Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Ovos Das Aves - Página 3  Voltar

Ovos das Aves



 

Como se forma o ovo?

Nas fêmeas das aves só existe um ovário. Depois há um canal (oviduto) que comunica com o exterior na cloaca. Durante a cópula, o esperma é introduzido no oviduto e os espermatozóides sobem pelo canal até encontrar o óvulo, que vai ser fecundado por um só espermatozóide. Enquanto o óvulo desce pelo oviduto, as glândulas da parede do canal secretam albumina, que vai formar a clara do ovo. Depois no útero, forma-se a casca calcária.

Ovo das Aves

Quanto tempo demora a pôr todos os ovos de uma ninhada?

Cada ovo demora um certo tempo a sair para o exterior. Nos passeriformes, demora pelo menos um dia para saírem todos os ovos. No entanto, o intervalo entre a saída de cada ovo pode ser superior a uma semana em outros grupos de aves.

Também depende do alimento que existir, ou seja, da disponibilidade alimentar. Produzir um ovo implica gastar muita energia e reservas, como o cálcio. Por exemplo, nos anos de menores recursos, as andorinhas em vez de pôr 4 ovos em intervalos de 2 dias, podem só pôr 2 ovos com intervalos de 4 dias.

O ovo, quando é posto, já tem uma cria no seu interior?

Um ovo recém posto contém já um aglomerado de células em cima da gema, que vai crescer e multiplicar-se para formar a cria. Mas só se dá o desenvolvimento embrionário quando o ovo é incubado pelos pais, recebendo calor que vai provocar o seu desenvolvimento. Sem o calor dos pais, as crias não nascem.

Quem incuba os ovos? O macho ou a fêmea?

Isto varia de espécie para espécie. Na maioria das aves, esta actividade é partilhada pelos pais. Podem alternar várias vezes por dia ou então só alternar de semana a semana, como algumas aves marinhas.

Nas espécies monogâmicas, o bico de lacre é um caso extremo, pois os pais incubam simultaneamente os ovos.

Em outras espécies, só a fêmea incuba os ovos, enquanto o macho tem de alimentá-la. Nas espécies poliândricas, o macho é o único incubador. Em algumas espécies poliândricas, a fêmea tem vários ninhos com ovos e cada macho incuba os ovos. Ela só incuba os ovos do último ninho.

É possível incubar artificialmente os ovos?

Sim. Existem aparelhos que simulam a temperatura normal de incubação dos pais. Chamam-se incubadoras. São muito úteis para incubar ovos que, por qualquer razão, os pais abandonaram.

Porque há tantas formas diferentes de ovos?

Quando se compara ovos de espécies diferentes, torna-se evidente que há uma grande variação. Existem ovos quase esféricos e outros que se parecem com cilindros. Mesmo dentro de cada espécie pode haver uma variação muito grande, como no mergulhões.

Geralmente existe uma explicação para a existência de cada forma de ovo. Por exemplo, os ovos do airo-comum, quando rolam para fora do ninho, rodam em circulos e não vão muito longe. Isto é muito importante pois estas aves têm ninhos em penhascos ao pé do mar.

Por sua vez, os ovos cónicos de várias espécies de passeriformes podem juntar-se melhor no ninho devido à sua forma.

Ovos das Aves

Porque há tantos ovos diferentes em tamanho?

Geralmente quanto maior a ave, maior o ovo. Assim, os colibris têm os ovos mais pequenos e a avestruz tem os maiores ovos que existem no grupo das aves. Mas em comparação com o tamanho do adulto, a avestruz tem um dos menores ovos e o kiwi os maiores. O peso também pode variar dependendo do desenvolvimento das crias. As crias altriciais pesam menos do que as precociais.

Ovo da Ave

Ovo da Ave

Porque é que os ovos têm cores diferentes?

Existe uma variedade enorme de cores e padrões nos ovos. Este facto intrigou durante séculos os naturalistas. Os répteis têm quase sempre ovos brancos. Por esta razão pensa-se que os ovos brancos são de aves mais primitivas, mas a evolução geralmente não é tão simples. Durante milénios pode haver uma variação muito grande nos ovos de uma espécie, que é resultado da sua adaptação ao meio - é esta a explicação.

Os ovos estão adaptados às condições do meio. Assim, os ovos que não necessitam de camuflagem, porque são postos em túneis ou em ninhos cobertos, são claros. Não precisam de camuflagem porque estão sempre escondidos ou guardados pelos pais. Outros precisam de camuflagem e por isso são escuros.

Ovos de Aves

Porque é que há riscas e pintas em alguns ovos?

As cores dos ovos são formadas por pigmentos de dois tipos:

1. Um pigmento verde azulado (cianina) derivado da bilis. Torna os ovos brancos ou azuis e cobrem o ovo inteiro.

2. Pigmentos (ex: porfirina) que podem cobrir o ovo inteiro ou fazer riscas e outros padrões. As suas cores abrangemo amarelo e cor de rosa até ao vermelho, castanho e preto.

Ovos das Aves

Quando o ovo atravessa o útero, recebe estes pigmentos. Consoante os movimentos que o ovo faz no útero, vão-se formando riscas, pintas, etc.

Geralmente os ovos que necessitam de mais camuflagem, precisam de padrões mais variados e mais próximos das cores do terreno. Os vários padrões também podem ajudar os pais a reconhecer os seus próprios ovos, como se tratasse de impressões digitais. Isto geralmente acontece nas aves que vivem em colónias enormes, onde os ninhos parecem todos iguais.

Porque é que algumas aves poêm os seus ovos em outros ninhos?

Ovo das Aves

Existem cerca de 80 espécies que dependem de outras espécies para cuidar dos seus ovos. Um exemplo é o cuco. Este põe um ovo nos ninhos de outras espécies. Demora 10 segundos a pôr um ovo, enquanto remove um ovo da outra espécie. A cria do cuco nasce geralmente primeiro que as outras crias e empurra os ovos para fora. A cria "adoptiva" vai ser alimentada pelos seus novos pais até poder voar. Isto é muito mau para as aves hospedeiras pois não criaram nenhuma cria e gastaram um ano a criar uma cria estranha. Por isso, os indivíduos de cada espécie hospedeira tentam evoluir de modo a diminuir este efeito. Os cucos tentam também que os ovos sejam cada vez mais parecidos com os das outras espécies. O cuco é assim uma ave parasita. Nesta figura, ao lado de cada ovo de espécies diferentes, está representado o ovo de cuco que parasita cada uma destas espécies.

Queres saber mais?

Há muitos livros que falam dos ovos e outros assuntos afins, onde podes satisfazer a tua curiosidade.



 

Fonte: www1.ci.uc.pt

voltar 1 2 3 4 5 avançar
Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal