Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Culinária Holandesa  Voltar

Culinária Holandesa

A culinária holandesa atual tem uma longa tradição no que se refere às receitas ou nas combinações de pratos. Produtos locais são os mais usados nas receitas, como produtos lácteos, cereias, carnes, legumes e frutas, o peixe também é parte essencial na gastronomia do país.

Há também muita influência de outras culturas na cozinha holandesa, muitos ingredientes trazidos da Indonésia são usados pelos holandeses. Existem lojas especializadas em ingredientes exóticos que oferecem também legumes e frutas importadas.

O povo holandês gosta muito de coisas doces, pode-se encontrar sempre receitas de sobremesas nos livros de receitas. Uma guloseima típica da Holanda é o drop, feito de raíz doce, sais, açúcares, aglutinantes e outros aromatizantes.

Culinária Holandesa
Drop

O drop vem em diferentes formatos e cores.

Existem comidas e bebidas de tradições que só se usam em ocasiões especiais. Ao nascer um bebê servem às visitas o "beschuit met muisjes", um biscoito redondo besuntado com manteiga e decorado com confeitos azuis se for menino e cor de rosa se for menina.

Culinária Holandesa
Beschuit met muisjes

No Dia da Rainha, 30 de abril, bebe-se o Oranjebitter, licor de laranja, de cor condizente com a cor laranja da família real.

Culinária Holandesa
Oranjebitter

De maneira geral são feitas três refeições ao dia:

O café da manhã (ontbijt) consiste de cereais tipo muesli e corn flakes ou fatias de pão com pasta de amendoin, geléias, frios, queijos ou granulados de chocolate no pão, que na nossa culinária brasileira é usado somente como decoração para bolos de docinhos.

O almoço é servido aproximadamente às 13h e quase sempre é uma refeição de pão. Na Holanda existe uma variedade enorme de pães: pão integral do mais escuro ao mais claro, grandes, pequenos e de diversos formatos e alguns cobertos com diversos tipos de sementes.

O holandês é um grande consumidor de café e sempre serve-se uma bolachinha de manteiga ou um chocolate como acompanhamento.

Culinária Holandesa
Café

O jantar é servido por volta das 18h nas famílias holandesas. Os pratos com frequência são à base de peixe, mas também a carne de porco e frango são bastante usadas no cardápio do jantar além de batatas e legumes. As sopas são bastante apreciadas na Holanda e as mais comuns são as de tomate e de legumes. Encontra-se também nas mesas holandesas uma variedade grande de pratos indonésios, italianos, chineses e de outras cozinhas estrangeiras. Muitas vezes juntam-se ingredientes exóticos aos pratos tipicamente holandeses criando-se assim combinações surpreedentes. Geralmente após o jantar é servido um tipo de torta, eles não costumam dispensar a sobremesa. A refeição termina com o café com um bon-bon ou com a bolachina.

Não há dúvida que a culinária holandesa é rica e variada, além de todas as receitas de influência estrangeira, há pratos tipicamente holandeses tais como o "boerenkool" (um tipo de couve), o "rookworst" (salsicha defumada) , "borstplaat" (pasta de açúcar), entre outros tantos, que em outros países são totalmente desconhecidos.

História do stroopwafel

Culinária Holandesa
Stroopwafel

Stroopwafel, é a receita de biscoito mais antiga da Holanda, ela existe há vários séculos. É uma guloseima holandesa tradicional e, em geral, consumida pela manhã acompanhando café ou chá.

O waffle de caramelo ou melado (stroopwafel), ainda é fabricado de maneira artesanal, nas feiras abertas, usando chapa de ferro à gás. Enquanto o cheiro exala pela feira, os fregueses se amontoam para adquirir uma porção fresquinha recém saída da chapa quente.

O stroopwafel tradicional é feito com uma bolacha fina de waffle cortada ao meio e recheada com um caramelo muito especial. A melhor maneira de saboreá-lo é à temperatura ambiente ou levemente aquecido no forno de microondas ou na borda da xícara de chá ou café quente.

Culinária Holandesa
Stroopwafel

A receita de stroopwafel é guardada como segredo e só é passada de pai pra filho, geração após geração. As melhores receitas são dificílimas de serem descobertas.

A receita começou por um padeiro da cidade de Gouda em 1784 que fazia waffles de farelos e os recheava com melado de caramelo. Na verdade, o stropwafel era o produto feito de restos, portanto era um biscoito muito popular entre os pobres. Nessa época o biscoito era conhecido apenas em Gouda. Atualmente, cada padaria de Gouda tem sua própria receita. Dizem que cada holandês come aproximadamente 20 stroopwafels por ano.

Fonte: www.brasileirosnaholanda.com

Culinária Holandesa

Assim é a culinária holandesa. O cardápio rico em purês de batata e carne de porco é uma influência do país vizinho, Alemanha. Já o toque picante foi incorporado por causa de a Indonésia ter sido colônia da Holanda por mais de quatro séculos.

“Mas a mesa do holandês não chega a ser tão farta como a dos alemães. Ele é pão-duro mesmo (risos), ou melhor, prepara o que é necessário. Também fazem purês com cenoura, chucrute e chicória”, explica Patrick Peiters, proprietário do tradicional Warong (casinha de comer), que fica em Holambra (interior de São Paulo).

A carne bovina aparece no típico Hollandse Biefstuk, onde é grelhada na panela de ferro com champignons. Outro prato bastante característico é o hachee (carne cozida, em holandês), uma típica comidinha de mãe. A receita é feita com cubos de filé mignon ou alcatra empanados, temperados com especiarias, entre elas, cravo, noz moscada, pimenta, folha de louro e cebola. E claro, servido com salsichão e purê de batatas.

O arenque é muito popular na cozinha holandesa. Pode ser visto nos grandes mercados conservado em salmouras e servido ali mesmo com pão e cebola. Quando é curtido em vinagre recebe o nome de zure-haring. “Mas por ser difícil de encontrá-lo aqui substituo por sardinhas. Seu sabor só perde para a enguia defumada, também rara aqui no Brasil”, explica o chef Peiters.

Da influência indonesiana destaque para o Risjttafel (mesa de arroz), que na verdade se trata de um banquete típico. O comensal fica até perdido com tanta variedade de aromas e sabores.

Veja a listinha: Gado-Gado (salada de legumes com molho de amendoim), Rijst (arroz), Ayam Kerrie (frango ao curry), Babi Ketjap (pernil com molho de soja), Ikan Djahe (peixe com molho de gengibre), Saté Met Pindasaus (espetinho de filet com molho de amendoim), Sambal Goreng Oedang (camarão ao leite de coco), Atjar Tjampoer (picles misto), Rempah (bolinho de carne moída com coco), Sambal (molho de pimenta caseira suave).

Culinária Holandesa

Fonte: vilamulher.terra.com.br

Culinária Holandesa

A culinária Holandesa é uma mistura de outras cozinhas do mundo com um toque de ingredientes holandeses, as principais influências são das cozinhas da Alemanha e da Indonésia. Produtos locais são muito usados nas receitas, como produtos lácteos, cereais, carnes, legumes e frutas, peixe e batatas são essenciais na gastronomia do país.

Alguns pratos típicos que se destacam são:

Stroopwafel

Culinária Holandesa
Stroopwafel

Um tipo de “Wafel”(tipo de biscoito) Holandês servido com Syrup (Caldo doce e melado)

Kroket

Culinária Holandesa

Salgadinho frito recheado de carne, bem conhecido dos brasileiros que tem origem holandesa.

Stamppot

O prato consiste em purê de batata, legumes como cenoura, verduras e uma salsicha especial holandesa.

Heineken

Mundialmente famosa cerveja Holandesa.

Fonte: www.queromorarfora.com

Culinária Holandesa

A culinária holandesa tem como ingrediente principal a batata, que, geralmente, vem acompanhada de carnes e vegetais cozidos. Os temperos picantes não costumam fazer parte dos componentes dos alimentos.

As especialidades mais conhecidas dos Países Baixos são o arenque cru, as enguias fumadas e a sopa de ervilhas. Os queijos também fazem parte das suas tradições culinárias e os mais populares são o Edam e o Gouda.

Outras refeições muito comuns na Holanda são:

  • krentenbroodjes (bolo com passas)
  • broodjes (sanduíches)
  • hutspot (batatas, cenouras e cebolas)
  • klapstuk (um acompanhamento feito de carne de vaca cozida)
  • boerenkool met rookworst (repolho crocante e batatas servidos com salsicha defumada).
  • Quanto a sobremesas, as favoritas dos holandeses são: flensjes ou pannekoeken (25 variedades de panqueca holandesa), wafels met slagroom (wafles com creme de chantilly), poffertje (bolinhas de farinha fritas e cobertas com açúcar) e spekkoek (uma espécie de bolo de bacon).

    O consumo de lacticínios como leite, queijo, requeijão e derivados é bastante comum entre os holandeses. É por isso que alguns cientistas afirmam que os lacticínios contribuem para a sua elevada média de altura.

    Em relação às bebidas, a cerveja holandesa é muito famosa e servida gelada e em copos pequenos (een pils). As cervejas de sabor suave mais conhecidas são a Heineken e a Amstel. As mais fortes são a Oranjeboom e a Grolsch. A ginebra (jenever) é outra das bebidas mais populares da Holanda.

    As mulheres são normalmente as que se sentam primeiro à mesa e não fica bem começarem a comer sem a dona da casa dizer "Eet smakelijk" (coma deliciosamente).

    Fonte: www.voos.net

    Culinária Holandesa

    Tal como nos diz Van Gogh através do título de um dos seus mais famosos quadros, os holandeses são "Aardappeleters", ou seja, "comedores de batatas".

    De fato, as batatas são um ingrediente fundamental na culinária dos Países-Baixos, sendo frequentemente acompanhadas de carne e de vegetais cozidos.

    Os holandeses não utilizam muitos condimentos na confecção de pratos, e gostam muito de juntar caldo de carne a tudo.

    Hoje em dia, contudo, devido às fortes tendências expansionistas dos holandeses e aos inúmeros intercâmbios culturais, podemos encontrar influências de todo o mundo na culinária holandesa.

    Como seria de esperar, num país onde a produção de leite e derivados é das mais elevadas da Europa, os ingredientes lácteos entram na maioria das suas preparações culinárias.

    Como pratos holandeses mais conhecidos temos o Vla (pudim doce, muito espesso, à base de leite, que pode ser de chocolate, baunilha, morango, etc.), os Pofferties (panquecas pequenas que são servidas quentes, polvilhadas com açúcar), o Drop, (um doce - de alcaçuz - que tem imensas formas e sabores), a Salada Hussarda, o Stamppot (refeição rústica à base de batata esmagada, com inúmeras variantes, como Wortel Stamppot - de cenoura, Andijvie Stamppot - de endívia), geralmente acompanhado de Rookworst (um tipo de salsicha suculenta), as Patat, (batatas fritas, normalmente servidas com maionese e cebola), a Vaca Estufada, os Kroket e Frikandel (croquetes e pastéis de carne), o Haring (prato à base de arenque cru e cebola crua), o Vlaai (bolo ou tarte doce do Sul da Holanda com recheio de frutas e o Bluff à Haia.

    Fonte: comezainas.clix.pt

    Culinária Holandesa

    O principal ingrediente das refeições holandesas tradicionais é a batata, geralmente acompanhada por carne e vegetais cozidos. O holandês não utiliza temperos picantes e usa bastante molho de carne sobre os alimentos. O consumo de laticínios é muito alto o que, de acordo com alguns cientistas, contribui para a elevada média de altura dos holandeses.

    Um típico café da manhã holandês consiste em diversas variedades de pães, finas fatias de queijos fabricados no país, frios, salsichas, manteiga, geléia, mel e frequentemente ovo cozido, acompanhados por café, chá, chocolate e suco de frutas. As mais populares variedades de pão são os escuros e de grãos. Comum também é o uso de pasta de chocolate no pão, bem como os krentenbroodjes (bolo com passas).

    10h30min é hora do tradicional cafezinho que não é exatamente uma xícara de café na Holanda! O cafezinho, forte e servido em xícaras pequenas, é para ser saboreado acompanhado de uma boa conversa ou de uma leitura dos jornais. É servido e respeitado em todos os lugares: em casa, no escritório, lojas e escolas.

    O almoço, durante o dia de trabalho, consta normalmente de uma refeição com pão, frios fatiados, queijo e conservas, acompanhados geralmente por um omelete, torta ou salada. A típica refeição ligeira é composta de broodjes (sanduíches) que são servidos nas broodjeswinkels (bares de sanduíches). Panquecas recheadas também são comuns.

    As refeições mais substanciais são reservadas para o jantar: erwtensoep (sopa de ervilha servida com salsicha defumada, bacon e pão preto), groentensoep (caldo claro com vegetais, massa e almôndegas), hutspot (batatas, cenouras e cebolas), klapstuk (um acompanhamento feito de carne de vaca cozida) e boerenkool met rookworst (repolho crocante e batatas servidos com salsicha defumada).

    17h é hora de mais uma parada tradicional para um drink ou borrel, como os holandeses chamam, que consta normalmente de um copo de cerveja ou uma dose de jenever (gin holandês), normalmente bebido puro e gelado, ou um copo de vinho acompanhado de queijos, nozes, biscoitos salgados ou bitterballen, espécie de almôndegas de carne que são comidas com o auxílio de palitos e mergulhadas na mostarda.

    Os frutos do mar são excelentes e variados no país e incluem: gebakken zeetong (linguado grelhado), ostras imperiais, camarões, mexilhões, lagostas e enguias (defumada, filetada e servida sobre torradas ou cozida ou frita). As sobremesas favoritas dos holandeses são flensjes ou pannekoeken (25 variedades de panqueca holandesa), wafels met slagroom (wafles com creme de chantilly), poffertje (bolinhas de farinha fritas e cobertas com açúcar) e spekkoek (uma espécie de bolo de bacon).

    A cerveja holandesa é famosa e é servida gelada e em copos pequenos (een pils). Os licores holandeses são excelentes e dentre eles, podem ser citados o Curaçao e versões holandesas do creme de menta, licor de damasco e anisete.

    Uma curiosidade: pratos da culinária internacional são oferecidos por diversos restaurantes nas cidades maiores e a comida da Indonésia tornou-se parte integrante da cozinha nacional holandesa.

    As mulheres, normalmente sentam primeiro à mesa e é de bom tom não começar a comer antes de a dona da casa indicar, dizendo "Eet smakelijk" (coma deliciosamente). Mesmo as crianças devem esperar que todos acabem a refeição antes de levantar da mesa. É considerado falta de educação comer os pratos salgados utilizando apenas o garfo e a sobremesa não deve, em hipótese alguma, ser comida com garfo, apenas com uma colher pequena.

    Fonte: www.edukbr.com.br

    Culinária Holandesa

    Cozinha Holandesa

    Stroopwafel

    Ingredientes para fazer os waffles

    250 gramas de farinha de trigo
    125 gramas de manteiga derretida
    75 gramas de açúcar cristal
    1 ovo grande
    25 gramas de fermento seco para pão (gist)
    1 colher de sopa de água morna salgada

    Ingredientes para o recheio de caramelo

    200 gramas de melado de cana
    125 gramas de açucar mascavo
    100 gramas de manteiga derretida
    1 colher de chá de canela em pó

    Modo de fazer os waffles

    Dissolva o fermento seco na água morna salgada.

    Misture na farinha de trigo a manteiga, o açúcar, o ovo e por fim o fermento dissolvido. Misture bem todos os ingredientes e deixe descansar de 30 a 60 minutos. Enrole a massa e depois corte as bolinhas.

    Coloque as bolinhas em uma grelha própria para fazer waffles com temperatura bem alta e feche a grelha. Deixe assar por uns 30 segundos. Abra a grelha para retirar o waffle e corte-o ao meio em duas fatias fininhas que deverão receber o recheio de caramelo.

    Modo de fazer o recheio

    Derreta o açúcar mascavo na panela, coloque a manteiga, a canela em pó e o melado mexa bem até dar um ponto de calda mais encorpada.

    Passo-a-passo para fazer stroopwafel

    Culinária Holandesa
    Depois de deixar a massa descansar corte as bolinhas

    Culinária Holandesa
    Coloque a bolinha da massa na grelha de fazer waffle com temperatura bem alta

    Culinária Holandesa
    Retire o waffle da grelha com cuidado

    Culinária Holandesa
    Se quiser, recorte-o com a forma redonda para deixá-lo bem aparadinho

    Culinária Holandesa
    Corte-o ao meio

    Culinária Holandesa
    Coloque o recheio de caramelo na parte interna da fatia

    Culinária Holandesa
    Cubra-o com a outra metade da fatia e está pronto!

    Cozido com couve holandesa (stamppot boerenkool)

    Ingredientes

    1 kg de batatas
    1 kg de couve holandesa picada, sem os talos
    manteiga
    leite
    pimenta do reino moída na hora,
    sal
    linguiça defumada
    toucinho defumado

    Modo de Preparar

    Cozinhe as batatas descascadas e a couve holandesa depois escorra.
    Cozinhe ou frite a linguiça defumada em fogo baixo.
    Corte o toucinho em cubos e frite até ficar crocante.
    Amasse as batatas com o amassador(aardappelstamper) e misture o leite, a manteiga, a pimenta e o sal até formar um purê, e adicione a couve holandesa.
    Coloque a mistura para uma travessa, decore com pedaços de linguiça e toucinho e leve ao forno por 10 minutos a 180°.

    Variações

    No lugar da linguiça pode-se usar carne cozida com o caldo da carne em uma cavidade no centro do cozido; gratine o cozido com queijo.

    Pode-se preparar o cozido com qualquer outra verdura: outros tipos de repolho, alho-poró, chicória ou o que estiver à mão.

    Sopa de Tomate (Tomatensoep)

    Culinária Holandesa

    Ingredientes para o caldo

    Aproximadamente 400 gramas de carne de vaca
    1 1/2 litro de água
    1 cebola
    1 cenoura
    1 raminho de salsa
    sal

    Para a sopa de tomate

    750 gramas de tomate próprio para sopa
    1 cebola
    2 folhas de louro
    35 gramas de farinha de trigo
    35 gramas de manteiga
    1 colher de sopa de caldo de limão
    sal a gosto
    pimenta a gosto

    Modo de Preparar

    Descasque e pique a cebola em pedaços grossos. Limpe a cenoura e corte em pedacinhos. Leve a água ao fogo com os legumes e os temperos, quando começar a ferver, junte o pedaço de carne. Tampe a panela e deixe cozinhando em fogo brando por aproximadamente 4 horas sem deixar ferver. Para obter um caldo claro, retire a espuma com uma escumadeira e passe-o por um pano limpo para coá-lo bem.

    Aqueça novamente o caldo. Corte os tomates em pedacinhos e junte-os ao caldo com as folhas de louro e cebola. Deixe cozinhando em fogo brando por cerca de 30 minutos. Retire as folhas de louro e passe-a por uma peneira e leve-a ferver.

    Em outra panela, derreta a manteiga, adicone a farinha toda de uma vez e mexa até que se forme uma bola. Junte, pouco a pouco a sopa peneirada, mexendo sempre bem entre adição. Deixe a sopa cozinhar em fogo brando por aproximadamente mais 10 minutps e tempere com sal, pimenta e o caldo de limão. Se quiser uma sopa ainda mais saborosa, misture 1/8 de iogurte natural ou creme de leite, previamente misturado em algumas colheres de sopa quente. Mexa bem e não deixe ferver outra vez.

    Croquetes - Kroketten

    Ingredientes

  • 150g de carne magra de vitela
  • 1 ½ dl de água
  • sal
  • cebola, cenoura, salsa
  • tomilho, noz-moscada e pimenta branca em grão
  • 20g de manteiga
  • 20g de farinha de trigo
  • 02g (duas gramas) de gelatina
  • ½ colher de sopa de creme de leite fresco (slagroom) ou leite
  • umas gotas de suco de limão
  • farinha de rosca
  • 1 ovo para empanar (uma clara de ovo batida com uma colher de sopa de água)
  • óleo para fritar
  • salsa
  • Modo de Preparar

    Ferva 1 ½ dl de água. Junte a carne, os legumes, o sal e os outros temperos e, quando a fervura levantar, deixe cozer cerca de 30 minutos, até que a carne fique macia. Coe o caldo e, se preciso, adicione água até obter 1 ¼ dl. Retire os temperos e os legumes e, se for o caso, limpe a carne de pele e de ossos. Desfie a carne. Derreta a manteiga, adicione a farinha e mexa deixando cozer sem ganhar cor (molho branco). Junte o caldo de uma só vez. Leve este creme à fervura, mexendo sempre. Retire o tacho do fogo e junte a gelatina dissolvida em água fria e bem escorrida. Deixe-a dissolver completamente.

    Junte ao preparo a carne cortada, assim como o creme de leite fresco (ou leite) e o suco de limão e tempere com sal e pimenta. Deixe descansar num prato fundo e em local fresco até que o preparado tenha diminuído de tamanho e solidificado. Divida-o em quatro ou cinco partes iguais.

    Forme, com a ajuda de duas colheres,”pãezinhos” compridos, de cerca de 10cm de comprimento. Devem ficar bem lisinhos. Passe os croquetes na farinha de rosca. Se necessário volte a alisá-los e dar-lhes forma. Passe-os depois pelo ovo batido e outra vez na farinha de rosca.

    Frite os croquetes no óleo previamente aquecido até ficarem bem corados. Deixe-os escorrer bem e sirva imediatamente. Use a salsa para guarnecer.

    Dica

    Os croquetes podem ser comidos puros ou num pãozinho. Acompanhados de batatas fritas formam a refeição rápida mais popular da Holanda.

    SOPA DE ERVILHAS À MODA HOLANDESA (ERWTENSOEP)

    Ingredientes

    250 g de ervilhas frescas
    250 g de costelinha de porco
    150 g de linguiça defumada
    75 g de bacon
    250 g de batatas
    100 g de cenoura
    ½ alho poró
    Salsinha, pimenta do reino, vermelha, e sal a gosto

    Modo de Preparar

    Deixe as ervilhas de molho em 1 lt de água durante 12 horas. Após isso escorra a ervilha e reserve. Coloque a água em uma panela e cozinhe a costelinha, linguiça e o bacon durante uma hora, em seguida coloque as ervilhas e deixe mais uma hora cozinhando em fogo baixo.

    Retire as carnes pique em tamanhos pequenos e reserve. Junte à sopa, as batatas, a cenoura e o alho poró, e cozinhe por mais meia hora.

    Quando os legumes estiverem prontos, retire o caldo que se formou passando por uma peneira, reserve. Amasse todos os legumes na panela usando uma colher de pau, junte as carnes, o caldo, e tempere com a pimenta, sal e salsinha a gosto.

    Torta Holandesa

    Culinária Holandesa

    Ingredientes

    Creme

    3 gemas peneiradas
    200 g de açúcar
    250 g de manteiga sem sal
    2 latas de creme de leite sem soro (reserve o soro para umedecer os biscoitos)
    Crocante de pistaches (opcional)
    2 xícaras (chá) de açúcar
    1 xícara (chá) de pistaches sem sal triturados

    Recheio

    2 pacotes de biscoitos maisena
    1/2 xícara (chá) de licor de cacau

    Cobertura

    1 xícara (chá) de leite
    4 colheres (sopa) de cacau em pó
    2 colheres (sopa) de açúcar
    1 colher (café) de manteiga

    Modo de Preparar

    Creme: bata as gemas com o açúcar e a manteiga, até esbranquiçar. Junte o creme de leite e misture. Crocante: caramelize o açúcar, retire do fogo e acrescente imediatamente o pistache. Mexa e despeje a mistura em uma superfície untada com manteiga. Depois de frio, quebre em pequenos pedaços. Cobertura: leve todos os ingredientes ao fogo, mexendo sempre, até que engrosse ligeiramente. Despeje a calda ainda quente sobre a torta. Montagem: em uma fôrma de aro removível revestida com filme plástico, coloque uma camada fina de creme, forrando o fundo. Misture o soro reservado com o licor de cacau e umedeça os biscoitos.

    Coloque os biscoitos sobre o creme e, em seguida, o crocante de pistaches. Repita a operação, finalizando com o creme. Leve à geladeira por aproximadamente 3 horas. Retire da geladeira, desenforme e aplique a cobertura. Decore a lateral com biscoitos Calipso ou rendas de chocolate. Se preferir, decore com chocolate branco.

    Torta Holandesa

    Massa

    1 pacote de bolacha tipo Maria
    100 g de manteiga

    Recheio

    200 g de cream cheese
    200 g de chocolate branco
    1 lata de creme de leite
    1 colher (chá) de baunilha
    2 colheres (sopa) de açúcar
    2 colheres (chá) de gelatina incolor
    2 claras em neve

    Montagem

    Bolacha tipo Calipso
    100 gr de chocolate meio-amargo
    1/2 lata de creme de leite (opcional)

    Preparo

    Triture a bolacha Maria, no liquidificador ou processador de alimentos. Derreta a manteiga, colocando em uma tigela por 1 minuto no microondas, e misture à farofa de bolacha. Forre com esta mistura o fundo de uma fôrma de aro removível, pequena ou média, apertando com as costas de uma colhar. Leve à geladeira.

    Derreta o chocolate em banho maria ou no microondas, coloque o cream cheese na batedeira com o açúcar e bata até estar bem cremoso, acrescente o chocolate derretido e o creme de leite, coloque a essência de baunilha. Misture um pouco de água à gelatina e leve ao microondas, em uma tigelinha, por 20 a 30 segundos, apenas para dissolver o pó de gelatina na água (não deixe ferver). Misture a gelatina à mistura da torta. Bata as claras em neve e misture delicadamente com o outro creme.

    Arrume as bolachas Calipso de pé, na borda da fôrma, e coloque o recheio. Leve à geladeira por, no mínimo, 6 horas, para firmar o recheio. Decore com raspas de chocolate meio amargo.

    Observação

    O ideal é colocar as bolachas Calipso na forma antes de se preparar o fundo da torta. Para isto, precisa-se um pouco mais de prática para apertar a farofa de bolachas Maria no fundo sem quebrar as bolachas Calipso. A torta fica mais bonita desta maneira.

    Dica

    Para variar ou para ficar igual a torta da doceria, derreta o chocolate meio amargo no microondas (potência média 50%) e misture com 1/2 lata de creme de leite. Despeje esta cobertura sobre a torta, ao invés das raspas de chocolate.

    Torta Holandesa

    Culinária Holandesa
    Torta Holandesa

    Ingredientes (Geral)

    400g de biscoito doce (do tipo Maria)
    6 colheres (sopa) de margarina
    Ingredientes (Recheio)
    400g de creme cheese
    400g de chocolate ao leite
    400 de doce de leite pastoso
    1 pacotinho de creme de leite (200g)

    Ingredientes (Cobertura)

    1 pacotinho de creme de leite (200g)
    100g de chocolate meio amargo
    1 pacote de biscoito próprio para torta holandesa

    Preparo (Geral)

    Triture aos poucos o biscoito doce no liquidificador. Coloque numa vasilha o biscoito já triturado e a margarina. Misture bem com as mãos até obter uma farofa. Espalhe a massa numa no fundo da assadeira de fundo falso medindo 25cm de diâmetro. Aperte bem a massa com o auxilio de uma colher. Em seguida deixe gelar por aproximadamente uns 10 minutos.

    Preparo (Recheio)

    Coloque o chocolate ao leite picado num pirex de vidro, leve ao microondas por aproximadamente 1 minuto e meio ou até que desmanche. Em seguida retire do microondas e junte o creme de leite e depois o doce de leite, mexa para que se agregue bem, em seguida misture o creme cheese e mexa mais um pouco. Coloque por cima da massa que esta na forma.

    Preparo (Cobertura)

    Desmanche o chocolate no microondas por 1 minuto e meio, acrescente o creme de leite, misture bem e cubra a torta espalhando bem por cima. Leve a geladeira por 6 horas. Após gelar desinforme a torta, corte os biscoitos ao meio e decore colocando em volta da torta.

    Rendimento

    12 porções

    Tempo de preparo

    30 minutos

    Torta Holandesa

    COBERTURA DE CHOCOLATE

    Ingredientes

    100ml de creme de leite fresco
    50g de chocolate em barra

    Modo de preparar

    Derreta o chocolate em banho-maria e em seguida acrescente o creme de leite e deixe cozinhar um pouco. Reserve.

    CREME GELADO

    Ingredientes

    150g de manteiga com sal ou margarina comum
    100ml de leite condensado
    150ml de creme de leite fresco (batido à parte em ponto de creme chantilly)
    50g de leite em pó
    30g de gemas
    80g de biscoitos de chocolate.

    Modo de preparar

    Bata na batedeira em velocidade baixa, a manteiga, o leite condensado, o leite em pó e as gemas. Depois misture tudo, em seguida coloque em fôrma de fundo falso.
    Depois coloque os biscoitos nas laterais e preencha com o creme e deixe gelar por 4 horas.

    Após isso coloque a cobertura e decore a seu gosto.

    Bolacha Holandesa

    Ingredientes

    amêndoas peladas e picadas
    150 gramas de manteiga
    ¼ de farinha de trigo
    1 pitada de sal
    açúcar à gosto

    Modo de Preparar

    Adicionar à farinha de trigo, a manteiga e o sal, trabalhando bem a massa. Durante 15 minutos, deixar a massa descansar. Em seguida, abrir a massa com o rolo, até ficar com meio cm. de espessura. Cortar com a boca de uma xícara de café. Tomar depois as rodelas, passando de um lado, farinha de trigo e de outro lado, açúcar, colocando-as em tabuleiro untado. A parte passada na farinha, fica sobre o tabuleiro e a parte passada no açúcar, fica para o lado de fora. Dourar as bolachas, com gema batida e salpicar por cima com as amêndoas ou amendoins. Levar ao forno quente. Se quiser, enfeitar com pedacinhos de goiabada.

    Panquecas Holandesas

    Ingredientes

    FAR. DE TRIGO 2 xic.de cha
    FERMENTO EM PO 2 col.de sopa
    LEITE 1 xic.de cha
    MANTEIGA 0,5 xic.de cha
    OVO 2 unidade(s)
    PASSAS 1 xic.de cha
    SAL 2 pitada(s)

    Modo de Preparar

    Peneire juntos a farinha de trigo, o sal e o fermento em pó. Bata no liquidificador os ovos e o leite e acrescente aos poucos o pó peneirado. Pique as passas e misture-as, sem bater, à massa. Frita as panquecas, dos dois lados, na manteiga. As panquecas holandesas devem ser fritas colocando-se 3 pequenas porções da massa, em cantos diferentes da frigideira, na mesma fritada.

    Rendimento

    4 Porções

    Balkenbrij

    Ingredientes

    2 colheres (sopa) de farinha de trigo
    3 colheres (sopa) de banha
    1 quilo de cabeça de porco
    50 gramas de manteiga
    sal e pimenta-do-reino
    1 ramo de cheiro
    2 folhas de louro
    4 cravos-da-índia
    2 cebolas

    Modo de Preparar

    Cozinhar em água salgada a cebola, o cravo-da-índia, o louro e o ramo de cheiro e a cabeça do porco, cortada em pedaços quadrados, durante 4 horas; na banha, misturar a farinha de trigo e regá-la com o caldo, deixando ferver por 5 minutos; juntar a carne e despejar tudo em uma fôrma, dentro da geladeira; para servir, retirar da fôrma, cortá-lo em fatias mais ou menos grossas e acompanhá-lo de geléia de maçã.

    Coroa de Carne à Holandesa

    Ingredientes

    1 colher (sobremesa) de colorau
    1 colher (sopa) de limão (sumo)
    2 colheres (sopa) de queijo ralado
    1 colher (sopa) de aipo
    250 gramas de carne de vaca (picada)
    1 pitada de orégãos
    ½ cebola
    pimenta
    1 ovo
    sal

    Modo de Preparar

    A carne deve ter pouca gordura. Misturar a carne picada com o sumo de limão e juntar a cebola finamente picada, o aipo picado, o queijo ralado e temperar a gosto com o colorau, os orégãos, o sal e a pimenta. Juntar o ovo cru, amassar tudo muito bem com as mãos e discolocar a mistura numa forma com furo forrada com papel vegetal culinário húmido. Levar a forno previamente aquecido a temperatura moderada durante 20 minutos. Servir com molho de tomate e salada ou verduras cozidas.

    Costeleta de Porco Holandesa

    Ingredientes

    1 costeleta de porco por pessoa
    1 pitada de pimenta-do-reino
    500 gramas de chucrute
    4 fatias de abacaxi

    Modo de Preparar

    Misturar o abacaxi e o chucrute e colocá-los em um prato, que resista ao forno; condimentar; frigir as costeletas de porco e colocá-las sobre o chucrute, terminando o cozimento no forno.

    Molho Holandês

    Ingredientes

    100 ml de vinagre de vinho branco
    100 gramas de manteiga
    6 gemas
    sal

    Modo de Preparar

    Levar o vinagre a cozinhar em banho maria até o líquido reduzir para aproximadamente metade, altura em que deve juntar 2 colheres (sopa) de água fria, as gemas batidas, o sal e metade da manteiga, batendo energicamente com as varas até que se dissolver tudo. Deixar ferver até engrossar, mexendo sempre, e juntar lentamente a restante manteiga derretida, alternadamente com colherinhas de água fria. Mexer bem, temperar com sal a gosto e servir imediatamente.

    Salada Hussarda

    Ingredientes

    6 colheres (sopa) de maionese
    1 colher (sopa) de vinagre
    1 lata de cebolinha (alho francês ou alho pôrro)
    400 gramas de restos de carne
    100 gramas de ervilhas
    6 pepinos de conserva
    300 gramas de batatas
    folhas de alface
    1 maçã reineta
    pimenta
    1 pimento
    sal
    salsa
    1 ovo

    Modo de Preparar

    Cozer as batatas e as ervilhas em água com sal. Cortar as batatas e a carne em cubos e misturar tudo. Descascar a maçã, retirar os caroços, e corte-a em cubos. Lavar e limpar o pimento, cortar ao meio e reservar metade, cortando a outra em cubinhos em cubinhos e junte-os à carne e às batatas. Adicionar ervilhas, metade da lata de cebolinhas às tiras e os pepinos, estes últimos também cortados. Temperar com vinagre, maionese, sal e pimenta, mexendo tudo muito bem. Lavar a alface e discolocar as folhas numa travessa. Colocar a salada em cima das folhas de alface e guarneça com as cebolinhas, os pepinos, o ovo cozido cortado às rodelas, o restante pimento cortado em tirinhas e folhas de salsa.

    Sopa Verde ao Queijo

    Ingredientes

    1 colher (sopa) de leite ou creme
    250 gramas de repôlho fresco
    200 gramas de feijão branco
    1 litro de caldo de carne
    100 gramas de manteiga
    100 gramas de queijo
    4 alhos porros
    2 cebolas
    1 couve-flor
    3 salsões

    Modo de Preparar

    Cozinhar os feijões e amassar, regando com o caldo de carne; frigir levemente na manteiga os legumes e as cebolas; depois de 10 minutos, despejar o caldo sobre os legumes; cortar a salsa e ralar o queijo, juntando-os à sopa, acrescentando a colher de leite; o tempo de cozimento do feijão depende se são frescos ou não; no primeiro caso, trinta minutos; no segundo, três horas.

    Toast Wilhemina

    Ingredientes

    20 gramas de queijo holandês (Gouda ou Edan)
    1 limão sal e pimenta-do-reino
    10 gramas de amêndoa
    250 gramas de azeite
    4 fatias de abacaxi
    fatias de pão
    1 ovo

    Modo de Preparar

    Preparar, como se prepara uma maionese, misturando o queijo cortado em forma de dado, as amêndoas picadas e os fatias de abacaxi. Colocar tudo sobre fatias de pão torrado.

    Vitela Holandesa

    Ingredientes

    2 colheres (sopa) de vinagre de vinho tinto
    100 gramas de margarina
    4 cravinhos da Índia
    40 gramas de farinha
    12 grãos de pimenta
    ½ quilo de cebola
    folhas de louro
    750 ml de água
    1 quilo de vitela
    sal

    Modo de Preparar

    Temperar a carne com sal. Derreter a manteiga ou a margarina e deixar aquecer bem. Fritar a carne uniformemente até alourar. Juntar a cebola grosseiramente picada e deixar fritar. Retirar a carne da frigideira, cortar em cubos e adicionar à cebola, juntamente com a água, as especiarias e o vinagre. Retirar as folhas de louro, os cravinhos e os grãos de pimenta. Se necessário, engrossar o molho com um pouco de farinha desfeita em água. Retificar os temperos. Servir com batatas cozidas ou puré de batata.

    Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal