Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Lichia - Página 8  Voltar

Lichia

O cultivo da fruta exótica lichia ganha força no Estado. A produção, que há cerca de dois anos já pode ser encontrada em pequenos pomares de Venda Nova do Imigrante e Ibatiba, este ano terá um acréscimo.

Seis hectares da fruta serão plantados em Iúna, por meio de uma pareceria entre o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), órgão vinculado à Secretaria de Estado da Agricultura, Aquicultura Abastecimento e Pesca (Seag), e a Prefeitura Municipal.

De acordo com o extensionista do Incaper de Iúna, Onofre Rodrigues Almeida, a lichia, também conhecida como morango chinês, apresenta alto valor de mercado, boa aceitação do público e ótima adaptação ao clima da região das montanhas capixabas.

Por isso, o interesse dos produtores a ingressar na cultura. Além disso, a fruta é uma ótima alternativa para diversificação da agricultura na região, onde predomina o café arábica.

Lichia

Lichia

Lichia

Clique nas imagens para ampliá-las

“Os produtores devem aproveitar o clima favorável da Região Serrana, que apresenta inverno frio e seco, ideal para o cultivo da lichia. A fruta, tida como nobre, apresenta um mercado extremamente promissor e rentável, visto que a demanda pelo alimento ainda não é suprida pelo produtor capixaba. Parte da produção consumida vem de São Paulo”, afirma.

A safra da lichia se dá entre os meses de novembro e janeiro, atendendo ao mercado na época das festas natalinas, quando a procura e o preço são maiores. Uma das áreas plantadas é a do senhor Gilmar Cunha , que está satisfeito com o resultado da colheita da lichia em Ibatiba.

O técnico do Incaper de Ibatiba, Eraldo Rodrigues dos Santos, conta que os produtores do município estão muito satisfeitos com os resultados alcançados com a fruta.

“O lucro com a comercialização da lichia apresenta uma fonte de renda extra para o agricultor. A lichia pode ser encontrada em pequenos pomares comerciais, como em fundos de quintais e áreas antes ociosas na propriedade”, afirma.

Outro ponto positivo é a alta resistência a pragas e doenças e a fácil adaptação, o que evita grandes investimentos em insumos químicos e adubos.

Lichia

Clique na imagem para ampliá-la

O quilo da lichia é comercializado na região, por meio de atravessadores, por até R$ 4,00 o quilo, dependendo da qualidade do fruto. Um pé rende aproximadamente 50 quilos da fruta e um hectare comporta cerca de 200 pés de lichia.

As primeiras mudas chegaram à região há seis anos, e há dois as plantas começaram a frutificar. Hoje, os pomares estão em plena produção, com cerca de 15 mil pés ao todo.

O Incaper presta constante assistência técnica aos produtores, por meio da instrução sobre o manejo adequado da fruta e auxílio na comercialização da produção.

Lichia

A lichia é considerada uma fruta exótica no Brasil e alcança altos preços nos principais mercados. É consumida principalmente in natura, mas também pode ser utilizada para a fabricação de sucos e derivados.

Lichia

Lichia

Clique nas imagens para ampliá-las

Os frutos produzem em cachos, a casca é rugosa e de cor vermelha e fácil de ser destacada. A polpa é gelatinosa, sucosa e o sabor é semelhante ao da uva. Além disso, possui pouca gordura, poucas calorias e muita água.

Outro ponto positivo é a quantidade de vitamina C que ela possui. Cada 100 gramas de lichia tem 50 mg da vitamina, o que ajuda a prevenir gripes e resfriados, além de possuir ação antioxidante, combatendo câncer e problemas de coração.

Fonte: www.es.gov.br

Lichia

Lichia

A lichia (Litchi chinensis) é um gênero botânico pertencente à família Sapindaceae.

Originária da China, onde é considerada a fruta nacional, a lichieira e uma árvore subtropical, semelhante à mangueira, com até 12 metros de altura e de grande longevidade.

Há poucos séculos foi disseminada para outros países como Índia, Tailândia, Taiwan, África do Sul, Madagáscar, Israel, Estados Unidos (Havaí e Flórida), Vietnã e Brasil.

Devido ao seu belo porte, atraente formato, folhas verde escuro e permanentes e principalmente devido a beleza da frutificação a lichieira é a árvore favorita para os jardins de residência no Havaí, e em cidades da Califórnia.

Os frutos produzem em cachos, a casca é rugosa e de cor vermelha, sendo fácil de ser destacada. A polpa é gelatinosa, translúcida sucosa e de excelente sabor, lembrando ao de uva-itália e não é aderente ao caroço. Serve para consumo ao natural, e para o fabrico de sucos, compotas e ainda para a passa.

Lichia
Fruta da Lichia

A planta é longeva e rústica, necessitando pouco ou nenhum tratamento fitossanitário. As doenças não são problema e, com relação às pragas, eventualmente podem ocorrer brocas de tronco, a mariposa oriental nos ponteiros e ácaros, abelhas-arapuá ou irapua nos frutos.

Praticamente não é usado agrotóxico e os frutos são colhidos isentos de produtos químicos.

Cultivo no Brasil

Perfeitamente adaptada às condições de clima do Estado de São Paulo, as culturas pioneiras estão produzindo excelentes safras, com resultados econômicos compensadores.

A colheita ocorre de novembro e janeiro, atendendo o mercado na época das festas natalinas, quando a procura e o preço são maiores.

Fonte: pt.wikipedia.org

voltar123456789avançar
Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal