Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Tigre de Bengala  Voltar

Tigre de Bengala

Ordem: Carnívoro

Família: Felinos

Género: Pantera

Espécie: Panthera tigris tigris

Estatísticas

Estado: Em vias de extinção

Unidade Social: Individual

Comprimento: 1.4m a 2.8m

Cauda: 60cm a 1m

Altura dos Quartos: 90cm a 1m

Peso: Até 220kg

Maturidade Sexual: Fêmea: 3-4 anos;Macho: 4-5 anos

Época de Acasalamento: Novembro a Abril

Período de Gestação: 95 a 112 dias

Número de Crias: 2 a 4

Intervalo de Procriação: 2 anos a 2 anos e meio

Dieta: Veado, búfalo, javali, gauro e macaco

Longevidade: Até 26 anos em liberdade

Onde posso encontrar?

Grande parte dos tigres de Bengala vivem na Índia, e alguns em Bangladesh, Nepal, Butão e Burma.

Habitat Natural: Floresta conífera(incluindo bosques);Floresta tropical;Montanhas, terras-altas, ladeiras rochosas;Mangues, acima ou abaixo da linha da água.

Fonte: pt.wikibooks.org

Tigre de Bengala

Tigre de Bengala
Tigre de Bengala

Tigre de Bengala
Tigre de Bengala

Características

O Tigre-Siberiano é um caçador solitário e noturno, que pode percorrer distâncias de 10 a 20 km numa só noite. O tigre vive em média 20 anos, sendo que o macho vive menos que a fêmea, por estarem sempre em confronto com outros machos por causa das presas. Pesa 300 kg, 1 metro de altura e 3 metros de comprimento (sendo 80 cm de cauda). Na ordem dos carnívoros, o único animal que o ultrapassa em tamanho é o urso.

Originário da Sibéria oriental, há 20 ou 30 mil anos anos, partiu para a conquista do vasto território que hoje ocupa no continente asiático. Corre em uma velocidade de até 80 km/h e pode saltar a uma altura de 5 a 6 metros; contudo, não é capaz de escalar árvores.

Seu sentido mais aguçado é a audição. A vista é tão fraca que não distingue, além de cem passos; o olfato praticamente inexiste. Caça à noite ou ao amanhecer, o resto do tempo é para dormir. Geralmente não atacam o homem, os que o fazem, são animais velhos ou doentes.

Alimentação

O tigre vive em stepes geladas, florestas úmidas e bosques. Devido à vasta distribuição geográfica, a alimentação do tigre é muito variada. Em geral devora cervos e suídeos, mas quando estes faltam, alimenta-se até de ursos, na Sibéria, e bovinos, na Índia e Indonésia.

O matador

Graças à camuflagem proporcionada pela coloração e pelo desenho de sua pelagem, que confunde a linha do contorno do seu corpo contra a vegetação, o tigre pode aproximar-se de sua presa sem ser percebido.

Quando está a 20 m de distância, o tigre se abaixa e depois de caminhar quase se arrastando pelo solo durante um trecho, salta para a frente, tratando de morder o pescoço de sua vítima enquanto a imobiliza pelos ombros ou pelas costas.

Somente 5% dos ataques do tigre têm êxito. O tigre mata, em média, entre 40 e 50 presas durante um ano, o que equivale a uma a cada oito dias. No caso dos tigres com crias, às quais têm de alimentar, o tempo dedicado à caça é maior.

De músculos fortes e elásticos, o tigre é capaz de matar um búfalo com uma patada e, aferrando-o com as presas, arrastá-lo por centenas de metros.

Reprodução e gestação

As fêmeas dos tigres atraem seus parceiros emitindo um rugido. O namoro entre eles nem sempre é violento e, às vezes, pode assumir uma forma muito carinhosa .

A gestação dura de 103 a 105 dias, podendo nascer 2 ou 3 filhotes por vez. Apenas a fêmea cuida dos filhotes depois que eles nascem, mas se, por ventura, um macho adulto que acabou de abater sua caça se encontrar com alguns filhotes, mesmo que não sejam seus, ele deixa a cria comer sua caça.

Espécies

Vive na Ásia e a espécie é dividida em duas subespécies principais, o Tigre-da-Sibéria, que recebe o nome científico de Panthera tigris altaicae, e o Tigre-de-Bengala, que é classificado como Panthera tigris tigris.

Na foto abaixo, quatro filhotes de tigre descansam no zoológico Nandan Kanan, na cidade indiana de Bhubaneswar. O governo local anunciou a construção de um segundo zôo que receberá 27 tigres e leões africanos que haviam sido transferidos para Andhra Pradesh. A população de tigres indianos diminuiu de 4.300 para 3.500 nos últimos 11 anos. Entre 200 e 300 tigres são mortos por ano na Índia.

Tigres do zoológico Nandan Kanan

Caça

Com seu porte altivo, solto pela floresta, farejando uma presa com suas artimanhas de caçador ou defendendo seu território, o tigre parece uma fera invencível. Mas nos últimos duzentos anos ele foi caçado até ser praticamente eliminado das selvas. Hoje está entre os animais com maior risco de extinção.

Embora possam viver em climas e ambientes variados, os tigres não conseguem conviver com o ser humano. Tantos foram os tigres abatidos pelo homem, que duas subespécies já foram extintas: o Tigre-do-Cáspio e o Tigre-de-Bali. Ao todo restam cerca de cinco mil espécies.

Tigre Branco

O tigre tem o corpo coberto por uma pelagem característica, laranja com faixas escuras. O ventre é mais claro, às vezes branco. Os tigres brancos são mais ou menos albinos, misturam o preto com o branco.

Pré-História

O Tigre-Dente-de-Sabre ou Machairodus era um dos mamíferos mais terríveis do Pleistoceno. Os dentes caninos de seu maxilar superior eram muito grandes e aguçados - até 20 cm de comprimento - e com forma de sabre. Isso lhe dava coragem de atacar e matar os grandes mamíferos herbívoros da época, como o mamute e o mastodonte. Foram encontrados fósseis dele no Brasil, devido a migração desses animais.

Classificação científica

Reino - Animal
Sub-Reino - Metazoários
Filo - Cordados
Classe - Mamíferos
Ordem - Carnívoros.
Família - Felídeos
Gênero - Panthera
Espécie - Tigris

Fonte: webciencia.com

Tigre de Bengala

Tigre de Bengala
Tigre de Bengala

Nome popular: Tigre

Nome Científico: Panthera tigris

Distribuição geográfica: China, Índia, Sumatra, Java e Bali

Habitat natural: Florestas temperadas e frias. Ele surgiu originalmente na Sibéria

Hábitos alimentares: Come animais - leopardos, crocodilos, tartarugas, peixes, outros tigres. Pode comer os homens, também

Tamanho: De 1,42 a 2,60 metros de comprimento, incluindo a cauda, que pode ter mais de 1 metro

Peso: Pesa cerca de 200 quilos

Período de gestação: 100 a 108 dias

Filhotes

Nascem pesando no máximo um quilo. A fêmea tem de um a quatro filhotes a cada ninhada, com intervalos de três anos. Os filhotes ficam sob os cuidados da mãe até completarem 3 anos. Apenas a fêmea cuida dos filhotes

Tempo médio de vida: 20 anos. Os machos costumam morrer mais rápido que as fêmeas

Contra a extinção

Algumas subespécies, como o Tigre-de-bengala (Panthera tigris tigris), ainda são bastante comuns. O Tigre-do-cáspio (Panthera tigris virgata) e o Tigre-de-java (Panthera tigris sondaica) já foram extintos. Outros correm o risco de extinção. entre eles estão o Tigre-da-china (Panthera tigris amoyensis), Tigre-da-sibéria (Panthera tigris altaica) e o Tigre-de-sumatra (Panthera tigris sumatra)

Curiosidades

Os tigres conseguem saltar 9 metros de distância e 5 metros de altura.

Eles costumam temer os seres humanos, de tanto que já foram caçados por pessoas.

Os tigres são bons nadadores - já chegaram a percorrer mais de cinco quilômetros nas águas.

Nenhum tigre tem as listras dos pêlos igual a outro. Elas correspondem às impressões digitais dos seres humanos: servem para diferenciar um animal do outro.

Fonte: www.terra.com.br

Tigre de Bengala

Nome Científico: Panthera tigris.

Nome em Alemão: Tiger.

Nome em Bengali: Bagh.

Nome em Chinês: Lau hu.

Nome em Espanhol: Tigre.

Nome em Francês: Tigre.

Nome em Hindi: Bagh.

Nome em Inglês: Tiger.

Nome em Português: Tigre.

Nome em Russo: Tigr.

Nome em Tailandês: Seua.

Nome em Tibetano: Tag.

Na Indonésia o Tigre é conhecido como Rimau.

Na Malásia o Tigre é conhecido como Harimau.

No Irã o Tigre é conhecido como Babr.

Em Laos o Tigre é conhecidocomo Sua khong ou Sua lay.

Em Udege, região russa próxima do rio Amur, o Tigre é conhecido como Amba darla.

Fonte: br.geocities.com.br

Tigre de Bengala

Tigre de Bengala
Tigre de Bengala

O Tigre é o maior dos felídeos e evidencia-se pelo raiado negro ou pardo-escuro da sua pele. Esta cobertura raiada é uma adaptação relacionada com a predação em espaços mais ou menos cobertos. Os Tigres são animais originários da Sibéria, de onde irradiaram até atingir as zonas mais meridionais da Ásia tropical.

Tamanho

O macho chega a medir 2 metros de comprimento (sem a cauda, que mede 1 m). A fêmea, não costuma ultrapassar 1,7 m. De altura, têm entre 90 a 100 cm. O macho pesa em média 190 quilos (podendo chegar até 300 quilos) e a fêmea pesa cerca de 150 quilos.

Distribuição

Ásia (das neves da Sibéria às quentes selvas da Índia, passando pela Indochina, Birmânia, Sumatra, Bornéu, Java, Bali, Turquia e Cáucaso).

Habitat

Zonas arborizadas salpicadas de clareiras, florestas húmidas, bosques e estepes geladas.

Alimentação

A sua alimentação carnívora é à base de herbívoros desde os javalis aos búfalos, passando por cervos e antílopes. Alguns Tigres caçam filhotes de elefantes, também comem aves, símios, tartarugas e sapos. Os tigres gostam especialmente de porcos-espinhos, mas os espinhos destes às vezes cravam-se no corpo do Tigre, causando ferimentos dolorosos.

Reprodução

O acasalamento ocorre em qualquer época do ano, dependendo do local onde vivem os animais, e o período de gestação dura de 15 a 16 meses.

Os Tigres entram no período do cio em qualquer época do ano na Índia, de Novembro a Março na Malásia, no mês de Dezembro na Manchúria e entre Março e Junho na zona de Ussuri. A ninhada é geralmente de três ou quatro crias. As crias, ao nascer, são cegas, pesam entre 1 e 1,5 quilos e apresentam o raiado característico. São amamentadas durante um mês e meio e abrem os olhos aos 14 dias. As crias mantêm-se com a mãe, que cuida deles até aos dois anos. Os juvenis com 6 meses têm o tamanho de um cão e com um ano o tamanho de um leopardo. Atingem a idade da procriação aos três anos.

Status

Globalmente ameaçado de Extinção.

A maior ameaça para os Tigres não parte dos caçadores, mas sim dos agricultores, já que cada vez se desbastam maiores áreas de selva para as converter em terras de cultivo, o que deixa os Tigres sem um lugar para viver.

Fora da Índia e dos grandes parques russos, os Tigres são uma espécie ameaçada. Das oito subespécies (subdivisões da espécie) de Tigres que existiam, já só há cinco, porque as outras três já desapareceram devido à acção do Homem.

Classificação

Reino - Animalia

Filo - Chordata

SubFilo - Vertebrata

Classe - Mammalia

Ordem - Carnívora

Familia - Felidae

Género - Panthera

Espécies - Tigris

Descrição geral

A pelagem do Tigre tem como cor de fundo o amarelo acastanhado, que pode variar até o tijolo, com listras pretas que variam muito de comprimento, largura e espaçamento. A pelagem listrada ajuda o Tigre a desenvolver uma espécie de invisíbilidade, que ajuda muito na caça. Existem Tigres em que a cor de fundo é branca. A pelagem da garganta, barriga e parte é esbranquiçada. Os Tigres da Manchúria, onde o Inverno é muito frio, tem a pelagem longa e felpuda. Muitos Tigres tem um colar ao redor da cabeça, mas esses pelos não são tão longos quanto a juba do Leão. O Tigre possui garras fortes, dentes afiados e enfrenta qualquer animal.

Tempo de Vida: 20 anos

INIMIGOS: Humanos

Relação com os Humanos: os Tigres não conseguem conviver com o ser humano - O Tigre foi sempre perseguido pelo homem, já que devora animais domésticos e, por vezes, mesmo pessoas.

É o maior felino, mesmo velho, fraco e ferido poderá atacar o homem.

O Tigre difere do Leão pelas litras e pela pelagem mais colorida. Mas as duas espécies tem o corpo parecidos. Tigres e Leões tem-se acasalado nos Jardins Zoológicos, tendo obtido grande êxito nos Estados Unidos: a cria é um belo animal, sendo o macho provido com uma pequena juba, pelagem acastanhada para o alaranjado e poucas listras; a fêmea difere por não ter a pequena juba.

O Tigre é um animal solitário: raramente é visto em companhia de outro Tigre, somente no caso da fêmea estar no cio, o Tigre macho se torna companheiro da fêmea, só não garante fidelidade a ela, pois o macho cumpre à risca as suas leis territoriais, fazendo suas companheiras todas as fêmeas do seu território. Já a fêmea e seus filhotes ficam juntos mais ou menos um ano e meio. Neste espaço de tempo, a mãe dedicada cuida da sua cria, alimenta-a, ensina-a a caçar e até toma iniciativa nas suas brincadeiras.

CURIOSIDADES SOBRE O TIGRE:

O maior Tigre encontrado até hoje foi um Tigre-da-Sibéria com 2,60 metros de comprimento e 320 quilos de peso.

A única maneira de saber se um Tigre é macho ou fêmea é pela companhia ds filhotes, já que é a penas a fêmea que cuida da cria.

Os dentes caninos dos Tigres são maiores que os de qualquer outro predador, sendo, por exemplo, no mínimo dez vezes mais compridos que o maior dente de um homem.

As listras da cara do Tigre são como a impressão digital de uma pessoa. Não há duas pessoas com a mesma impressão, assim como não há dois Tigres com o mesmo padrão de listras.

O Tigre consegue saltar 9 metros de distância em superfícies planas e quase 5 metros de altura.

Com todo seu peso e tamanho o Tigre é capaz de se locomover com extrema graça e elegância e sem fazer o menor ruído.

Os Tigres são suficientemente fortes para arrastar grandes presas por longas distâncias. Um único Tigre, por exemplo, pode puxar um búfalo-indiano que pesa cerca de 900 quilos. Para locomover um peso tão grande seriam necessários cerca de 14 homens fortes.

Quando faminto um Tigre grande pode comer até 45 quilos de carne em uma só refeição. Isso equivale a 1/5 do seu próprio peso.

Os Tigres são animais misteriósos e, possuem códigos prórpios e inúmeras maneiras de se comunicarem entre si, por exemplo, eles tem a mania de arranhar arvores e deixar a marca de suas garras.

Os maiores Tigres têm pêlos mais espesso e vivem nas partes mais frias da Sibéria.

Os Tigres da selva são sensíveis ao calor e usam a água para refrescar-se. São óptimos nadadores e já houve casos de Tigres nadarem mais de 5 quilometros.

Tigre-de-Bengala (Panthera tigris tigris) 158 - 211 cm

Actualmente, o tigre-de-bengala é a espécie mais comum. Existem no mundo cerca de 2.500 tigres-de-bengala, a maioria deles vivendo na Índia.

Tigre-do-Cáspio - EXTINTO - (Panthera tigris virgata) 158 - 201 cm

Viveu nas florestas da Mongolia, Irão e Turquia. Foi o único Tigre que habitou o Médio Oriente. Era ligeiramente menor e mais escuro do que o Tigre-de-Bengala.

Provavelmente foi extinto em 1950.

O tigre-da-china vive em diversas regiões do país que lhe dá o nome mas, actualmente, não existe mais do que 100 animais desta espécie em todo aquele território.

O tigre-da-sibéria é o maior de todos os tigres actuais. Abrigado por uma espessa pelagem, ele enfrenta o clima gelado daquela região.A cor clara de seu pêlo o confunde com a neve e permite qhe ele se aprosime da presa sem ser perseguido. Existem hoje cerca de duzentos desses animais vivendo em liberdade.

Tigre-de-Sumatra (Panthera tigris sumatrae) 142 a 173 cm e o Tigre-de-Java - EXTINTO - (Panthera tigris sondaica) - vivem em ilhas cobertas por densas florestas tropicais, no sul da Ásia. Para correr e se esconder com mais facilidade, esses animais são favorecidos por um porte menor do que o comum. Ainda assim, existem tigres no continente asiático.
Foi visto pela última vez em 1972.

Tigre-de-Bali - EXTINTO - (Panthera tigris balica) - viveram na pequena ilha de Bali, na Indonésia. Eram do tamanho do Tigre-de-Sumatra.
O último Tigre, acredita-se que tenha sido morto em 1937.

Tigre-da-Indochina (Panthera tigris corbetti) 222 a 246 cm - é encontrado principalmente na Tailândia e também no Sul da China, Cambodia, Laos, Vietnam, e parte da Malásia. Estima-se que existam de 1050 a 1750 destes tigres vivendo em liberdade, e 60 vivendo em zoológicos da Ásia e dos Estados Unidos.

Fonte: animais.com.sapo.pt

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal