarope de agrião com mel é muito usado na medicina popular e na indústria farmacêutica para curar a tosse.

O sumo de agrião, fervido com leite, em partes iguais, dá excelentes resultados contra enfermidade do peito, catarro e reumatismo.

O agrião combate a ácido úrico, a tuberculose, o raquitismo, a formação de pedras nos rins, as cistites e ainda os efeitos tóxicos da nicotina. Como um dos produtos mais ricos da natureza, o agrião é digestivo, faz bem ao fígado, é diurético e bom para os diabéticos.

Fonte: forum.g-sat.net

Agrião

Nome Popular

Agrião

Nome Científico

Nasturtium officinalis

Família

Cruciferae

Sinonímia

Popular Jambu

Agrião da água

Berro

Agrião aquático

Agrião do rio

Parte usada

O vegetal inteiro

Propriedades Terapêuticas

Depurativo

Antiescorbútico

Diurético

Anti-diabético

Anti-raquitismo

Expectorante

Ungüento

Cicatrizante

Princípios Ativos

Iodo, potássio, fósforo, óleo, sais minerais, vitaminas, óleo essencial; glicosídeos, gliconastursídeo. Fermento (mirosina). Sais minerais, vitaminas, proteínas, carotenos, clorofila.

Indicações Terapêuticas

Tuberculose, afecções pulmonares, tosse, bronquite

Origem

Europa, tendo se aclimatado bem no Brasil.

Modo de conservar

Utilizar sempre o vegetal fresco, com folhas verde-escuras.

Fonte: biovida.site50.net

Agrião

Assim como a maioria das verduras de folha, o agrião é um vegetal de baixo teor calórico. Fornece 22 calorias em cada 100 gramas. Ele é considerado uma das principais fontes de vitamina A, essencial para a boa visão e para manter a saúde da pele. Apresenta ainda vitaminas do Complexo B(responsáveis pelo crescimento), além de grande quantidade de vitamina C.

Tem alto potencial de sais minerais como Iodo, Enxofre, Fósforo e Ferro. Eles são importantes para o funcionamento da glândula tireóide, ajudam na formação de ossos e dentes, evitam a fadiga mental e estão ligados à produção de glóbulos vermelhos do sangue.

O agrião combate a ácido úrico, a tuberculose, o raquitismo, a formação de pedras nos rins, as cistites e ainda os efeitos tóxicos da nicotina. Como um dos produtos mais ricos da natureza, o agrião é digestivo, faz bem ao fígado, é diurético e bom para os diabéticos.

O suco de agrião, fervido com leite, em partes iguais, dá excelentes resultados contra enfermidade do peito, catarro e reumatismo. E mostra-se eficiente contra a bronquite quando misturado ao mel.

Por suas propriedades tônicas e estimulantes, o agrião tem o poder de abrir o apetite. Assim, deve ser, sempre, servido como primeiro prato, em forma de salada, principalmente nos dias quentes, quando é muito refrescante.

Na hora da compra, escolha o maço que tiver folhas verdes e brilhantes, firmes, limpas e sem marcas de insetos. Nessas condições pode ser conservado em geladeira por3 a 4 dias.

Os períodos de safra do agrião vão de janeiro a fevereiro e de agosto a setembro.

Fornece 22 calorias em cada 100 gramas.

Fonte: www.vitaminasecia.hpg.ig.com.br

Agrião

<?php echo $alt; ?>

Valores Nutricionais

Porção: 100 g
Kcal: 28.0
HC: 3.3
PTN: 2.8
LIP: 0.4
Colesterol: 0
Fibras: 1.1

Quem está com o agrião está com tudo, pois “o agrião é em essência a própria vida”. Quem já teve tuberculose pulmonar curada ou é diabético sabe do valor e da verdade desta frase.

Afinal, com 280mg% de enxofre, 200mg% de potássio, 168mg% de cálcio, 41mg% de fósforo, 35mg% de magnésio, 25mg% de cloro, 20mg% de sódio, 2,6mg% de ferro, vitamina A, B1, B2, C, o agrião entra na alimentação como campeão de virtudes nutrológicas e medicinais, devendo ser consumido principalmente pelas crianças, mulheres grávidas e velhos.

Pronto para tudo e funcionando como um encouraçado de saúde no nosso organismo, o agrião age como diurético, afrodisíaco, mineralizante, fortificante, depurativo, adstringente.

Um dos erros que muitos cometem é o de comer só as folhas e desprezar os talos, que possuem os mais importantes nutrientes desta hortaliça, como iodo, elemento mineral indispensável no metabolismo da tireóide.

É um vegetal rico em antioxidantes, bioflavonóides e outras substâncias que protegem contra certos tipos de câncer, sendo rico em vitamina C e A e valiosa quantidade de cálcio, ferro e potássio, mas quase não contendo calorias.

O agrião cresce `a beira de riachos, e a melhor época de colheita é o início da primavera. Deve ser bem lavado para remover quaisquer microorganismos patogênicos.

Fonte: www.rgnutri.com.br

Agrião

Família

Crucíferas

Constituintes químicos: Nasturtósida (gliconasturtina), glicósida que sob a ação da mirosina, em presença da água, fornece glicose e feniletilsenevol (isotiocianato de feniletila). Iodo, ferro, vitaminas, etc.

Indicações

Antiescorbútico, estimulante. Indicado no raquitismo, linfatismo, nas bronquites crônicas, como modificador das secreções. O suco tem sido indicado em injeções hipodérmicas como antídoto da nicotina. Empregado nas dermatoses (seg. L. Binet, o extrato injetado em ratos retardaria o crescimento do câncer experimental). Ação hipoglicemiante (Constantin).

Formas de uso

Infusão, decocto, suco, extrato fluido, tintura, vinho, elixir, xarope, etc.

Fonte

Notas de Fitoterapia. Farmacêutico Raul Coimbra. 1ª edição. Rio de Janeiro. 1941

<?php echo $alt; ?>

Fonte: www.plantaservas.hpg.ig.com.br

Agrião

O agrião é um dos vegetais que também está na lista entre os mais nutritivos, além de possuir baixo valor calórico.

Uma xícara de agrião contém apenas 5 calorias.

O agrião oferece um sabor interessante por ser ligeiramente amarga. Cresce em leitos e córregos durante o final do inverno e início da primavera.

A verdura é bastante utilizada em saladas e também como guarnições ou em sopas.

Normalmente o agrião é vendido fresco, em maços. Na hora de comprar, procure os de folhas firmes e de um tom verde intenso, evitando folhas amareladas ou murchas.

Fonte: culinaria.terra.com.br

Agrião

O agrião é uma verdura de folhas pequenas, verde-escuras, com sabor levemente picante.

O agrião é uma das principais fontes de vitamina A, boa para a pele e visão. Possui vitaminas do complexo B, e grande quantidade de vitamina C. É rico em sais minerais, os quais ajudam na formação de ossos e dentes, e previnem a fadiga mental.

Originário da Europa e da Ásia, o agrião já era usado por suas propriedades medicinais, desde a antiguidade, especificamente para combater o escorbuto, além disso, Hipócrates o utilizava como expectorante. Seu cultivo comercial começou a partir do século XIX.

O plantio do agrião é apropriado em solos úmidos, e o período de safra vai de Janeiro a Fevereiro, e de Agosto a Setembro.

O suco de agrião misturado com mel é eficiente contra a bronquite.

O agrião tem propriedades tônicas e estimulantes que ajudam a abrir o apetite, além de ser muito refrescante, por isso é uma ótima opção para servir como salada em dias quentes.

Fonte: www.sensibilidadeesabor.com.br

Agrião

O agrião (Nasturtium officinale) é originário da Europa e cresce melhor em lugares frios, próximos a correntes de água. Suas folhas arredondadas, de cor verde escura ou levemente arroxeada, são muito apreciadas em saladas. É comercializado em molhos, incluindo folhas e hastes.

Informações Nutricionais

Excelente fonte de ferro e niacina (vitamina anti-pelagra, fator P).

100g contêm, em média:

Macrocomponentes Glicídios (g) 3
Proteínas (g) 1
Lipídios (g) 0
Fibras alimentares (g) 1
Vitaminas Vitamina A1 (mg) 187
Vitamina B1 (mg) 79
Vitamina B2 (mg) 154
Vitamina B3 (mg) 1
Vitamina C (mg) 43
Minerais Sódio (mg) 33
Potássio (mg) 180
Cálcio (mg) 168
Fósforo (mg) 41
Ferro (mg) 2
Conteúdo energético (kcal) 22

Como Comprar

Procure o maço que tiver folhas verdes, brilhantes, firmes, limpas e sem picadas de insetos.

Como Conservar

Conserva-se em geladeira, embrulhado em saco plástico transparente, por cinco a sete dias.

Como Consumir

Deve ser consumido cru, em saladas. Pode ser usado como condimento, picado miudinho sobre pratos de batata ou massas. Pode também ser consumido cozido e em sopas, mas perde parte de suas propriedades e de seu sabor.

Fonte: www.ceasacampinas.com.br

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal