Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  unhas bonitas  Voltar

Unhas Bonitas

Unhas sempre bonitas

Elas são, sem sombra de dúvida, um cartão de visita. Não há quem não repare em unhas roídas e logo tenha uma má impressão. Unhas bonitas e bem cuidadas conferem conceitos de higiene e segurança e isso, em várias situações da vida, é muito importante.

As unhas são formadas por uma proteína chamada queratina. Essa mesma proteína pode ser encontrada na pele e nos cabelos. Também está presente nos cascos de cavalo, nos esporões de pássaros, penas, chifres de boi e nas garras dos ursos, por exemplo.]

Para se dar a devida atenção às unhas é preciso não esquecer alguns fatores fundamentais.

Alimentação

Uma alimentação saudável é fundamental para se ter unhas fortes e bonitas. Uma dieta rica em proteínas e cálcio - carne, peixe, ovos, leite e derivados - é muito importante. A vitamina A também é um grande aliado nesta batalha. Você encontra o nutriente em alguns alimentos, como o fígado de boi, batata doce, cenoura, espinafre, abóbora, damasco, leite, brócolis, gema de ovo, queijo tipo cheddar, pêssego, manga, mamão, pequi, caqui entre outros. Você deve manter esses alimentos em seu cardápio semanal.

Sinal de perigo

As unhas também podem ser o termômetro que indica um problema de saúde. Quando há falta de cálcio no organismo elas ficam fracas e quebradiças. A Academia Americana de Dermatologia define alguns sintomas:

Unhas sem cor - podem indicar anemia.

Unhas amareladas - podem ser sinal de diabetes.

Unhas com uma metade branca e outra avermelhada - podem ser sintoma de doenças renais.

Cuidados hoje e sempre

Unhas sempre limpas e secas. Assim, você evita o aparecimento de fungos e bactérias.

Evite cortar as cutículas. Elas protegem as unhas contra infecções e micoses.

Utilize sempre luvas de algodão para trabalhos secos e luvas de borracha para trabalhos com água.

Use material individual para corte e limpeza das unhas. Ou fique atenta na manicure se estes equipamentos foram esterilizados. Materiais infectados podem transmitir doenças como hepatite C.

Não roa as unhas. Nunca. Isso facilita o aparecimento de fungos! Além de acabar com a sua imagem.

Deixe as suas unhas respirarem de vez em quando. O uso excessivo de esmalte pode causar problemas. Uma boa dica é retirar o esmalte um dia antes de fazê-las. Esmaltes escuros também podem pigmentá-las.

Fonte: www1.uol.com.br

Unhas Bonitas

Unhas fortes e bonitas sem sacrifício

Uma saúde delicada ou problemas alimentares podem ser a causa de unhas fracas e quebradiças. Morder as unhas é outro fator que as prejudica, então, porque mesmo assim as mordemos? Se você quer ter mãos perfeitas, leia com atenção as orientações a seguir.

As unhas se enfraquecem por vários motivos. Os mais comuns são problemas de metabolismo, alergia, anemia ou deficiências de cálcio ou outros nutrientes essenciais. Mas não só os fatores internos podem fazer com que as unhas facilmente. Pessoas que se expõem muito ao sol, ao uso de detergentes ou outros tipos de produtos de limpeza também estão colocando-nas em risco. Utilizar esmaltes de má qualidade também pode causar este problema.

Mas a grande vilã para quem deseja ter mãos lindas é a péssima mania de mordê-las. Existem tratamentos dos mais diversos para evitar esta mania, como choques ou colocar produtos químicos de sabor repulsivo nos dedos, mas o melhor mesmo é se conscientizar do problema e eliminá-lo da sua vida. Como todo tipo de mau hábito, pode ser bastante difícil abandoná-lo no começo, mas quando suas unhas estiverem bonitas, fortes e perfeitas, verá que o sacrifício valeu à pena.

Algumas dicas para quem quer ter unhas mais bonitas:

Dieta equilibrada

O fator básico para que suas unhas sejam fortes é a alimentação. Você deve ingerir todos os dias a quantidade certa de nutrientes indicada para a sua idade e sua estrutura corpórea.

O cálcio fortalece e dá consistência às unhas. Use e abuse do leite e de seus derivados, além de frutos do mar e peixes. O ferro é outro nutriente imprescindível para a beleza de suas mãos. Você o encontra nos vegetais de folhas escuras como o espinafre, a rúcula e o almeirão, e também nas frutas vermelhas e no fígado bovino.

Manicure

Use sempre a lixa. O uso de tesouras pode fazer com que elas se lasquem. Prefira as mais simples, de papelão, às metálicas, que também racham e estragam as pontas. Lixe-as sempre da borda de dentro para a de fora.

Proteja sempre as mãos ao entrar em contato com substâncias químicas que possam manchá-las. É aconselhável usar sempre um creme hidratante próprio para essa região do corpo, assim como luvas. Nunca corte suas cutículas com tesoura ou com o alicate. Prefira usar um removedor especial, vendido em qualquer loja de cosméticos.

Esmalte

Assegure-se sempre que as camadas de esmalte já estejam secas antes de passar as seguintes. Se você não fizer isso, elas podem ficar manchadas e feias.

Unhas postiças

Se mesmo com todos os cuidados as suas unhas não ficarem do jeito que sempre sonhou, não desista. Unhas postiças ainda são uma boa solução, desde que se conheça o modelo, o tamanho e a forma ideais. Além disso, elas têm de ser muito bem colocadas para não ficarem com a aparência muito artificial e percam o charme. Procure um bom profissional antes de colocá-las.

A maior de todas as vantagens das unhas postiças é que se pode trocar sua cor todos os dias, ficam sempre do tamanho que se quer e não quebram. Nunca tente pintá-las, pois podem ficar com o aspecto pior que o da suas naturais se mal cuidadas.

Fonte: www.terra.com.br

Unhas Bonitas

Dicas para ter unhas bonitas e fortes

Tempo de retirada do Esmalte: Deixar as unhas pintadas por mais de cinco dias pode enfraquecê-las. Quando o esmalte começa a descascar é hora de retirá-lo e aproveitar para caprichar na hidratação da área.

Dê um intervalo de pelo menos uma semana, pois as unhas precisam respirar. Antes de passar o esmalte, use uma base fortalecedora.

Acetona: Use acetona só uma vez por semana. Estes produtos, quando usados em excesso, ressecam as unhas que se tornam frágeis e quebradiças.

É recomendado a utilização do removedor de esmaltes, pois geralmente é mais suave e resseca menos as unhas.

Limpeza: Limpar a parte de baixo das unhas com uma escovinha de cerdas macias.

Cutícula: O ideal é retirar só o excesso, pois ela forma uma barreira protetora contra a invasão de microorganismos causadores de doenças. Comece aplicando um creme específico para amolecer cutículas e, em seguida, empurre-as.

Com a própria espátula, retire somente o excesso de pele. O que sobrar, retire com o alicate, mas sem eliminar toda a cutícula.A cutícula protege as unhas contra fungos e bactérias, por isso, é um erro retirá-la totalmente. O correto é amolecê-la, empurrá-la com a espátula e somente remover o excesso.

Como lixar as unhas: As unhas dos pés precisam ser lixadas em formato quadrado, para evitar que encravem. Nas mãos, vale também o formato redondinho, desde que a unha não fique pontuda, o que poderia fazer com que ela quebrasse com mais facilidade.

O formato ovalado é ideal para unhas fracas, porque quebra com menos facilidade. O quadrado exige movimentos firmes e retos da lixa. Unhas redondas devem ser lixadas na diagonal. Uma vez por mês, lixe também a superfície das unhas, com a parte mais fina da lixa, para retirar as impurezas e as células mortas.

Cuidado com instrumentos e produtos: Mantenha todos os instrumentos (espátula, alicates, limas) limpos e se possível desinfetados. Se você vai a manicure, verifique se ela desinfeta o material após cada cliente.

Não tente reaproveitar esmaltes ressecados utilizando solventes, pois eles modificam sua composição química, comprometendo a qualidade do produto, ou seja, você até poderá utilizá-lo, porém haverá alterações na textura, além de descascar mais rápido.

Para o esmalte durar mais tempo: A dica é passar a ponta do dedo sobre a parte lixada da unha, logo depois que ela for pintada. Isso ajuda a retirar o excesso de esmalte, o culpado pelas pontas das unhas descascarem rapidinho.

Já para evitar as bolhas, faça as unhas em um local arejado, em uma temperatura confortável. Evite sol ou vento demais, pois são as variações de temperatura que levam a produção por água abaixo.

Para o esmalte secar mais rápido: Evite o excesso de esmalte, limpando bem o pincel na borda do vidro antes de aplicá-lo nas unhas. Mergulhar as mãos em um pote com água bem gelada, ou usar um óleo secante logo depois de pintar.

Efeitos e colorações: Para tornar a sua unha mais comprida, deixe uma faixa bem fininha sem pintar nas laterais da unha. Mas o efeito tem de ser sutil, para não ficar com ar de desleixo.

Muitas pessoas tem dúvidas se a coloração utilizadas nas mãos tem que ser as mesmas das dos pés: Isto depende do estilo de cada um! Se você não é das mais ousadas, opte por colorir a mão e deixar o pé bem discreto, ou vice-versa.

Para fortalecer as unhas: As unhas fracas e quebradiças são causadas, geralmente, por falta de vitaminas A, C, E e minerais como zinco, ferro e cálcio, desta forma procure equilibrar a sua dieta alimentar.

Além disso, deve-se aplicar diariamente um creme hidratante, massageando as suas unhas com movimentos circulares. Sempre que possível deixe as suas mãos e unhas submersas por 30 minutos em azeite morno. Prefira os esmaltes que contém formol.

Fonte: www.sitemedico.com.br

Unhas Bonitas

Unhas fortes e bonitas sem sacrifício

Ter unhas fortes, bonitas não é sacrifício algum. Não ocupa muito tempo é saudável e pode ajudar em outros aspectos.

Algumas correções alimentares e “maus hábitos” podem colaborar e muito para que se tenham belas unhas, elas se enfraquecem por vários motivos, fatores internos e externos que as prejudicam como falta de nutrientes adequados, metabolismo, alergias, muita exposição ao Sol, uso de detergentes e outros produtos de limpeza, esmaltes de má qualidade e a mania de mordê-las são alguns inimigos das unhas.

Devemos nos conscientizar que isso é um problema e retirá-lo de nossa vida.

Tem-se que tomar alguns cuidados como:

Uma dieta equilibrada com todos os nutrientes necessários como cálcio e ferro;

Na manicure procurar lixar as unhas à corta-las com tesoura, cortador ou alicate ;

Usar luvas quando entrar em contato com produtos químicos;

Usar sempre um hidratante para as mãos;

Não cortar as cutículas com o alicate, procure usar algum removedor especial ou então somente empurra-las.

Se mesmo tomando esses cuidados sua unha ainda não estiver ao agrado, melhor aderir às unhas postiças pois você poderá trocar a cor quantas vezes quiser, lixá-la e deixar ao formato de sua preferência, procurando sempre ajuda de um profissional para manuseá-las, caso contrário, poderão ficar muito artificial e, se mal cuidadas podem ficar com aspecto manchado, deixando a aparência mais feia de que suas próprias unhas .

Fonte: www.portaisdamoda.com.br

Unhas Bonitas

Unhas bonitas e saudáveis

As mãos são um verdadeiro cartão de visitas. Unhas bem feitas, limpas e saudáveis fazem a diferença. As unhas dos pés também merecem cuidados especiais, principalmente no verão, pois estão mais expostas. Infelizmente, micoses e outras doenças podem atingir as unhas. Mas alguns cuidados básicos podem fazer a diferença.

Conheça um pouco mais sobre as unhas

- A unha tem várias funções, como proteção, contribui com a sensibilidade tátil, manipulação delicada e capacidade de arranhar. - A unha é uma placa retangular e dura. O maior eixo é normalmente, longitudinal nas unhas das mãos e transversal nas unhas dos pés.

Alterações indesejáveis

Onicomicose

A onicomicose é uma infecção que atinge as unhas, causada por fungos. As fontes de infecção podem ser o solo, animais, outras pessoas ou alicates e tesouras contaminados. As unhas mais comumente afetadas são as dos pés, pois o ambiente úmido, escuro e aquecido, encontrado dentro dos sapatos, favorece o seu crescimento. Além disso, a queratina, substância que forma as unhas, é o "alimento" dos fungos.

Sintomas

Existem várias formas de manifestação das onicomicoses. Veja abaixo alguns dos tipos mais frequentes:

Onicofagia

- Descolamento da borda livre: a unha descola do seu leito, geralmente iniciando pelos cantos e fica ôca. Pode haver acúmulo de material sob a unha. É a forma mais frequente

- Espessamento: as unhas aumentam de espessura, ficando endurecidas e grossas. Esta forma, pode se acompanhar de dor e levar ao aspecto de "unha em telha" ou "unha de gavião".

- Leuconíquia: manchas brancas na superfície da unha.

- Destruição e deformidades: a unha fica frágil, quebradiça e se quebra nas porções anteriores, ficando deformada

- Paroníquia ("unheiro"): o contorno ungueal fica inflamado, dolorido, inchado e avermelhado e, por consequência, altera a formação da unha, que cresce ondulada e com alterações da superfície.

Um dos hábitos ou manias mais comuns é a onicofagia ou, simplesmente, roer unhas. Crianças e adultos, esclarecidos ou não, fazem isso. Para a psicologia é um sinal de nervosismo e stress. A onicofagia tem dois inconvenientes: o primeiro deles é estético e o outro está relacionado com as implicações que o corte da queratina pode ter.

Além de desproteger o leito da unha, há também o aspecto da higiene. É muito fácil para quem rói as unhas engolir junto com pedacinhos de pele, bactérias que podem ser nocivas à saúde.

Manchas

O aparecimento de manchas sobre as unhas pode indicar problemas de saúde. Pequenas alterações da queratina, por exemplo, fazem surgir manchas brancas. O ataque de fungos também produzem manchas brancas ou amarelas.

Causas

- Os causadores ( patógenos), podem ser fungos ou leveduras - O fungo é o maior causador de infecção das unhas.

Como evitar

Hábitos higiênicos são importantes para se evitar as micoses.

- Não ande descalço em pisos constantemente úmidos (lava pés, vestiários, saunas).

- Observe a pele e o pêlo de seus animais de estimação (cães e gatos). Qualquer alteração como descamação ou falhas no pêlo procure o veterinário.

- Evite mexer com a terra sem usar luvas.

- Use somente o seu material de manicure ou escolha locais em que as profissionais esterilizem rigorosamente os instrumentos.

- Evite usar calçados fechados o máximo possível. Opte pelos mais largos e ventilados.

- Evite meias de tecido sintético, prefira as de algodão.

Tratamento

Os medicamentos utilizados podem ser de uso local, sob a forma de cremes, soluções ou esmaltes. Casos mais avançados podem necessitar tratamento via oral, sob a forma de comprimidos. Os sinais de melhora demoram a aparecer, pois dependem do crescimento da unha, que é muito lento. As unhas dos pés podem levar cerca de 12 meses para se renovar totalmente e o tratamento deve ser mantido durante todo este tempo. A persistência é fundamental para o sucesso do tratamento. Sempre consulte o médico quando observar alguma dessas alterações, mesmo que seja discreta. Quando diagnosticada na sua fase inicial o tratamento é mais rápido e mas fácil.

Polimento de unhas substitui esmaltes

Você tem alergia a esmaltes? Saiba que muitas mulheres também sofrem do mesmo problema. Uma boa alternativa para manter as unhas lindas mesmo sem esmaltes é o polimento. A técnica deixa as unhas limpas, lisas e com muito brilho. O polimento das unhas dura cerca de 30 minutos. A manicure aplica uma pasta importada seguida de vaselina líquida e pó para dar brilho. Um aparelho polidor e uma lixa d’água dão o toque final.

Segundo a manicure Mara de Oliveira, responsável pela aplicação no Tampopo Hair, a procura por esse serviço é grande. “Hoje você não precisa mais usar esmalte e nem mesmo uma base para manter as unhas bonitas, o polimento de unhas se encarrega de deixá-las em perfeito estado e com muito brilho, por isso se tornou companheiro de quem sofre de alergia a esmalte e até dos homens, que hoje já estão mais preocupados em manter as unhas bonitas”, explica.

Para quem faz algum tipo de tratamento nas unhas, e por isso não pode aplicar esmaltes, o polimento também é uma solução. Ele dará o mesmo efeito e não prejudicará nenhum procedimento médico.

Fonte: delas.ig.com.br

Unhas Bonitas

Como cuidar das unhas

O que fazer para manter a saúde e a beleza das unhas

Quem pensa que é fácil manter unhas bonitas e saudáveis, está muito enganado! Não basta freqüentar salões toda semana, nem retocar as unhas todos os dias. Ao contrário do que se pensa, isto pode até prejudicar a beleza delas.

Alguns cuidados são fundamentais para manter a saúde das unhas. Retirar o esmalte pelo menos dois dias antes de refazer as unhas, não tirar cutículas, utilizar algum tipo de fortalecedor, como o famoso “casco de cavalo” e mantê-las sempre curtas e limpas são princípios básicos para garantir a saúde e beleza das unhas.

Um dos problemas mais comuns é a escamação, causada pelo enfraquecimento das unhas. Isto se dá muitas vezes pela má alimentação e carência de vitaminas. “Quando se observa alguma alteração na coloração, textura, aparecimento de pequenas manchas brancas, é aconselhável procurar um nutricionista para fazer um balanceamento na dieta alimentar”, explica a esteticista Alcione Marocolo.

Outro problema freqüente e difícil de ser tratado é a onicomicose - micose da unha. O tratamento é feito através de via oral e cremes tópicos. Segundo a Dr.ª Lúcia Helena Pereira Altomar, dermatologista do centro Dermaclin, os problemas com as unhas são devido, não só à carência alimentar e à freqüente umidade nas unhas , mas também à problemas hormonais.

Mas as mulheres também estão sempre de olho na moda! Mesmo com as novidades como a bicolor - unhas pintadas meio-a-meio de cores diferentes ou ainda um dedo pintado de cada cor - as brasileiras, no dia-a-dia, preferem as cores mais naturais, costumam optar pelo esmalte clarinho e pelas unhas curtas. Afinal de contas, moramos num país tropical!

Fonte: www.jfservice.com.br

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal