Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Puberdade  Voltar

Puberdade

O que é puberdade?

A puberdade é o momento em que seu corpo começa a mudar a partir do corpo de uma criança no corpo de uma mulher adulta.

Normalmente as meninas começam atravessando a puberdade entre as idades de 9 a 13, enquanto os meninos experimentam a puberdade um pouco este último entre as idades de 10 a 14.

É por isso que você pode perceber que você ou outras garotas em sua escola estão ficando mais alto do que os meninos.

Não se preocupe se você é uma das meninas altas, os meninos vai pegar em breve.

Embora a puberdade, por vezes, parece um pouco assustador, é realmente um bom tempo que lhe traz mais liberdade e responsabilidade.

Você vai ser capaz de tomar mais decisões por si mesmo.

Puberdade significa que você está se tornando emocionalmente e fisicamente maduro.

O que provoca a puberdade?

A resposta simples é que os hormônios iniciar o processo da puberdade e levar para as mudanças físicas e emocionais que ocorrem em adolescentes e meninos.

O estrogênio é o hormônio que começa a puberdade nas meninas, enquanto a testosterona é o hormônio que sinaliza o início da puberdade em meninos. Você pode ouvir o estrogênio chamado de hormônio feminino, ou você pode ouvir que a testosterona é o hormônio masculino. O fato é que meninos e meninas produzem estrogênio e testosterona â € "apenas em quantidades diferentes â €" meninas produzem mais estrogênio e meninos produzir mais testosterona. As meninas também produz outro hormônio reprodutor importante chamado progesterona. Se você já ouviu alguém falar sobre os hormônios sexuais, que estão falando desses hormônios.

Os hormônios mais conhecidos são o estrogênio, progesterona e testosterona. As hormonas são produzidas pelo sistema endócrino. No entanto, o sistema endócrino produz muitos outros hormônios que ajudam a regular os níveis de açúcar no sangue, metabolismo e reprodução.

Fonte: pms.about.com

Puberdade

O que é a puberdade?

Puberdade significa simplesmente a adolescência, tornando-se uma mulher, crescendo, atingindo a maturidade sexual.

Puberdade é quando suas emoções e mudanças do corpo físico de que de uma menina para o de uma mulher. As mudanças acontecem por causa dos hormônios sexuais produzidos pelos ovários nas meninas.

Você pode esperar que esta mudança quando você está entre nove e treze anos, mas muitos começam mais jovens ou muito mais velho do que isso. Não há nada de errado se o seu acontecer mais cedo ou mais tarde. Então, não espere para desenvolver exatamente a mesma velocidade que seus companheiros.

O que define isso?

Quando seu corpo está pronto para começar a puberdade, a hipófise (uma glândula em forma de ervilha situada na base do cérebro) libera hormônios especiais. Dependendo se você é um menino ou uma menina, esses hormônios vão trabalhar em sua pele, órgãos sexuais (órgãos reprodutores) e cabelo. Ela também afeta suas emoções e humores.

Será que vou sentir diferente do meu estado de ânimo habitual ?

Provavelmente. Algumas meninas se sentem emocional e tem mudanças em seu estado de ânimo.

A maioria de nós descobrir mais sobre nós mesmos durante a puberdade. Nós nunca iremos voltar ao nosso velho corpo e mente por isso temos que se acostumar com isso.

Que mudanças físicas que posso esperar?

Forma do corpo

Corpos se tornam mais curvas e ossos do quadril aumentar.

Cabelos em todos os lugares

Cabelo vai começar a crescer em sua órgão genital feminino e axilas. Os pêlos nas pernas e lábio superior pode tornar-se mais perceptível. Este cabelo é chamado de pêlos pubianos.

Abaixo está um diagrama de desenvolvimento dos pêlos pubianos:

Puberdade

Seios começam a se desenvolver

Primeiro, há um pequeno inchaço sob os mamilos, em seguida, toda a área do peito começa a ficar maior. Às vezes, os seus dois seios podem ser diferentes em tamanho, especialmente quando você começa a desenvolver. Não tente tomar qualquer remédio para corrigi-lo. Não vai funcionar.

Partes da mama

Puberdade
Partes da mama

Puberdade

Lóbulo Cada lóbulo contém milhares de bolsas redondas minúsculas chamadas lobos, lóbulos e manter as lâmpadas que produzem e armazenar o leite materno.
Ductos Ductos mamários transportar leite materno para as aberturas de bocal.
Mamilo Há um número muito grande de terminações nervosas do mamilo e a parte mais sensível do peito. É a parte que os bebês sugam o leite.
Aréola Aréola têm glândulas sebáceas, que ajudam a lubrificar o mamilo durante a lactação. A aréola mostrar as alterações máximas na forma e tamanho durante a gravidez e após o parto.
Gordura Gordura cobre e protege o tecido da mama e dá a sua forma.

Ao longo da puberdade, você vai experimentar mudanças em seus seios. Quando eles começam a crescer, eles podem se sentir um pouco de coceira ou dores.

Durante o período, eles podem se sentir um pouco de concurso ou dor. A maioria das mudanças seus seios vão passar são normais.

Deixe seu médico saber se você encontrar um nódulo ou ter uma dor que você não tem certeza sobre. Mas tenha em mente que, apesar de nódulos são comuns em mulheres jovens, é muito raro que os caroços de ser câncer.

O ganho de peso

Não há ganho de peso, especialmente nos quadris. Provavelmente, você vai chegar mais alto, muito mais rápido do que você fez antes. Isso não significa que você tem que começar uma dieta para perder peso. Na verdade, você seria saudável se você não colocar um pouco de peso. Significa apenas que você está recebendo uma forma feminina. Basta continuar a comer alimentos saudáveis e fazer exercício físico regular.

Músculos ficam maiores e mais fortes, mas eles não aparecem tanto quanto os músculos dos meninos.

Órgão genital feminino e descargas

Seu clitóris vai crescer um pouco, também. Os lábios internos de sua vulva vai se tornar mais proeminente. Eles podem ficar fora dos lábios. Eles podem ser curtos ou longos, enrugada ou lisa.

Puberdade

Fique atento para alguns geléia esbranquiçado pela órgão genital feminino antes ou entre os períodos. (Não se preocupe, é apenas a forma do seu corpo da própria limpeza.)

Você também vai começar a ter corrimento em seu órgão genital feminino, que pode ser um sinal de que em breve você irá começar a sua menstruação.

Pele: espinhas, acne, manchas e espinhas

Uma das mudanças mais irritantes durante a puberdade acontece com a sua pele. O mais provável é que você pode ter acne, espinhas, espinhas, manchas ou qualquer outra coisa que você gosta de chamá-los. Sua pele e cabelos, provavelmente, se tornará mais oleosa. Folículos pilosos (onde um fio de cabelo cresce para fora de sua pele) ficar bloqueado por células mortas da pele e bactérias cresce. As bactérias torna a sua pele entrar em erupção em espinhas. Estes são geralmente na face, ombros, braços, costas e peito. Eles podem olhar vermelho, branco ou preto. Essas pequenas saliências e marcas em seu rosto que pode torná-lo infeliz e, por vezes, nem mesmo querer sair de casa. Ninguém gosta deles, mas quase todo mundo recebe-los. Basta tentar viver com ela. Tudo vai esclarecer após a puberdade.

Suor e odor corporal (cheiro)

Mais suor e suor stinkier, são uma parte normal da puberdade. Isso acontece com todas as crianças à medida que envelhecem - meninos e meninas. É por causa dos hormônios da puberdade novamente. Os hormônios estão afetando suas glândulas sudoríparas, e suas glândulas sudoríparas estão fazendo produtos químicos que às vezes fazem você sentir o cheiro. Há muitas glândulas de suor sob os braços, por isso suas axilas pode ser um lugar que você está um pouco fedido.

Ocorrem muitas mudanças?

Sim, com excepção das alterações físicas, não vai ficar quieto um pouco das alterações emocionais e psicológicos também. Muitas pessoas experimentam sentimentos misturados e alterações de humor. Um minuto você tem muita energia e no próximo você se sentir tão absolutamente cansado que você só quer ser deixado em paz.

Sentindo-se sensível

Seu corpo está mudando rapidamente, e isso pode se sentir muito estranho. Talvez você seja auto-consciente e preocupado se você é normal. Você pode se sentir extra-sensível a críticas, ou provocação, ou quase tudo. Pequenas coisas podem ajustá-lo fora. Você pode pensar que ninguém te entende. Tente manter a calma, especialmente quando você está com a família ou amigos.

Emoções intensas

Você pode sentir os extremos de tudo. Por exemplo, você pode odiar as coisas que você só não gostava, ou pode sentir-se angustiado com as coisas que você normalmente lidar muito bem com ele. Em outras palavras, as suas emoções se tornaram mais intensos.

Mudanças de humor

Suas emoções são mais fortes, e eles também alternar mais rapidamente do que antes. Um momento que você está brincando alegremente, e no próximo você está chorando seus olhos para fora sem motivo. Você pode estar jogando bem com sua irmã, e então de repente você está gritando com ela.

Estes são chamados de humor por um motivo: assim como em um balanço playground, um minuto você está fazendo, e no minuto seguinte você está para baixo.

Emoções desconhecidas

Puberdade, geralmente traz um novo conjunto de emoções que você nunca tenha sentido antes. Por exemplo, você pode sentir alguns sentimentos sexuais que nunca sentiram no passado.

Como as meninas conseguem lidar com a puberdade?

Lembre-se que você não está sozinha.

Todos os adultos passam por isso e também seus colegas de classe.

Fonte: eschooltoday.com

Puberdade

A puberdade é um período em que ocorrem mudanças anatômicas e fisiológicas. É neste período que o corpo desenvolve-se física e mentalmente tornando-se maduro e o adolescente fica capacitado para gerar filhos. Ela não deve ser confundida como sinônimo da adolescência, visto que a puberdade faz parte da adolescência.

Mudanças corporais

Apesar das muitas diferenças individuais no crescimento e no desenvolvimento sexual, o processo de amadurecimento sexual apresenta uma certa sequência, comum tanto aos rapazes como às meninas. Para as meninas, no entanto, esse processo tem início, em média, dois anos mais cedo do nos rapazes.

Durante a infância o aparelho genital da menina não manifesta nenhuma função especifica. Por estímulos hormonais, começa a maturidade sexual, dando início ao período de puberdade. Nesse período, surgem modificações no organismo.

No organismo masculino tais variações da maturação geralmente ocorrem entre a faixa etária dos 11 aos 14 anos de idade, e para o biótipo feminino esse marco caracteriza-se a partir da primeira menstruação, também denominada de menarca, conferindo início da maturação por volta dos 10 aos 13 anos de idade.

Tais mudanças são coordenas a partir da ação endócrina mediante a atuação de hormônios hipotalâmicos, desencadeando a síntese de hormônios hipofisários, que irão estimular as glândulas sexuais a produzirem respectivamente: testosterona nos testículos (gônada masculina), e estrógeno nos ovários (gônada feminina).

Desenvolvimento dos caracteres sexuais primários e secundários nas meninas

1. Expansão óssea dos quadris com a acumulação de gordura(nádegas, quadris e coxas)

2. Primeiro crescimento dos seios e dos mamilos ( Telarca- crescimento dos brotos mamários)

3. Surgem os pêlos pubianos e axilares (pubarca)

4. Voz torna-se mais grave

5. Rápido crescimento dos ovários, do órgão genital feminino, do útero e dos lábios da genitália

6. Idade do "salto de crescimento"- estirão puberal , os seios começam a tomar forma (estágio primário), amadurecimento dos óvulos: menarca (primeira menstruação)

7. Seios adquirem a forma adulta (estágio secundário).

Desenvolvimento dos caracteres sexuais primários e secundários nos meninos

1. Surgem os pêlos pubianos (lisos); início do crescimento dos testículos, do escroto e do órgão genital masculino, mudanças temporárias no peito; formação de esperma

2. Início da mudança de voz, crescimento acelerado do órgão genital masculino, dos testículos, do escroto, da próstata e da vesícula seminal, primeira ejaculação

3. Os pêlos pubianos tornam-se crespos

4. Aumento na massa muscular

5. Alargamento e crescimento dos ossos, principalemente ombros

6. Grande "salto de crescimento", aumento peso e estatura

7. Crescimento dos pêlos axilares e no peito

8. Aparecimento da barba, início das "entradas" no contorno dos cabelos

9. Marcante mudança de voz ( engrossa).

Mudanças hormonais

A ação dos hormônios, importantíssimos na regulação do metabolismo, é muito complexa e ainda não completamente compreendida.

Com relação ao crescimento corporal dois hormônios desempenham um papel preponderante: a somatotrofina, hormônio do crescimento produzido pela hipófise, e a tiroxina, produzida pela tireóide. A somatotrofina ou GH regula o crescimento do corpo como um todo; já a tiroxina, que só é produzida "sob instrução" da hipófise através da tirotrofina, regula principalmente o crescimento do cérebro, dos dentes e dos ossos.

A puberdade traz consigo uma mudança na ação dos hormônios. Ativada pelo hipotálamo( através do hormônio GnRH – Fator Liberador de Gonadotrofina) a hipófise começa a secretar novos hormônios que agem sobre os órgãos sexuais (Gonadotrofinas: hormônio folículo-estimulante e hormônio luteinizante) e sobre as glândulas supra-renais (hormônio adrenocorticotrófico). Nos meninos, aproximadamente aos 11 anos, o hormônio folículo-estimulante provoca o desenvolvimento das células que produzem os espermatozóides e o hormônio luteinizante leva à produção do hormônio masculino, a testosterona. Esta, por sua vez, conduz aos desenvolvimento das características típicas masculinas. Já nas meninas, aproximadamente aos 9 anos, o hormônio folículo-estimulante leva ao amadurecimento dos folículos de Graaf no ovário, que produzem os óvulos, e o hormônio luteinizante à menstruação.

Os ovários produzem, por sua vez, dois hormônios: o estrogênio, que regula o crescimento dos seios, dos pêlos pubianos e a acumulação de gordura, e a progesterona, que regula o ciclo menstrual e a gravidez.

Aceleração e retardo no desenvolvimento

Como se viu, as mudanças típicas da adolescência iniciam, em média, em uma idade específica. No entanto alguns adolescentes iniciam o seu amadurecimento mais cedo do que a média enquanto outros o fazem mais tarde. Dos primeiros se diz que seu amadurecimento é acelerado, enquanto o dos segundo é retardado. Importante é notar que tal comparação só pode ser feita em algumas situações, pois tais diferenças existem entre pessoas de diferentes raças e de diferentes gerações.

Em nenhuma outra fase da vida há uma variação tão grande entre pessoas da mesma idade como na adolescência. Essa situação é ainda mais confusa porque o desenvolvimento físico, o social e o cognitivo não andam necessariamente juntos. O meio-ambiente, no entanto, reage de forma diferente, de acordo com o desenvolvimento visível da pessoa - meninos que parecem mais velhos tendem a ser tratados como mais velhos e vice-versa. Essa reação do meio ambiente influencia o desenvolvimento social e psicológico dos adolescentes de maneira marcante. Outro fenômeno muito discutido é o da chamada aceleração secular, ou seja, a tendência, nos países ocidentais, de a puberdade iniciar cada vez mais cedo. Em um estudo comparativo, Tanner mostra como desde 1840 a idade média da menarca caiu de 17 anos para 13,5 anos na Noruega, fenômeno observável também em outros países europeus e nos Estados Unidos.[18] Os adolescentes atingem, assim, a maturidade corporal cada vez mais cedo. Por outro lado o início da idade adulta - entrada no mercado de trabalho e formação de uma família - tende a ocorrer cada vez mais tarde devido à longa formação necessária (escola, universidade). Essas duas tendências contrárias geram novas oportunidades mas também novos desafios - e estresse - para os adolescentes.

A sexualidade do adolescente

Paralelamente ao início da maturidade sexual também o comportamento sexual começa a se desenvolver. Esse desenvolvimento é um processo muito complexo e é fruto da interação de vários fatores - desenvolvimento físico, psicossocial, a exposição a estímulos sexuais (que é definida pela cultura), os grupos de contatos sociais (amigos, grupos de esporte, etc.), e as situações específicas que permitem o acesso à experiência erótica.

O início do desenvolvimento sexual se encontra já na infância. Não apenas os casos de abuso sexual, mas também as experiências quotidianas de troca de carinho e afeto, de relacionamentos interpessoais e de comunicação sobre a sexualidade desempenham um papel importantíssimo para o desenvolvimento do comportamento sexual e afetivo do adolescente e, posteriormente, do adulto.

Importantes aqui são sobretudo processos de aprendizado através do modelo dos pais: em famílias em que carinho e afeto são trocados abertamente e em que a sexualidade não é um tabu os adolescentes desenvolvem outras formas de comportamento do que em famílias em que esses temas são evitados e considerados inconvenientes.

Comportamento sexual

O desenvolvimento do comportamento social está cada vez mais acelerado, acompanhando a aceleração secular da maturidade sexual.

O início da vida sexual está ligado ao início da maturidade sexual (menarca nas meninas e primeira ejaculação nos meninos) mais do que a qualquer outro fator: a maior parte dos adolescentes tendem a ter sua primeira relação sexual nos primeiros anos após atingirem a maturidade sexual.

Fonte: colegiodomfeliciano.com.br

Puberdade

Puberdade Precoce

A puberdade precoce é a maturação sexual que inicia antes dos 8 anos na menina ou antes dos 10 anos no menino.

Nos casos de puberdade precoce verdadeira, as glândulas sexuais (ovários ou testículos) amadurecem e a aparência externa da criança torna-se mais adulta.

Ocorre o crescimento dos pelos pubianos e a alteração da forma do corpo. Na puberdade pseudoprecoce, somente a aparência externa torna-se mais adulta, enquanto as glândulas sexuais permanecem imaturas.

A puberdade precoce verdadeira é mais comum em meninas do que em meninos.

Causas

A puberdade precoce é causada pela liberação precoce de gonadotrofinas (hormônios sexuais) pela hipófise. A liberação precoce dos hormônios pode ser causada por uma anomalia hipofisária (p.ex., um tumor) ou por uma anomalia do hipotálamo (região do cérebro que controla a hipófise). Aproximadamente 60% dos meninos com puberdade precoce apresentam uma anomalia identificável. Já nas meninas, nenhuma anomalia pode ser detectada em aproximadamente 80% dos casos, mas a maioria das meninas com menos de 4 anos de idade com puberdade precoce verdadeira apresentam uma anomalia cerebral.

Na puberdade pseudoprecoce, ocorre a produção de níveis elevados de androgênios (hormônios sexuais masculinos) ou de estrogênios (hormônios sexuais femininos). A causa pode ser um tumor de adrenal ou um tumor testicular ou ovariano. Esses hormônios não induzem a maturação das glândulas sexuais, mas conferem à criança a aparência de um adulto.

Em um raro distúrbio hereditário que afeta o sexo masculino, a testotoxicose é resultado direto da maturação dos testículos, independente do hipotálamo ou da hipófise. De modo similar, a síndrome de McCune-Albright é uma condição que causa puberdade pseudoprecoce com doença óssea, pigmentação irregular da pele e distúrbios hormonais.

Sintomas

Tanto na puberdade precoce verdadeira como na pseudoprecoce, o menino apresenta pilificação facial, axilar e pubiana. O seu órgão genital masculino aumenta de tamanho e ele apresenta uma aparência mais masculina.

A menina pode começar a menstruar, principalmente na puberdade precoce verdadeira, ou pode apresentar desenvolvimento das mamas, pilificação pubiana e axilar.

Em ambos os sexos, ocorre uma alteração do odor corpóreo e pode ocorrer o surgimento de acne. A estatura aumenta rapidamente, mas o crescimento cessa mais precocemente. Por essa razão, a estatura final é inferior à esperada. Na puberdade precoce verdadeira, os testículos ou ovários crescem até atingir o tamanho do adulto, o que geralmente não ocorre na puberdade pseudoprecoce.

Diagnóstico

Os exames diagnósticos incluem exames de sangue e radiografias das mãos e dos punhos (para se estimar a maturidade óssea). O médico solicita uma ultrassonografia da pelve e das adrenais e uma tomografia computadorizada (TC) ou uma ressonância magnética (RM) do cérebro para verificar a presença de tumores adrenais, hipotalâmicos ou hipofisários.

Tratamento

Na puberdade precoce verdadeira, a administração de uma droga como a histrelina (hormônio sintético) interrompe a produção de gonadotrofinas pela hipófise.

Quando a puberdade precoce não é causada pela liberação prematura de gonadotrofinas (puberdade pseudoprecoce), o médico pode tentar inibir a ação dos hormônios sexuais através da administração de diversas drogas.

Nos meninos com testotoxicose, o medicamento antifúngico cetoconazol reduz a concentração de testosterona circulante no sangue. Uma droga denominada testolactona reduz a concentração de estrogênio em adolescentes com a síndrome de McCune-Albright.

Quando a causa da puberdade precoce verdadeira ou da puberdade pseudoprecoce é um tumor, a sua remoção pode curar a doença.

Fonte: www.medclick.com.br

Puberdade

A puberdade compreende o período biológico que se estende desde o aparecimento dos caracteres sexuais secundários até o completo desenvolvimento orgânico, com a parada do crescimento.

O início deste processo varia amplamente de indivíduo para indivíduo, porém no sexo feminino o processo inicia-se mais comumente entre 9 e 13 anos, enquanto no masculino o intervalo entre 10 e 14 anos é o momento mais habitual de seu surgimento.

O início da produção dos hormônios sexuais é o grande fator desencadeante para as mudanças verificadas em todos os setores do organismo. A ocorrência mais característica do início deste período é o surgimento dos brotos mamários, seguido dos primeiros pêlos pubianos nas meninas. Nos meninos o aumento testicular é seguido do aparecimento dos pêlos pubianos.

À medida que os hormônios sexuais vão atingindo os níveis do adulto, a maturação de todo sistema reprodutor também vai se estabelecendo. Tudo ocorre em uma seqüência típica, que na verdade marca o início da adolescência, com tal tipicidade que justifica o termo “aborrescente” dado por pais e convives ao menino ou menina nesta fase da vida. Na verdade, esta ebulição de hormônios desperta vorazmente os instintos sexuais, os conceitos novos nos tenros cérebros dessas “crianças” não assimilam bem o novo ser que se tornaram com beijos e abraços dos apaixonados pais. É uma “barra”.

Puberdade precoce

A Puberdade precoce é o surgimento de aspectos típicos da Puberdade antes da idade comum ao aparecimento destes caracteres para meninos e meninas, ou seja, a ocorrência broto mamário, pêlos pubianos e até mesmo sangramento órgão genital feminino em meninas antes dos oito anos. Pelo lado masculino, os aumentos testicular e peniano, pêlos pubianos, engrossamento da voz antes dos nove anos orientam também para o diagnóstico de puberdade precoce.

Qualquer dúvida com relação à precocidade sexual para meninos ou meninas deve fazer com que os pais procurem o esclarecimento do especialista, pois algumas das causas para desencadear a puberdade precoce são doenças graves que devem ser tratadas o mais cedo possível.

Porém, é importante anotar que são muitas as oportunidades em que o aparecimento de tais alterações é apenas uma variante do normal, ou até mesmo, exposição inadvertida da criança à substâncias que contenham algum tipo de hormônio sexual.

Puberdade tardia (retardada)

Alguns indivíduos não iniciam seu desenvolvimento sexual na idade habitual, são meninas aos 13 e meninos aos 14 anos que não apresentam nenhum sinal de puberdade. Tal retardo pode ser normal e ter relação com características genéticas, porém pode fazer parte de doenças graves, que devem ser descartadas. O retardo no desenvolvimento puberal dos filhos deve sempre fazer com que os pais procurem o especialista.

Fonte: www.drantoniocarlos.med.br

Puberdade

O que é a puberdade?

A puberdade é um período que ocorre mudanças biológicas e fisiológicas, é neste período que o corpo torna-se maduro e os “adolescentes” ficam capacitados para gerar filhos. Ela não deve ser confundida como sinônimo da adolescência, visto que a puberdade faz parte da adolescência.

Nesta fase, são observadas mudanças tais como: crescimento de pêlos pubianos, crescimento dos testículos e aparecimento das mamas.

O início da fase da puberdade é variável de pessoa para pessoa, frequentemente para o sexo feminino é entre os nove e treze anos de idade e para o sexo masculino entre 10 e 14 anos de idade. Este processo pode ser observado nos diferentes setores dos organismos, alguns mais evidentes do que em outros, como o aumento do peso e da altura e à maturação sexual.

No período da puberdade, o hormônio hipotálamo ordena ao outro hormônio, a hipófise, o aumento de gonadotropinas que são liberados durante o sono, que ao se desencadearem, realizam a produção dos hormônios sexuais.

Os hormônios sexuais se diferem para os homens e as mulheres, mas não são totalmente exclusivos de cada sexo, nos homens, os testículos secretam entre outros hormônios, a testosterona e nas mulheres, o ovário fabrica o estrógeno.

As gônadas e as supra-renais de ambos os sexos produzem o estrógeno e testosterona, mas é variável a quantidade. As características biológicas são universais e ocorrem de forma semelhante em todos os seres humanos.

Quando começa a puberdade nas meninas?

O primeiro sinal de puberdade na menina é muito discreto. Às vezes, nem mesmo a mãe nota. Aparecem inicialmente os brotos mamários, de um ou dos dois lados e a região torna-se mais sensível.

A idade de aparecimento deste broto mamário é muito variável: entre 8 e 13 anos de idade. Quase simultaneamente, a menina entra no seu “estirão” de crescimento e pêlos púbicos aparecem, seguidos uns meses depois dos pêlos axilares. Junto com os pêlos, glândulas de suor começam a produzir uma secreção de cheiro acentuado. Deve ter a adolescente um cuidado maior com a sua higiene pessoal.

Quando começa a puberdade nos meninos?

O primeiro sinal da puberdade nos meninos é o crescimento dos testículos. Como eles estão escondidos na bolsa escrotal, não se percebe com facilidade este início que varia entre os 9 e 14 anos de idade. Apenas uns meses depois haverá crescimento do órgão genital masculino e aparecimento dos pêlos pubianos, axilares e na face.

Durante a puberdade, é possível que a mama dos meninos também cresça, sendo chamado de ginecomastia puberal. Isto é normal e ocorre em mais da metade dos meninos, sendo que à medida em que se desenrola a puberdade, haverá regressão deste crescimento da mama. Também haverá mudança da voz nos meninos, que se tornará mais grave. Isto advém do crescimento da laringe e das cordas vocais.

Por que essas mudanças acontecem?

Essas mudanças acontecem por causa dos hormônios, substâncias que temos em nosso corpo, que são "mensageiros químicos" que determinam onde e como nosso corpo vai se modificar e/ou crescer. Assim, os hormônios de crescimento, são tão importantes quando os hormônios sexuais, o estrógeno e a progesterona produzidos pelo ovário da mulher, e a testosterona, produzido no testículo, do homem. Além disso, outras partes do nosso corpo também produzem outros hormônios que estão também envolvidos com essa transformação. Por exemplo, a hipófise, que é uma pequena glândula localizada no nosso cérebro, que produz alguns hormônios que, por sua vez, enviam mensagens para os ovários na mulher e para os testículos no homem para que eles comecem a produzir os hormônios sexuais e assim amadurecer os óvulos na mulher e a produzir espermatozóides no homem. Ainda existem outros hormônios, como a prolactina e os andrógenos, que também ajudam na transformação do nosso corpo de criança para adolescente. Há também outras substâncias que participam dessas transformações e que não são hormônios - são os neurotransmissores, que são substâncias que têm a função transmitir os impulsos nervosos de um hormônio a outro . Todos esses hormônios e substâncias químicas vão fazer com que o nosso corpo comece a mudar e ganhar novas forma.

Fonte: fr.slideshare.net

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal