Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Linhaça  Voltar

Linhaça

 

A linhaça, semente do linho (Linum usitatissimum), possui registros que comprovam sua utilização desde a antiguidade, mais precisamente 5000 anos antes de Cristo, na Mesopotâmia.

Originária da Ásia, foi difundida pelo mundo todo pelo seu alto valor nutricional e funcional, sendo consumida principalmente na América do Norte e na Europa.

Esse alimento é reconhecidamente um dos mais ricos em Ômega-3 e Ômega-6 existentes na natureza, além de possuir vários outros nutrientes benéficos, como as fibras e os compostos fenólicos, que exercem importante papel antioxidante.

A recomendação da proporção entre o Ômega-3 e o Ômega 6 na dieta é de 1:4, respectivamente, sendo que a quantidade presente no óleo da linhaça é de 1:3, muito próxima da ideal.

Dentre os benefícios desses ácidos graxos essenciais, destacam-se o alívio dos sintomas do período pré-menstrual, por diminuir a retenção de líquidos, e a proteção contra danos celulares e, consequentemente, contra doenças como o câncer.

Além disso, as lignanas presentes na linhaça possuem compostos importantes na menopausa por serem um agente natural na reposição do estrógeno.

Outros benefícios bastante conhecidos são o poder de melhora na digestão, auxílio no controle da glicemia, redução no aparecimento de doenças inflamatórias, prevenção de anemia, redução do LDL (’colesterol ruim’), fortalecimento do sistema imunológico, entre outros.

Vários estudos indicam o consumo de linhaça para diabéticos, por estabilizar os níveis de glicose sanguínea. A linhaça também é muito indicada para auxiliar na prevenção da obesidade, já que, segundo pesquisas, ela ativa o metabolismo.

Além da ótima quantidade de fibras e ácidos graxos essenciais, a linhaça também possui quantidades significativas das vitaminas B1, B2, C e E, e dos minerais cálcio, ferro e zinco.

Por ser um alimento com tantas propriedades benéficas ao organismo, a linhaça é amplamente utilizada na gastronomia. Pode ser usada em diversas receitas, como em pães, por exemplo, ou simplesmente adicionada a um suco para enriquecer seu valor nutricional.

Estudos demonstram que não há diferença significativa entre a atividade antioxidante da linhaça dourada e da marrom. A diferença mais perceptível, para algumas pessoas, está no sabor, que é mais suave na linhaça dourada.

Quanto à forma de consumo, o ideal é comprar o grão, ao invés da sua forma em pó, pois esta pode ter sofrido oxidação e, com isso, ter perdido algumas propriedades. Antes de consumir a linhaça, é importante triturar, aquecer ou deixar o grão de remolho para aumentar a biodisponibilidade dos nutrientes. Porém, esse procedimento deve ser feito somente com a porção que será consumida, evitando oxidação do restante da linhaça.

Composição nutricional da linhaça:

Quantidade Energia (kcal) Proteína (g) Lipídios (g) Carboidratos (g) Fibra alimentar
(g)
Cálcio (mg) Ferro (mg) Zinco (mg)
100 g 495 14,1 32,3 43,3 33,5 211 4,7 4,4
1 colher de sopa
(10 g)
49,5 1,41 3,23 4,33 3,35 2,11 0,47 0,44

Carolina Lôbo de Almeida Barros

Referências

GALVÃO, E. L.; SILVA, D. C. F.; SILVA, J. O.; MOREIRA, A. V. B.; SOUSA, E. M. B. D. Avaliação do potencial antioxidante e extração subcrítica do óleo de linhaça. Ciência e Tecnologia de Alimentos, Campinas, v. 29, n. 3, p. 551 - 557, 2008.
NEPA – UNICAMP. Tabela brasileira de composição de alimentos. Campinas, SP: NEPA – UNICAMP, 2006. 133 p.

Fonte: www.nutricaoemfoco.com.br

Linhaça

A linhaça é um alimento rico em lignina e fitoestrogênio, substâncias que ajudam na redução do peso. Estudos comprovaram que mulheres que ingerem mais lignina possuem índice de massa corpórea (IMC) menor. Esta substância ajuda a reduzir o apetite e as células gordurosas.

A lignina é bastante conhecida para ajudar na redução dos tumores da mama. Foi comprovado que este composto atua na apoptose celular, matando as células defeituosas.

O segredo está na casca da linhaça que é rica em proteínas, minerais e vitaminas. Entre as vitaminas presentes na linhaça o destaque vai para a vitamina E, que contribui para evitar o envelhecimento precoce.

A linhaça é fonte de ácido graxo ômega-3 e ômega-6, contribuindo para a saúde do coração, auxiliando na redução do colesterol ruim (LDL), responsável pelo entupimento nas artérias.

Por ser fonte de fibras, a linhaça também ajuda o intestino a funcionar melhor.

Se você quer perder peso com saúde acrescente a linhaça nos sucos, iogurtes e leite. Para aproveitar integralmente os seus nutrientes o ideal é triturá-la. Evite guardá-la triturada por muito tempo pois ela pode perder os seus nutrientes.

A semente da linhaça pode ser consumida com pães e em saladas, fica uma delícia!

Não adianta consumir linhaça de forma exagerada, o excesso pode prejudicar a membrana das células e interferir na absorção dos nutrientes. O ideal é consumir duas colheres de sopa de farinha de linhaça ou 2 copinhos de café de linhaça por dia.

DIETA DA LINHAÇA

Como a linhaça é um dos alimentos mais ricos em fibras, irá ajudar a promover a saciedade já no café da manhã, fazendo com que a pessoa sinta menos fome durante o dia, o que irá fazer com que ela coma menos e consiga emagrecer.

Associada a uma dieta balanceada, com poucas calorias, a linhaça pode ajudar na redução do peso e no controle da hipertensão, diabetes e colesterol elevado.

O ideal é comer o farelo de linhaça, basta bater a linhaça no liquidificador e adicioná-la no iogurte, leite desnatado, suco de fruta ou frutas amassadas. A medida ideal para ser consumida durante o dia são duas colheres de sopa de farinha de linhaça (2 copinhos de café).

Exemplo de um cardápio:

Café da manhã

Vitamina de frutas ou iogurte com 1 colher de farelo de linhaça.

Lanche

Entre o café da manhã e o almoço tome muita água e coma uma fruta ou uma barra de cereais.

Almoço

Consuma saladas temperadas com limão, carnes grelhadas ou cozidas (dê preferência as brancas), legumes crus ou cozidos no vapor, arroz integral e grãos cozidos (feijão, por exemplo). Uma outra opção é fazer um sanduíche com pão integral (com linhaça) com uma cenoura ralada, alface e peito de frango grelhado.

Lanche da tarde

Coma uma porção de gelatina, fruta fresca, seca ou em calda (sem a calda).

Jantar

Você pode substituir o jantar pela vitamina de frutas com 1 colher de sopa de farelo de linhaça ou por iogurte com a mesma quantidade de linhaça (moída) .

Antes de dormir, se estiver fome, tome um copo de leite de soja com biscoito integral, iogurte ou fruta.

Procure sempre comer nos horários certos, mesmo se não estiver com fome. É normal que você sinta mais sede do que o habitual, tome muita água, isto irá fazer com que você sinta menos fome.

Antes de iniciar a sua dieta se pese e anote o peso, faça isso a cada 15 dias, sempre no mesmo horário. Crie uma meta, a quantidade de peso de deseja perder e siga em frente até atingir o seu objetivo.

Mas lembre-se, os hábitos alimentares saudáveis devem ser seguidos por toda a vida para manter sempre o seu peso ideal. É importante se amar mais e ser responsável consigo mesmo.

A atividade física será uma grande aliada na perda e manutenção do peso ideal. Faça caminhadas, suba de escada ao invés de ir de elevador, crie uma rotina de atividades em sua vida. Comece devagar com atividades leves e moderadas.

Uma boa noite de sono e evitar ficar estressado também ajuda muito!

Fonte: www.dietalight.net

Linhaça

Essa semente, rica em fibras e nutrientes, faz um bem enorme para a saúde e - acredite! - ajuda até a diminuir a fome

No mundo da nutrição saudável, a linhaça tem roubado a cena. Afinal ela é uma excelente fonte de vitaminas, minerais, fibras e ácidos graxos essenciais que não são sintetizados pelo organismo. “Ao consumir com regularidade 2 col. (sopa) por dia, é possível prevenir inúmeras doenças, entre elas o câncer”, diz a nutricionista Roseli Rossi, da Clínica Equilíbrio Nutricional (SP).

O lado bom da história é que comer essa sementinha não é ruim, nem complicado. “Seu sabor é suave e dá para acrescentar tanto o grão como a farinha integral em iogurtes, saladas, sucos, vitaminas, cereais, massas de pães e de bolos, etc. Ela também pode substituir o óleo ou a gordura em uma receita. Se o recomendado é usar 1/3 de xíc. (chá) de óleo normal, você pode utilizar 1 col. (sopa) de linhaça moída no lugar”, ensina Roseli.

Às consumidoras de primeira viagem, a nutricionista Márcia Regina Dal Medico (SP) avisa: “É muito difícil a casca do alimento se romper durante a mastigação, o que impossibilita sua digestão e absorção pelo corpo. Para um melhor aproveitamento, o ideal é triturá-lo a seco em liquidificador e depois guardá-lo na geladeira, para que não sofra o processo de rancificação”.

4 bons motivos para consumir o grão ainda hoje

1. dá um up na beleza

Já está comprovado que em situações de estresse prolongado e exposição excessiva ao sol, entre outros fatores, produzimos radicais livres que danificam as células e aceleram o envelhecimento. E não é que a linhaça ajuda a combater esse processo? “Como é fonte de ômega-3, tem uma importante ação antioxidante, neutralizando esses efeitos prejudiciais, além de fortalecer as unhas e evitar a queda dos cabelos”, destaca Roseli. “Ela também beneficia a circulação, tem ação antiinflamatória e ameniza a retenção de líquidos e a celulite”, complementa. De olho nesses benefícios, a indústria cosmética tem usado a semente na formulação de diversos produtos. “Por ser um ativo exfoliante, que faz uma limpeza profunda da derme, revitalizando-a, empregamos a linhaça em nossos sabonetes”, conta Cristiane Calvo, gerente de desenvolvimento de óleos, sabonetes e perfumaria da Natura (SP).

2. energia para malhar

Sim, o cereal também é superindicado para quem treina, já que melhora o rendimento durante a prática esportiva e retarda a fadiga. “Isso porque favorece o aumento do metabolismo e a eficácia na produção de energia. Na prática, os músculos se recuperam com mais facilidade”, diz Márcia Dal Medico. Devido a suas propriedades antioxidantes e antiinflamatórias, pesquisadores acreditam que suplementos de óleo de linhaça ajudam a reduzir as dores musculares depois da ginástica, além de colaborar na recuperação de lesões e hematomas mais rapidamente.

3. corpo e mente turbinados

Considerado uma das principais fontes de fitosteróis, bioflavonóides e ômega-3, esse alimento melhora a imunidade e evita a formação de placas de gordura nas artérias, reduzindo assim o risco de doenças cardiovasculares.

Tem mais: auxilia o tratamento de artrite reumatóide, remove o excesso de sódio dos rins, diminuindo a retenção hídrica, mantém equilibrados os níveis de glicemia, regula o trânsito intestinal e atua no tratamento da depressão. “A linhaça reduz ainda os sintomas da tensão pré-menstrual e da menopausa”, arremata Jocelem Salgado, presidente da Sociedade Brasileira de Alimentos Funcionais (SP).

4. menos fome

A quantidade de fibras presente na semente — cerca de 4 vezes mais do que na aveia — promove e prolonga a saciedade e contribui para que os nutrientes entrem mais lentamente na corrente sanguínea. “Isso faz com que a insulina não aumente rapidamente no sangue, o que estimularia o acúmulo de gordurinhas”, esclarece Roseli Rossi. Estudos mostram também que a suplementação feita com o óleo alivia constipações associadas a menus pobres em carboidratos e ricos em proteínas.

WIVIAN MARANHÃO

Fonte: corpoacorpo.uol.com.br

Linhaça

A linhaça é a semente do linho, uma planta fibrosa de onde se extrai material para a indústria de confecções, daí a origem do tecido linho, mas seus benefícios foram além das roupas e a linhaça acabou virando a queridinhas das prateleiras das lojas de produtos naturais pelos benefícios que proporciona, e os benefícios não são poucos, veja:

Propriedades

A linhaça possui alta concentração de proteínas, minerais e vitaminas entre elas a vitamina E, o ômega-3 e o ômega-6, a isoflavona e o fitoesteróide, mas é importante saber que apenas a linhaça dourada possui grandes doses desses nutrientes, tornando-se a mais indicada ao consumo

Linhaça Dourada x Linhaça Marrom

A linhaça dourada, proveniente de climas frios, é muito mais rica em ômega-3, ômega-6, ômega-9 e gorduras polinsaturadas além de serem cultivadas sem agrotóxicos, já a linhaça marrom, mais fácil de encontrar e mais barata, possui pouco ômega-3 e é produzida sem muito rigor, o que a torna menos indicada.

Linhaça emagrece?

Se você quer saber se a linhaça emagrece, a resposta é sim, linhaça emagrece.

Por ser rica em fibras, a linhaça sacia a fome e estimula o intestino, ajudando a emagrecer e de quebra atua na regularização do intestino.

7 Benefícios da Linhaça Dourada

1. A vitamina E presente na casca da linhaça dourada combate o envelhecimento precoce e as doenças degenerativas;
2.
O ômega-3, ômega- 6, ômega-9 e as gorduras polinsaturadas presentes na linhaça dourada são poderosos aliados no combate a problemas cardiovasculares, obstrução de artérias e redução do mau colesterol (LDL);
3.
A semente de linhaça possui grande quantidade de isoflavona, fitoesteróide e lignana que exerce o mesmo papel do estrogênio (hormônio feminino) amenizando a TPM e a menopausa;
4.
A linhaça por ser rica em fibras, sacia a fome e estimula o intestino, servindo como forte aliada no emagrecimento e na regularização do intestino;
5.
A semente de linhaça possui componentes anticancerígenos e antioxidantes;
6.
Por ser rica em fibras, a semente de linha é um poderoso desintoxicante;
7.
A linhaça dourada auxilia no combate a diabetes e a hipertensão;

Semente de linhaça x farinha de linhaça x óleo de linhaça

A linhaça pode ser encontrada e consumida de várias maneiras, mas as mais comuns são a semente de linhaça triturada, a farinha de linhaça e o óleo de linhaça.

Os três possuem os mesmos benefícios e a única diferença é a maneira de consumi-los

A linhaça triturada é muito utilizada no preparo de bolos e biscoitos, pois seus pequenos pedaços deixam esses alimentos mais crocantes. A linhaça triturada também é ótimo acompanhamento aos cereais matinais.

A farinha de linhaça, muito utilizada por quem faz dieta tanto para emagrecer quanto para engordar, é a semente da linhaça moída até virar farinha e pode ser consumida misturada a bebidas como sucos e vitaminas.

O óleo de linhaça encontrado em cápsulas é uma alternativa aqueles que preferem uma solução rápida, prática e sem gosto, basta ingerir a cápsula de óleo de linhaça diariamente para obter os mesmos benefícios.

Fonte: www.dietasealimentos.com.br

Linhaça

Linhaça
Linhaça

A linhaça vem se destacando, graças aos benefícios que ela proporciona à nossa saúde.

A linhaça é composta de 41% de gordura, 28% de fibras, 21% de proteína, 4% de resíduos e 6% de outros carboidratos (entre eles: açúcares, ácidos fenólicos, lignana e hemicelulose). No entanto, essa gordura tem uma quantidade enorme de ácidos graxos do tipo ômega 3 (usados no combate a obstruções em artérias, responsáveis por doenças do coração).

A linhaça auxilia o sistema digestivo e o funcionamento do intestino, e conseqüentemente deixa a pele mais bonita. A linhaça é considerada um alimento, pois tem propriedades nutricionais básicas e preventivas — graças aos componentes antioxidantes e anticancerígenos. Além disso, é um poderoso desintoxicante.

Na casca da linhaça encontra-se uma mistura de minerais, proteínas e vitaminas. A vitamina E ajuda no funcionamento celular, por isso afasta o envelhecimento precoce e as doenças degenerativas.

Um dos destaques da linhaça é uma substância chamada lignana, que exerce o mesmo papel do estrógeno. Esse composto atua na apoptose celular — um mecanismo de defesa que provoca a destruição das células defeituosas. No caso de um câncer, esse mecanismo de autodestruição costuma não funcionar. Mas a lignana substitui tal sistema e ativa a contagem regressiva para a célula doente se destruir como esperado.

Vale ressaltar que a linhaça só pode ser usada no tratamento do câncer sob estrita avaliação médica.

A semente de linhaça atua de forma parecida com a soja, que possui a isoflavona e fitoesteróide que imita o hormônio feminino.

Linhaça Dourada

Linhaça
Linhaça dourada

A linhaça dourada é rica em ômega 3,ômega 6 e ômega 9, enquanto a linhaça marrom possui apenas ômega 3. Outra principal diferença é que são cultivadas de forma orgânica certificada, ou seja, não possui agrotóxico, por isso a linhaça dourada é mais cara.

Benefícios da Linhaça

Diminui os sintomas da menopausa, como: suores, dores de cabeça e insônia
Reduz o colesterol
Auxilia na redução do peso
Combate as espinhas
Proporciona equilíbrio nos hormônios
Modulação do sistema imunológico
Ajuda controlar o diabetes
Regula o intestino

Modo de Uso da Linhaça

A semente de linhaça moída tem os mesmos benefícios nutricionais que a semente inteira, além de ser mais fácil para ingerir. Para preparar a linhaça moída, bata-a em um liquidificador por alguns minutos. Não há necessidade que ela vire pó.

Linhaça
Linhaça

A linhaça moída pode ser guardada na geladeira em um vidro limpo e seco bem fechado e deve ser consumida em mais ou menos uma semana.

É aconselhável tomar uma colher de sopa por dia, podendo ser a qualquer hora do dia. Se a intenção é ter um bom funcionamento do intestino, tome em jejum; pode ser com água ou com qualquer líquido de sua preferência.

Óleo de Linhaça

Linhaça
Óleo de Linhaça

O óleo de linhaça é um dos alimentos mais ricos em Omega 3 e Omega 6. A alta taxa de Omega 3 faz da linhaça um alimento de caráter preventivo à saúde, sendo um importante agente antioxidante e renovador celular.

É um ácido graxo essencial que oferece vários benefícios à saúde. Ele favorece o metabolismo da gordura e a produção de energia, regulando as funções celulares e a cicatrização dos tecidos.

Os ácidos graxos essenciais são imprescindíveis para o corpo humano; por isso, procure incorporar esse precioso alimento na sua dieta.

Fonte: belezaesaude.dae.com.br

Linhaça

Perca peso e fique mais bonita

Linhaça
Linhaça

Não é à toa que a linhaça conquistou tantas adeptas nos últimos anos: ela ajuda na hora de perder aqueles quilinhos a mais e ainda traz inúmeros benefícios para a saúde. Saiba como incorporá-la no seu dia-a-dia e descubra os benefícios dessa semente

Indispensável no menu de quem se preocupa com a boa forma e, claro, com a saúde, esse alimento é riquíssimo em substâncias funcionais e ainda ajuda na hora de perder aquelas gordurinhas indesejadas. E foi por esses motivos que a linhaça conquistou espaço até mesmo no cardápio de famosas como Juliana Paes e Paula Burlamaqui.

Como tem o poder de diminuir o apetite e estimular o intestino preguiçoso, a semente pode ser usada como uma forte aliada na luta contra a balança. Além disso, ela é rica também em ômega 3, ômega 6 e gorduras monoinsaturadas, que, em conjunto, ajudam a combater o LDL (mau colesterol) e a manter a saúde do coração em dia.

Se engana quem pensa que os benefícios proporcionados pela linhaça acabam por aí. Esse alimento também é uma das principais fontes de lignana, substância responsável por amenizar os sintomas da TPM e da menopausa.

Agora que você descobriu que a linhaça pode ajudá-la a ficar ainda mais bonita e saudável, confira algumas dicas para extrair dessa poderosa semente o que ela tem de melhor!

Para consumir a linhaça com iogurte, frutas ou salada, o ideal é triturá-la. Mas, é importante bater apenas a quantidade que será utilizada no momento, pois ela perde seus nutrientes ao longo do tempo.

A linhaça deve ser usada como tempero, nunca para cozinhar.

O azeite de oliva é ótimo para amenizar o sabor forte da semente.

Para que a linhaça faça efeito, é importante consumi-la diariamente.

Não adianta consumir a linhaça em quantidade exagerada – o indicado é de uma a duas colheres de sopa por dia -,pois pode interferir no processo de absorção de nutrientes.

Linhaça na mesa

Não importa como a linhaça será consumida: seja em forma de suco, tempero ou misturado com outros alimentos, o importante é que ela seja usada diariamente.

Eliane Contreras

Fonte: boaforma.abril.com.br

Linhaça

A linhaça é a semente do linho, a planta de onde se extrai fibras para a fabricação de tecidos e que também é empregado na confecção de papel, principalmente para papel-moeda e cigarros. A linhaça é rica em ácidos graxos Ômega-3, um importante nutriente que ajuda a diminuir a incidência de doenças cardiovasculares.

A linhaça também é uma fonte rica de ácido fólico, vitamina B-6, manganês e fibras além de outros minerais importantes. Outro componente importante da linhaça são as lignanas, fitoquímicos biologicamente ativos com potencial anticancerígeno.

Benefícios da Linhaça Para a Saúde

Considerada um alimento funcional, a linhaça possui propriedades anticancerígenas e antioxidantes.

Estudos indicam que a inclusão da linhaça na dieta pode trazer diversos benefícios para a saúde, como:

Prevenção de doenças cardiovasculares
Auxilia no controle da pressão alta
Redução dos níveis de colesterol
Beneficia os ossos
Prevenção de certos tipos de câncer
Diminuição dos sintomas da menopausa

Comprando Linhaça

As formas mais comuns de linhaça encontrada no mercado são: sementes inteiras, sementes moídas e óleo de linhaça.

As sementes inteiras podem ser estocadas por mais tempo em comparação com as sementes moídas. Mas o consumo das sementes inteiras pode fazer com que não sejam totalmente digeridas, reduzindo seu efeito benéfico para a saúde. Procure estocar a linhaça inteira em potes hermeticamente fechados e longe da luz e umidade.

As sementes moídas são mais facilmente digeridas pelo nosso corpo, porém, estragam mais rápido. A estocagem se faz da mesma maneira da linhaça inteira, sendo ainda recomendável guardar na geladeira ou freezer.

O óleo de linhaça deve ser sempre guardada em potes ou vidros escuros que bloqueiam a passagem de luz. É importante observar a data de validade, quanto mais recente melhor, já que o óleo de linhaça vai perdendo suas propriedades com o tempo. O óleo de linhaça não deve ser utilizado para cozinhar alimentos, sendo apenas adicionado a alimentos prontos.

Dicas de Uso da Linhaça

Coloque um pouco de linhaça moída junto com seu cereal matinal
Coloque um pouco de linhaça moída nas saladas e legumes cozidos
Um pouco de linhaça moída dá um toque a mais ao café

Fonte: www.dietaesaude.org

Linhaça

SEMENTE DE LINHAÇA

PROPRIEDADES DA LINHAÇA

Nos últimos anos tem-se publicado uma grande quantidade de informação sobre os efeitos curativos da semente de linhaça moída. Os investigadores do INSTITUTO CIENTÍFICO DA LINHAÇA PARA O ESTADO DO CANADÁ e dos Estados Unidos,têm enfocado sua atenção no rol desta semente na prevenção e cura de numerosas doenças degenerativas.

As investigações e a experiência clínica têm demonstrado que o consumo em forma regular de semente de linhaça, previne ou cura as seguintes doenças:

CÂNCER: de mama, de próstata, de colon, de pulmão, etc.

A semente de linhaça contém 27 componentes anti-cancerígenos , um deles é a LIGNINA.

A semente de linhaça contém 100 vezes mais LIGNINA que os melhores grãos integrais. Nenhum outro vegetal conhecido até agora iguala essas propriedades.

Protege e evita a formação de tumores. Só no câncer se recomenda combinar semente de linhaça moída com queijo cottage baixo em calorias.

BAIXA DE PESO:

A linhaça moída é excelente para baixa de peso, pois elimina o colesterol em forma rápida.

Ajuda a controlar a obesidade e a sensação desnecessária de apetite, por conter grandes quantidades de fibra dietética, tem cinco vezes mais fibra que a aveia.

Se você deseja baixar de peso, tome uma colher a mais pelas tardes.

SISTEMA DIGESTIVO:

Prevêem ou cura o câncer de colon. Ideal para artrite, prisão de ventre, acidez estomacal.

Lubrifica e regenera a flora intestinal.

Expulsão de gases gástricos. É um laxante por excelência. Previne os divertículos nas paredes do intestino.

Elimina toxinas e contaminadores. A linhaça contém em grandes quantidades dos dois tipos de fibras dietéticas solúvel e insolúvel. Contém mais fibra que a maioria dos grãos.

SISTEMA NERVOSO:

É um tratamento para a pressão. As pessoas que consomem linhaça sentem uma grande diminuição da tensão nervosa e uma sensação de calma. Ideal para pessoas que trabalham sob pressão. Melhora as funções mentais dos anciãos, melhora os problemas de conduta ( esquizofrenia).

A linhaça é uma dose de energia para o cérebro, porque contém os nutrientes que reduzem mais neuurotransmissores (reanimações naturais).

SISTEMA IMUNOLÓGICO:

A linhaça alivia alergias, é efetiva para o LUPUS.

A semente de linhaça por conter os azeites essenciais Omega 3, 6, 9 e um grande conteúdo de nutrientes que requeremos constantemente, faz com que nosso organismo fique menos doente, por oferecer uma grande resistência às doenças.

Contém grandes quantidades de rejuvenescedor, pois retém o envelhecimento.

A linhaça é útil para o tratamento da ANEMIA.

SISTEMA CARDIOVASCULAR:

É ideal para tratar a arteriosclerose, elimina o colesterol aderido nas artérias,esclerose múltipla, trombose coronária, pressão alta arterial , arritmia cardíaca , incrementa as plaquetas na prevenção da formação de coágulos sanguíneos. É excelente para regular o colesterol ruim . O uso regular de linhaça diminui o risco de padecer de doenças cardiovasculares. Uma das características UNICAS da linhaça é que contém uma substância chamada TAGLANDINA, a qual regula a pressão do sangue e a função arterial e exerce um importante papel no metabolismo de cálcio e energia.

O Dr. J H. Vane, ganhou o prêmio Nobel de medicina em 1962 por descobrir o metabolismo dos azeites essenciais Omega 3 e 6 na prevenção de problemas cardíacos.

DOENÇAS INFLAMATÓRIAS:

O consumo de linhaça diminui as condições inflamatórias de todo tipo. Refere-se a todas aquelas doenças terminadas em "ITE", tais como: gastrite, hepatite , artrite, colite, amigdalite, meningite, etc.

RETENÇÃO DE LÍQÜIDOS:

O consumo regular de linhaça, ajuda aos rins a excretar água e sódio. A retenção de água (Edema) acompanha sempre à inflamação de tornozelos, alguma forma de obesidade, síndrome pré-menstrual,todas as etapas do câncer e as doenças cardiovasculares.

CONDIÇÕES DA PELE E CABELO:

Com o consumo regular de sementes de linhaça você notará como sua pele voltará a ser mais suave.

É útil para a pele seca e pele sensível aos raios do sol. É ideal para problemas na pele , tais como: psoriase e eczema.

Recomenda-se também como máscara facial para uma limpeza profunda do cútis. Ajuda na eliminação do pano branco,manchas, acne, espinhas, etc.

É excelente para a CALVÍCIE . Essa é uma boa notícia para quem sofre de calvície. Também é útil no tratamento da caspa . Use-a como geléia para fixar e NUTRIR o cabelo. Não use vaselinas que danificam o couro cabeludo e o cabelo.

DIABETES:

O consumo regular de linhaça favorece o controle dos níveis de açúcar no sangre. Esta é uma excelente notícia para os insulina-dependentes.

VITALIDADE FÍSICA:

Um dos mais notáveis indicativos de melhora devido ao consumo de linhaça é o incremento progressivo na vitalidade e na energia. A linhaça aumenta o coeficiente metabólico e a eficácia na produção de energia celular . Os músculos se recuperam da fadiga do exercício.

MODO DE USAR:

Duas colheres de sopa por dia, batidas no liquidificador, se mistura em um copo de suco de fruta, ou sobre a fruta, ou com a aveia, ou iogurte no café da manhã ou no almoço.

Podem tomar pessoas de todas as idades (crianças, adolescentes e anciãos). Inclusive mulheres grávidas . Para quem tem prisão de ventre é excelente bater a linhaça com ameixa sem caroço (de molho na água, tampada na geladeira) até regularizar o intestino.

Fonte: mvmportuguese.files.wordpress.com

Linhaça

Os segredos da LINHAÇA

A linhaça tem origem asiática e pertence à família Linácea.

Existem dois tipos: a linhaça dourada e a marrom. É importante saber que não existe diferença na composição nutricional entre os dois tipos, ou seja, elas possuem os mesmos nutrientes. A diferença é que a dourada é plantada em regiões frias e cultivada de forma orgânica, por isso é tão difícil de ser encontrada em nossa região, que é quente.

A linhaça é considerada um alimento funcional já que, além de conter seus nutrientes básicos (carboidratos, proteínas, gorduras e fibras), apresenta também elementos que podem diminuir o risco de algumas doenças.

Ela contém substâncias capazes de prevenir doenças letais, como câncer de mama, cólon e próstata, o que faz dela um alimento funcional de primeira grandeza.

Outros ingredientes que compõem sua poderosa fórmula são:

Vitamina A, C e E: têm efeito antioxidante, contribui para o bom funcionamento celular, afasta o envelhecimento precoce e as doenças degenerativas.

Ômega 3 e ômega 6: esta dupla garante a saúde cardiovascular, pois atua na redução do LDL (o mau colesterol) através do aumento do HDL (o bom colesterol), impedindo a formação de placas de ateroma. Atuam também na construção de moléculas de hemoglobina (que carregam o oxigênio pelo sangue; renovação celular), estimulam a produção de prostaglandinas (compostos que melhoram a circulação sanguínea e removem o excesso de sódio dos rins), diminuem ainda a retenção de líquidos e atuam no sistema imunológico.

Lignana: similar ao hormônio estrógeno, esta substância fica conhecida como fitoestrógeno e induz a apoptose celular (mecanismo de defesa que provoca suicídio das células defeituosas) principalmente nos casos de câncer de mama e de próstata.

Taglandina: regula a pressão do sangue e a função arterial e exerce um importante papel no metabolismo de cálcio e energia.

Fibras insolúveis: regulam o intestino, pois aumentam o bolo fecal ajudando a prevenir o câncer de cólon.

Fibras solúveis: aumentam a sensação de saciedade e ajudam a normalizar os índices de colesterol e glicose sangüínea, ajudam a controlar e perder peso.

Vitaminas B1, B2, B6 e B12.

Minerais como ferro (auxilia no combate à anemia), potássio e magnésio (ajuda a controlar a hipertensão), fósforo e cálcio (importante na saúde dos ossos e contrações musculares), zinco e selênio (antioxidante, ajuda a retardar o envelhecimento precoce e prevenir doenças cardiovasculares).

Desta forma os principais objetivos do uso da linhaça são:

Auxiliar no combate à acne,
Auxiliar no equilíbrio hormonal, amenizando distúrbios causados pela TPM e menopausa,
Auxiliar na modulação do sistema imunológico,
Auxiliar na diminuição do risco de aterosclerose,
Auxilliar no controle da glicemia e da dislipidemia (colesterol e triglicérides alto),
Auxiliar na prevenção do envelhecimento precoce,
Regularizar a função intestinal,
Auxiliar na redução da retenção de líquidos.

Como usar

A semente da linhaça deve ser triturada no liquidificador antes de ser consumida porque a casca, que é bastante resistente, pode passar intacta pelo aparelho digestivo, e, desta forma, as substâncias benéficas ficam impedidas de sair e não são utilizadas da forma que deveriam.

Portanto, uma forma fácil de quebrar as sementes é passá-la em um processador ou liquidificador na tecla pulsar, para que não vire pó. Depois, guarde-a em refrigerador, se possível fora da luz.

A farinha da linhaça pode se utilizada em iogurtes, saladas, sucos, vitaminas, misturada à cereais, massas de pães e bolos e em todos os outros alimentos.

Não perca tempo! Diante de todas as propriedades nutricionais desta semente, não tenha dúvidas de que este seja um alimento muito nutritivo e que deve ser incluído em seu cardápio. Não esqueça também de tomar bastante líquido, aumentar o consumo de frutas, vegetais e cereais além de praticar algum tipo de atividade física. Tenha boa saúde e melhore sua qualidade de vida!

Jaqueline Paula de Oliveira

Fonte: www.centralfarma.com.br

Linhaça

Como todo vegetal, existem muitas variedades de uma mesma família. Entre a linhaça marrom e a dourada podem existir muitos tons, mas a diferença entre elas é muito pequena quando falamos de teor de ômega-3, que é o quesito onde elas são mais analisadas e comparadas. As condições de cultivo e a variedade podem alterar a quantidade de pigmento da casca, porém internamente a semente costuma apresentar composições muito próximas. A linhaça dourada é importada do Canadá e pequena produção brasileira e a linhaça marrom (brasileira) é mais rica em ômega-3 e mais acessível.

Além de sua riqueza em ômega-3 (um agente antinflamatório e regenerador celular) e ácidos graxos monoinsaturados (caloria de queima rápida), ela também é rica em fibras, como as ligninas (precursoras de fito hormônios) e as mucilagens de ação laxante, que nutrem a flora intestinal, tratam mucosas e auxiliam na desintoxicação.

A forma ideal para seu consumo é deixá-la de molho em água filtrada por um mínimo de 4 horas (ideal 8 horas) antes de seu preparo (ou como está na Apostila Seminário de molho c/ Bicarbonato de Sódio + vinagre p/ acelerar este processo) em sucos, leites ou barrinha de granola. A este processo dá-se o nome de pré-germinação da semente.

Lembre-se: “Consuma a linhaça crua e germinada somente com alimentos crus. Se misturada com alimentos cozidos ou industrializados certamente desencadeará gases”.

A água pura deste molho – rica em mucilagens - também pode ser consumida junto pois é indicada para prevenir problemas de digestão, úlceras e constipação.

Não é aconselhado o consumo de linhaça pré-moída, também chamada de farinha de linhaça, pois certamente estará em algum grau oxidada. E, quanto mais oxidada maior a chance de forte flatulência, enxaqueca e diarréia. O ideal é mesmo consumi-la crua, integral e triturada na hora do seu consumo.

O consumo indicado para adultos é de no máximo 2 colheres de sopa/dia e para crianças até 12 anos é de 1 colher de sobremesa/dia. Sementes são alimentos de energia concentrada, jamais devem ser consumidos em quantidade, pois não há absoluta necessidade.

Todo vegetal, principalmente as sementes, contêm substâncias de defesa para preservarem a integridade da semente até sua germinação. Tais substâncias são chamadas de antinutricionais e são nocivas quando existir exagero no consumo. Um recurso de minimizar a presença destas substâncias é o processo de germinação.

Por este motivo não se deve consumir qualquer semente em excesso, principalmente se não for previamente germinada, seja castanha do pará, gergelim, amendoim ou linhaça.

A linhaça é a semente do linho, uma planta cuja função original é a produção textil.

Como todas as sementes, ela contém substâncias de proteção contra ataque de fungos, carunchos e bactérias, de tal forma a preservar o seu destino: germinar e virar uma planta. Estas substâncias são tóxicas (para os bichinhos e para nós humanos) e são chamadas de antinutricionais ou alergenos.

Principalmente se o consumo daquela semente é exagerado.

Para evitar os antinutricionais ou alergenos das sementes, basta deixá-las que germinem.

Porque durante a germinação, a semente entende que chegou a hora de se transformar: semente -> germinado -> planta. Neste momento (da germinação), todas aquelas substâncias que cumpriam a função de defesa e preservação da integridade da semente se transformam em agentes de propulsão e crescimento. O germinado costuma conter doses elevadas de enzimas, vitaminas e substâncias vitalizantes, ativadoras de vida. Por este motivo, sempre que se for consumir sementes, elas devem estar cruas e previamente germinadas

Fonte: www.geocities.cocm

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal