Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Mumificação - Página 6  Voltar

Mumificação

O processo da Mumificação

Mumificação

Os Egípcios Antigos acreditavam que o corpo e a alma eram separados após a morte. A sobrevivência do corpo era necessária para a sobrevivência do ka,do ba e do akh.

Os Egípcios acreditavam que mantendo o corpo bem preservado haveria sempre uma morada para onde a alma poderia voltar.

A mumificação era um processo bastante demorado e trabalhoso e exigia pessoas qualificadas para tal processo.

A palavra múmia

O processo da mumificação consiste em cobrir o corpo com uma substância negra conhecida como betume. A palavra persa para betume é moumia de onde derivou o termo múmia.

As primeiras múmias

Elas surgiram há cerca de 3.000 anos na 1a. dinastia. A princípio as técnicas eram rudes mas foram se aperfeiçoando com o tempo.

A profissão de Embalsamador

Embalsamadores era a profissão de quem produzia as múmias , era um cargo de grande importância e prestígio no Antigo Egito. Haviam lugares especialmente construidos para tal finalidade aonde os embalsamadores trabalhavam, conhecido como a Casa da Purificação.

Mumificação

O processo da Mumificação

O processo era levar a múmia para a Casa da Purificação ou Per-nefer, aonde o corpo era preparado. Primeiramente o cérebro era extraído pelas cavidades nasais a partir do uso de finas pinças de ferro. Alguns embalsamadores preenchiam a cavidade do cérebro com betume. O cérebro não era preservado.

O próximo passo era remover os órgãos internos a partir de uma incisão no flanco esquerdo aonde , com uma faca de silex, eram retirados os pulmões, o fígado, estômago e intetinos. O coração era deixado no lugar, pois, segundo a tradição o coração era o lugar aonde residiam as emoções e não podia ser retirado.

Após a remoção dos órgãos o corpo erra coberto por um sal conhecido como Natrão, nome dado a proveniência deste sal, Wadi El-Natrun. O corpo então permanecia assim por cerca de 40 dias para desidratar.

Mumificação
clique para ampliar

Na próxima etapa o corpo era lavado e tratado com óleos aromáticos, bálsamos , goma arábica e cominho. Em certas épocas os órgãos internos eram embalsamados separadamente e colocados em vasos conhecidos como vasos canopos.

Também era de acordo com a época , os olhos eram cobertos com bolas de linho ou então eram extraídos e substituídos por olhos de vidro pintados.

Para manter a firmeza da pele uma camada de betume era aplicado sobre ela. Após esta fase o corpo estava pronto para ser coberto com bandagens de linho fino. Eram gastos entre 300 e 500 metros de linho por múmia.

O processo da Mumificação foi amplamente descrito no Textos Antigos das Pirâmdes.

Com a morte de Osíris, Deus da Morte, o cosmos se transformou em um caos, e as lágrimas dos deuses tornaram-se materiais usados na mumificação de seu corpo. Estes materiais incluiam mel, resinas e incensos.


Mumificação
Vasos Canopos

Fonte: www.starnews2001.com.br

voltar 1234567avançar
Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal