Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Oftálmica  Voltar

Oftálmica

Oftálmica - O que é

Esse profissional dá suporte ao trabalho do oftalmologista.

É o tecnólogo quem realiza os exames complementares para o diagnóstico dos pacientes e opera os equipamentos ópticos. Tanto nas consultas como nas cirurgias, é preciso manusear aparelhos para verificar dados como acuidade visual, espessura da córnea e sintonia entre os olhos.

O profissional está capacitado também a aplicar testes como o de campo visual e de identificação de cores, e orientar sobre o uso de lentes de contato.

Para isso, o tecnólogo em Oftálmica aprende anatomia, fisiologia e patologias oculares. Conhecimentos mais genéricos são importantes porque várias doenças podem ser detectadas pelos olhos.

Tecnologia Oftálmica: olhos nos olhos

Esse é um dos diálogos mais comuns na vida de quem passa pelo curso de graduação em Tecnologia Oftálmica.

Embora os profissionais fiquem um pouco contrariados com o desconhecimento geral da população sobre a carreira, quem se forma no único curso dessa especialidade oferecido no Brasil, não tem do que reclamar: o curso é curto (dura apenas três anos) e a vaga no mercado de trabalho é praticamente garantida.

Tecnólogo

Esse tecnólogo aplica exames oculares complementares para ajudar o oftalmologista na prevenção, no tratamento e no diagnóstico de problemas e alterações dos olhos e da visão. Opera equipamentos de fotografia, ultra-sonografia ocular para medir a percepção e a amplitude visual, o desempenho de cada um dos olhos e a capacidade de identificação das cores. Trabalha sob a supervisão de um oftalmologista, em consultórios e clínicas especializadas. Também é possível atuar em unidades hospitalares de cirurgia ocular.

A profissão

Este tecnólogo aplica exames ópticos complementares para ajudar o oftalmologista a diagnosticar problemas e patologias da visão. Opera equipamentos de fotografia e ultra-sonografia ocular para medir a percepção e a amplitude visual, a espessura da córnea, o desempenho de cada um dos olhos, o equilíbrio entre os eixos visuais e a capacidade de identificação das cores. Encarrega-se da adaptação de óculos e lentes de contato e presta auxílio óptico a pacientes com distúrbios da visão. Seu trabalho é desenvolvido sempre sob a supervisão de um oftalmologista, em consultórios e clínicas especializadas. Também é possível atuar em unidades clínicas e hospitalares de cirurgias oculares, preparando equipamentos, instalações e a instrumentação cirúrgica.

O Curso

O Curso de Tecnologia Oftálmica forma profissionais de nível superior para integrar equipes de atendimento oftalmológico, sob a coordenação e a supervisão do oftalmologista.

O Profissional

O Tecnólogo Oftálmico executa atividades de medidas de funções do aparato visual, realiza exames complementares solicitados pelo médico oftalmologista, por meio de manuseio de equipamentos oftálmicos específicos - ópticos, eletrônicos e informatizados - obtendo, editando e registrando dados para subsidiar laudo e diagnóstico do médico. Realiza capacitação para o uso e manutenção preventiva de equipamentos oftálmicos.

Desenvolve, também, novas soluções tecnológicas e pesquisas, além de instrumentar cirurgias oftalmológicas e colaborar na reabilitação de pacientes com deficiência visual. Integra equipes multiprofissionais e interdisciplinares na promoção e prevenção da saúde ocular. Clínicas, hospitais, laboratórios, banco de olhos, fabricantes e distribuidores de equipamentos oftálmicos, instituições de pesquisa, dentre outros, são campos de atuação deste profissional. A constante atualização tecnológica, o conhecimento da física óptica, das ciências biológicas básicas e aplicadas ao processo visual, da legislação específica, fundamentados na ética, segurança e qualidade são requisitos para atuação profissional com consciência crítica.

O Mercado de Trabalho

O tecnólogo encontra trabalho em setores dedicados ao tratamento das doenças oculares de grandes hospitais, clínicas e consultórios especializados. Em parceria com o oftalmologista, faz instrumentação em cirurgias oculares e realiza exames como retinografia e tomografia. Empresas de equipamentos oftalmológicos, como Alcon, também costumam contratá-lo. Os estados de São Paulo e do Rio de Janeiro e a cidade de Brasília, no Centro-Oeste, são os melhores mercados, embora existam vagas no interior do país. O profissional pode ainda optar pela carreira acadêmica depois da pós-graduação.

Duração média do curso: 03 anos.

Oftálmica - Profissão

Este tecnólogo trabalha em equipe com o médico oftalmologista auxiliando no atendimento de pacientes com problemas oculares, contribuindo para que os exames sejam efetuados de forma rápida e eficiente.

O profissional em oftálmica opera os equipamentos ópticos de exames em oftalmologia e atua tanto em consultas como em cirurgias, sendo habilitado também na orientação do uso de lentes de contato. Além disso, pode atuar em indústrias de equipamentos afins.

Tipos de Curso

a) Nível Superior

Tecnológico

Duração média de 3 anos em período integral com estágio obrigatório. O currículo básico é composto de disciplinas da área de saúde como fisiologia, anatomia e biofísica. As disciplinas específicas são morfofisiologia, instrumentação cirúrgica e óptica clínica, informática aplicada, entre outras. Grande parte da carga horária do curso é dedicada a atividades práticas.

b) Nível Médio

Técnico

Duração média de 2 anos: Os cursos técnicos que oferecem formação na área de Oftálmica são os de Técnico em Óptica e o de Técnico em Surfaçagista Óptico ou Montador de Lentes Oftálmicas, entre outros, onde o aluno vai adquirir conhecimentos em na área de atendimento a portadores de disfunções da visão.

c) Cursos Livres

Os cursos livres na área de Oftálmica são diversificados e costumam oferecer uma habilitação bem específica de acordo com a área de estudo. Podemos citar como exemplo os cursos de Montagem de Óculos, Reciclagem de Lentes de contato e Visão Subnormal, entre outros.

Mercado de Trabalho

Este tecnólogo aplica exames para diagnóstico dos pacientes como sintonia entre os olhos, acuidade visual, identificação de cores, equilíbrio dos eixos visuais ou percepção e amplitude visual, contribuindo para a eficiência dos procedimentos.

Trabalha na aplicação de técnicas em propedêutica e na operação de equipamentos complexos como os de ultra-sonografia, fotografia ocular, tomografia e retinografia, além da orientação sobre o uso de lentes de contato.

Ofertas de Emprego

Este tecnólogo atua em clínicas de oftalmologia, auxiliando o médico oftalmologista na aplicação de exames, no diagnóstico das anomalias e na orientação dos pacientes.

Pode atuar, ainda, em hospitais, fazendo a instrumentação cirúrgica em operações oftalmológicas assim como em indústrias de tecnologia em equipamentos oftalmológicos.

São Paulo e Rio de Janeiro são os Estados que mais oferecem postos de trabalho para este profissional, seguidos da cidade de Brasília, onde também existem diversas ofertas de emprego.

Fonte: catalogo.mec.gov.br/www.universia.com.br/www.cursocerto.com.br

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal