Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Próteses Glúteas - Página 2  Voltar

Próteses Glúteas

Bioplastia do Glúteo

O formato do bumbum é uma componente importante da harmonia corporal da mulher, principalmente no padrão estético brasileiro.

A musculação é um importante auxílio para desenvolver o bumbum. O formato é dado principalmente pelos músculos glúteos.

Na mulher é dificil obter a musculação do bumbum por causa de características anatômicas

A mulher, pelo tipo de inserção do músculo ( os pontos em que o músculo estão presos nos ossos do quadril) tem características diferentes do homem. Seus músculos são menos utilizados na rotina do dia a dia, como caminhar ou subir escadas. Por este motivo, os homens tem o músculo melhor desenvolvido. Por esta mesma razão , as mulheres tem dificuldade em aumentar este músculo, mesmo malhando muito.

Assim recentemente, alguns auxílios surgiram para aumentar o volume do glúteo na mulher. Entre eles o enxerto de gordura, a prótese glútea de silicone e mais recentemente a Bioplastia.

O enxerto de gordura tem como incoveniente ser formado por gordura, que pode ser absorvida em parte. Então o formato definitivo só será conhecido após algum tempo, en torno de 5 mêses, e nunca sabemos quanto vai ser absorvido, embora possamos tem uma estimativa. Assim o verdadeiro tamanho que vai ficar o bumbum é uma incógnita

A prótese de silicone para o bumbum, glúteo, tem sido muito utilizada, com bons resultados, mas tem um sério incoveniente, não se pode aplicar uma injeção glútea, com risco de perfurar a prótese. Mesmo tendo cuidado e avisando sempre quando estiver em um hospital, numa situação de emergência, ou por esquecimento do paciente de alertar , em um hospital, inadvertidamente pode ser aplicada uma injeção no glúteo, com sérios inconvenientes.

Além do que pode haver outros problemas associados com a prótese.

Mais recentemente , tivemos a opção de utilizar a Bioplastia, que é a técnica preferida pela Clínica Naturale.

A Bioplastia do Glúteo - o aumento do bumbum sem cirurgia

Uma substância biocompatível (aceita pelo corpo) é aplicada na região glútea diretamente dentro do músculo. A substância se mistura com o músculo e provoca o aparecimento de tecido conjuntivo do próprio paciente. A soma de tecido conjuntivo e substância biocompatível ( PMMA ) injetada vão dar o volume do bumbum, com um formato e volume determinados previamente pelo médico e paciente e dependente do volume injetado.

Não há riscos com futuras injeções e o resultado é bastante próximo ao natural. O tratamento é feito com anestesia local , sem internação, voltando para as atividades normais rapidamente. Não há cortes e nem cicatrizes. O procedimento varia de 40 minutos a 1 hora e meia dependendo do volume injetado.

A Bioplastia do bumbum, é uma alternativa nova para a melhora da harmonia corporal da mulher . O PMMA, ou metacrilato injetado não é absorvido pelo organismo, permitindo com exatidão se conhecer o volume final do glúteo. Se quiser um volume maior é só aplicar mais, o que é muito fácil, por ser sempre com anestesia local.

Por outro lado como o PMMA é aplicado diretamente no músculo, acaba fazendo parte do tecido muscular, não impedindo a prática do exercício físico. Os exercícios físicos são sempre necessários, a Bioplastia de Glúteo, sozinha, não pode oferecer um corpo como o da modelo das fotos desta página , mas pode ajudar muito.

Fonte: www.naturale.med.br

Próteses Glúteas

As mamas e os glúteos são provavelmente as regiões do corpo da mulher que mais traduzem a feminilidade. Muitas mulheres apresentam as nádegas pouco desenvolvidas, caídas ou "tristes" por características hereditárias e com a idade, vida sedentária, flacidez da pele e diminuição do tônus muscular, o problema tende a se agravar.

A presença de formas achatadas nessa região prejudica a parte emocional e diminui a auto-estima das pacientes. Mesmo o tratamento estético e meses e meses de musculação não devolvem a forma arredondada e sensual a essa região.

A correção desses problemas é feita com o implante de próteses especiais de silicone, mais reforçadas que as próteses mamárias.

NOVAS TÉCNICAS DE AUMENTO...melhores resultados

A cirurgia para o aumento dos glúteos passou por uma série de modificações . Há algum tempo atrás as próteses eram colocadas em baixo da pele, através de uma incisão realizada no sulco existente entre a região glútea e a coxa, o que aumentava o risco de complicações. Atualmente a via de acesso utilizada é uma incisão de cinco centímetros entre os glúteos, através da qual se confecciona uma cavidade entre os músculos superficiais e profundos, nela sendo colocada a prótese, que tem o formato de uma gota. A cicatriz resultante é praticamente imperceptível, permitindo mesmo o uso de maiô tipo "fio dental" . A prótese é fabricada em tamanhos diferentes, podendo ser discutido com o cirurgião o tamanho ideal. Uma paciente que apresente uma pequena estrutura óssea dos quadrís, não pode receber uma prótese de tamanho grande, pois o espaço disponível para alojar a prótese é insuficiente, devendo ser escolhida uma prótese de tamanho adequado.

INJEÇÃO DE SILICONE...nem pensar

As tentativas de se aumentar a região glútea com a injeção de silicone líquido muitas vezes dão mal resultados. Esse procedimento não é realizado por médicos uma vez que a injeção de silicone líquido em grandes volumes é proibida. Além disso o silicone injetado não apresenta o grau de pureza exigido para sua aplicação. Injetado em grandes volumes, o silicone pode sofrer um deslocamento, encapsulamento, alterações da forma e infiltrar-se por entre o tecido conjuntivo e os músculos, o que torna impossível sua retirada em casos de complicações. Quando migra para as pernas o silicone provoca alterações na circulação sanguínea, produzindo um inchaço crônico e um aspecto desagradável.

INJEÇÃO DE GORDURA...resultados inexpressivos e de curta duração

É relativamente comum algumas mulheres apresentarem nádegas pequenas associadas a acúmulos gordurosos no abdômen e quadrís, o que confere um aspecto anti-estético ao corpo. Nessas condições procuram o cirurgião plástico para fazer a lipoaspiração das regiões onde há acúmulo de gordura, solicitando ao médico que injete a gordura aspirada nas regiões glúteas, com o objetivo de conseguir aumentá-las, melhorando assim o contorno corporal. O resultado inicial é relativamente bom, porém a gordura injetada é rapidamente absorvida pelo organismo, desaparecendo completamente o resultado inicial ao cabo de três meses.

DEPOIS DA CIRURGIA...nada de injeções nesse lugar

Sendo a prótese colocada em uma região normalmente utilizada para a injeção de medicamentos com finalidade terapêutica, há um risco enorme de perfuração da prótese se alguma injeção for feita no local. Outras regiões podem ser utilizadas para essa finalidade , como os braços, abdômen e face anterior das coxas.

A anestesia de escolha para a cirurgia de prótese glútea é a peridural. A colocação da prótese promove um aumento associado a um levantamento, e deixa a região mais arredondada, corrigindo também a celulite. É cada vez maior a procura por essa cirurgia, desconhecida até pouco tempo. A recuperação ocorre em 10 dias e a paciente deve usar uma cinta modeladora no pós-operatório.

DIMINUIÇÃO DOS GLÚTEOS

Algumas mulheres apresentam um acúmulo anormal de gordura na região dos quadrís, seja de origem hereditária, racial, ou devido a distúrbios hormonais que surgem com a idade, e que levam ao aparecimento de uma deformidade dessa região. O acúmulo pode ser isolado ou aparecer como parte de um aumento global, quando a gordura se deposita em todas as regiões do organismo.

A correção do aumento da região glútea é feita através da lipoaspiração. Quando o aumento de gordura ocorre isoladamente nesse local, a cirugia melhora bastante a silhueta do corpo, criando harmonia entre essa região e demais regiões do corpo. Quando o aumento é associado a um aumento global, em que existe uma obesidade mais acentuada, o melhor tratamento é o dietético, auxiliado ou não a medicamentos e exercícios físicos. Tendo a paciente reduzido seu peso e apresentando uma estabilidade por um período de pelo menos seis meses, pode ser feita a lipoaspiração da gordura localizada nessa região e em outras mais resistente ao emagrecimento. A recuperação ocorre em uma semana, sendo necessário o uso de uma cinta elástica compressiva no pós-operatório. A anestesia pode ser peridural ou geral.

Fonte: www.plastibel.com.br

voltar 123456avançar
Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal