Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Os Gostos, Que Tantas Dores, 1598  Voltar

Os gostos, que tantas dores (1598)

Redondilhas de Luís Vaz de Camões

Cantiga a esta cantiga alheia:
Pequenos contentamentos,
i buscar quem contenteis,
que a mim não me conheceis,

VOLTAS

Os gostos, que tantas dores

fizeram já valer menos,

não os aceita pequenas,

quem nunca teve maiores.

Bem parecem vãos favores,

pois tão tarde me quereis

qu'inda me não conheceis.

Ofereceis-me alegria,

tendo-me já cego e mouco:

é baixeza aceitar pouco

quem tanto vos merecia.

Ide-vos por outra via,

pois o bem que me deveis

nunca mo satisfareis.

Fonte: www.bibvirt.futuro.usp.br

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal