Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Como Elaborar Resumos  Voltar

Como Elaborar Resumos

 

Resumo - Definição

Resumo é a apresentação concisa das idéias de um texto (Norma NBR 6028 , da Associação Brasileira de Normas Técnicas - ABNT ) .

Os resumos são documentos que abreviam a informação de um outro conteúdo.

O resumo conta o(s) fato (s) que consta (m) do texto original.

Um resumo é a apresentação sucinta das ideias principais de um texto mais extenso, mas tendo todas as ideias fundamentais. Para tal devem eliminar-se os aspectos secundários.

Por vezes, parece-te que um texto é demasiado grande e que tem informação "a mais". Verás que a tarefa de estudar fica bem mais simplificada se utilizares esta técnica.

Características de um bom resumo

Brevidade - só contém as ideias principais. Os pormenores não são incluídos.

Rigor e clareza - exprime as ideias fundamentais do texto, de uma forma coerente e clara, e que respeite o pensamento do autor.

Linguagem pessoal - não se copia frases do texto; exprime-se as ideias principais por palavras nossas.

Resumir corretamente:

Lê o texto e tenta compreendê-lo, identificando as ideias principais parágrafo a parágrafo; Para isso, recorre aos sublinhados e aos esquemas, que ajudarão a organizar o texto e os parágrafos. Começa a escrever o teu resumo, respeitando o conteúdo do texto e o pensamento do autor.  Não incluas pormenores desnecessários, substitui ideias repetidas ou semelhantes por uma única ideia-chave utilizando a tua própria linguagem.

Lê o teu resumo e avalia-o, corrigindo os aspectos que achares necessário. Verifica se tem as ideias principais, se a ideia do autor está respeitada e se o texto se percebe bem.

Por fim, aperfeiçoa a linguagem do texto: ortografia, construção de frases, etc.

Exemplo de um resumo

Texto - Lendas da Via Láctea

A Via Láctea era imaginada como o caminho para casa de Zeus/Júpiter. Era também considerada o percurso desordenado da corrida de Faetonte pelo Céu, enquanto conduzia o carro do Sol. Os povos nórdicos acreditavam que a Via láctea era o caminho seguido pelas almas para o céu.

Na Escócia antiga era a estrada prateada que conduzia ao castelo do rei do fogo. Os índios primitivos acreditavam que a Via Láctea era o caminho que os espíritos percorriam até às suas aldeias, no Sol. O seu caminho é marcado pelas estrelas, que são fogueiras que os guiam ao longo do caminho.

Resumo:

Existem várias lendas acerca da Via Láctea. São vários os povos, desde os Gregos, os Nórdicos e os Índios primitivos, que interpretam a Via Láctea como um caminho, um rio celestial ou como guia das almas até ao céu.

Partindo dos exemplos que te demos, tenta agora fazer os teus próprios resumos.

Deves usar:

As palavras-chave

As tuas próprias palavras

Uma linguagem objetiva e informativa

Não Deves:  

Mudar a ordem das ideias.

Fazer juízos de valor.

Ultrapassar um terço das palavras do texto original.

Como Elaborar Resumos

Resumo - Objetivo

O resumo tem por objetivo apresentar com fidelidade idéias ou fatos essenciais contidos num texto.

Sua elaboração é bastante complexa, já que envolve habilidades como leitura competente, análise detalhada das idéias do autor, discriminação e hierarquização dessas idéias e redação clara e objetiva do texto final.

Em contrapartida, dominar a técnica de fazer resumos é de grande utilidade para qualquer atividade intelectual que envolva seleção e apresentação de fatos, processos, idéias, etc.

O resumo pode se apresentar de várias formas, conforme o objetivo a que se destina.

No sentido estrito, padrão, deve reproduzir as opiniões do autor do texto original, a ordem como essas são apresentadas e as articulações lógicas do texto, sem emitir comentários ou juízos de valor. Dito de outro modo, trata-se de reduzir o texto a uma fração da extensão original, mantendo sua estrutura e seus pontos essenciais.

Quando não há a exigência de um resumo formal, o texto pode igualmente ser sintetizado de forma mais livre, com variantes na estrutura.

Uma maneira é iniciar com uma frase do tipo: "No texto ....., de ......, publicado em......., o autor apresenta/ discute/ analisa/ critica/ questiona ....... tal tema, posicionando-se .....". Esta forma tem a vantagem de dar ao leitor uma visão prévia e geral, orientando, assim, a compreensão de que segue. Este tipo de síntese pode, se for pertinente, vir acompanhada de comentários e julgamentos sobre a posição do autor do texto e até sobre o tema desenvolvido. (1)

Em qualquer tipo de resumo, entretanto, dois cuidados são indispensáveis: buscar a essência do texto e manter-se fiel às idéias do autor. Copiar partes do texto e fazer uma "colagem", sob a alegação de buscar fidelidade às idéias do autor não é permitido, pois o resumo deve ser o resultado de um processo de "filtragem", uma (re)elaboração de quem resume. Se for conveniente utilizar excertos do original (para reforçar algum ponto de vista, por exemplo), esses devem ser breves e estar identificados (autor e página).

Uma seqüência de passos eficiente para fazer um bom resumo é a seguinte:

A - ler atentamente o texto a ser resumido, assinalando nele as idéias que forem parecendo significativas à primeira leitura;
B -
identificar o gênero a que pertence o texto (uma narrativa, um texto opinativo, uma receita, um discurso político, um relato cômico, um diálogo, etc.
C -
identificar a idéia principal (às vezes, essa identificação demanda seleções sucessivas, como nos concursos de beleza...);
D -
identificar a organização - articulações e movimento - do texto (o modo como as idéias secundárias se ligam logicamente à principal);
E -
identificar as idéias secundárias e agrupá-las em subconjuntos (por exemplo: segundo sua ligação com a principal, quando houver diferentes níveis de importância; segundo pontos em comum, quando se perceberem subtemas);
F
- identificar os principais recursos utilizados (exemplos, comparações e outras vozes que ajudam a entender o texto, mas que não devem constar no resumo formal, apenas no livre, quando necessário);
G -
esquematizar o resultado desse processamento;
H -
redigir o texto.

Evidentemente, alguns resumos são mais fáceis de fazer do que outros, dependendo especialmente da organização e da extensão do texto original.

Assim, um texto não muito longo e cuja estrutura seja perceptível à primeira leitura, apresentará poucas dificuldades a quem resume.

De todo modo, quem domina a técnica - e esse domínio só se adquire na prática - não encontrará obstáculos na tarefa de resumir, qualquer que seja o tipo de texto.

(1) Resumos são, igualmente, ferramentas úteis ao estudo e à memorização de textos escritos. Além disso, textos falados também são passíveis de resumir. Anotações de idéias significativas ouvidas no decorrer de uma palestra, por exemplo, podem vir a constituir uma versão resumida de um texto oral.

O resumo deverá conter:

Introdução, objetivos, metodologia, resultados (esperados, parciais ou finais).

Estes itens devem aparecer implícitos no texto e não em forma de tópicos.

O que deve conter o resumo?

Informar qual a natureza do trabalho;
Indicar o objeto tratado;
Quais os objetivos visados;
As referências teóricas de apoio;
Os procedimentos metodológicos adotados;
Conclusões e resultados que se chegou no texto.

Qual o perfil do resumo?

Um único parágrafo com 200 a 250 palavras;
Limita-se a expor objetivamente o conteúdo do texto;
Não deve conter opiniões, observações avaliativas ou explicações.

Passo a passo, você conseguirá realizar um ótimo resumo:

  1. Leia atentamente o texto-fonte, para ter uma visão geral do assunto tratado.
  2.  
  3. Faça uma nova leitura, desta vez separando (grifando ou fazendo uma lista) as partes que julga serem as mais importantes de cada parágrafo. Essa fase é muito importante, pois são justamente essas anotações que servirão como base para seu resumo.
  4.  
  5. Escreva, agora com suas palavras, todas as ideias e informações que separou anteriormente.
  6.  
  7. Reescreva seu resumo. Afinal, dificilmente a primeira versão apresenta uma construção de parágrafos e de organização de ideias satisfatórias.
  8.  
  9. Leia atentamente seu resumo, observando principalmente se não houve adição de comentário pessoais que não sejam do autor do texto-base. Essa última análise também é muito importante porque, como já ressaltamos anteriormente, diferentemente da resenha, o resumo não deve conter nenhum olhar crítico referente ao texto original.

Dicas para escrever o Resumo de seu Trabalho

Um resumo deve informar a essência do projeto de maneira resumida, mas completa (com um tamanho de aproximadamente 300 palavras). Os juizes e o público devem ter uma idéia razoavelmente clara do projeto após ter lido o resumo.

Basicamente deve-se colocar informações referentes a finalidade da pesquisa, procedimentos usados, observações e dados coletados, resultados obtidos e conclusões do estudo.

Os detalhes, as discussões e os gráficos não devem ser incluídos no resumo, todavia devem ser colocados no relatório completo e no pôster que será apresentado. Quando são colocadas citações no resumo recomenda-se colocar a referência citada.

Além do título e do nome do(s) autor(es) com a indicação das suas escolas de origem o resumo de um projeto de investigação deve conter informações referentes a:

Finalidade da experiência

Uma indicação introdutória da razão para investigar o tópico do projeto.
Uma indicação do problema e/ou hipótese que está sendo estudada.

Procedimentos usados

Um resumo dos pontos chaves e uma vista geral de como a investigação foi conduzida.
Um resumo sem muitos detalhes sobre os materiais usados.

Observações/Coleta de dados/Resultados

Esta seção deve fornecer os resultados principais que conduzem diretamente às conclusões que você
extraiu.
Não deve dar demasiado muitos detalhes sobre os resultados nem incluir tabelas ou gráficos.

Conclusões

As conclusões da investigação e possíveis indicações para aplicação e extensão da investigação

Fonte: ufpel.edu.br/www.pucrs.br

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal