Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Ray-Ban - Página 2  Voltar

Ray-Ban

ORIGEM DA MARCA RAY-BAN

Ray-Ban

Nos anos 20, após a Primeira Guerra Mundial, a indústria de aviões, que primava pela construção de aeronaves modernas e capazes de alcançar altitudes impressionantes para a época, crescia de forma constante.

Os pilotos eram prejudicados pela claridade excessiva do sol sobre as nuvens e sofriam distorções visuais.

A força aérea dos Estados Unidos encomendou a Baush & Lomb (empresa ótica americana fundada em 1849), lentes especiais para combater os danos criados pelos raios UV.

Foram cerca de dez anos de pesquisas, mas finalmente foram criadas as lentes verdes de cristal especial capaz de refletir e bloquear um alto nível de luz solar, além de proteger contra os raios ultravioletas e infravermelhos.

image0061 Clássicos da Moda Óculos Ray Ban fotos image0036 Clássicos da Moda Óculos Ray Ban fotos

Ray-Ban

O design foi inspirado nas primeiras máscaras criadas para pilotos de avião. Foi batizado como Anti-Glare Aviator e somente em 1937 passou a ser chamado de Ray Ban (do inglês Ray-Banner ou Raios Banidos), ganhou armação dourada e as ruas do mundo inteiro.

Mas foi através do cinema que o Ray Ban obteve grande sucesso. Carregado de estilo, traz uma sensação de liberdade, independência e audácia.

Desde 1999, a marca pertence à empresa italiana Luxottica Group Spa.

Além do modelo Aviator, o Wayfarers também atingiu grande sucesso, graças a eterna bonequinha de luxo, Audrey Hapburn.

image0082 Clássicos da Moda Óculos Ray Ban fotos co33audrey hepburn in breakfast at tiffany s posters Clássicos da Moda Óculos Ray Ban fotos

Ray-Ban

Os modelos

“Durante toda sua história a marca RAY-BAN lançou modelos que se tornaram verdadeiros sucessos de mercado e ditaram tendências no mundo da moda.

Entre eles, além dos clássicos AVIATOR e WAYFARER (com armações plásticas) estão o SHOOTER (óculos com lentes verdes ou amarelas com armações mais grossas e largas) lançado em 1938; SMALL METAL (versão reduzida e colorida do Aviator);

OUTDOORSMAN (muito semelhante ao modelo Shooter);

CARAVAN (com formas quadradas);

GRADIENT SILVER MIRROR (com lentes espelhadas em degrade);

Coleção SKI & SPORTS COLLECTION (composta por dois modelos de óculos e lentes para prática de esportes como ski e montanhismo) introduzida na década de 60;

AMBERMATIC (que possibilitava a troca de lentes para adequar-se as mais diferentes condições climáticas);

WINGS (um modelo unisex definido como aerodinâmico e revolucionário) introduzido na década de 80;

STREET NEAT (modelo semelhante ao WINGS com cores mais vivas e brilhantes);

E o sistema DiamondHard Scratch-Protection (uma película que recobria a lente tornando-a 10 vezes mais resistente).

Fonte: www.fashionbubbles.com

Ray-Ban

A mais consagrada marca no mercado de óculos de sol é a Ray-Ban.

Seus modelos inspiram cópias e reproduções até mesmo de grifes famosas que não conseguem controlar o desejo de colher um pouco das linhas e da tecnologia avançada da marca que reina absoluta no gosto popular – e dos famosos também.

Ray-Ban

Vale conhecer por nome alguns modelos da marca e também um pouco mais sobre a história da Ray-Ban, em pinceladas e curiosidades gerais.

O modelo Aviator surgiu a partir da encomenda do tenente John MacCready que durante uma longa viagem de balão sofreu com a exposição dos olhos aos raios solares.

O mesmo procurou a B&L em busca de um óculos de sol diferenciado, capaz de proteger os olhos sem prejudicar as linhas estéticas do acessório.

A partir daí nasceu o modelo com lentes verdes anti-reflexo que impediam a entrada dos raios infravermelho e ultravioleta. MacCready, muito satisfeito, divulgou a novidade para seus amigos aviadores e militares gerando a popularização do Aviator – que fez com que nascesse a Ray-Ban

Ray-Ban

A Segunda Gerra Mundial popularizou ainda mais o Aviator, que até então possuía suas vendas restritas aos militares. O sucesso foi tão grande que todos queriam um desses óculos para si… e a Ray-Ban, bem espertinha, tratou logo de ampliar sua gama de produtos.

Raymond Stegeman criou, em 1952, o modelo Wayfarer – construído com armação de plástico. O protótipo foi vendido a B&L e mais que rapidamente seduziu celebridades e artistas de Hollywood. Nascia um novo mercado para a Ray-Ban.

O mundo cinematográfico foi um dos maiores responsáveis pela consolidação da marca.

A partir disso a história se deu de forma natural, com altas e baixas para certos modelos específicos, mas nunca para a marca que sempre está a frente do mercado com a pesquisa de materiais e linhas de design.

Os clássicos são constantemente remodelados em contato direto com as necessidades do público exigente que espera, cada vez mais, alguma forte novidades.

Há de se recomendar a aquisição de um Ray-Ban original, não apenas pelas linhas modernas e interessantes, mas principalmente pela qualidade do acessório que cumpre o que promete.

Quer mais?

A campanha Never Hide apresenta uma série de vídeos bem interessantes, de todos os tipos e estilos. Vale assistir alguma coisa.

Fonte: amandamedeiros.com

voltar 12avançar
Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal