Facebook do Portal São Francisco
Google+
+ circle
Home  Mamão - Página 13  Voltar

Mamão

Mamão

Um bom café da manhã sempre tem na mesa o mamão " in natura", hábito brasileiro que se espalhou pelo mundo. Consumido ao natural, com ou sem sementes, na sobremesa, sob a forma de sucos, vitaminas e doces, e, principalmente, distribuindo saúde, faz com que esta fruta seja tão apreciada.

Comer um mamão é sempre uma experiência diferente, pois embora não existam muitas variedades cultivadas comercialmente, o mamão varia em cor, sabor e perfume.

Ele pertence à família das caricáceas e seu nome científico é Carica papaia. Sua origem não é precisa, mas os registros indicam que quando os europeus chegaram no continente americano, a espécie já era conhecida e seus frutos, folhas, látex e sementes aqui já eram utilizados.

É encontrado em regiões de clima tropical e subtropicais, sendo muito fácil ver esta espécie em terrenos baldios, quintais e até jardins, desde que a região tenha sol.

Seu nome popular varia de acordo com a região: papaia, no México; fruta-bomba, em Cuba; passaraiva, no Nordeste do Brasil, mamoeiro; mamão-do-amazonas; mamãozinho... A fruta, chamada mamão tem este nome por ter formato de uma mama, o que lhe rendeu o nome popular de mamoeiro.

É encontrado durante o ano todo e, dependendo da variedade a que pertence, tem tamanho, peso, sabor e cor diferentes. A polpa, macia e muito aromática, também varia de cor, entre o amarelo-pálido e o vermelho, passando por diversos tons de laranja e salmão. A casca geralmente é fina, bastante resistente, aderida à polpa, lisa, de cor verde-escura, que vai se tornando amarelada ou alaranjada à medida que o fruto vai amadurecendo. As sementes pequenas, pretinhas e brilhantes, que ficam ligadas por fibras à extremidade interna da polpa, ocorrem em grande quantidade.

O mamoeiro é árvore de pequeno porte cujos sexos encontram-se em plantas separadas: mamoeiros- machos e mamoeiros-fêmeas, sua principal peculiaridade.

As flores nascidas dos mamoeiros-machos, embora não se transformem em frutos comestíveis, têm a importante função de fecundar as flores do mamoeiro-fêmea. Tais flores ficam dependuradas e distanciadas do caule da árvore, sendo o que permite identificar, com bastante facilidade, o sexo do mamoeiro.

Às vezes nascem flores hermafroditas, dando origem a frutas atípicas - mamões-machos -, muito importantes no processo de fecundação dos mamoeiros. O mamão macho, também conhecido como mamão corda, é fino e comprido. O mamão fêmea é bem maior e tem a forma arredondada.

As espécies mais cultivadas no Brasil são:

1. Papaia

Que é o mais doce entre os mamões

2. Formosa

Maior que o papaia, mais comprido e alongado é um híbrido de origem chinesa

3. Tailândia

Produz uma enzima utilizada na industrialização de queijos, remédios, couros, etc

Há ainda outras variedades, como o Hortus Gold - um cultivar que na África do Sul que produz frutos destinados ao consumo in "natura" e fabricação de bebidas, em mistura com outras frutas, especialmente a banana; e o Sunsire Solo - variedade selecionada pela Universidade do Havaí.

Como Cultivar

Propagação

A reprodução é feita por semeadura, em qualquer época do ano. Quando as mudas atingirem 15 cm devem ser plantadas em covas de 40cm de profundidade e diâmetro, a 2 m de distância. Observa-se a facilidade com que o mamoeiro se propaga ao vê-lo brotando espontâneamente e sem nenhum cuidado em qualquer local.

Adubação

O mamoeiro desenvolve-se melhor em solo bem drenados e rico em matéria orgânico. Exige pH do solo entre 5,5 a 6,5. 5 l de esterco de curral bem curtido, 100g de farinha de osso e 100g de torta de mamona.

Luminosidade

Sol pleno

Clima

A cultura desenvolve-se bem em regiões temperadas com temperaturas médias em torno de 25 °C. O mamoeiro não tolera o frio.

Regas

Nos primeiros meses após o plantio .

Colheitas dos Frutos

O fruto das três árvores (masculina, feminina e hermafrodita) são comestíveis.

Fornece cerca de 40kg de fruto por planta ao longo do ano. Antes de cessar sua produção de frutos o mamoeira frutifica sem parar por durante três anos.

Geralmente o mamão é colhido ainda verde e, para antecipar seu amadurecimento risca-se sua casca no sentido longitudinal, fazendo alguns sulcos, por o­nde escorre o látex, hábito não correto pois se perdem substâncias preciosas com a sua saída.

Esse látex é muito rico em uma substância chamada papaína e, por muito tempo, foi utilizado na medicina caseira com funções tão variadas como as de amaciar carnes. Sabe-se hoje que a papaína - que se encontra espalhada por toda a planta, especialmente no fruto verde, e que vai sumindo à medida que a fruta amadurece - é uma substância de muitos usos medicinais e industriais.

Controle de Doenças e Pragas

Ácaros

Utilização de acaricidas

Nematóides

Plantios de mudas sadias em solos livres de infestação ou utilização de nematicidas sistêmicos.

Cigarrinha-Verde

Controle através de inseticida sistêmico

Antracnose

Controle através de pulverizações com fungicida, quando os primeiros sintomas surgirem.

Há uma doença conhecida como varíola ou pinta preta, provocada pelo fungo Asperisporium caricae. As manchas e lesões ocorrem em folhas e frutos, contudo limitam-se à superfície dos mesmos (casca), causando-lhes mau aspecto e prejudicando seu valor comercial. Os frutos afetados, porém, podem ser consumidos.

Benefícios

O mamão é um alimento com a polpa muito rica em nutrientes. Contém grandes quantidades de sais minerais (cálcio, fósforo, ferro, sódio e potássio) e vitaminas A e C. Além disso, também contém papaína, uma substância importante para o bom funcionamento do aparelho digestivo.

Apresenta propriedades laxativas e calmantes, sendo indicado às pessoas que têm distúrbios estomacais, que estejam fazendo regime de emagrecimento ou que desejem manter o peso.

Inconvenientes

Seu látex pode provocar dermatites.

Fonte: ojardim.com.br

Mamão

Mamão

Mamão, papaia ou ababaia é o fruto do mamoeiro ou papaeira, árvores das espécies do gênero Carica, especialmente de Carica papaya.

Em Angola e Moçambique utilizam-se os termos mamão / mamoeiro para identificar o fruto mais arredondado, identificando papaia / papaeira com o fruto mais alongado e mais adocicado.

São bagas ovaladas, com casca macia e amarela ou esverdeada. Sua polpa é de uma cor laranja forte, doce e macia. Há uma cavidade central preenchida com sementes negras e rugosas, envolvidas por um arilo transparente.

Mamoeiro
Flores de mamoeiro macho

Mamões são consumidos in natura, em saladas e sucos. Antes da maturação, sua casca apresenta um látex leitoso que deve ser retirado antes do consumo.

Este látex contém substâncias nocivas às mucosas, sendo usado, inclusive, culinariamente, como amaciante de carnes. Tem um alto teor de papaína, uma enzima proteolítica, que é usada em medicamentos para tratamento de distúrbios gastrointestinais e para reabsorção de hematomas.

Originalmente do sul do México e países vizinhos, é atualmente cultivada na maioria dos países tropicais e nos Estados Unidos, onde foi introduzido primeiramente na Flórida, Havaí, Porto Rico, e nas Ilhas Virgens.

Valor nutricional

O consumo do mamão é recomendado pelos nutricionistas por se constituir em um alimento rico em licopeno (média de 3,39 mg em 100 g), vitamina C e minerais importantes para o organismo. Quanto mais maduro, maior a concentração desses nutrientes.

Mamoeiro
Mamoeiro com suas folhas e copa

Fonte: pt.wikipedia.org

voltar 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 avançar
Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal