Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Rapadura - Página 8  Voltar

Rapadura



Qué é a rapadura?

A rapadura é basicamente o açúcar sem refinamento algum – apenas o caldo de cana cozido até reduzir e se transformar numa barra sólida con uma gran cantidad de nutrientes.

Rapadura

O melado é obtido da fervura do caldo de cana até ficar consistente, ao mesmo tempo em que é purificado com a retirada constante da espuma. Mais concentrado, batido até começar a cristalizar e moldado em formas de madeira, ele se transforma na rapadura.

Pode ser usado como calda para panquecas e em pães e bolos, combinado com canela, raspas de limão, cravo, gengibre, alcaravia, erva-doce, noz-moscada, frutas cristalizadas, banana, uvas passas, amêndoas e nozes. A cozinha cajun, do sul dos Estados Unidos, lança mão dele para besuntar assados e preparar molhos para carnes e frutos do mar. Além dos usos sertanejos – sobre mandioca cozida, batata-doce, queijos ou misturado com farinha de milho ou de mandioca - pode entrar numa infinidade de pratos, incluindo grande parte das receitas que levam mel o sencilhamente para endolçar o café da manhã ou acompanhar a um panecilho.

Qual é o origem da rapadura?

Rapadura
Moinho de cana-de-açúcar - Minas Gerais (Rugendas)

O produto, feito de mel de engenho dado certo ponto, algumas vezes também chamado de "raspadura" (palavra provinda do verbo raspar), originou-se das crostas de açúcar presas as paredes das tachas, durante a fabricação do mesmo, retiradas pela raspagem e moldadas como tijolos. Com o passar do tempo, recebeu alguns requintes como a adição de castanhas de caju, amendoim, cabeças-de-cravos e cascas de laranja.

Há cerca de 3000 anos, os indianos descobriram que, fervendo o caldo da cana (Saccharum officinarum), originária da Nova Guiné, se obtém um xarope que, batido, dá um açúcar rústico hoje conhecido como mascavo. Foi a primeira tentativa de substituir o mel como adoçante. Vem daí a expressão “mel sem abelhas”, cunhada pelo rei persa Dario I (550-486 a.C.), que invadiu a Índia e descobriu a iguaria. O segredo do açúcar escuro se espalharia pelo mundo após o século VII, com a invasão da Pérsia pelos árabes.

A fabricação da rapadura iniciou-se nas Canárias, ilhas espanholas do Atlântico, possivelmente no século XVI, constituindo-se não apenas guloseimas, mas uma solução prática de transporte de alimento em pequena quantidade para uso individual. Como o açúcar comumente umedecia-se e melava, o ladrilho de rapadura acompanhava o viajante carregados nas sacolas, devido ser de fácil transporte e possibilitar prática acomodação, além de resistir durante meses às mudanças atmosféricas. No mesmo século, também teve início no Brasil a produção da rapadura nos primeiros engenhos de cana-de-açúcar, entretanto, aqui a rapadura servia de alimento para os escravos.

A iguaria, que ficou conhecida por andar junto com a farinha do sertanejo e também considerada como "comida de pobre", ganhou status. Das mochilas de personagens famosos como Lampião, o Rei do Cangaço, a rapadura ganhou as prateleiras dos supermercados e serviu de tema para uma feira nordestina em Santa Cruz da Baixa Verde, a 444 km do Recife.

Ao Brasil, a cana chegou em 1532. Seus subprodutos logo entraram na dieta local, dando origem a enorme variedade de doces. A antiga comida dos escravos, e que só vez por outra freqüentava a mesa das famílias abastadas, teve as atenções voltadas sobre si, sobretudo depois que o LAFEPE (Laboratório Farmacêutico de Pernambuco) levou em conta o poder nutritivo da rapadura para a produção de pastilhas, de 1 a 4 miligramas, distribuídas na rede oficial de ensino do Estado de Pernambuco pois a rapadura é puro nutriente!!!

Qual é o valor nutricional da rapadura?

Rapadura

Diversas especialidades da medicina reputam a rapadura como um alimento riquíssimo em calorias. Alem disso, contém gordura, proteínas, carboidratos, ferro, fósforo, mais vitaminas B1 e B12.

Segondo os dados, pode-se falar que a rapadura é rica em cálcio, nutriente essencial na formação dos ossos e dentes. além de ser responsável pela coagulação sangüínea e batimentos cardíacos, auxiliando no trabalho muscular e nervoso. Graças ao ferro que contém, a rapadura é um ótimo alimento para os anêmicos. O ferro é um alimento mineral essencial na formação da hemoglobina, que é alimento primordial do sangue, carregando oxigênio para as células. Por conter vitaminas e substâncias mineralizantes, a rapadura promove o crescimento ósseo interferindo nos ossos e dentes, visão, resistência a infecções e estabelecendo o equilíbrio básico do organismo.

Finalmente, a rapadura é um ótimo alimento e de fácil disponibilidade, principalmente nas localidades do interior onde são comuns os pequenos engenhos e engenhocas, onde ela é produzida contribuyendo para uma economia local e sostenivel.

Rapadura

Fonte: rapadurareformaagrariamariolago.blogspot.com

Rapadura

Rapadura

Rapadura é um alimento muito doce e saboroso feito a partir do caldo da cana após moagem, fervura, moldagem e secagem típico do Nordeste do Brasil.

Em Janeiro de 2006, uma empresa alemã registrou a patente de "rapadura".

Em protesto, a comunidade nordestina do Rio de Janeiro mobilizou-se em frente ao consulado da Alemanha com o slogan "A rapadura é nossa, cabra da peste!".

O governo brasileiro, através do Itamaraty já se mobilizou para reverter a situação.

Processo de fabricação

A fabricação da rapadura hoje já é industrializada, mas sempre foi e ainda é feita artesanalmente em todo o nordeste brasileiro, ou onde haja plantações de cana-de-açúcar.

A cana é moída para extrair o caldo de cana

Logo depois, um tacho é limpo para a recepção do caldo

Depois o caldo é colocado no tacho para ser fervido

Com a elevada temperatura do caldo, as impurezas irão "boiar" por cima da água, de onde são retiradas com uma espumadeira

Do tacho, o caldo escorre em um cano e vai parar em um balaio, onde é coado para a retirada de algumas impurezas

Depois da retirada dessas impurezas, o caldo é colocado em uma espécie de caixa de depósito

O caldo é fervido novamente para engrossar e para retirar algumas impurezas que ainda não foram retiradas

No momento que o caldo se torna melado, é retirado, coado e colocado em vasilhas

Depois, o caldo é retirado das vasilhas bem mais engrossado, daí, vai direto para as "canoas"

Nas "canoas", o caldo é batido para obter uma liga e para que fique bem grosso

Ao ser retirado das "canoas", é colocado no estandarte para ganhar a forma de rapadura

Depois que a rapadura já endureceu, esfriou e ganhou a sua forma, pode ser retirada do estandarte.

Propriedades

A rapadura é rica em potássio, ferro, cálcio e fósforo, possui grande teor energético.

Em duas colheres dissolvido em água:

Calorias 85

Carboidrato (g) 22

Cálcio (mg) 274

Fósforo (mg) 34

Ferro (mg) 10,1

Potássio (mg) 1.171

Sódio (mg) 38

Tiamina (mg) 0.04

Riboflavina (mg) 0,08

Niacina (mg) 0,8

Fonte: pt.wikipedia.org

voltar 12345678avançar
Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal