Facebook do Portal São Francisco
Google+
+ circle
Home  Camomila - Página 10  Voltar

Camomila

Camomila

Chamomilla recutita

1. INTRODUÇÃO

A camomila é uma planta herbácea pertencente à família Asteraceae, anual, muito ramificada, com até 50 cm de altura. As folhas são alternas, filiformes; as flores reúnem-se em inflorescência do tipo capítulo, sendo as flores centrais hermafroditas, com corola tubular amarela, e as flores marginais femininas, com corola ligulada branca e os frutos são do tipo aquênio.

Somente as flores são comercializadas, pois contém óleos essenciais aromáticos e medicinais que devem encontrar-se no teor mínimo de 0,4%. Dentre as diversas propriedades medicinais da camomila temos as ações antipiréticas, estomáquicas, digestivas, antiespasmódicas, calmantes, tônicas, anti-reumáticas, emenagogas e carminativas. É também muito utilizada na indústria de cosméticos.

2. CLIMA E SOLO

2.1 Clima

É planta de clima temperado, resistente a geadas durante a fase vegetativa, não tolerando excesso de calor e secas prolongadas.

2.2 Solo

Os solos recomendados são os argilo-arenosos, soltos, férteis, permeáveis o suficiente para evitar excesso de umidade na zona das raízes e com pH entre 6,0 - 7,5.

3. CULTIVAR

A própria espécie botânica.

4. CALAGEM E ADUBAÇÃO

Elevar o índice de saturação por bases para 70%, sempre que a análise de solo indicar valores inferiores a este.

A adubação, segundo Boletim n° 200 - IAC, deve ser:

De plantio: 30 kg/ha de N, 20 a 120 kg/ha de P2O5 e 20 a 80 kg/ha de K2O.

Em cobertura: 30 kg/ha de N, aos 30 dias após plantio.

Outras fontes também recomendam uma adubação orgânica de plantio, com 5,0 kg/ha de esterco curtido de curral ou composto orgânico, ou, 2,5 kg/m2 de esterco de aves.

As adubações nitrogenada e potássica aumentam o número de flores e o rendimento de óleo essencial.

5. PLANTIO

A semeadura pode ser feita em local definitivo a lanço ou e em sulcos com um gasto de sementes da ordem de 4-8 kg/ha, misturando-se areia fina com as sementes para distribuição, logo em seguida, passar corrente ou prancha no terreno, aumentando assim, o contato da semente com o solo. A época de plantio para a semeadura direta é de abril a maio.

Em áreas muito infestadas com plantas invasoras pode-se produzir mudas em sementeiras para posterior transplante, com um gasto de sementes de 2 g/m2 ou 50 g/ha. A semeadura é feita de março a maio e o transplante definitivo de maio e junho.

O espaçamento recomendado é de 30 x 25 cm.

6. TRATOS CULTURAIS

O controle de plantas invasoras deve ser realizado através de capinas.

Irrigar sempre que necessário, evitando-se encharcamento do solo. O tipo de irrigação utilizada é por aspersão.

Efetuar o desbaste quando a semeadura for direta,conforme espaçamento recomendado.

7. COLHEITA E SECAGEM

As flores de camomila devem ser colhidas quando estiverem em floração plena, ou seja, quando as flores com lígulas brancas estiverem com as mesmas em ângulo reto, nem inclinadas para cima (começando a abrir) e nem curvadas para baixo (muito maduras), pois é nessa fase que encontram-se com o maior teor de óleo essencial.

A colheita se inicia em junho e vai até setembro, em vários repasses. É feita manualmente ou com pentes manuais, próprios para a colheita de flores de camomila.

A produtividade normal é de 400 a 600 kg/ha de flores secas. A secagem deve ser realizada à sombra ou em secadores a uma temperatura máxima de 35° C.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

CORRÊA, C. et. al. Cultivo de plantas medicinais, aromáticas e condimentares - EMATER-PR, 1991.

VON HERTWIG, I.F. Plantas aromáticas e medicinais, Ed. Ícone, 4l4 p, 1991.

Boletim 200 - IAC, 1995.

Fonte: www.cati.sp.gov.br

Camomila

Nome científico: Matricaria chamomilla (sinonímia: Chamomilla recutita, Matricaria recutita)
Família: Asteráceas (sinonímia: Compostas)
Nome comum: camomila, matricária, camomila-romana, camomila-comum, camomila-verdadeira, camomila-vulgar, camomila-dos-alemães.
Origem: Europa

Camomila

Descrição e característica da planta

A planta é herbácea, anual, com 25 a 50 centímetros de altura. As folhas são finas, bem recortadas, de coloração verde-clara a verde-escura. As flores lembram pequenas margaridas brancas, onde as pétalas são brancas e a parte central da flor, uma área compacta, é amarela. As sementes são produzidas nessa área central. As flores são hermafroditas (têm os dois sexos na mesma flor) e autocompatíveis (ocorre a autofecundação das flores). As condições favoráveis ao bom desenvolvimento e florescimento das plantas são: temperatura amena a não muito quente, solos permeáveis, férteis, ricos em matéria orgânica e boa disponibilidade de água durante todo o seu desenvolvimento vegetativo. A propagação é feita através de sementes.

Produção e produtividade

A 4 é uma planta amplamente cultivada em quase todo o mundo. No Brasil, os estados das regiões Sul e Sudeste são os maiores produtores. A produtividade varia de 400 a 600 quilos de flores secas por hectare (um hectare corresponde a uma área de 10.000 metros quadrados).

Utilidade

A flor é a parte mais importante da planta, usada como aromática e medicinal. A essência é usada como aromatizante na composição de sabonetes, perfumes, xampus e loções e para conferir odor e sabor agradáveis às bebidas e aos alimentos. Na forma de chá, é considerada um relaxante, tranqüilizante natural, estimula o apetite, digestiva, elimina gases e combate a cólica. Existem outras indicações com efeito medicinal, mas é sempre importante a orientação de técnicos especialistas da área. Os efeitos medicinais das flores são conferidos pelo óleo essencial que contém principalmente chamazuleno e bizaboleno.

Fonte: globoruraltv.globo.com

voltar 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 avançar
Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal