Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Almofadas  Voltar

Almofadas

Qual a utilidade das almofadas? Às vezes, a impressão que se tem é que elas só servem para você tirá-las do lugar onde vai se sentar, ou seja, para atrapalhar.

Almofadas

Na verdade, isso seria uma injustiça.

A almofada possui alguns tipos de usos. O primeiro é para enfeitar mesmo, mais decorativo. O segundo é para se encostar na hora de ler um livro ou assistir à televisão no quarto. O outro é para sentar-se tanto no chão quanto em cadeiras mais duras como as de madeira, alumínio... Existe, também, a opção de usá-la sobre o colo para apoio de revista.

As mais bordadas, com mais detalhes - percebe-se até que são mais delicadas - têm como objetivo decorar. Portanto, ao chegar em uma casa em que o sofá está enfeitado com tais almofadas, não encoste nelas. A recomendação do gerente de uma loja de artigos de decoração, Bruno Leandro, é trocar a almofada de lugar. "Coloque do seu lado, mas não assente. Já pensou estragar a almofada?", diz.

Ele dá uma dica para distribuir as almofadas: se tiver dois sofás em sua casa, um de dois e outro de três lugares, coloque uma manta sobre um deles e três almofadas no outro.

Se o estilo de sua decoração é mais clássica, Bruno indica usar almofadas de seda misturadas com as de tecido rústico, como as de chenille. "Com tecidos diferentes e cores em harmonia, é possível montar um ambiente bem legal. Os tons pastéis remetem ao clássico. Inclusive, as cores acobreadas tem saído bastante".

As estampas imitando pele de animais, como onça, cobra, tigre também são bastante procuradas. Para equilibrar o ambiente, misture as estampas com almofadas de cores lisas. "Hoje em dia, não há necessidade ter as mesmas cores da almofada com sofá, manta... São gostos particulares. Eu não padronizo, mas procuro dar harmonia ao local", explica. Estampas com grandes florais são ótimas para ambientes externos e fazem sucesso. "Elas vem com o tecido empermeabilizado", conta Bruno.

Em ambientes mais joviais, quartos de adolescentes e de crianças, a combinação de cores cítricas cai bem em tecido jacar, fuxico, pelúcias; em formatos diferentes, como de flor, coração...

Os tamanhos variam de acordo com o local que as almofadas serão colocadas. Na cama e no sofá, elas pode ser de 40cmx40cm até 50cmx50cm. Se ficarem no chão, podem ser no tamanho de 70cmx70cm. Os tamanhos menores podem ser colocados sobre puffs.

Na cama a disposição pode ser mais na vertical, a frente dos travesseiros ou em cima deles. "Eu costumo usar em cima dos travesseiros. Fica muito bonito".

A limpeza deste acessório é um ponto importantíssimo. Afinal, ele acumula poeira assim como o sofá. Portanto, passe um aspirador de pó com freqüência nas almofadas e lave a capa de 15 em 15 dias. Já o enchimento, normalmente, é de fibras de silicone. "Esta fibra é antialérgica e tem uma durabilidade maior do que os flocos de espuma. Além disso, a fibra é inteira, mais confortável e deixa a almofada com o aspecto visual mais bonito. É uma fibra que se usa em travesseiros também", diz Bruno.

Para sentar-se em cadeiras feitas de madeira, alumínio ou outro material que precisa de maciez, são indicadas almofadas futon (foto acima, à direita), que possuem vários botões. "É um estilo indiano, sempre no mesmo modelo, mas podendo variar o tecido". Já as almofadas que vão ao chão, não necessariamente precisam ser no formato futon.

Mas os botões únicos em uma almofada podem ser somente para enfeites, como os da foto acima. Fica um charme, deixando o ambiente sofisticado. Caso tenha dúvidas sobre como combinar as cores, os tecidos, peça auxílio a um profissional. "Tem gente que traz até a foto do ambiente para eu ajudar na escolha", afirma Bruno.

Fonte: www.acessa.com

Almofadas

Capa de almofada indiana, feita com tecido 100% algodão e aplicações de miçangas.

Almofadas

O gatinho é bordado à mão na almofada de algodão da Terra Madre, que tem capa removível.

Almofadas

Para fazer diferença

Almofadas

A partir da esquerda, a almofada com estampa tipo Burberry, da Ton; a feita com tecido indiano e aplicações de espelhinhos, da recém-inaugurada Etna (também nas cores: turqueza, verde, amarelo e vermeho), e a almofada Batik, à venda na Arango, de seda estampada. Todas têm capas removíveis - para evitar qualquer tipo de stress na hora da lavagem.

Almofadas

Quem resiste às almofadas bordadas à mão, com frases fofas do tipo "as noites ficam estreladas quando você chega"? Na Cor do Sol você encontra ainda outros dizeres e outros formatos para escolher, como o que parece um travesseirinho. A capa é removível, mas todo cuidado é pouco na hora de lavar.

Fonte: casadachris.uol.com.br

Almofadas

Um toque de charme

Indispensáveis para aqueles que buscam dar um toque especial aos ambientes, as almofadas reúnem beleza e conforto em uma única peça.

Almofadas

Mais versáteis que os travesseiros, as almofadas podem ser espalhadas pelo chão, sobre a cama ou nos estofados. Além das diversas formas, as almofadas podem ter texturas variadas, cores inusitadas, ausência ou presença de brilhos. No Oriente, elas são muito valorizadas, substituindo até mesmo certos móveis. É impossível pensar em uma decoração oriental, sem levar em conta a presença das almofadas.

As almofadas acompanham a moda e se mostram como as melhores opções para os consumidores mais comedidos, que preferem móveis de revestimento liso e utilizam este artefato apenas como um toque, deixando o ambiente mais confortável e descontraído.

A nova tendência em almofadas mostra alguns acabamentos finos como voile (voal) e seda. Também estão em alta os tecidos em tons preto, vermelho e verde-pistache. Laços e o zíper invisível são detalhes que dão um aspecto delicado. As texturas impermeáveis são outra inovação em confecção de almofadas. Os modelos se encaixam com sucesso em locais de trânsito constante de crianças pela praticidade de higienização.

Fonte: www.gedako.com.br

Almofadas

Poá

Almofadas

Poá é uma almofada redonda e dupla face que combina, com muita harmonia, dois tecidos em várias declinações de cores : o shantung de seda de um lado e a lonita do outro.

Para o toque refinado, o botão do capitonnê central é sempre revestido com o tecido do lado oposto.

Como doces redondos, a coleção das Poás e suas cores cítricas, trazem na casa ares de primavera o ano inteiro.

Exclusividade da Futon Company, a Poá está disponível em oito combinações de cores.

Zabuton

Almofadas

Livremente inspirado numa almofada tradicional oriental, o zabuton da Futon Company virou uma "star" da decoração no Brasil.

De lonita ou de shantung de seda, o zabuton traz o indispensável toque “fashion” que faltava ao seu ambiente.

Disponível em três medidas de linha, o zabuton pode ser feito também sob medida.
Para sua varanda, jardim ou casa de praia, escolha o zabuton da linha "Varanda", com tecido tratado e miolo acrílico.

Como almofada de encosto ou de assento, o zabuton é ideal para ser usado em bancos de estilo oriental.

Classic

Almofadas

Almofada tradicional com capa removível (zíper invisível).

Um clássico para decorar com mais conforto, a almofada da Futon Company tem vários tamanhos e acabamentos, para ser usada no sofá, na cama, no tatame, etc...

De qualidade superior, nossa almofada tem um forro de cretone 100% algodão e um recheio de fibras siliconadas que lhe garantem um volume bem gostoso ao longo dos anos.

A capa, removível, pode ser escolhida dentro da nossa linha de tecidos de algodão, dos nossos shantungs de seda, jacquares, linhos...

Diams

Almofadas

Almofada arredondada.

Diams é uma almofada de encosto bem fofinha e divertida. O desenho dela, com vários ângulos, lembra a forma de um diamante.
Com seu recheio super macio de fibra siliconada, Diams fica confortável no sofá, na poltrona e até na cama, onde ela enfeitará o quarto.

Diams pode ser realizada na maioria dos tecidos da nossa linha (ver acabamentos).

Berlingot Pufe 99 e 124

Almofadas

Os Berlingots ganharam uma nova modelagem para combinar ainda mais ergonomia do pufe com volume ocupado no espaço.

Alem desse novo design, Berlingot se beneficia do enchimento exclusivo Futon

Company, mistura de pérolas de isopor com flocos de espuma de primeira qualidade.

Assento anatômico, Berlingot se adapta perfeitamento ao tamanho e peso do corpo sentado, para um conforto total.


A capa é removível para facilitar a manutenção do pufe e a troca de cores conforme as estações.

Berlingot vem com uma opção de refils. (enchimento)

Rolos Classic

Almofadas

Para satisfazer aos mais variados gostos, a Futon Company desenvolveu dois tipos de rolos:

O rolo Soft é macio, com um recheio de pluma sintética, para quem prefere os encostos aconchegantes e suave.

O rolo Firme é mais compacto, graças a um recheio de algodão. Encorpado, ele mantem uma distância entre o corpo e a parede.

Nossos rolos vem com uma capa removível de lonita de algodão ou de seda, fechada por um zip para facilitar o manuseio.

Berlingot 45/60

Almofadas

Berlingot é uma almofada de encosto triangular, disponível em duas medidas:

Berlingot 45
Berlingot 60

A capa , removível, é de lonita 100% algodão, declinável em mais de 25 tons (ver Texturas/tecidos). O recheio de de fibras siliconadas, num forro de tecido 100% algodão.

Com sua forma de pirâmide, a Berlingot é almofada preferida das crianças.

Por isso, fizemos do pufe Berlingot uma versão para criança (ver: pufe Berlingot).

Piló

Almofadas

Piló é um pufe lúdico em forma de travesseiro gigante: de pé ou plano, na horizontal ou na vertical, Piló combina várias formas, acompanhando as posições do corpo e proporcionando o máximo de conforto.

Piló se beneficia de um enchimento exclusivo, composto de pérolas de isopor e flocos de espuma, proporcianando qualidade e durabilidade no volume do seu pufe.

Disponível em cinco tamanhos, Piló é super divertido para os menores como os adultos e se adéqua em qualquer ambiente, dos maiores até os espaços menores.

Cubo Turco

AlmofadasAlmofadas

Pufe quadrado com 40 cm de altura, feito 100% de algodão.

Muito prático, o cubo se usa como assento ou apoio para os pés. Assento extra, ele ocupa pouco espaço e fica excelente na sala ou no quarto.

O charme do cubo são as bordas que chamamos de “turcas”. Elas são formadas e costuradas à mão, enquanto os capitonés são presos por botões revestidos do mesmo tecido que o cubo.

Ao adquirir o seu Cubo Turco ouse nas cores diferentes e fortes como o laranja, o verde cítrico ou as listras, e torne o seu ambiente divertido.

Mandacaru

Almofadas

Assinada por Baba Vacaro e inspirada na planta nordestina, a poltrona Mandacaru consiste num jogo de seis almofadas unidas como pétalas.

A Mandacaru pode ser configurada em 3 posições diferentes para diversas acomodações: sentado, reclinado e deitado.

Totalmente desmontável, cada pétala se prende no miolo por fecho de contato (tipo Velcro®).

Disponível em diversas cores de revestimento.

Pufe Turco

Almofadas

Com suas bordas grossas que lembram os antigos colchões de vovô, o pufe turco é certamente um dos produtos mais cobiçados da coleção Futon Company.

Super caprichado nos acabamentos feitos à mão, esse pufe de chão está disponível em várias cores, em lona ou em seda.

Em tamanhos maiores ou diferenciados, veja nossas páginas "futon Turco" e "Coleção: Istambul".

O pufe turco pode ser realizado também com componentes sintéticos, ou seja, especiais para varandas e áreas externas

Mil-Folhas

Almofadas

Mix de futon e almofada, Mil-Folhas é um pequeno futon dobrável em quatro partes, fechado por fitas e com alças transporte.

Fechado, Mil-Folhas é uma superposição de quatro almofadas, ou seja, um pufe divertido para sentar-se.

Aberto, ele é um colchonete para deitar-se na frente da TV, no quarto das crianças, no deck do terraço

Versão "très chic" de seda ou mais casual na lona, tudo capitonnê, Mil-Folhas mistura etnic com modernidade.

Futon Pufe

Almofadas

O futon que vira pufe ou o pufe que vira futon !

Muito prático, o Futon-Pufe é um produto do tipo "2 em 1" : um colchão e um pufe de chão, num produto único.

O futon, uma colchonete do tipo “Futon Basic” da Futon Company, se dobra em três, se guarda numa capa colorida fechada por zip e se transforma num pufe aconchegante e útil.

Ideal no quarto das crianças que gostam de convidar os amigos para dormir em casa, ele serve de colchão extra.

Na sala de estar, em versão pufe, ele dá um toque atual e descontraído ao ambiente.

Fonte: futon-company.com.br

Almofadas

Almofadas
Bordada a mão, com acabamento de passamanaria

Almofadas
Cores intensas nas almofadas de fibras naturais

Almofadas
Vindas da China, as capas para almofada com 45 x 45 cm são 100% algodão

Almofadas
Esta combinação prova que diferentes estampas podem, sim, ficar harmônicas.

Almofadas
O tecido de lona de estampa listrada é da Covering

Almofadas
A almofada florida com bordado (50 x 50 cm)

Almofadas
Esta almofada listrada é de tecido iraniano jogim

Almofadas
Esta sóbria combinação traz uma almofada listrada

Almofadas
As divertidas almofadas com estampa de alvo ou quadrados são do ateliê Oba!

Almofadas
Sobre o sofá de tom neutro, esta composição arrasa: a maior (45 x 45 cm), de seda laranja, a do meio (50 x 30 cm), com estampa indígena, e a pequena (40 x 20 cm), feita de sári indiano

Almofadas
A capa de algodão cru tem bordado vermelho

Almofadas
Ornada com microespelhos, a capa de algodão de 60 x 60

Almofadas
Feita de veludo enfeitado com contornos de seda

Almofadas
De algodão puro bordado, tem zíper para facilitar a lavagem

Almofadas

Almofadas
Estas almofadas, inspiradas na arte dos pintores Matisse

Almofadas
A variação rústica do linho tradicional faz uso das fibras curtas do vegetal, normalmente descartadas no início da confecção do pano.

Almofadas
Bordadas com tons suaves, as almofadas indianas são de algodão.

Almofadas
Nesta sala, a cor se faz presente só nas almofadas com estampa da grife italiana Missoni

Almofadas
Para o jardim, uma composição cheia de vida: a almofada vermelha, de seda drapeada

Almofadas
As estampas florais da designer Fátima Queiroz dão bossa a estas almofadas

Almofadas
De seda rústica e algodão adamascado, a bela almofada mede 55 x 55 cm Almofadas
Os modelos de fuxico e patchwork feito no tear com detalhes de crochê medem 40 x 40 cm

Almofadas
A almofada bordada com borboletas de 30 x 30 cm

Almofadas
O porta-travesseiro (50 x 70 cm) de puro algodão e com aplicações de bordado também veste almofada Almofadas
Modelos de tafetá bordada de miçangas e de grafismo pintado a mão

Almofadas
Em tons pastel, as almofadas de 45 x 45 cm são de seda amassada.

Almofadas
A almofada com flores vermelhas é de poliéster, com aplicação de estampa em silk-screen. Seu enchimento em fibra siliconizada é antialérgico.

Almofadas
A capa dourada para almofada (40 x 40 cm), vinda da Índia, é de poliéster e náilon, com aplicação de bordado e miçangas

Fonte: casa.abril.com.br

Almofadas

As almofadas são usadas para dar o toque final da decoração do seu sofá, para preenche-lo, dar um charme, enfim, elas são a maquiagem do living. Por isso é que as almofadas devem ser muito bem escolhidas, e com todo o cuidado de quem quer realmente personalizar o seu ambiente.

Almofadas

Além da parte estética, as almofadas também têm uma função determinada, dependendo do tipo de sofá, cama, ou poltrona. Além do que, elas tem formatos diferentes de acordo com essas funções.

Para acomodar suas almofadas no sofá, procure colocá-las lado a lado, intercalando as cores e tecidos, além de tamanhos. Podem ser colocadas em 45 graus e se forem quadradas, fica muito bonito.

Almofadas

As almofadas decorativas podem num sofá de living ser usadas como apoio lateral de um dos braços, por exemplo. Assim, quando a pessoa se senta, ela usará a almofada para se “ajeitar”. Aqui podemos citar tamanhos variados, como 30x30, 40x40 e 50x50cm que são as de formato quadrado; também decorativas podem ser com formato retangular, ou ainda redondo de diâmetro 40cm, por exemplo.

Almofadas

Almofadas

Almofadas chamadas de rins são usadas, como o nome já diz, para um sofá que tem o assento grande. Dessa maneira, para a pessoa se acomodar, ela se encosta na almofada de rins, e ainda, atrás dela, pode vir outra maior e quadrada para alcançar o encosto do estofado.

Ela tem formato retangular, e o recheio dela é bem “molinho”, bem macio, para se moldar nas costas mais facilmente; um tamanho bom pode ser de 25x50cm, por exemplo. Esse tipo de almofada pode ser usado para sofás e poltronas também.

Almofadas

Os tecidos para as almofadas podem ser variados, desde lisos, de uma cor só, estampados, florais, de bichos, geométricos, com texturas, brilhantes, com apliques, rústicos, pintadas a mão. Existe uma infinidade de tipos a escolher. Vale sua criatividade e bom senso na hora de escolhê-los.

Abaixo almofadas da artesã Márcia Fenelon, na primeira imagem, pintadas à mão.
A segunda imagem, almofadas de seda, opções quadradas e de rins, ficam muito bem num sofá bege.

Na foto 3, foi usada palha indígena para trançar e pintura à mão.

Na imagem 4, para ser usada também na varanda, a almofada listrada em tons pastel fica muito discreto, esse tecido pode ser uma outra opção para a área externa.

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Outro modelo muito usado é o futon, um tipo de almofada que tem formatos variados, mas a mais conhecida é a quadrada. Ela tem origem indiana e hoje em dia está em moda. Vai bem, por exemplo, como assento sobre cadeiras, ou encosto, ou apenas para decorar o ambiente.

Pode ser usada também “jogada” no chão, num ambiente informal, por exemplo, numa sala de jogos, para as crianças deitarem, ou numa área externa, sobre um banco, ou um deck de madeira. Neste caso, pode ser feita sob medida, em tamanhos grandes, por exemplo, 1,50x1,50, ou 2,00x1,00m.

Na proxima imagem temos um excesso do uso da cor amarela, que é muito forte e cansativa. O uso de cores vibrantes, e apenas essas cores não trazem aconchego para as pessoas que utilizam o ambiente. As cores fortes trazem uma certa agitação que pode comprometer o conforto do seu living.

Almofadas

Veja abaixo os modelos de almofadas e futons. A distribuição das almofadas na lateral do sofá ficou agradável.

Se a idéia é decorar o quarto; para dormitório de casal, procure combinar a colcha e o porta travesseiro com as almofadas, compondo o ambiente com tons e sobre tons. Também vale florais, listrados, enfim...

Um tipo específico de almofadas para quarto é a almofada de rolinho. Ela serve para enfeitar sua cama, ou sofá cama, dá um charme todo especial e personalizado. Normalmente ela tem a largura de 80cm e um diâmetro de 15 a 20cm.

Para distribuição, coloque a colcha, um porta travesseiros, almofadas encostadas na frente, ou em cima. O rolinho vem por último. No caso de sofá cama, coloque no sentido do comprimento em toda extensão da cama, normalmente são usados 4 rolinhos: 2 na parte do encosto no maior lado e um de cada lado nas laterais.

Almofadas

Almofadas

Um exemplo de tecido estampado que pode compor bem com uma colcha ou um sofá brancos, por exemplo, e também acrescentar um toque romântico na sua sala, ou quarto.

Almofadas

Para dormitório de criança, pode apostar em cores fortes, misturando as cores neutras da colcha. Como exemplo, pode ser feita a colcha branca, com porta travesseiro em roxo, e almofadas roxas e amarelo limão.

Ainda aqui é permitido formatos diferentes, como de flor, coração, estrelas, e tecidos mais criativos, como os de lycra, pelúcia ou fuxicos.

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Tecidos variados, entre eles jeans e jeans estampado podem ser usados em ambientes mais informais, como uma suíte de crianças ou de hóspedes, que tenha uma poltrona, por exemplo, e que vai compor com o tecido da colcha e do porta travesseiro.

Enfim, idéias e mais idéias de mudar, incrementar ou ainda decorar seu living, dormitórios e varanda, não vão faltar para você escolher suas almofadas e tecidos variados... Aproveite, ouse, renove!

Fonte: www.fazfacil.com.br

Almofadas

Utilização de almofadas para a decoração de ambientes

Na arquitetura oriental, a utilização de tecidos, tapetes e almofadas é um elemento muito forte para a decoração de casas e outras edificações. Culturas como a indiana e são grandes exemplos de utilização de almofadas em sua decoração.

No ocidente a utilização de almofadas segue uma linha mais discreta em sua utilização, ao contrario dos indianos que abusam dos tamanhos, cores e babados nas almofadas assim como os tipos de tecidos que são muito ricos e muitas vezes cravejados de pedras preciosas.

Para criar um ambiente mais aconchegante e menos formal podem ser utilizados sem muito problema, já uns ambientes mais sóbrios e com uma leveza maior pede a utilização mais comedida desse elemento de decoração.

Quartos, dormitórios e salas de TV são os principais locais que podemos marcar como ponto forte sua utilização. Para isso deve ser visto no momento da confecção das almofadas uma adequação de materiais e cores.

As cores devem seguir uma combinação com as cores das paredes e com o material e cor utilizada nos móveis. O tamanho também deve seguir algumas regras, nada de almofadas gigantes em salas de estar ou nos quartos. Algumas almofadas são apenas para decoração e não devem ser utilizadas para o conforto em si. Já e salas de TV e similares o conforto fala mais alto, abuse do tamanho e de tecidos e materiais que proporcionam conforto. Nesse momento a decoração fica a cargo de outros elementos.

Nos quartos não confunda as almofadas com travesseiros. As almofadas são meramente decorativas ou servem de apoio para sentar, ler um livro, tomar café da manhã. O travesseiro deve ser utilizado para dar conforto na hora do sono e não tem nenhuma relação com almofadas decorativas sobre sua cama. Se o travesseiro se tornou um elemento que atrapalha a sua decoração ele deve ter seu lugar cativo no guarda roupa ou armário nos momentos em que não esta sendo utilizado.

E engana-se quem acha que lugar de almofada é sempre sobre a cama e ou sofá, pode ser utilizada no chão para criar um ambiente despojado ou ser meramente decorativo, apenas ocupando um espaço de forma coletiva fazendo um jogo de tamanhos e cores em locais estratégicos.

Jamais devem ficar em locais onde existe umidade, como banheiros, cozinhas e edícula. Esse local, além criar uma chance muito grande de sujar as mesmas pode fazer com que elas durem bem menos e também podem dar problemas como serem combustíveis no momento de um acidente com fogo.

Abuse da criatividade para utilizar as almofadas em sua decoração, é uma opção barata e de muito bom gosto para sua casa ou apartamento.

Fonte: casadecoracaoearquitetura.com.br

Almofadas

Modelos de almofadas para decoração

Almofadas

As almofadas, sem dúvidas, são os itens finais que dão um charme à sua decoração. Independente do estilo do ambiente, as almofadas têm o ‘poder’ de deixar um lugar mais descontraído e despojado ou mais elegante e arrumado. Elas podem ser estampadas, florais, coloridas, étnicas, bordadas, e sem falar nos formatos, que apesar de ser utilizado mais os quadrados, os tipos são muito variados. Estes objetos de decoração podem ser utilizadas como assento sobre cadeiras, servindo como encosto ou apenas jogadas no chão, de todos os modos, as almofadas fazem toda a diferença.

Almofadas

Se a idéia é deixar o ambiente confortável e na moda, um dos modelos mais utilizados é o futon de origem indiana . As almofadas são usadas para decorar quartos, salas de estar, áreas externas, dentre outros, mas a pessoa que utilizá-las deve saber adequar corretamente, ou seja, não é apenas comprar almofadas coloridas e jogá-las no sofá, você tem que estar atento e combinar com os tons dos móveis, principalmente do sofá.

Veja algumas fotos com modelos de almofadas que servem para decorar muito bem diversos tipos de ambiente, aproveite para imaginar como ficaria a sua sala com elas, inspire-se!

Almofadas

Fonte: resumododia.com

Almofadas

13 dicas para decorar com almofadas

Suaves, macias, confortáveis, coloridas, lisas, com ou sem textura, as almofadas são um acessório decorativo multifuncional. Existindo em vários tamanhos e formatos, não precisa de muitas para renovar um ambiente – basta trocá-las de lugar ou de fronha! Saiba como decorar e bem, utilizando exclusivamente almofadas.

1. Numa decoração moderna, escolha sempre um número impar de almofadas, ou seja 3 ou 5 almofadas juntas ficam visualmente mais apelativas do que 4 ou 6. Adicionalmente, as almofadas grandes ficam mais bonitas do que um grupo de almofadas pequenas, que acabam por distrair o olhar e dotar a decoração de ruído visual. Os formatos devem recair sobre o típico quadrado e o cada vez mais popular retângulo; privilegie tecidos como o algodão e o linho, perfeitos para exibir cores fortes e padrões geométricos.

2. Para uma decoração clássica, que requer uma certa simetria e formalidade, um número de almofadas par é ideal e o tamanho deve ser adequado à peça que adornam. Os padrões clássicos incluem os florais, adamascados, cornucópias, axadrezados, listados e monogramas… mas não todos ao mesmo tempo; brinque com a combinação de cores e texturas (veludo, seda…). Pode expor almofadas quadradas com almofadas redondas, desde que estejam em número par.

3. Tem um estilo mais eclético? Então a decoração com almofadas deverá refletir esse ambiente: grandes e expostas em números ímpar (duas numa ponta do sofá e uma noutra, por exemplo) para conseguir um look descontraído. O estilo eclético define-se pela sua diversidade e excentricidade onde, aparentemente, nada combina – no caso das almofadas, pode perfeitamente escolher um grupo de cinco todas diferentes em termos de textura e padrões, mas faça questão de optar por uma cor que funcione como o elo de ligação.

4. No Verão opte por fronhas em tons mais claros e em tecidos frescos; no Inverno volte a colocar as fronhas em tons mais escuros e em tecidos quentes e aconchegantes. Da mesma forma que pode ter fronhas sazonais para a quadra natalícia ou pascal.

5. Evite combinar as cores das almofadas com a cor do objeto que adornam (cama, sofá, cadeira…), ou seja, prefira escolher tons complementares e que estejam presentes na restante paleta de cores do ambiente. Por exemplo: numa sala de estar dominada pelo laranja, bege e castanho chocolate, não faz muito sentido decorar com almofadas azuis.

6. Em espaços que foram decorados com uma paleta de cores neutra e/ou monocromática, não precisa mais do que uma mão cheia de almofadas numa cor sólida e dramática para dar um toque final exuberante.

7. Parece que falta algo de especial no quarto de dormir? Adicione à cama uma série de almofadas complementares em termos de cores, mas diferentes em termos de tamanhos. Conforto e aconchego instantâneo!

8. Não reserve as almofadas exclusivamente aos sofás ou às camas, escolhendo modelos de grandes dimensões para colocar no chão, num recanto junto à lareira, no quarto das crianças ou num nicho reservado à leitura no escritório.

9. As almofadas podem ser cobaias perfeitas para fazer o test-drive de uma nova cor em casa, ou seja, quer incluir o laranja ou o vermelho na sua decoração, mas não tem a certeza se vai gostar? Comece pelas almofadas: é uma opção segura e económica.

10. Seja criativo e utilize almofadas para decorar locais inesperados: colocadas sobre um banco na casa de banho, empilhadas no chão num recanto do corredor ou nas cadeiras da cozinha. Porque não?

11. Utilize as almofadas como obras de arte, adquirindo peças únicas, pintadas à mão, adornadas com lantejoulas, brilhantes, botões ou borlas; estampadas com ilustrações ou motivos originais.

12. Dê uma lufada de ar fresco no interior de casa com almofadas inspiradas na Mãe Natureza – cores terra (castanhos, verdes, laranjas, vermelhos e amarelos), sem esquecer os motivos florais e botânicos.

13. Leve as almofadas para a rua, utilizando-as para tornar ainda mais confortáveis os ambientes de exterior existentes nas varandas, terraços, jardins e pátios. As cores vibrantes animam qualquer espaço lá fora e, para um impacto ainda mais forte, escolha cores que não são habitualmente utilizadas no exterior – caso do branco, preto e cinza. A vantagem das almofadas é que as fronhas saem e podem ser facilmente lavadas!

MANTA-ALMOFADA

Almofadas

MATERIAL

4 m de flanela lisa azul marinho
Retalhos de flanela lisa e xadrez para o patchwork
2,5 m de manta acrílica

Esse material é para uma manta de 2,0 x 1,40 m.

MONTAGEM

Almofadas

1. Recorte 8 quadrados de 16,5 cm para os dois lados da almofada, de acordo com a composição do patchwork (para essa almofada foram 4 tiras lisas, 2 tiras no xadrez vermelho e 2 tiras no xadrez amarelo). Recorte também as bordas (tiras de 4,5 cm na largura do tecido).

Almofadas

2. Com a costura reta, una os dois quadrados superiores e os dois inferiores. Faça o mesmo para o outro lado.

Almofadas

3. Em seguida, una as duas tiras, acertando as costuras centrais. Passe com o ferro. Faça o mesmo para o outro lado e você terá dois quadrados grandes.

Almofadas

4. Comece a pregar as tiras laterais. Faça duas laterais paralelas primeiro e depois finalize com as tiras superior e inferior. Faça isso nos dois quadrados.

Almofadas

5. Repita o mesmo procedimento para cada uma das cores até chegar na última tira.

6. Una as duas partes, direito com direito, coloque a manta acrílica sob uma das partes e costure toda a volta, deixando uma abertura de 10 cm para virar e encher. Vire e arremate com pontos manuais. Passe com o ferro.

7. Inicie a montagem da manta. Dobre a flanela azul ao meio, direito com direito, e posicione a manta acrílica sob uma das partes. Costure toda a volta, deixando uma abertura de 15 cm para virar. Vire para o direito, arremate com pontos manuais e passe.

Almofadas

8. Posicione a almofada no centro de uma das laterais menor da manta como se fosse um bolso. Prenda com alfinetes ou alinhave as laterais e a parte inferior. Agora é só finalizar com uma costura reta. Quando for costurar as laterais, faça a costura reta em toda a manta para facilitar na hora de dobrar.

9. Está pronta uma manta quentinha e fácil de guardar!

Almofadas

Fonte: www.singer.com.br

 

Modelos

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Almofadas

AlmofadasAlmofadas

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Fonte: mulher.sapo.pt

 

Animar a sala de estar com almofadas coloridas jogadas para todos os lados pode ser uma forma de tirar a seriedade do cômodo, se for esta a idéia pode ficar legal.

Almofadas

Fonte: www.style.br

Almofadas

Almofadas decorativas

Uma boa decoração sempre tem foco nos pequenos detalhes.

Um bom exemplo disso são as almofadas, que deixam qualquer ambiente mais aconchegante, além de dar um toque de personalidade.

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Almofadas

AlmofadasAlmofadas

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Fonte: www.juliaseloti.com.br

Almofadas

Estampas, Cores e Estilos

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Fonte: decoracaodeaaz.com

Almofadas

Para relaxar, para receber ou simplesmente para escutar uma bela música enquanto folheia a revista preferida. Muitos acham que o living está diretamente ligado à descontração com elegância. Sóbrio, clássico ou contemporâneo, escolha o estilo que combina mais com o seu jeito de ser e ouse na decoração do estar.

Almofadas

Almofadas

Almofadas

Cores delimitam ambientes

O decorador Marcelo Moreira usou duas cores para criar ambientes diferentes nesta sala de estar, de 35 metros quadrados. Compôs o espaço junto à parede pintada de abricó com sofá revestido de seda rústica, tela do artista plástico Urbinati, duas poltronas modelo Romeo e mesa de centro com base de aço e tampo de vidro. Junto à parede pintada de cor areia, criou um canto especial com poltrona e banqueta Barcelona, revestida de couro italiano, e banco de madeira. Um aparador com tampo de vidro completa o espaço e faz dupla perfeita com o amplo espelho vertical.

Sofá e banco Valentim, Área Útil; poltronas, banco trama, tela e objetos, CasaStudio; mesa de centro, Artefacto; tapete, Empório Beraldin; parede abricó 6126-4, Tintas Internacional; parede areia S100, Suvinil.

Naturalmente clara

Almofadas

Além dos elementos nobres, como a madeira e o mármore, e da modernidade, a claridade é outro destaque do living criado pelo designer de interiores Francisco Cálio. As amplas janelas presentes no espaço receberam persianas translúcidas que garantem a utilização da luz natural na maior parte do dia, além de criarem uma gostosa atmosfera. À noite, a iluminação é garantida pelas lâmpadas dicróicas embutidas no gesso e pelo abajur que foi colocado na mesa entre os sofás. No piso, o mármore também clareia o ambiente e passa a sensação de amplitude. Em tons de verde, o sofá e a poltrona, ambos com design reto, foram decorados com almofadas quadradas e retangulares, criteriosamente revestidas de verde-claro e listras. Ao centro, a mesa confeccionada em madeira rústica e vidro acomoda livros e outros objetos de decoração. Nas laterais da mesa, dois pufes em tom neutro são mais um espaço para acomodar os convidados, proporcionando mais charme ao projeto. Ao fundo, o profissional criou uma sala de jantar e um espaço para leitura, composto por poltronas, tapete e um móvel baixo em laca branca e nichos.

Estofado e poltrona, Artefacto; abajures, Simone Figueiredo Luz; estante em laca, Cálio Design; esculturas, Anita Kauffman; almofadas, caixas antigas e vaso Napoleão, Maria Antonieta; persianas, Luxaflex; iluminação, Classic.

Mescla de estilos

Almofadas

A mistura do clássico com o contemporâneo marca presença no ambiente projetado pelos designers de interiores Joaquim Gomes, Simone Crespo e Noemi Penha. O sofá reto de veludo marrom e a mesa de centro com estrutura metálica e tampo de vidro dão um toque de modernidade ao espaço. As almofadas revestidas nos tons da decoração, como verde-escuro, creme e vinho quebram a sobriedade do sofá, mantendo sua elegância. Além das peças de antiquário que decoram a mesa central e a lateral, esculpidas em madeira, o tapete persa colocado sobre o piso de mármore crema marfil é outro detalhe clássico da sala de estar. O espelho ao fundo e o bambu mussô trouxeram leveza à decoração. Já a sanca de gesso sem excessos e a cortina de seda pura em tom neutro deixaram o estar ainda mais sofisticado.

Piso, Marmoraria Clodomar; móveis, Brentwood e Breton; cortinas, Empório Beraldin.

Espaço multifuncional

Almofadas

Para criar o home theater, os arquitetos Edinho Kosak e Fernanda Amaral tentaram aproveitar todas as áreas da melhor maneira possível. Uma das paredes recebeu um módulo central de imbuia e rodízios para acomodar a televisão e os equipamentos eletrônicos. Ao seu redor, uma estante em laca branca com nichos e armários, além de organizar as fitas, CDs e DVDs, é usada como bar e teve uma das partes transformada em um pequeno home office. A parede da janela ganhou cortina branca de voile. Do outro lado, foram colocadas diversas prateleiras com objetos de decoração, que melhoram a acústica da sala, já que paredes vazias aumentam o eco. O tapete neutro também auxilia na propagação do som e deixa a sala mais aconchegante. Para acomodar os usuários, duas chaise-longues no tom creme, que predomina na decoração. Para receber os controles remotos sem comprometer a área de circulação, a pequena mesinha ebanizada foi uma boa opção. A porta-camarão integrou totalmente a sala de estar ao home theater, possibilitando sessões de filme para mais pessoas.

Estante, porta-camarão e mesa de centro, Marcenaria Marupá; tapete, Cor e Forma; cortina, Cortinas Mared, cadeira, Tok & Stok; almofadas, La Provence; chaise-longues e almofadas, Empório Beraldin; telas, Patrícia Golombeck; banco, Erea; objetos de decoração, Cecília Dale, Arango e Tânia Bulhões; poltronas, Armando Cerello; iluminação, Laboratório da Luz; sofá, Tânia Bulhões; mesa lateral, Depósito São Martinho; baús chineses, Christie.

Couro, aço e madeira

Almofadas

Estes três elementos compõem os cerca de 38 metros quadrados deste ambiente criado pelas arquitetas Cristina Calumby e Isabel Gonçalves para a 12 a Mostra Artefacto São Paulo. Sobre a base branca formada pelo piso cerâmico e pelos estofados revestidos de couro, harmoniza-se o tom chocolate das paredes. Elas ressaltam o relevo Casulos, de I. Toledo, e a tela de Herton. O tom escuro de alguns móveis também ajuda a quebrar o branco. Como os tampos da mesa de centro croco e da mesa de jantar de bambu prensado pinhão. Ela foi usada como aparador e sustenta a escultura Roselinda, de S. Ebling.

Móveis, Artefacto; piso, Eliane Revestimentos; paredes ref. V 108, Tintas Suvinil; iluminação, Laboratório da Luz; objetos, Beto Altílio; relevo branco, Paulo Tarso, relevos Casulos, I. Toledo, tela, Herton; escultura de mármore, Horácio K., tudo Galeria Arte Aplicada; tapete, Santa Mônica; paisagismo, Verde Villa.

Formas geométricas

Almofadas

Neutralidade e figuras da geometria, como o quadrado e o círculo, estão no estar com TV projetada pela arquiteta Jóia Bergamo. A profissional optou por cores claras e por móveis pequenos, já que o espaço não era muito grande. O sofá de dois lugares foi composto com dois pufes de formas retas da mesma tonalidade e ganhou vida com as almofadas vermelhas. Sobre o tapete de fibra natural, a mesa redonda laqueada com tampo de vidro em meia-lua e a cadeira em couro vinho com estrutura cromada acomodam com praticidade os usuários. As persianas que fecham as amplas janelas deixam que a luz natural ilumine o espaço na medida certa. A estante da TV foi feita em laca branca sobre um painel de raiz composta e é dotada de inúmeros nichos para os aparelhos eletrônicos e objetos de decoração. O mesmo painel foi feito na lateral e decorado com prateleiras de vidro. Além das caixas de som embutidas no gesso, as laterais do sofá têm duas luminárias verticais e duas mesas em semicírculo.

Sofá, Roberto Bianco Interiores; estante, Gav Marcenaria; equipamento, Roberto Romeu; tapete, Rugs Collection; iluminação, La Lampe; tela, Arte Aplicada.

Vista para o paraíso

Almofadas

A privilegiada vista da paisagem carioca participa totalmente desta sala de estar assinada pelo arquiteto Maurício Nóbrega. Em cerca de 48 metros quadrados, amplas janelas trazem o mar para dentro de casa. Ela foi emoldurada por um domínio de cor branca, pontilhado de azuis e verdes em algumas paredes e tecidos. Os sofás de chenile cru, dispostos de frente para a estante de laca branca, foram complementados por poltronas e pufes. O piso foi revestido de mármore Boticcino Iraniano e recebeu tapete de seda.

Piso, Marmoraria Variant; estante, Serpa Móveis; sofás e poltronas, Artefacto; pufes, Oficina Inglesa; tecidos, Regatta Tecidos, Donatelli e Ipanema Kravet; tapete, Empório Beraldin; persianas, No Meio do Caminho; paredes na cor azul, ref. K013, Suvinil.

Almofadas

Azul entre couro e raízes

Almofadas

Nesta sala de estar, de 49 metros quadrados, assinada pelas arquitetas Ana Lucia Jucá e Beatriz Breves, duas paredes na cor azul foram suficientes para mudar o visual do espaço. A escultura de Juan Subustki, de pau-marfim, ganhou destaque junto dos estofados, todos brancos de couro e da mesa de centro de tampo de vidro, com formato irregular e base de raiz de jabuticabeira. O piso de tábua corrida ipê descolorido recebeu um amplo tapete de pêlo branco, integrando os dois ambientes. Luminária Arco e objetos de Murano completam com equilíbrio a decoração.

Almofadas

Sofás de couro, Forma; mesas, de centro de couro e imbuia e lateral, Finish; tapete, Empório Beraldin; mesa de centro irregular e escultura de parede, Juan Subustki, acervo dos proprietários; tela, Pietrina

Ocres e dourados

Almofadas

O arquiteto Rogério Menin mesclou o clássico com o contemporâneo para compor esta sala de estar, com cerca de 40 metros quadrados, localizada em Porto Alegre. Foram usadas cores neutras nos móveis e estofados, e o piso recebeu mármore Crema Marfil. Um aparador, desenhado pelo arquiteto, com estrutura cromada, prateleiras de vidro e iluminação adequada, foi criado para expor e valorizar a coleção de Murano. As peças foram adquiridas pelo proprietário em viagens ao exterior. Um amplo espelho reveste parte da parede, duplica as peças e ajuda a dar mais profundidade ao amplo espaço.

Almofadas

Piso, Marmogran; sofá com tecido da Formatex; poltronas, Imi-Modelato; pufes, Estofaria Carlos; mesas, Faro Design; espelho, Arte Vidro; tapete, Expresso do Oriente; luminárias, Di Luci Iluminação; tela, Galeria Modernidade; abajur e objetos, acervo do proprietário.

Neutros e laca branca

Almofadas

A estante com marcenaria de boa qualidade foi reaproveitada após a reforma deste ambiente, com cerca de 39 metros quadrados, projeto pela decoradora Teresinha Nigri. De laca branca, a estante recebeu módulos fechados na parte inferior. Sofás em módulos contornam a ampla mesa de centro, em forma de L, onde se encaixam dois pufes de couro branco. Tons suaves aparecem nas cortinas e no tapete de buclê com borda de couro e são acompanhados pela tela de Patrícia Golombeck.

Almofadas

Sofás, Arredamanto; mesa em L e reforma estante, Tora Tora Movelaria; mesa lateral, Interni; pufe e cortina, Casarão Decorações com tecido, Empório Beraldin; tapete, Santa Mônica; abajur, Simone Figueiredo; objetos, Cecília Dale e Tânia Bulhões Home; iluminação Wall Lamps; televisor, Sony.

Atmosfera renovada

Almofadas

A proposta deste projeto, de 28 metros quadrados, foi modernizar o ambiente sem quebra-quebras. Por isso, a decoradora Vanessa Borges escureceu o piso, escolheu a cor laranja para pintar uma das paredes e destacar a estante que abriga o aparelho de televisão e os outros eletrônicos. As pesadas cortinas foram substituídas por outras de tecido mais leve e ficam junto da tela de Gonçalo Ivo.
Os móveis clássicos foram trocados, mantendo-se apenas as mesas laterais. Com isso, o espaço tornou-se mais amplo e harmonioso.

Almofadas

Estante, sofás, chaise e espelho, Artefacto; cortinas de linho, Ipanema 2000; tecidos, Espaço Multi e Empório Beraldin; tela, Arte em Dobro; mesa Saarinen, Forma; parede laranja, ref. L096, Suvinil; iluminação, La Lampe; aparelho de televisão, Sony.

Tons neutros no espaço contemporâneo

Almofadas

Esta sala de jantar, de aproximadamente 12,50 metros quadrados, é assinada pela designer de interiores Carolina Szabó. O espaço reúne móveis atuais em um ambiente bem iluminado, com boa circulação e tons neutros. A mesa com base de aço inox e imbuia possui tampo de vidro e é acompanhada por cadeiras de espaldar alto de palhinha tingida e assento com capas de tecido cru. A tela de Siron Franco, acima do aparador, ganha destaque com as luminárias verticais.

Mesa e cadeiras, Arredamento; aparador, Érea; tapete, Cor e Forma; persianas, DMS Persianas; iluminação, Bellight.

Contemporânea e clean

Almofadas

Esta sala de jantar, criada pelo arquiteto Jeferson Bunder é um ambiente arrojado e clean. O profissional abusou de materiais modernos, como o vidro e o cromado, que aparecem na mesa de oito lugares. Para compor, Jeferson escolheu cadeiras também com corpo cromado, design diferenciado e assento em couro branco. O lustre com cúpula jateada e a grande tela pintada pelo artista Odamar Versolatto contribuem para o visual contemporâneo do espaço. Próximo à janela, o aparador segue o mesmo desenho dos outros móveis e acomoda, além do abajur laranja, garrafas e um vaso de vidro com esferas coloridas do mesmo material. Ao lado, um vaso de palmeira proporciona mais vida à sala.

Piso, Garbarino Mármores e Granitos; iluminação, Iriê Lustres; tela, Odamar Versolatto; móveis, Breton; acessórios, Benedixt.

Cristal e madeira

Almofadas

O contraste entre os elementos ficou muito harmonioso na sala projetada pela arquiteta Ligia Resstom. O lustre de cristal, mais clássico, sofisticou o espaço e ainda compôs com a mesa com tampo de vidro e base em imbuia. As cortinas de microsseda e voile abóbora queimado criam uma bela iluminação durante o dia e deixam o espaço sóbrio à noite. Ao fundo, foi colocado um aparador de madeira com pés cromados para receber pratos e bebidas durante os jantares ou objetos de decoração quando a sala não estiver sendo utilizada. Atrás do móvel, um espelho que amplia o espaço, deixando-o mais leve. Já o piso de mármore pighes trouxe mais sofisticação ao ambiente.

Cortina, Formatex; espelho, IV Centenário; piso, Delta Mármores, lustre Dominici, mesas e cadeiras já pertenciam a casa.

Fonte: www.casaeambiente.com.br

Almofadas

Em decoração, almofadas são assunto importante. Elas arrematam a ambientação com um toque de cor, classe ou alegria. Dão personalidade à casa.

Brinque com elas:

Almofadas
Caravan, de algodão e feltro com bordados

Almofadas
Flocos, de veludo e linho

Almofadas
Almofada com patchwork de algodão

Almofadas
Almofada Bolas, com aplicação de cortes a laser, feita de linho e poliéster

Almofadas
Modelo de seda com estampa de correntes

Almofadas
Pirâmide, feita de tricô de algodão com acrílico

Almofadas
Balada, de algodão com estampa de caveiras

Almofadas
Almofada com estampa de flores, de jacquard com veludo

Almofadas
Frida Kahlo, de algodão com estampa em silk

Almofadas
Mikonos, de linho

Almofadas
Kevin Obrien, de veludo importado

Almofadas
Glass, com apliques cortados a laser, de poliéster

Almofadas
Almofada com efeito casa de abelha, de veludo importado

Almofadas
Exemplar de algodão

Almofadas
Folhine 40, de algodão bordado

Fonte: revistacasaejardim.globo.com

Almofadas

Almofadas
Henri de Toulouse-Lautrec, Au lit, 1892.

Uma almofada é um artigo de utilidade doméstica utilizado para dar apoio às costas em adição aos sofás, suporte para os pés, pernas, cabeça etc.

No Brasil, a variação da almofada usada para apoiar a cabeça para dormir é o travesseiro, enquanto em Portugal usa-se o termo almofada para a almofada pequena (Geralmente em cama de solteiro) e o travesseiro é uma almofada grande, comprida, geralmente usada em camas de casal.

Composição

Uma almofada é basicamente composta de uma capa de tecido que reveste um interior de material macio, geralmente penas, painas, ou algum material sintético. As almofadas antigamente eram costuradas, porém atualmente existem almofadas com fecho de zíper, botões ou velcro, o que facilita a manutenção de seu revestimento,almofada vem do latim de Al+mohada.

Almofadas
Almofadas

Tipos

As almofadas, são utilizadas principalmente para dar conforto ao corpo, porém muitas delas assumem um caráter decorativo, com estampas, cores e formatos dos mais diversos tipos. Também existem almofadas utilizadas como assento em diversas culturas. Um exemplo típico é o Puffe.

Fonte: pt.wikipedia.org

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal