Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Jogos Olímpicos  Voltar

Jogos Olimpícos

Jogos Olímpicos

As Olimpíadas são festas internacionais que começaram na Grécia antiga. Os jogos gregos aconteciam a cada quatro anos. Deixaram de existir logo no começo da Era Cristã.

A volta dos jogos olímpicos aconteceu em 1896. Desde então, passaram a acontecer a cada quatro anos, exceto durante as duas guerras mundiais.

Os jogos olímpicos antigos saudavam os deuses gregos, mas os jogos modernos saúdam o talento dos atletas de todas as nações.

Jogos Olímpicos

As primeiras olimpíadas aconteceram no ano 776 antes de Cristo na cidade de Olímpia. Apenas uma competição acontecia: uma corrida a pé de 183 metros, que era a volta ao estádio. Somente homens corriam. Na décima quarta olimpíada já havia duas corridas. Na segunda corrida, os atletas davam duas voltas no estádio.

Jogos Olímpicos

Mais tarde, os espartanos passaram a competir e introduziram outros esportes. Corridas, saltos e arremessos de disco passaram a ser apresentados e, assim, os jogos passaram a durar cinco dias.

Jogos Olímpicos

Nos jogos de 1896 eram praticados: ciclismo, salto com barreiras, ginástica, tênis, tiro, natação, levantamento de peso, luta, corrida e esgrima.

Em 1924 começaram os Jogos de Inverno, que passaram a acontecer separadamente das Olimpíadas . Incluíam esqui, hóquei no gelo e outros. Mas as atenções estavam mesmo era para os esportes de verão. Já naquela época a quantidade de esportes era grande.

Eram disputados, entre outros: basquete, boxe, remo, ciclismo, hipismo, ginástica, handebol, futebol, voleibol, pólo aquático.

Jogos Olímpicos

Hoje em dia, existe uma quantidade ainda maior de esportes.

A competição é destinada a valorizar os grandes atletas do mundo, em todos os esportes e de todos os países, numa grande festa que milhões de pessoas assistem nos estádios e através da televisão.

Fonte: gold.br.inter.net

Jogos Olimpícos

Jogos Olímpicos

Clique na imagem para ampliar

Os primeiros registros oficiais dos Jogos Olímpicos datam de 776 a.C. Eram celebrados em Olímpia, na Grécia, em homenagem a Zeus. Os Jogos aconteciam de quatro em quatro anos e apenas cidadãos livres e natos podiam participar. As competições eram realizadas pelos atletas nus, já que na época acreditava-se que a nudez facilitava os movimentos e também devido ao culto ao corpo, bastante valorizado pelos gregos. Mulheres não tinham o direito de participar. Conta a história que, certa vez, uma mãe queria assistir seu filho, mas como não podia, se disfarçou de treinador e conseguiu ver a competição.

Com a euforia da vitória do rapaz, o disfarce caiu e tudo foi descoberto. A partir de então, os treinadores passaram a participar dos Jogos nus também.

Os Jogos Olímpicos da Antigüidade exerciam um grande poder na época, já que durante os mesmos, as guerras eram interrompidas.

Os vencedores recebiam coroas de oliveiras e eram homenageados em suas cidades. A celebração dos Jogos durou até 394 d.C., pois o cristianismo estava crescendo cada vez mais no Império Romano, e não aprovava o culto ao fogo sagrado e aos “deuses pagãos” que eram realizados.

Apenas 1500 anos depois, na Era Moderna, os Jogos Olímpicos retornaram, graças ao esforço do Barão Pierre de Coubertin (pedagogo francês). Assim, em 1896, na Grécia, foram realizados os I Jogos Olímpicos da Era Moderna, que contou com a participação de 311 atletas e 13 países.

O Brasil e os Jogos

A primeira participação do Brasil nos Jogos Olímpicos foi em 1920, realizados na Antuérpia, na Bélgica. A única vez em que não participou foi em 1928, devido a uma crise econômica no páis. O esporte que mais trouxe medalhas foi a vela, sendo o recordista brasileiro o velejador Torben Grael.

Jogos Paraolímpicos

Os primeiros Jogos realizados aconteceram na Inglaterra e Estado Unidos após a segunda Guerra Mundial e eram disputados em grande parte por ex-combatentes da guerra, que perderam membros ou a audição. O neurologista Ludwig Guttmann teve importante papel ao criar o Centro Nacional de Lesionados Medulares, em 1948, onde eram realizados os jogos. O esporte era utilizado para a reabilitação de pacientes.

Em 1960 foram realizados os Jogos Paraolímpicos de Roma, considerados como o primeiro grande evento reuniu, o qual reuniu cadeirantes de 23 países, contando com a presença de 400 atletas. A partir de então, os Jogos Paraolímpicos passaram a ser realizados nas mesmas cidades dos Jogos Olímpicos, exceto em quatro ocasiões.

Jogos Paraolímpicos e o Brasil

Robson Sampaio de Almeida (paraplégico) e Sérgio Serafim Del Grande (tetraplégico) voltaram de seus tratamentos nos Estados Unidos em 1958 e, com as experiências adquiridas, criaram clubes no Brasil, com o objetivo de desenvolver trabalhos esportivos com pessoas especiais.

O Brasil iniciou sua participação nos Jogos Paraolímpicos da Alemanha, em 1972. O basquete em cadeiras de rodas foi o primeiro esporte paraolímpico disputado em nosso país.

Jogos Olímpicos de Inverno

Tiveram início em 1924, em Chamonix, na França. Eram realizados nos mesmos anos dos Jogos de Verão, até 1992. A partir de 1994, passaram a ser realizados sempre dois anos após os Jogos de Verão. As competições acontecem no gelo ou na neve. A primeira participação do Brasil foi em 1992, em Albertville, na França. Mesmo sendo um país de clima tropical, os brasileiros ficaram entre os dez primeiros colocados em um esporte de neve, nos Jogos de Turim, na Itália, em 2006.

Mascotes dos Jogos

Em 1860, surgiu a palavra “masco”, que vem do provençal e significa mágico. As mascotes foram criadas para criar uma empatia maior das pessoas para com o evento esportivo, mas acabou virando alvo fácil de lucro. A primeira mascote chamava-se Schuss, e era um esquiador de cabeça vermelha e roupa azul. Surgiu nos Jogos Olímpicos de Inverno de Grenoble, em 1968.

Os Jogos Olímpicos têm um fundo político e também as mascotes participam deste fato, como por exemplo, o urso Misha, que marcou os Jogos de Moscou, em 1980. Neste período o mundo passava pela Guerra Fria e os EUA boicotaram os Jogos, não participando dos mesmos.

Já em 1984, os russos boicotaram os Jogos de Los Angeles, que tinha como mascote a águia Sam.

Nos Jogos Olímpicos de Pequim, são cinco mascotes: Beibei, Huanhuan, Jingjing, Yingying e Nini, que foram apresentadas a exatos 1000 dias do início dos Jogos Ao se pronunciar as sílabas de cada nome de uma vez: BEI JING HUAN NI, diz-se: Bem vindo a Pequim, em mandarim (língua dos chineses).

Outro exemplo da forte superstição chinesa é a data e o horário da abertura dos Jogos: 08/08/2008 às oito horas e oito minutos da noite.

Curiosidade: Olimpíadas é denominação dada ao período de tempo entre os jogos, ou seja, quatro anos, e não aos jogos em si.

Juliana Ravelli B.Martins

Fonte: www.ibb.unesp.br

voltar 12345avançar
Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal