Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Começando Do Jeito Certo  Voltar

Começando do Jeito Certo

Se, no ano passado, seu filho não teve um bom desempenho na escola, saiba desde já o que você pode fazer para que este ano seja bem melhor!

Começando do Jeito Certo-Ele não estudou para as provas, fez os trabalhos de qualquer jeito, copiou as lições de casa dos coleguinhas minutos antes da professora entrar na sala de aula e não leu nenhum dos livros pedidos. O resultado não poderia ser diferente: notas ruins e baixo aproveitamento do conteúdo ensinado. Apesar disso tudo, ele conseguiu passar de ano, mas... e na série seguinte, será que esse "desastre" vai se repetir?

Antes de ficar se lamentando e achando que seu filho é "burro" ou "preguiçoso", saiba que o que faz um bom aluno é interesse e organização. Interesse em aprender, ler, buscar informações e respostas. E organização para saber como fazer tudo isso, para estudar da forma correta, pesquisar e cumprir prazos. No livro "Criança nota10", lançado no Brasil pela editora Publifolha, o educador norte-americano Robert D. Ramsey, dá 365 dicas para os pais incentivarem seus filhos na escola.

Ao ler o livro, fica claro que a postura dos pais diante do estudo e da busca por conhecimento faz muita diferença. Os pais devem estar presentes na vida escolar de seus filhos, ajudando-os a fixar metas, a se organizar, valorizando suas conquistas e ensinando-os como tirar proveito das derrotas. E, é claro, devem dar o exemplo, demonstrando responsabilidade em suas próprias tarefas e interesse em aprender também. Leia, a seguir, algumas das dicas do livro e boa sorte!

Nunca elogie a mediocridade. O elogio gratuito desvaloriza o que tem mérito. Elogie os esforços e as conquistas bem-feitas.

Sempre encare um grande esforço como um bom desempenho

Saiba que as crianças aprendem brincando. Incentive as brincadeiras criativas. Essa é uma maneira de as crianças se prepararem para a escola e para a vida.

Incentive pensamentos discordantes, fazendo perguntas provocantes, como: "Tem outro jeito de fazer isso?" ou "E no que mais você pensou?"

Dê alguma responsabilidade para cada filho, dentro de casa. Eles vão gostar e se acostumarão com os deveres. E, mais tarde, você verá os resultados disso nas tarefas escolares.

Deixe que seus filhos vejam você lendo ou estudando em casa. Isso faz o aprendizado parecer algo natural no decorrer da vida.

Pesquisas mostram que as crianças que tomam café da manhã têm notas mais altas, têm baixo índice de faltas, são menos deprimidas ou ansiosas e não costumam ficar hiperativas.

Para criar crianças responsáveis, você mesmo tem de dar exemplos de comportamento responsável, como, por exemplo, chegar no horário para deixar e buscar seus filhos na escola.

Mostre a seus filhos como tirar proveito dos erros cometidos. Descobrir o que deu errado e corrigir uma maneira inteligente de enfrentar a vida. Os erros podem ser transformados em ótimos instrumentos a nosso favor, quando utilizados corretamente.

Transmita às crianças a força das metas estabelecidas. Fixar metas é uma habilidade que poderá mudar a vida de seus filhos.

Ajude as crianças a estabelecer prioridades, facilitando o modo como têm de lidar com as muitas exigências escolares, extracurriculares, sociais, etc.

Nunca obrigue seu filho a fazer lição de casa como um castigo. Essa atividade deve ser uma oportunidade para aprender, nunca uma punição.

Nunca se valha da humilhação, para fazer seu filho estudar mais. Os resultados serão muito melhores se você demonstrar respeito pela criança.

Disponha-se a escutar o que seus filhos contam sobre o que aconteceu na escola, naquele dia. Quando as crianças são interrompidas, ficam pensando que aquilo que fazem não têm importância.

Ajude seus filhos a entenderem que o momento de começar a estudar para uma prova não é na véspera.

Fonte: www.clicfilhos.com.br

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal