Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Aruba  Voltar

Aruba

 

 

História de Aruba

Aruba fica ao largo da costa da Venezuela, e é um território autônomo neerlandês das Caraíbas.Seus primeiros habitantes foram os indígenas há cerca de 4.000 anos, porém dados históricos nos mostram que os índios da tribo Arawak chegaram a Aruba por volta do ano 1.000 a.C. , viviam em pequenos grupos e sobreviviam através pesca.

Aruba foi oficialmente descoberta e ocupada em 1499 pelo espanhol Alonso de Ojeda e demais exploradores oriundos da Espanha. Em 1636, após o término da Guerra dos Oitenta Anos entre a Espanha e a Holanda, Aruba foi tomada pelos países baixos.

Aruba

Conheça Aruba!

Aruba efetivamente começou a prosperar economicamente a partir de 1824 quando muito ouro foi descoberto na ilha, nascendo então a primeira indústria em Aruba e as minas de ouro, que se extinguiram na década de 20 do século XX. A separação de Aruba das Antilhas Holandesas deu-se a 01 de Janeiro de 1986, tornando-se assim uma dependência autônoma do Reino dos Países Baixos.

Aruba
Aruba um paraíso ao seu alcance!!!!

Sendo território dependente dos Países Baixos, as relações exteriores e a defesa ficam a cargo do governo Holandês que nomeia um governador como representante da Rainha da Holanda. Atualmente Aruba tem governo próprio eleito pelo povo que consiste de um Ministro-Presidente e mais 20 parlamentares que compõem o Parlamento de Aruba.

Em Aruba o idioma oficial é o Holandês e o Papiamento, que é a língua nativa local, porém os habitantes de Aruba falam também inglês e o espanhol.

Aruba
Belezas naturais, sol, praias e muita diversão!

Nos últimos anos o turismo na região aumentou e atualmente é a maior fonte de renda de Aruba. Em Aruba é possível encontrar os mais belos resorts e hotéis de alto luxo, prepare-se também para conhecer um dos mais altos padrões de vida do Caribe que advém do turismo local e da existência de uma refinaria de petróleo propriedade da Coastal Oil Company .

Sendo Aruba rica em história a ilha possui para deleite dos turistas três museus encantadores: o Museu Histórico de Aruba em Oranjestad, o Museu Arqueológico e o Museu Numismático; onde é possível ver a história da ilha desde os primórdios.

A moeda de Aruba é o Florin arubiano, porém o dólar americano é aceito em praticamente todos os estabelecimentos comerciais da ilha. Agora esquecendo a história de Aruba, e lembrando das praias paradísicas que a ilha tem, duvido que exista lugar melhor para se desfrutar de tudo que um turista procura: beleza, história, sossego, bons hotéis, excelente comida e um clima espetacular!

Por tudo isso e muito mais que você irá descobrir em Aruba, este é o destino turístico ideal.

Fonte: www.bigviagem.com

Aruba

História, Artes & Cultura

Os museus e as galerias de arte são interações íntimas em Aruba que oferecem aos visitantes amostras brilhantes das muitas influências da ilha e uma abordagem à sua identidade única.

O inesperado é encontrado em museus, culturas antigas reveladoras, um rico passado colonial e uma recontagem através das evoluções monetárias.

As novas tendências de gestão na ilha e um encontro cultural são mostrados em galerias de arte locais, com a arte contemporânea fornecendo estética e experiências da ilha.

O artista arubiano transmite um complexo de histórico de experiências articuladas através de paisagens campestres, bem como obras de arte de vanguarda ricas em sombras pesadas e, muitas vezes carregadas de uma forte mensagem.

A literatura, em papiamento nativo, é temperada com nostalgia, mas com um espírito moderno. As ondas de música de fundo multicultural se encontram em um ritmo acelerado de teor melódico. A dança é executada a partir do contar pitoresco de um passado folclórico aos movimentos experimentais de dança contemporânea. As muitas oficinas de artes oferecem um lugar pitoresco no qual gozam de uma compreensão mais profunda da ilha e de seu povo.

Os primeiros habitantes da ilha remetem aos índios Caquetios (da tribo Arawak) que chegaram da América do Sul.

Foram encontrados vestígios que datam mais de 1000 anos d.C. como as pinturas antigas preservadas nas cavernas de calcário no Fontein, Ayo e em outros lugares. Antigos pedaços de cerâmica e outros artefatos podem ser encontrados no Museu Arqueológico da Ilha.

Vestígios do passado de Aruba e de seu vibrante presente podem ser apreciados durante uma caminhada ou em um passeio de carro pelas ruas da cidade, que contrapõe casas no estilo colonial e prédios de arquitetura contemporânea.

Fonte: br.aruba.com

Aruba

As praias

Aruba

Aruba é uma ilha árida, refrescada por brisa e ventos constantes, fora do circuito dos furacões, agraciada por uma estação chuvosa curta (de outubro a dezembro) e risível para nossos padrões tropicais (a média máxima é de 100 mm em novembro; nos meses chuvosos do litoral brasileiro costuma chover mais de 400 mm).

Tornou-se um destino de turismo de massa graças não só ao clima, mas também à existência de uma praia extensa, de areia branca e mar azul-calcinha, compreendendo Palm Beach, Eagle Beach, Manchebo Beach e Druif Beach (interrompida apenas por um pequeno trecho de costão entre Palm e Eagle). Todos os grandes hotéis têm acesso a praias nota 10, o que diminui bastante o stress de escolher onde ficar.

Além destas praias com hotéis existem outras, menorzinhas, com aspecto mais selvagem, aonde se chega de carro alugado ou de ônibus de linha. Todas ficam na costa oeste da ilha, que é a que está no Caribe e tem mar calminho. A costa leste é voltada para o Atlântico e tem praias bravas.

ARASHI

Aruba

Quase na esquininha norte da ilha, é a minha favorita. Água cristalina, profundidade perfeita para banho (é ligeiramente de tombo; se for com crianças pequenas, leve nadadeiras). O canto esquerdo tem seixos, mas é o preferido de quem faz snorkel. Tem barracas para guardar mochilas à sombra (todo mundo acaba dividindo o espaço). Não tem vendedores de nada, nem de água; leve o que for precisar. Está a 10 minutos de carro de Palm Beach. Tem estacionamento.

MALMOK

Aruba

Escondidinha num bairro residencial um pouco antes de Arashi. Tem dois acessos — o mais bonito é o mais escondido, entre casas. Mar piscininha, algumas pedras, poucas barracas para guardar mochilas (que acabam ocupadas por famílias). O estacionamento é na rua.

FISHERMAN’S HUT (HADIKURARI)

Aruba

Na extremidade direita de Palm Beach, passando (bem) o hotel Marriott, fica o point dos wind e kitesurfistas de Aruba. Dá para alugar equipamento e agendar aulas.

PALM BEACH

Aruba

É a Copacabana/Waikiki de Aruba. Aqui ficam os hotéis verticais (você vai ver placa para “high rise hotels”) pé na areia. A faixa de areia não é muito larga e é bastante ocupada por espreguiçadeiras. Muitos hotéis agora estão alugando espreguiçadeiras flutuantes de borracha.

Aruba

Não há avenida beira-mar, só um calçadãozinho entre a areia e os hotéis. Mas nem só de hotéis vive a beira-mar. Você via encontrar bares e resturantes (num píer no canto esquerdo da praia, e também entre hotéis, mais para o canto direito) e operadores de passeios (incluindo a loja central da De Palm Tours, a maior da ilha). Os bares e restaurantes dos hotéis que não são all-inclusive (a maioria) atendem público passante sem problema.

Aruba

Palm Beach tem vida própria de dia e de noite. A quadra de trás da praia tem shoppings de todo tipo (incluindo um só de bares e restaurantes, o South Beach Centre).

EAGLE BEACH

Aruba

Foi a primeira praia a ser ocupada, por hotéis de no máximo cinco andares (por isso as placas dizem “low-rise hotels”). Tem faixa de areia mais larga e maior profundidade do que Palm Beach (por ser levemente de tombo). Boa parte da sua extensão é tomada por uma avenida beira-mar. Mas no canto esquerdo (antes da curva para Manchebo) os hotéis são pé na areia.

Aruba

Na área com avenida beira-mar, o hotel Amsterdam Manor mantém um bar de praia que atende passantes. No trecho pé-na-areia os hotéis são todos all-inclusive e atendem apenas aos seus hóspedes.

Com exceção de cassinos e de um hospital, não há serviços no bairro fora dos hotéis.

MANCHEBO BEACH & DRUIF BEACH

Aruba

Continuação de Eagle Beach, são mais recortadas e têm hotéis baixos pé-na-areia (todos all-inclusive). Por não terem acesso pela estrada nem serviços abertos ao público, são praias bem reservadas.

Aruba

Extremidade esquerda da praia (onde está o hotel Divi Dutch Village Resort) fica de frente para área portuária de depósito de containers — evite.

NIKKY BEACH

Aruba

É um bar de praia situado imediatamente ao sul de Oranjestad, perto do hotelzinho Talk of the Town. Seu nome pirateia uma famosa cadeia de bares de praia (Nikki Beach com i) com a qual não tem nenhuma relação. A entrada é paga. O público mistura passageiros que desembarcam dos cruzeiros, ali perto, e moradores de Oranjestad.

RENAISSANCE ISLAND

Aruba

É uma ilha particular que pertence ao hotel Renaissance, localizado no centrinho de Ornajestad. Seus hóspedes — e somente eles — são levados de lancha a cada 15 minutos. As lanchas saem do lobby do hotel, passam por baixo de uma ponte sobre a avenida do porto e levam 10 minutos até a ilha (há uma parada num outro hotel do complexo). Lá chegando, o hóspede dispõe de duas praias — uma “familiar”, que aceita crianças, e outra “para adultos”, onde só entram maiores de 18 anos e o topless é liberado.

A ilha já existia, mas o desenho final das praias contou com a ajuda de paisagistas e engenheiros.

BABY BEACH & RODGERS BEACH

Aruba

Na ponta sul da ilha, é um passeio que todo mundo que aluga carro acaba fazendo. É uma praia calmíssima e super-rasinha, perfeita para crianças — uma espécie de Palm Beach só que menor e sem construções. Você pode alugar espreguiçadeiras e barracas. Há quiosques que vendem lanches e bebidas. O estacionamento é fácil.

Ao lado você aproveitar também Rodgers Beach — outra praia perfeitinha, maculada apenas pela vista de uma refinaria de petróleo vizinha.

Baby e Rodgers ficam a meia hora de Oranjestad (40 minutos de Palm Beach). Na volta almoce no Charlie’s Bar no vilarejo de San Nicolas.

Fonte:  www.viajenaviagem.com

Aruba

Na ensolarada Holanda dos trópicos há praias cotadas entre as melhores do Caribe

Aruba é um sucesso entre os turistas por um monte de razões: praia de areia branca e mar turquesa, cassinos e vida noturna de primeira, resorts com excelente infra-estrutura, gastronomia variada e bons pacotes inclusive para brasileiros. Para os amantes de windsurfe, tem mais um ponto a favor: ventos perfeitos para a atividade.

A ilha também é uma das poucas do Caribe que não sofrem com os furacões que assolam a região. A chuva quase não dá as caras; são apenas 43 milímetros por ano, concentrados entre outubro e janeiro (mas sem fazer você perder nem um dia de praia).

Apesar da colonização holandesa, Aruba hoje mais parece um território avançado dos Estados Unidos as placas são em inglês, e a estrutura de turismo é montada ao gosto americano: hotéis confortáveis, serviço eficiente e porções generosas nos restaurantes. Aproveite também a hospitalidade da ilha.

Além dos vôos diretos, Aruba nos espera com duas churrascarias brasileiras e uma língua o papiamento baseada numa mistura de idiomas que inclui o português. Quando perguntarem "Com ta bai?", responda "Mi ta bom!"

Fonte:  viajeaqui.abril.com.br

Aruba

História de Aruba

Aruba

Imagine-se que os primeiros habitantes de Aruba lá chegaram a partir do continente, em pequenos barcos, cerca de 4.000 anos atrás.

Estes primeiros indígenas eram caçadores que viviam em pequenos grupos. Os índios Caiquetio da tribo Arawak chegaram a Aruba por volta do ano 1000 d.c. e se estabeleceram em três grandes vilas da ilha.

Alguns dos artefatos que eles usavam podem ser encontrados nos museus de Aruba hoje.

Aruba foi descoberta em 1499 pelo espanhol Alonso de Ojeda.

Ao longo da agitada era colonial que veio a seguir, a ilha foi constantemente visitada por piratas. Em 1636, perto do término da Guerra dos Oitenta Anos entre a Espanha e a Holanda, os holandeses tomaram a ilha. Houve um intervalo entre os anos 1805 e 1816, durante as Guerras Napoleônicas, quando os ingleses assumiram o controle. Em 1816, os holandeses voltaram ao poder.

Aruba

No ano de 1824, o maior tesouro de todos foi descoberto: ouro! Aruba passou a ter a sua primeira indústria e as minas funcionaram até o ano de 1914, quando a atividade se tornou antieconômica.

Mas foi o ouro negro que trouxe a verdadeira prosperidade. A exploração do petróleo fez da década de 20 a mais importante na história da ilha.

A próxima indústria a aumentar a prosperidade foi a do turismo. Os cruzeiros eram a principal fonte de visitantes até o ano de 1959, quando o primeiro hotel de luxo foi inaugurado. Ao longo dos anos, mais 28 hotéis foram construídos. Com isso, o turismo e a refinaria serviram como sustentáculo da economia da ilha.

Durante a década de 50, a Eagle Oil Company foi desativada e fechada.

No dia 31 de março de 1985, a Exxon fechou a refinaria, devido à redução na demanda mundial pelo petróleo e ao excesso de capacidade para o refinamento.

Aruba tem buscado novas formas para o desenvolvimento e a diversificação de sua economia.

Desde 1986, o Governo tem enfatizado a indústria do turismo, triplicando o número de quartos em hotéis. Ultimamente, o turismo em Aruba tem mostrado um crescimento constante.

Em 1991, a Coastal Oil Company reabriu a refinaria. junto com a indústria de turismo, ela proporciona a Aruba um dos mais altos padrões de vida no Caribe.

Diversos incentivos fiscais são oferecidos para encorajar o estabelecimento de novos empreendimentos industriais, projetos turísticos e empresas off-shore.

Geografia de Aruba

Localização

Situa-se ao sul do Caribe, 12º 30 min ao norte do Equador, a 70º de longitude oeste e apenas 29 km da costa da Venezuela. A ilha tem 31,5 km de comprimento, mede 9,6 km no seu ponto mais largo e possui 181 km² de território.

Clima

É sempre verão em Aruba. Seu clima é seco e ensolarado, a temperatura média e quase constante é 28º C. Nadar em suas águas puras revigora, e o sol dá um aspecto bronzeado e saudável. Lembre-se de que o sol é mais forte entre 14 e 14h20, e o uso de um protetor solar é recomendável.

A variação da temperatura do dia para a noite, e entre o inverno e o verão é em média de apenas 3,6ºC.

As chuvas são bem moderadas, com uma precipitação média de 245,5 mm por ano.

Gastronomia

A gastronomia de Aruba é muito variada. O profissionalismo e experiência dos chefs é mundial. Há mais de 200 restaurantes, que oferecem a melhor e a mais exótica variedade de massas, carnes, frutos do mar, comida internacional, caribenha, churrasco brasileiro e típica arubiana. Se preferir um lanche rápido, a ilha oferece uma grande variedade de fast-foods de conhecidas cadeias internacionais. ( PIZZA HUT, SUBWAY, DUNKIN'DONUTS, WENDY'S).

Língua

Os arubianos têm uma capacidade especial para línguas, falam o holandês, o inglês, o espanhol e o Papiamento que é a língua do povo. A lingua oficial é o holandês. O papiamento evoluiu de uma mistura de espanhol, holandês, português e uma pitadinha de inglês, francês e do idioma indígena. Muitos dos componentes da língua possuem uma cadência tal que produz um som melódico único.

Moeda

A moeda de Aruba é o Florin arubiano ( AFLS ), dividido em 100 centavos. Moedas de prata: 5, 10, 25 e 50 centavos e 1,2 e 5 florins. A moeda de 50 centavos - yotin - é provavelmente a mais conhecida, por ser quadrada.

O dólar americano é aceito em praticamente todos os lugares da ilha. Os bancos também fazem o câmbio de outras moedas estrangeiras.

Fuso Horário

É o mesmo durante todo o ano.

Uma hora a menos do horário de Brasília.

Topografia

Rara para uma ilha caribenha, devido ao clima seco, a vegetação inclui uma ampla variedade de cactus, situados entre formações rochosas interessantes, bem como as árvores Watapana (divi-divi), esculpidas pelos ventos alísios. Estradas sinuosas e praticamente escondidas levam você até as serras, cujo ponto mais alto é Yamamota.

No litoral sudoeste, existem mais de 11 km de praias brancas, emolduradas pelas palmeiras e consideradas uma das mais belas do mundo. O mar azul - esverdeado é calmo e cristalino, com visibilidade de até 30m de profundidade em alguns pontos. Por outro lado, o litoral nordeste é escarpado e selvagem, com ondas enormes e ensurdecedoras, quebrando na praia. Uma das provas da força destas ondas é a ponte natural mais alta e mais marcante do Caribe, que foi esculpida nos penhascos de coral em forma de um arco elevado.

Governo de Aruba

Aruba
Bandeira de Aruba

Em 1º de janeiro de 1986, Aruba tornou-se uma entidade separada dentro do Reino da Holanda. Antes, Aruba era membro das Antilhas Holandesas, incluindo o grupo das seis ilhas holandesas no Caribe.

Aruba
Brasão de Aruba

Com o novo status de Aruba, o Reino da Holanda tem três componentes separados:

Holanda, as Antilhas Holandesas e Aruba.

O Governo do Reino da Holanda se responsabiliza pela defesa e pelos assuntos externos do Reino. Os outros atos governamentais são realizados pelos países individualmente. 

O Reino da Holanda é uma monarquia constitucional hereditária. O sistema de governo de Aruba baseia-se em princípios democráticos ocidentais, nas suas leis e tradições.

Atualmente, a estrutura do Governo de Aruba é: 

Aruba tem um governo indicado pela Rainha para um mandato de seisanos e serve como representante da coroa na ilha.

Poder Legislativo

O Legislativo consiste de parlamento com 21 membros, eleitos publicamente para mandatos de não mais do que quatro anos.

Poder Executivo

O Conselho de Ministros representa o poder Executivo, e é presidido pelo Primeiro Ministro.

Poder judiciário

poder judiciário está na mão do Tribunal de Justiça Comum de Aruba e das Antilhas Holandesas e do Supremo Tribunal da Holanda.

Cozinha Arubiana

A gastronomia de Aruba é muito variada. O profissionalismo e experiência dos chefs é mundial. Há mais de 200 restaurantes, que oferecem a melhor e a mais exótica variedade de massas, carnes, frutos do mar, comida internacional, caribenha, churrasco brasileiro e típica arubiana. Se preferir um lanche rápido, a ilha oferece uma grande variedade de fast-foods de conhecidas cadeias internacionais. ( PIZZA HUT, SUBWAY, DUNKIN'DONUTS, WENDY'S).

Aperitivos

Sanger Yena: lingüiça arubiana, conhecida como "pudim preto" na Inglaterra. 
Scavechi: pescado frito à escabeche.

Sopas

Sopi di Pisca (peixe fresco); 
Bestia Chiquito (carneiro); 
Giambo (quiabo, bouillabaisse à moda de Aruba); 
Mariscos; 
Mondongo (dobradinha)

Pratos Principais

Balchi Pisca (bolinhos de peixe); 
Keri Keri (guisado de peixe gratinado: 
Keshi Yena (concha recheada com queijo; 
Komkomber Stoba (guisado de pepino arubiano); 
Monchi di Pisca (peixe à moda arubiana); 
Stoba di Bestia Chiquito (guisado de carneiro ou cabrito).

Acompanhamentos

Pan Bati (panqueca arubiana) 
Funchi (polenta arubiana)

Petiscos

Bolita di Keeshi (bolinho de queijo) 
Cala (bolinhos de ervilhas e feijão preto) 
Calco (concha do mar) 
Croquette (croquete de carne ou peixe) 
Pastechi (pastéis) 
Suls (carne de porco em conserva)

Sobremesas

Cocada (cocada) 
Dushi di Tamarijin (tamarindo agridoce) 
Quesillo (flan arubiano) 
Pan Bollo (pudim de pão) 
Soenchi (beijinhos de merengue)

Licores

Coecoei (típico) 
Ponche Crema (de gemada) 
Pink Panther (mistura destes dois licores) 
Os licores são encontrados em lojas de bebidas. Leve um gostinho de Aruba para a casa. Livros de receitas estão à venda nas livrarias

Pontos Turísticos e Outras Atrações

A Turnet poderá ajudá-lo a organizar uma série de excursões e atividades, ou você pode até fazê-las por conta própria. As suas opções são tão variadas quanto a ilha em si. Existem excursões de dia inteiro ou meio dia. Excursões arqueológicas e geológicas; para observação da natureza e dos pássaros, trilhas, mountain bike; jeep safáris; submarino e semi - submarino e cruzeiros em barcos de fundo de vidro.

Aruba

Os esportes, incluindo os esportes náuticos, são um capítulo à parte... por isso dedicamos capítulos exclusivos a eles.

Além disso, existem 11 cassinos na ilha. Alguns ficam abertos 24h por dia.

Aruba

Horários: caça-níqueis, a partir das 11h, e jogos de mesa, a partir das 13h até a madrugada.

Os horários variam de acordo com a época do ano. É expressamente proibida a entrada de menores de 18 anos.

Históricos

Forte Zoutman e a torre Guilherme III (o Museu Histórico de Aruba) em Oranjestad; o Museu Arqueológico; o Farol Califórnia; Wihelminastraat, com sua arquitetura antiga; o forno de cal em Ranchostraat, Oranjestad; as ruínas da mina de ouro de Bushiribana e Balashi; a capela de Alto Vista no litoral nordeste; a antiga igreja protestante em Oranjestad; as petografias das cavernas em Fontein e nas rochas do Parque Nacional de Arikok, e o altar de carvalho, esculpido à mão da igreja de Santa Anna, em Noord.

Aruba

Exposições:

- Artishock Galeria de Arte;

- De Man's Shell Collection;

- Galeria Eterno;

- Gasparito Restaurante;

- Mario's World-Wide Coin Collection;

- Galeria Harmonia;

Culturais

Cas di Cultura (Casa de cultura), situada em Vondellaan, Oranjestad, apresenta companhias de balé, concertos musicais, shows folclóricos e exposições de arte.

Artesanato local

Existem várias lojas onde se pode adquirir artesanato local, como quadros, lembrancinhas feitas à mão, cerâmica, artigos de madeira, couro, etc.

- Bonbini Festival;

- Creative Hands;

- Just Local;

- Rococo Plaza;

Paisagem

Aruba

As famosas paisagens de Palm Beach, Eagle Beach, Roger's Beach e Baby Beach; a Ponte Natural no litoral barlavento; Conshi, uma piscina natural; as formações rochosas de Ayo e Cashibari; as enseadas de Andicuri; Dos Playa e Boca Prins; o Cucunu (interior) com suas casa coloridas; o Desfiladeiro dos Franceses; o selvagem litoral norte; as dunas de Califórnia e Boca Prins e o campo de golfe Tierra del Sol.

Museus

- Museu Arqueológico;

- Museu Histórico;

- Museu Numismático;

Flora

Devido ao seu clima seco, a ilha tem cactus em abundância, as árvores Watapana (divi-divi) contorcidas pelo vento, o aloé (babosa) de qualidades altamente medicinais, o Flamboyant que floresce de junho a agosto e os pequenos e bem tratados jardins das casas com uma variedade de flores e folhagens tropicais.

Passeios de helicóptero:

A Colibri oferece excursões em helicópteros com ar - condicionado.

Fonte:  www.aruba.com.br

Aruba

Aruba

Aruba , uma ilha pequena e charmosa de apenas 32km de comprimento e 10km de largura,está situada a 60km ao norte da Venezuela sendo uma das ilhas que formam as Antilhas Holandesas. Sua capital Oranjestad é o centro comercial onde podemos encontrar shoppings, lojas de várias griffes famosas, restaurantes conhecidos principalmente que servem crabs (grandes carangueijos da região) e frutos do mar.

Uma ilha voltada ao turismo onde a maioria de sua população trabalha nos setores de hotelaria, cassinos, bares, restaurantes, e serviços que atendam ao turista.Apesar da língua oficial ser Holandês, os residentes falam Papiamento , (uma mistura de holandês , espanhol, português e inglês), o inglês e o espanhol que também são línguas faladas fluentemente.

O clima anual em Aruba é bom, a temperatura média de 26 graus sendo que no verão que é em janeiro e fevereiro, chega a 35graus. As chuvas são raras e rápidas de novembro a dezembro o que é bom para o turista mas ruim para a região que é seca e não nasce nada além de cactos.

Passear em Aruba é fácil , desde que seja de carro. Alugar um carro e dirigir por lá não tem nada de difícil. Os esportes voltados ao mar , dentre eles mergulho, passeios escuna, lancha, parapente , são procurados por muitos que vão passear na ilha.

Em Aruba existe uma área só de hotéis, um ao lado do outro, muitos tem cassino e muito bons restaurantes.

O dia não começa cedo porque dorme-se tarde, mas como o café da manhã do hotel normalmente vai até as 10h é melhor levantar , fazer um breakfast bem reforçado porque normalmente só fazemos duas refeições dia. Após o café, voltar para o apartamento, colocar trajes de banho, muito filtro solar, (em Aruba venta bastante e você nem sempre sente a força do sol) chapéu, bolsa com livro, walkman....preparativos para horas ao sol.

Em frente aos hotéis muitas espreguiçadeiras, cadeiras, ombrelones (não são pagas) estão a sua disposição, mas você tem que ser esperto. O turista tem uma péssima mania de ir cedo até a praia, marcar cadeiras e ombrelones com suas toalhas, fazendo uma “reserva” e depois saem para passear de barco, caminhar na areia... enquanto isso , ninguém se apropria do lugar. Quer dizer, muitos lugares vazios sem que você consiga um bom lugar para deitar a sombra.

Aruba é uma cidade preparada para o turismo, as praias refletem o ponto forte de Aruba. Com águas azuis e paisagens exuberantes, uma das que se destaca no litoral arubano é Palm Beach, a mais famosa de todas.

Hadikurari Beach é outra beleza da costa de Aruba e é conhecida por ser uma das mais propícias para a prática de snorkelling. Em Eagle Beach, não deixe de tirar fotos das árvores divi-divi, retorcidas por causa da ação do vento, tornando-se os principais símbolos de Aruba.

Vale a pena conhecer as igrejas coloridas de Aruba, entre elas a Igreja de Santa Anna, uma graciosa capelinha construída em 1776. Outra construção religiosa que deve ser visitada é a Igreja de Noord, cheia de detalhes esculpidos no final do século XIX.

Deixe o clima arubano te contagiar e aproveite cada instante da viagem. Nas badaladas noites da região, os cassinos são diversões perfeitas e, sem dúvida, irão entreter a família inteira. O agito mora em San Nicolas, a segunda maior cidade de Aruba. É naquela região que está localizado o Charlie's, um dos bares mais famosos que já levou muitos artistas à ilha.

Da família aventureira, tradicional a baladeira, a única certeza é que programas não irão faltar! Aproveite a variedade de passeios e pontos turísticos de Aruba e agende sua viagem. Com certeza, serão momentos inesquecíveis num paraíso sem palavras.

Se você quer descansar, passear, ver gente bonita , vá a Aruba e prepare-se, um dia vai querer voltar.

Fonte:  blogvemcomigo.blogspot.com.br

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal