Facebook do Portal São Francisco
Google+
+ circle
Home   Voltar

Terapia Quântica

A PNL (programação neurolinguística) é uma técnica que permite desvendar como o cérebro funciona e também corrigir eventuais distorções que tenham ocorrido desde a tenra infância.

Todas as ciências da mente informam que as nossas crenças e padrões de comportamento se forma no período de gestação até 7 anos de idade, quando não temos ainda o consciente funcionando para filtrar todas as informações recebidas no dia a dia, desta forma tudo que acontece com a criança é permanentemente registrado e servirá de base para a formação da personalidade da pessoa.

Bem, se sabemos disso, então a conclusão é que para se modificar um comportamento teremos que mudar o programa original que o gerou. A utilização do entendimento racional dos fatos acontecidos faz com que a pessoa possa conviver com a dificuldade, e com isto melhorar a qualidade de vida. Mas a semente esta plantada e continua forte, para resolver a questão de forma definitiva precisamos retirar o mal pela raiz.

A Terapia Quântica utiliza alguns procedimentos da PNL para efetuar uma regressão de memória até o evento original da sensação negativa que a pessoa possa estar manifestando. Desta forma, após identificado o evento, podemos resignificá-lo de forma positiva e ecológica, o que gera uma mudança de comportamento permanente e imediata.

Por outro lado, muitos dos comportamentos são decorrentes de mudanças energéticas no corpo, o que faz com que determinados procedimentos que funcionaram bem em uma pessoa não funcione com outra, para estes casos a Terapia Quântica tem como instrumento de trabalho o Laser Quântico, que é um aparelho composto de cristais especialmente combinados para efetuar uma limpeza profunda em todos os níveis auricos do ser. Esta limpeza inclui a eliminação de obsessores espirituais, miasmas, implantes negativos (Chips), desbloquear meridianos, desbloqueio da coluna vertebral, traumas energéticos, realinhamento dos chacras e de todos os corpos auricos etc..., podendo em alguns casos ser necessário um procedimento de limpeza na residência ou empresa da pessoa, para que tudo volte a normalidade.

Uma jovem que chorava diariamente durante 20 anos, devido a depressão profunda, após a segunda consulta relata que nunca mais teve as crises de depressão. Outro caso de dores na coluna devido à anestesia durante o parto da filha de 18 anos relata que apenas uma aplicação do Laser quântico, deixou de sentir as dores que a acompanharam durante tantos anos, e que os médicos disseram que ela sentiria dores pelo resto da vida. Em outro atendimento a pessoa não conseguia dirigir devido ao medo de acidente com o carro, em apenas duas consultas o medo tinha desaparecido e ela retornou ao volante, feliz porque não mais teria que depender de outros para realizar suas obrigações.

Bem os relatos são muitos e diários, vale lembrar agora é que existem alternativas, basta procurá-las fora do lugar comum, fora dos paradigmas da medicina e psicologia atual.

Portanto se você esta sofrendo ou alguém que lhe é caro esta sofrendo, permita que as novas tecnologias possam ajudá-lo. O processo terapêutico é extremamente rápido indo até 10 consultas para os aspectos emocionais, e para os aspectos físicos dependerá de cada caso.

Fonte: planetanatural.com.br

Terapia Quântica

A medicina quântica consiste em fazer a ponte entre os princípios íntegros da medicina tradicional chinesa e os conceitos da física Quântica moderna.

Apenas hoje, mais de cem anos depois da descoberta da quantidade activa h(1) por Max Planck, os conhecimentos da física quântica começam a influir frutíferamente na medicina também e, que exactamente os assim chamados quantuns energéticos que actuam sobre o metabolismo, dirigem a matéria e os processos biológicos no corpo, podem ser definidos primariamente mediante estes quantuns energéticos que actuam sobre o metabolismo. Isto, sem dúvida alguma, leva consequências importantes para o tratamento.

Uma noção nova na ciência é a assim chamada medicina quântica. Ela surge no final dos anos 80 e sua origem está na Rússia de hoje. A medicina quântica parte do conceito que cada doença, muito tempo antes de ser diagnosticada mediante a medicina convencional, baseia-se no desequilíbrio do nível informativo e das correntes de energia no corpo humano, nos assim chamados meridianos enérgicos.

As células do corpo estão compostas por um núcleo atómico e electrões e como se compusessem uma central eléctrica comum com um sistema bioeléctrico circular central que não depende do sistema nervoso central. Se este sistema se altera, chega-se a mudanças morfológicas na célula e, por consequência, a doença ou dano contínuo do órgão afectado ou os órgãos afectados. Quando se cria novamente o potencial enérgico da célula, a “central eléctrica Homem” está em equilíbrio de novo. A doença e a dor desaparecem.

A teoria do campo quântico mostra que o cosmos e o homem consistem em sua grande parte de quantuns energéticos. Estes quantuns que influem sobre o metabolismo são SUPERIORES à matéria e por isso, adaptam-se MELHOR à terapia das substâncias materiais.

A medicina chinesa como exemplo de terapia quântica

E assim, nós temos necessidade de novos conceitos na medicina, de um sistema que define de novo as causas da doença. A medicina quântica reúne os princípios físicos mais modernos com os sistemas milenares naturais de tratamento. É um conjunto de ciências, meios e métodos que se baseia no uso de irradiações electromagnéticas, processos quânticos e qualidades da onda e da informação da matéria viva.

Dito com palavras mais simples: com a ajuda da irradiação electromagnética correcta o homem é são novamente por uma via natural.

A essência da doença não é nova, é conhecida desde a antiguidade. A medicina quântica tem como base a medicina chinesa tradicional. Que faz mais de 6000 anos, a doença foi interpretada como presença de informação errónea. Isto manifesta-se através do desequilíbrio da energia, de Chi. Os médicos chineses tinham como fim a ideia de fazer as energias bloqueadas e desiguais fluir e harmonizar-se. O método mais famoso no Ocidente, mas claro não o único, é a acupunctura.

A medicina chinesa divide o corpo humano em três sistemas: 1. Nível informativo 2. Nível energético 3. Nível somático

Antes que o homem adoeça a nível do corpo (somático), adoece-se primeiro aos primeiros dois níveis. E assim, é válido concentrar esforços nos níveis energético e informativos, para que o corpo humano fique são. A missão dos médicos chineses reza o seguinte: Põe o Chi do homem em equilíbrio. Os médicos da China Antiga foram remunerados para que as pessoas não adoecessem fisicamente. Todos os seus conhecimentos e o seu entendimento estavam dirigidos para o diagnóstico e a terapia das correntes energéticas no corpo. Se um homem adoecia, o médico fracassava porque não tinha podido cumprir com sua tarefa principal.

O NOME DO MÓDULO: UNIVERSUM

Terapia Quântica

A CAUSA DAS DOENÇAS

A tarefa principal da medicina chinesa consistia em diagnosticar a energia da vida no corpo e através de terapias adequadas a devolvê-la na corrente e no equilíbrio. Nisto consiste a tarefa da medicina quântica: cada função normal e sã do corpo supõe a presença de suficiente energia e de informação correcta. A doença interpreta-se como a penetração de um factor forte de tipo alheio na estrutura informativo-enérgica do corpo. No grupo dos factores que rompem o “lar energético” entram cargas como utensílios electrodomésticos, telefones celulares e linhas de alta tensão próximas. Nestas cargas contínuas criadas pela irradiação, a medicina quântica vê a causa efectiva das doenças.

Fundação da Associação de Medicina Quântica

A Associação de medicina quântica surge em Moscovo na época do desarmamento mútuo do Leste e do Ocidente. Gorbachov, os Estados Unidos e a OTAN assinaram os contratos START. No Instituto de investigações da energia em Moscovo que se ocupava da técnica civil e estratégica dos voos cósmicos, cientistas estiveram sob o perigo do desemprego. Eles reuniram-se com fim a concentrar o seu trabalho e investigação ao tratamento de pessoas doentes e a mantê-las sãs. A assim surgiu a empresa que hoje se conhece sob o nome de MILTA – PKP GIT AG.

A TERAPIA QUÂNTICA

“A terapia quântica é uma aplicação prática dos conhecimentos da medicina quântica – a terapia quântica ajuda ao corpo a mobilizar suas forças de autotratamento.”

Mediante o aparelho de terapia quântica RIKTA, as bio-frequências naturais e os impulsos pulsantes de luz, no corpo humano pode-se realizar uma verdadeira estimulação energética. Deste modo os métodos quânticos reforçam a vibração vital das nossas células e ajudam às forças de autotratamento do corpo. A energia nos meridianos harmoniza-se e aumenta o nível energético. Deste modo o tratamento é absolutamente indolor e quando aplicado correctamente não tem efeitos secundários.

As bio-frequências criadas por RIKTA, próximas às biofrequências/ naturais correspondem exactamente às condições electromagnéticas até às quais hoje os seres vivos na terra já não podem chegar por via natural.

“Puras” condições bioelectromagnéticas de vida

Terapia quântica – resultados e êxitos

Os estudos clínicos intensivos demonstram um efeito anti-inflamatório, regenerativo do tecido, melhora da circulação do sangue e activação da circulação sanguínea capilar. A análise dos presentes resultados realizados entre os anos 1991 e 1997 dá a possibilidade de fazer conclusões quanto ao grau de eficácia dos métodos quânticos no tratamento de diferentes doenças do homem e animais.

Terapia Quântica

Doença
Diminuição da necessidade de medicamentos
Redução da duração do tratamento
Fonte de informação
Pneumonia
1,9 Vezes
5-8 Dias
Revista ”Medicina clínica” 1991, autores: Koriushina y Grigoriev
Feridas, Queimaduras
2,4 Vezes
2-3 Vezes
Cátedra de cirurgia da Academia Militar
Estômago
2,7 Vezes. Em 60% dos casos é possível a supressão total dos medicamentos
6-9 Dias
II.Conferencia Internacional de “Problemas actuais da medicina laser”, autor: Amirov
Hipertensão (fase crítica)
3-4 Vezes
3-5 Dias
“Aplicação da técnica laser na cirurgia”, 1988, autor: Bugaey
Profiláctica da bronquite
Sem medicamentos
Redução da frequência da doença em 76%
“Problemas actuais da medicina laser”, 1994
Profiláctica das doenças de otorrinolaringologia
Sem medicamentos
Redução da frequência da doença 89%
Idem, autor: Lihaeva
Doença isquémica do coração (fase avançada)
2-3 Vezes
8-12 Dias
Idem, autor: Babushkina
Prostatite
Sem medicamentos
2,5 Vezes
Cátedra de urologia da Universidade de Amizade entre as Nações
Radiculite osteocondrose
Sem medicamentos
1,7-2,2 Vezes
A. V. Gaydamakina

Poderia explicar de uma forma simples o que é a medicina quântica?

A Medicina Quântica é um ramo jovem da ciência em rápido desenvolvimento, baseada na utilização de propriedades especiais da radiação electromagnética.Por um lado, o nome "Medicina Quântica” reforça a origem electromagnética deste novo ramo da medicina, uma vez que a investigação dos campos electromagnéticos é objecto da física quântica. E por outro, utiliza um nível baixo e seguro de radiação, sendo que QUANT significa a porção mínima de radiação electromagnética

A Medicina Quântica integra todos os elementos do tratamento da saúde humana: a profilaxia, diagnóstico, tratamento e reabilitação.Costumávamos tratar o nosso organismo com remédios, injecções e pingos desde a infância, quando são necessárias análises (ao sangue, urina, expectoração) para descobrir a doença.No entanto, a forma convencional de tratar uma doença não é a única, nem mesmo a melhor. A medicina quântica abre as portas para outra forma de proteger a saúde: uma forma ecologicamente pura, não invasiva e sem efeitos secundários

Diagnóstico Quântico

É do conhecimento geral que o próprio organismo da pessoa é uma fonte de radiação electromagnética. É também ponto assente que a radiação de uma pessoa doente é diferente da radiação dessa mesma pessoa quando num estado saudável. É possível diagnosticar a doença de um determinado paciente ao medir os seus parâmetros electromagnéticos quando está doente e saudável através de métodos especiais e analisar as diferenças entre ambos.

A Terapia Quântica, assim como a profilaxia e a reabilitação utilizam a radiação electromagnética para prevenir a doença e tratá-la. Esta terapia tem uma acção directa em zonas e órgãos específicos do paciente. As características desta acção electromagnética externa são similares aos parâmetros dos processos electromagnéticos que existem dentro do organismo da pessoa. Esta energia é aplicada em quantidades muito pequenas e é inofensiva para o organismo. Mas graças à absorção da ressonância, esta quantidade de energia é suficiente para “reparar” as células fracas e subir consideravelmente a imunidade de todo o organismo.Uma acção agregada sobre o organismo de uma pessoa com níveis de energia bastante baixos através de um campo magnético constante, radiação por infra-vermelhos e dispositivos de laser da terapia quântica “RIKTA” garante segurança total ao paciente e oferece uma eficácia terapeutica elevada. Isto porque segundo as leis da bioquimica uma acção mais baixa resulta numa maior resposta pelo organismo: harmonização do sistema imunitário, activação da circulação do sangue periférico (capilar) e normalização o metabolismo. A medicina quântica provou a sua eficácia ao tratar mais de 200 das doenças mais comuns.

Ouvi dizer que o dispositivo RIKTA inclui um laser. A radiação a laser é ou não prejudicial para o organismo?

Existem vários tipos de laser. Enquanto uns são usados para cortar metais duros, outros utilizam-se para aumentar a actividade dos espermatozóides. A sua utilização está directamente relacionada com a potência e alcance das ondas da radiação a laser. O nível de radiação do laser aqui mencionado não é nocivo para qualquer organismo vivo. Durante o processo de certificação, as entidades competentes realizam testes de segurança especiais aos lasers médicos. A radiação a laser dos dispositivos da marca RIKTA é classificada como a mais segura. Este resultado é comprovado por Entidades Certificadoras Russas, Europeias e Americanas. Claro que é necessário seguir de uma forma rigorosa os procedimentos de utilização dos aparelhos e não intervir na mesma zona durante muitas horas.Por isso, não tenham medo e usem o dispositivo RIKTA para uma vida saudável!

Existem muitas contra-indicações na utilização dos dispositivos de medicina quântica?

Sim, existem. Mas podemos dizer que são mais limitações específicas do que propriamente contra-indicações na utilização de dispositivos de medicina quântica. Não é possível tratar doenças como doenças do foro oncológico, tirotoxicose (doença de Basedown), doenças graves do sistema sanguíneo (como por exemplo a leucemia), diabetes mellitus dependente de insulina, síndrome espástico, doenças físicas, doenças com febres altas acima dos 38,5 OC, com espasmos ou as que necessitam uma operação cirúrgica de emergência (reanimação). Não é aconselhável utilizar o dispositivo durante a gravidez sem uma consulta prévia ao ginecologista. Não se devem tentar tratar doenças urológicas ou cálculos renais sozinho. Em todas as situações acima mencionadas, os dispositivos RIKTA só devem ser utilizados por um médico.

Em que situação é mais conveniente utilizar um dispositivo RIKTA mais potente (8 Watts por um impulso)?

A utilização de um dispositivo RIKTA mais potente só é prescrita para lesões da coluna e articulações, celulite, apoplexia, doenças do fígado e pele. Esses modelos são também mais eficazes para tratar pacientes obesos.

Como funciona o tratamento com o dispositivo RIKTA?

O tratamento com o dispositivo RIKTA é realizado em programas de 10-15 sessões. As sessões são realizadas todos os dias ou em dias alternados à mesma hora. Depois de realizar o programa de 10-15 sessões é necessário proceder a uma interrupção de 3-4 semanas. Durante essa interrupção, o dispositivo não pode ser utilizado para tratar qualquer outra doença porque o efeito é realizado não apenas num único órgão ou sistema mas em todo o organismo. Nada limita o número de programas, apenas as necessidades do paciente. Os pacientes com doenças crónicas graves podem realizar programas mensais durante um ano ou mais. Depois de recuperar ou sentir-se melhor, é recomendável realizar 4-6 programas preventivos ao longo do ano.

Quanto tempo demora uma sessão desta terapia?

Regra geral, cada sessão pode demorar entre 15 e 40 minutos.

Existem limitações de idade para utilizar o dispositivo de medicina quântica?

Não existem esse tipo de limitações. O dispositivo pode ser utilizado desde o período intra-uterino até uma idade bastante avançada.

Comprei o dispositivo RIKTA de 8 Watts. Gostaria que me explicasse como devo regular a potência para tratar as diferentes doenças de adultos e crianças?

A forma mais simples é fazer o seguinte: Independentemente do paciente ser um adulto ou uma criança, nunca deve iniciar a terapia com a potência de 8 Watts. Defina ambos os controladores de potência para os 50% (0,5) e inicie o primeiro programa da terapia. Apenas quando não tiver obtido um resultado satisfatório é que deverá continuar a terapia e passar para o programa seguinte com a potência a 100% (1,0). A excepção a esta regra é quando o paciente (mesmo sendo uma criança) sofra de uma doença que requeira especificamente a potência de 8 Watts. Estas são as graves patologias dos ossos, articulações e coluna vertebral, lesão do fígado e pele, alopécia, celulite e obesidade.

O que são o “Laser DOUCHE 1” e o “Laser DOUCHE 2” e como utilizá-los?

São emissores (terminais) especiais (especiais) com os quais alguns modelos dos dispositivos RIKTA estão equipados. Estes emissores podem ser aplicados em áreas superiores aos normais 4 centímetros quadrados, chegando ser possível usá-los em aplicações de 20 centímetros quadrados ou mais. Ambos os lasers DOUCHE geram uma potência de impulso superior: nem os 4 ou 8 Watts habituais, mas sim 20 Watts de potência de impulso em média: o “Laser DOUCHE 1" é aplicado no tratamento de osteocondrose da coluna vertebral, lesões grandes na pele e fígado, celulite e alopécia; e o “Laser DOUCHE 2” (“comb”) proporciona um tratamento bastante eficaz em lesões capilares e previne o aparecimento de alopécia, seborreia, caspa e outras doenças capilares.Estamos também a oferecer ao consumidor um emissor IVP-1 que é utilizado em ginecologia, urologia e proctologia.

Os bocais ópticos são necessários para a aplicação dos tratamentos e como devem ser usados?

Oferecemos aos nossos consumidores os seguintes conjuntos de bocais-guias-ópticos: KON-1, KNO-1 (3) e KON-2. O KON-1 consiste em 4 bocais para tratamentos de doenças do foro da otorrinolaringologia, proctologia e ginecologia, assim como dentes e gengivas. Existe também um bocal cosmético que falta no conjunto KON-1 (3). O conjunto de bocais KON-2 contém dois bocais especiais para tratar doenças do nariz em crianças. Oferecemos também ao consumidor um emissor que não é um bocal, mas sim um emissor médico independente que é aplicado em ginecologia, proctologia e urologia.Como é possível verificar, alguém sem formação médica e capacidades profissionais especiais não poderá utilizar estes bocais em casa, à excepção do bocal cosmético KON-1 (1) que pode ser utilizado em casa por qualquer pessoa que queira fazer um tratamento facial para tornar a pele mais jovem e mais saudável.

É necessário utilizar óculos de protecção com o dispositivo RIKTA?

Não, não é necessário. Só deve usar estes óculos se for incómodo para os seus olhos quando estiver a utilizar o bocal cosmético na pele em redor dos olhos. Nesse caso, é melhor cobrir os olhos. A radiação emitida pelo dispositivo RIKTA é inofensiva para o organismo humano. Os óculos são apenas necessários para o pessoal médico que estiver a executar esses tratamentos durante todo o dia.

Qual é a abrangência da medicina quântica? As Autoridades de Saúde na Rússia e no estrangeiro aplicam os dispositivos e métodos da terapia quântica?

Durante mais de 10 anos, os dispositivos de terapia quântica RIKTA foram bastante utilizados no sistema de Saúde da Federação Russa. Actualmente, a medicina quântica já é adoptada em 37 países.Os dispositivos de terapia quântica RIKTA são certificados na Comunidade Económica Europeia (CEE) – CE 0032, em Israel, na República da Coreia, na India e ainda em outros países.

Fonte: www.quanticamed.com

Terapia Quântica

É uma nova abordagem sobre cura espiritual que elimina a origem das emoções, tratando a causa e não o efeito.

Para tanto constitui na regressão da memória sem hipnose, objetivando a re-significação das questões que ficaram programadas no subconsciente da pessoa e que tanto a prejudica sua qualidade de vida.

Atua nos níveis energéticos efetuando uma reorganização profunda da Aura, equilibrando todos os chacras, meridianos e ajustando o corpo energético multidimensional, ajustando o passado, presente e possibilitando um futuro melhor ao paciente, já sem as interferências até então diagnosticadas.

Em prática o Terapeuta utiliza comandos mentais (intenção estruturada) e símbolos elaborados especificamente para esta finalidade.

Transforme a sua vida! De uma vida de dores e sofrimentos para uma Vida Plena!!!

Definições

A Terapia Quântica é essencialmente a cura espiritual realizada pelo pensamento que é um atributo da alma.

A Ciência Médica tem evoluído, contando com recursos progressivamente mais aperfeiçoados para o estudo da estrutura celular, dispondo particularmente do microscópio eletrônico, da ressonância nuclear magnética e da microscopia de tunelamento que são capazes de analisar a estrutura celular nos mínimos detalhes.

A Cura Espiritual vem sendo estudada sob o prisma científico, à luz dos conhecimentos atuais que identificam um ponto de encontro entre ciência e a realidade da alma através do pensamento.

Os conhecimentos revelados pela Física evidenciam que o átomo constitui uma minúscula partícula de matéria, tendo no seu interior um núcleo formado de Prótons e Nêutrons.

Os Prótons são dotados de carga elétrica positiva e se apresentam em número variável, de acordo com os diferentes elementos químicos que os constituem.

Os Nêutrons são em número igual aos dos Prótons e da massa praticamente igual à dos mesmos. Ao redor do Núcleo existem partículas menores, os Elétrons , em número igual ao de Prótons e que se movimentam em órbitas elípticas concêntricas, com carga elétrica negativa.

Segundo o modelo de Ernest Rutberford, adotado também por Niels Bohr, os Elétrons se deslocam em torno do Núcleo que estabelece o equilíbrio em relação à força centrífuga dos Elétrons, sendo que, para melhor entendermos o sistema eletro-magnético atômico, basta compará-lo com uma miniatura infinitamente reduzida do nosso sistema planetário.

O Conhecimento da estrutura do átomo abre para o observador um campo multiforme de observações mais, em síntese, reportando a estrutura do átomo para o sistema planetário, verifica-se sem sombra de dúvida, que o átomo sintetiza a unidade da Criação.

Existem razões para se admitir que no campo da atomologia deve-se centrar a Causa e a cura das doenças, e o pensamento tem o duplo poder de deslocar ou reajustar os Elétrons em suas órbitas.

O pensamento, sendo uma forma de energia emitida pela alma, quando impregnado de emoções negativas como as do medo, do ódio, da inveja, da maldade, do ciúmes, pode causar o deslocamento dos Elétrons de suas órbitas atômicas, causando o sofrimento, as doenças e fracassos.

Já o pensamento impregnado de emoções positivas sob a movimentação da vontade e da determinação, através do querer, da prece e da fé, centrado na ação curativa, produz o reajustamento dos Elétrons no alinhamento de maior potencial de suas órbitas atômicas, promovendo portanto a saúde, o bem estar, o sucesso e a cura espiritual.

Em outras palavras, podemos dizer que pensamentos negativos descompensam energéticamente os átomos que as constituem.

Pensamentos positivos harmonizam a estrutura dinâmica dos átomos com a recondução dos elétrons às suas respectivas órbitas, produzindo a harmonização do sistema energético das celular e a consequente recondução do seu estado normal.

A energia causadora de ambos os processos é a mesma. O que diferencia o pensamento Positivo do Negativo é a informação associada ao mesmo.

Há 150 anos, quando a Ciência ainda não havia formulado as bases da Teoria Quântica, Allan Kardec escreveu no livro “A Gênese” (pg.294-5, item-31) que “O espírito é o agente propulsor que infiltra num corpo determinando uma parte da substância do seu envoltório fluídico. A cura se opera mediante a substituição de uma molécula malsã por uma molécula sã”.

Como as moléculas são formadas por átomos, verifica-se que Allan Kardec estava certo ao lançar bases científicas da cura espiritual centrada na molécula e pode ser considerado o precursor dos conceitos modernos da Medicina Quântica, segundo a qual todo processo patológico tem, na sua origem, um desequilíbrio bioenergético que ocorre no interior das moléculas que constituem a célula.

Em decorrência do conceito da Terapia Quântica, pose-se deduzir que o magnetismo humano ou espiritual é responsável por diferentes modalidades de cura. Compreendendo-se igualmente que o poder de curar é variável de pessoa para pessoa e é decorrente do fluído magnético emanado pelo pensamento sob a ação da vontade.

As doenças podem ser analisadas sob as variáveis biofisiológicas, físico-químicas e psicossomáticas.

Na epistemologia das doenças, a variável psicossomática está tão integrada no ser humano assim como as variáveis biofisiológicas e físico-químicas, mensuráveis pelos efeitos que produzem.

As ações iniciais que podem ocorrer antes mesmo do aparecimento das primeiras manifestações de doença realizam-se nas células por alterações energéticas causadas por pensamentos negativos e que alcançam os átomos, levando como já vimos, ao deslocamento de Elétrons de suas órbitas.

Sendo o pensamento um atributo da alma, compreende-se o seu valor na vida humana e que a alma não é apenas um mero componente na constituição do organismo, mas uma fonte inesgotável de energia atuante na vida de cada um desde o momento de sua formação embrionária, atuando como agente modelador dos órgãos e tecidos e durante toda a vida da pessoa como responsável pela saúde e bem-estar do organismo.

Portanto a Terapia Quântica é a unificação da Ciência com a Espiritualidade.

As cura espirituais consideradas como milagres podem ser soncebidas à luz da Ciência Quântica que são realizadas pela força do pensamento que é um atributo da alma.

Dessa maneira já não existem razões para que a Ciência e Espiritualidade se mantenham separadas. Para tanto vale a pena lembrar das palavras de Thomas Edison, cientista que descobriu a lâmpada incandescente : “Ciência sem Espiritualidade é falta de Conhecimento, Espiritualidade sem Ciência é Fanatismo”.

Fonte: www.atlantisterapias.com.br

Terapia Quântica

“O Universo é regido por alguns princípios que permitem que tudo funcione de forma simples e precisa. A realidade não é o que eu vejo, ela é vibração, composta de frequências. A diferença entre uma pedra, uma árvore e uma pessoa está na diferença das taxas de vibração. Existe uma hierarquia de vibração, onde a matéria vibra em níveis inferiores de frequência e a energia, em níveis mais elevados.

Toda manifestação de pensamento, emoção, razão, vontade ou desejo, ou qualquer estado ou condição mental, são acompanhadas de vibrações. Uma vez que o Universo é também feito de vibração num nível mais profundo, a matéria da qual o Universo é feito pode ser afetada e alterada, somente pela sua intenção”.¹

No início do século XX, os físicos Michelson e Morley pensaram mais ou menos assim: se a Luz se propaga desde galáxias longínquas, então esta “substância” deve estar espalhada pelo Universo. Portanto, concluíram: a Terra estaria nadando em um mar de ENERGIA tal como um peixe no oceano. Esta energia movimenta-se através de pulsos, tais pulsos transmitem, a cada ciclo, uma quantidade específica de energia (Quanta). Então, a energia é transmitida em “pacotes” ou Quantas de Luz.

Sobre a Terapia Quântica

"A terapia quântica começou a ser canalizada em 1997 e é um processo continuo, pois a cada dia novas informações surgem".

“Os Lasers Quânticos... (utilizados na Terapia Quântica) são instrumentos de poder do mais alto grau... O objetivo é o trabalho com a cura no nível áurico, pois é nesse campo que a doença é primeiramente originada. Além do trabalho no campo áurico, um novo conceito de tratamento é implementado com o uso do Laser Quântico, ou seja, novos níveis energéticos podem ser atingidos com a utilização correta do mesmo”.³

CURA QUÂNTICA ESTELAR

Sobre a Cura Quântica Estelar

"... Abordamos uma forma de restauração pelo princípio quântico molecular e atômico, onde as formas pensamento emitidas pelo terapeuta e pelo paciente, são profundamente abordados para um tratamento mais eficiente e rápido.

Dentro da Cura Quântica, fazemos o ancoramento das egrégoras espirituais de todas as falanges, como a linha completa dos Orixás, Mestres Ascensos, os 49 Raios de Alfa & Omega, além do Conselho Cármico e os Anciãos dos Dias, além de outras falanges médicas espaciais do Comando Estelar. Com isto o terapeuta acaba se tornando um canal das Hierarquias de Luz, para efetuar uma desobsessão e em seguida um tratamento clínico espiritual que vai além da harmonização que é feita pelo Reiki e Cura Prânica.

Em nosso trabalho temos feito um ancoramento de todas as frequências vibracionais e dimensionais, que fazem uma limpeza desde a 1ª até a 12ª dimensão de consciência, o que permite uma limpeza ampla e detalhada por parte das Hierarquias Espirituais, o que por sua vez, permite a remoção de Elementais, Obsessores e traumas de vidas passadas além dos parâmetros convencionais, unido a uma nova proposta de conhecimento sobre universo molecular e os efeitos da energia psíquica sobre as nossas moléculas, além dos arquétipos de cada órgão.

A nossa abordagem sobre as doenças e os males de diversas origens é feito com rapidez e profundidade à medida que damos passagem para o nosso Mentor de Cura pessoal, o qual é canalizado para cada terapeuta no momento da Iniciação no curso.

Com isso a potencialidade energética fica dentro de parâmetros de 40 mil angstrons o que é normalmente de 4 a 5 vezes superior às taxas convencionais de energia e tratamentos de cura convencional.

Desta forma podemos trabalhar diversos tipos de situações, onde temos uma grande variedade de símbolos com os seus Arquétipos Estelares de há alguns milhares de anos, ajudando como poderosas ferramentas na aplicação de um arquétipo especial, e que estão divididos em: Proteção, Amor Incondicional, Geobiologia, Regeneradores celulares, Antibióticos, Desobsessão, Imobilizadores, Reconexão Espiritual, Harmonizadores, Transporte à Distancia, Transmutação e Justiça, entre as variações aplicadas e divulgadas no livro e nos cursos.

Com isso temos conseguido desenvolver uma vasta gama de tratamentos e transmutações de miomas, câncer, diabetes entre algumas das situações que tenho vindo a trabalhar à cerca de 4 anos por todo o Brasil.

Então, na história do conhecimento sobre cura energética, pela primeira vez se conseguiu formatar um saber que parte das estrelas, do cosmos e que, aliado às tradições holísticas de cura, fundamenta a energia enquanto base de tratamento para o físico, mental, emocional e espiritual. A Terapia Quântica e a Cura Quântica Estelar utilizam as energias de cura decantada pelos grandes mestres ascensionados e seus portais e que, junto à firme vontade de mudança do cliente junto à dedicação do terapeuta, promove alívio, bem-estar, suavização e, dependendo do caso clínico, o desaparecimento total da maioria dos sintomas que afligem atualmente a humanidade.

Serviços

- Terapia do mental, físico, emocional e espiritual;

- Realinhamento dos chakras;

- Limpeza profunda dos corpos energéticos;

- Limpeza de vírus, miasmas, chips e demais implantes etéricos através da rede cármica;

- Limpeza com método quântico e ultraquântico;

- Ancoragem quântica de luzes nos corpos energéticos, utilizando a geometria sagrada;

- Limpeza, liberação e eliminação definitiva de implantes e votos impeditivos ao desenvolvimento pessoal;

- Cirurgia Espiritual;

- Limpeza, Equilibração e Harmonização de Ambientes;

- Tratamento à Distância.

Fonte: www.lux-ap.com

Terapia Quântica

O Universo é composto por uma massa de radiações, formada de partículas atômicas, subatômicas e eletromagnéticas, as quais são animadas por um movimento contínuo, que é o responsável pelo processo de criação e de desintegração da matéria.

A eletricidade que ilumina a nossa casa, as ondas de televisão ou de rádio, que trazem o informativo e a distração para as famílias; enfim, todos os elementos que tornam a nossa vida mais fácil dependem dessas radiações.

Tudo no Cosmo é permeado de radiações e inclusive da energia ou radiação colorida, o que ocorre tanto no mundo mineral como no vegetal e animal. Cada cor tem a sua própria energia vibratória com as suas numerosas frequências e essas radiações interagem umas com as outras, fazendo parte do equilíbrio que move "Toda a Criação". Portanto, é um processo de mutação e evolução no qual estamos todos envolvidos. Ao conjunto dessas energias devemos a nossa existência.

A energia que circula em todas as células do corpo já era conhecida da Medicina Chinesa, que definiu o traçado energético do corpo humano como "Meridianos", que formam uma complexa rede, na qual são ativados os pontos correspondentes aos órgãos em disfunção para restabelecer o equilíbrio energético.

Os sacerdotes-médicos do antigo Egito já conheciam essa energia, que denominavam Heka.

Assim, podemos dizer que o corpo físico é gerado pelas vibrações de energia. Se o fluxo dessa energia for perturbado em qualquer região do corpo humano, o equilíbrio da saúde é interrompido e surgem os distúrbios, que vão desenvolver as doenças.

Existe um ponto de encontro entre a tradicional Medicina Chinesa e a alta tecnologia moderna aplicada sobre o corpo, que tem a capacidade de receber e de absorver a influência das frequências eletromagnéticas e, especialmente na gama das ondas milimétricas, cuja potência é próxima do valor quântico. O sistema fisiológico do ser humano responde positivamente a essas frequências.

A terapia das cores é eficaz, indolor, fisiológica e não invasiva, sem efeitos colaterais. Baseia-se no princípio bio-ativo restaurador do equilíbrio energético global, que harmoniza a circulação da energia no corpo humano.

As primeiras análises, que demonstram o efeito terapêutico dessas frequências, tiveram início há cerca de trinta e cinco anos e, por volta de 1980, começaram as primeiras experiências clínicas, segundo o modelo científico de pesquisadores como Niels Bohr, E. Shredinger e I. Peigozhin, os quais receberam o prêmio Nobel.

Milhares de pacientes têm sido tratados com sucesso por esse método, mesmo nos casos de patologias graves, frequentemente diagnosticadas como incuráveis pelos terapeutas clássicos.

Essa nova metodologia terapêutica, que recebeu o nome de "Medicina Quântica", utiliza a energia colorida para normalizar as funções do organismo, numa relação direta sobre os focos patológicos.

Embora, o tratamento com as cores, que obedecem a princípios medicinais, através dos aparelhos de Cromoterapia, seja um novo campo da ciência prática médica, o uso dessas radiações têm origem na Antiguidade.

A luz era utilizada como instrumento terapêutico no antigo Egito, onde se distinguia a luz "ativa" do Sol e a luz "calmante" da Lua. Séculos mais tarde, também Leonardo da Vinci utilizou a luz do Sol filtrada através de vidros coloridos para fins médicos.

A Alquimia e a Cor foram utilizadas desde a Idade da Pedra para curar as pessoas, através de flores e pedras coloridas.

As bases científicas das aplicações médicas desses fatores físicos começaram a ser estudadas somente durante a segunda metade do século XX, graças ao rápido desenvolvimento das ciências fundamentais como a Física, a Química e a Biologia.

Após a criação, em 1960, do primeiro gerador quântico do setor ótico foram executados numerosos estudos para verificar a possibilidade do seu uso terapêutico através da irradiação de fraca potência. Desde então é reconhecida uma grande quantidade de elementos que demonstraram a sua eficácia médica.

Aprofundou-se o estudo sobre o mecanismo de influência da irradiação eletromagnética com frequências mais altas sobre o organismo humano. Estabeleceu-se limites admissíveis ótimos de potência e de parâmetro, sendo elaborados métodos de aplicação para as diversas patologias.

Atualmente, existem diversos aparelhos de Cromoterapia ou de Medicina Quântica, dos quais citamos: o "Pyracromos" idealizado pela autora, no Brasil; o "Cromostim 2000" de origem italiana; e o "Therachroma" de fabricação alemã, que apresentam resultados surpreendentes na cura das mais diversas patologias, através da ação das ondas eletromagnéticas, ou mais precisamente das ondas coloridas.

Essas ondas de potência quântica são de frequência mensurável, cuja influência é observada pela informação do organismo celular, sub-celular e sub-atômico, como uma forma de linguagem que permite estabelecer o equilíbrio, a saúde e o bem-estar.

Das pesquisas que estudam a terapia aplicada a nível quântico, evidencia-se como a ação das radiações favorece uma reação útil ao organismo com os seguintes efeitos favoráveis:
a) melhoramento da circulação do sangue;
b) aceleração dos processos metabólicos;
c) ativação do processo regenerativo;
d) efeito sedativo;
e) efeito analgésico;
f) estabilização da membrana celular;
g) estimulação do estado geral;
h) normalização das arritmias cardíacas;
i) ativação da função oxidante do sangue;
j) efeito imuno-modulativo e imuno-estabilizante do organismo.

A terapia quântica aumenta o efeito medicamentoso, pois são potencializados os tratamentos: homeopático, fitoterápico, ortomolecular e de terapias naturais.

A Ciência das Cores ou Cromoterapia está recebendo na Europa o nome de MEDICINA QUÂNTICA, a qual utiliza as radiações do espectro eletromagnético, em especial as do espectro solar, que são as ondas coloridas, para os mais diversos tratamentos de saúde.

Fonte: www.cromoterapia.org.br

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal