Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Gelo Seco - Página 2  Voltar

Gelo Seco

 

O gelo seco é o gás carbônico sólido e a fumaça que solta sugere mudanças em seu estado físico.

Em outras palavras, trata-se de uma porção resfriada de tal gás, que conforme esquenta passa para os estados líquido e gasoso.

O fenômeno tem um visual realmente cinematográfico, assemelhando-se à formação de uma grande nuvem.

Gelo Seco
Gelo seco

Como é feito o gelo seco

Antes de saber como o gelo-seco é feito, precisamos explicar que, ao contrário do gelo "molhado", ele não é feito de água (H2O), e sim de dióxido de carbono, o CO2 .

Se na forma gasosa o CO2 é o famoso gás carbônico, no estado sólido ele é o gelo-seco que sorveteiro usa para o picolé não derreter na praia.

O gelo seco não é tóxico e não deixa resíduos,pois ele passa de sólido para vapor sem passar pelo estado líquido.

Para fabricá-lo, é preciso coletar matéria-prima.

Embora o gás carbônico esteja presente na atmosfera, os fabricantes não o retiram do ar, e sim do "lixo" da produção de outras substâncias.

A produção de amônia, por exemplo, libera CO2, que é sugado por uma chaminé para um tanque especial. Nesse lugar, ele é resfriado e comprimido até atingir uma temperatura de -28 ºC e uma pressão de 300 psi, cerca de dez vezes a pressão dentro de um pneu de carro. O gelo seco pode ser estocado em tambores, contêiner ou caixa de isopor. Deve-se evitar abrir desnecessariamente os recipientes para que o gelo seco não troque calor como ambiente e se evapore.

A partir daí, basta abrir a válvula que fecha o tanque num ambiente com pressão normal. "Quando isso ocorre, o CO2 se expande. Metade dele vira sólido, metade vira gás. Nós usamos a parte sólida, um gelo-seco bem fininho, que será prensado no formato de blocos, cubos ou pequenos cilindros. A vantagem do gelo-seco em relação ao "molhado" é que ele se mantém a uma temperatura média de -80 ºC. Ou seja, ele é muito mais "gelado" do que o gelo "molhado". O gelo-seco tem esse nome porque, quando aquecido, ele passa direto do estado sólido para o gasoso, sem virar líquido. Para compreender melhor, vamos entender oque é o CO2 (dióxido de carbono, ou gás carbônico.

O que é gás carbônico?

O dióxido de carbono, ou gás carbônico, importante regulador da atmosfera, pode causar modificações climáticas consideráveis se tiver alterada a sua concentração. É o que ocorre no chamado efeito estufa, em que a concentração excessiva desse gás pode provocar, entre outros danos, o degelo das calotas polares, o que resulta na inundação das regiões costeiras de todos os continentes.

Para produzir o gelo seco, o gás carbônico é comprimido em um um tanque e depois arrefecido até temperaturas muito baixas (20 graus negativos) para chegar à forma líquida. Depois, a pressão é subitamente eliminada e o gás se expande, absorvendo calor e fazendo com que o líquido se solidifique em temperaturas ainda mais baixas(quase 80 graus negativos). A conhecida "fumaça" do gelo seco aparece quando ele entra em contato com o ar e começa a soltar vapores.

Concluindo, o gelo seco, nada mais é do que o CO2 em estado sólido.

Douglas da Silva

Ezequiel Gomes

Fonte: franquimica.com.br

Gelo seco

UTILIZAÇÃO DO GELO SECO

O gelo seco dá uma resposta rápida e eficaz às necessidades imediatas de frio e de conservação por ser uma das mais extraordinárias fontes de frio conhecidas.

Cada quilograma liberta 150 frigorias (655 Kj), o que o torna um produto muito utilizado em todas as situações que requerem frio concentrado, seja para o transporte ou para a armazenagem de produtos perecíveis.

Na contração de metais

Por ser um meio econômico e eficiente para produzir baixas temperaturas, característica associada à capacidade da maioria dos metais de se contraírem quando submetidos a um resfriamento, a utilização do gelo seco nesse processo resulta em um perfeito encaixe de peças, após um banho de imersão no produto e análise dimensional da contração desejada.

No transporte de produtos laboratoriais / medicinais

Produtos de laboratório como sangue, plasma, vacinas, órgãos, tecidos, sêmen, medicamentos, quando congelados ou resfriados, podem ser transportados utilizando-se gelo seco, mantendo-se assim a qualidade do material até o local de destino.

A característica atóxica e bacteriostática evita a proliferação de microorganismos e bactérias.

O gelo seco ao passar do estado sólido para o gasoso não deixa resíduos líquidos que poderiam se misturar aos produtos resfriados ou congelados danificando-os.

Devido a sua baixíssima temperatura, uma pequena quantidade de gelo seco é suficiente para manter as condições originais de um produto durante o seu transporte.

Gelo Seco
Gelo seco

Na conservação de sorvetes

O gelo seco é utilizado na venda de sorvetes que deverão ser condicionados em caixa de isopor e carrinho isotérmico, e no transporte da fábrica aos pontos de venda. A vantagem é que ele resfria os sorvetes mais rapidamente, deixando-os congelados por muito mais tempo, mantendo a consistência original e a aparência, deixando-os sempre frescos.

Com a utilização de gelo seco, o vendedor de sorvete tem maior autonomia quando comparado à placa eutética por ocupar pouco espaço diminuindo o peso no transporte, portanto cabem mais sorvetes, por conservar os produtos por muito mais tempo (12h), eliminando o retorno e interrupção da venda antes do término do produto e por não deixar resíduo líquido, uma vez que o gelo seco passa do seu estado sólido para o gasoso.

No entretenimento

O gelo seco é utilizado para produzir fumaça e criar diversos efeitos visuais.

A fumaça de gelo seco é produzida a partir do choque térmico entre a água quente e o gelo à baixíssima temperatura, por um equipamento gerador de névoa artificial.

A fumaça produzida, de cor branca e que possibilita efeitos de luz com lâmpadas, apresenta alta densidade, não dispersando facilmente e não apresenta cheiro.

Gelo Seco
Gelo seco

Em bares, restaurantes e supermercados

O gelo seco tem como principal objetivo resolver problemas de espaço na hora de conservar bebidas e alimentos que devem estar sempre prontos para o consumo, proporcionando uma ação mais eficiente e higiênica que o gelo hídrico.

O gelo também pode ser aplicado nos balcões de demonstração, onde os alimentos devem ser expostos por muito mais tempo, mantendo suas características naturais de cor e aspecto.

Gelo Seco
Barman

Em limpezas na área industrial

O jateamento com gelo seco é um sistema de limpeza industrial usado para preparar superfícies e remover contaminantes.

As partículas sólidas de gelo seco são impulsionadas em alta velocidade para se obter um impacto sobre o equipamento a ser limpo.

Quando ocorre o impacto, as partículas não tóxicas mudam do estado sólido para o estado gasoso e assim simplesmente sublimam sem deixar resíduos, removendo os contaminantes indesejáveis da superfície, deixando-a limpa, seca e sem danos ao substrato.

Este tipo de limpeza tem sua utilização nas indústrias de eletro-eletrônico, de processamento de alimentos, na indústria gráfica, de fundição, de borracha e na indústria química e petroquímica.

Gelo Seco

SEGURANÇA

Devido ao seu aspecto, o gelo seco facilmente pode ser confundido com o gelo hídrico. Guarde-o fora do alcance de crianças, elas podem engoli-lo, queimar-se ou asfixiar-se. Evite também fechá-lo em recipientes herméticos ou em caves onde os vapores de gelo seco se podem acumular.

Cuidado com as queimaduras

A baixa temperatura do gelo seco pode facilmente provocar queimaduras de frio na pele, havendo a necessidade de utilização de luvas apropriadas para sua manipulação. Pela mesma razão, nunca engolir ou colocar gelo seco na boca.

O gelo seco pode asfixiar

Em concentrações elevadas o gelo seco pode provocar asfixia, motivo pelo qual não deve ser transportado juntamente com passageiros ou o condutor num veículo fechado. Tenha também cuidado para que este não seja guardado num local sem ventilação exterior onde estejam pessoas ou animais.

GELO SECO E O MEIO AMBIENTE

O gelo seco é um produto natural que não agride o meio ambiente, pois não deixa resíduo tóxico, retornando para a atmosfera ao evaporar como gás carbônico.

Visando a otimização do uso da água e a preservação do meio ambiente, muitas empresas e indústrias estão optando pela utilização do jateamento com gelo seco nos processos de limpeza, uma vez que este processo não utiliza produtos químicos, reduzindo assim a emissão de poluentes.

VOCÊ SABIA?

Que o gelo seco é um produto natural, pois é constituído somente por gás carbônico que e encontrado na atmosfera no estado gasoso, e que quando submetido à determinada pressão e temperatura apresenta-se na forma sólida.

Que são necessários apenas 2 quilos de gelo seco no carrinho para manter 400 picolés em temperatura ideal durante um dia de trabalho.

Que a melhor forma de utilizar o gelo seco nos carrinhos é acondicionando em saquinhos plásticos acomodando-os de forma a cobrir toda a área que contém o produto.

Que o gelo seco usado conforme recomendação do revendedor, terá autonomia de 12 horas.

Que utilizando o gelo seco ao invés da placa eutética o vendedor estará carregando 26 Kg a menos por carrinho.

Que a utilização de gelo seco no transporte de produtos perecíveis ao contrario de outros métodos utilizados não contribui para um aumento de consumo de combustíveis.

Que para obter cor na fumaça de gelo seco deve-se utilizar jogo de luzes, pois mesmo adicionando corantes à água, a fumaça será sempre branca.

Que para gelar 30 latas de cerveja em 20 minutos são necessários apenas 1,5 kg de gelo seco misturado a 20 Kg de gelo comum em escamas intercalados com as latas, o suficiente para não desgelar e manter a temperatura baixíssima.

Que o gelo seco é utilizado em situações de emergência como parada de funcionamento de geladeiras e de freezers, para manter os produtos resfriados ou congelados Que no processo de rebarbação de borrachas, para 10kg de borracha são necessários aproximadamente 15 minutos para completa rebarbação, enquanto no processo manual poderia gastar até 5 dias.

Que no processo de contração de metais, o gelo seco misturado com álcool permite uma transmissão de calor mais rápida, diminuindo o tempo no abaixamento da temperatura, além de criar uma película de álcool que atua como lubrificante, permitindo um ajuste mais fácil das peças a serem contraídas, evitando a formação de camadas de gelo d'água.

Que o jateamento de gelo seco aplicado em equipamentos quentes contribui para que a limpeza seja concluída de 3 a 5 vezes mais rápida do que se estivesse frio.

Que uma limpeza eficiente contribui para o aumento da vida útil do equipamento.

Que para aplicação do jateamento de gelo seco somente são necessários os equipamentos de proteção individual (EPI's).

Fonte: proascg24.pbworks.com

voltar 123avançar
Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal