Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Tecnologia Têxtil e da Indumentária  Voltar

Tecnologia Têxtil e da Indumentária

São os conhecimentos utilizados na cadeia produtiva têxtil, desde a fabricação de fios até a comercialização do produto final.

Quem abraça esta profissão concebe e desenvolve projetos e pesquisas tecnológicas ligadas à produção têxtil.

Atua na criação de novos fios e tecidos, planejamento da produção e cuidar da manutenção dos equipamentos industriais.

Desenvolve coleções de moda, produção de desfiles e catálogos de moda.

Com conhecimentos de gestão, pode atuar na comercialização do produto final. Na área de marketing, define a distribuição e a promoção de vendas e analisa a aceitação do novo produto pelo cliente.

O que é

Este profissional atua tanto na área industrial quanto na de design.

Na indústria, ele gerencia a produção de fios e tecidos, concebe cores e padronagens e pode pesquisar novos produtos. Implanta a automação e faz a manutenção do maquinário.

Como estilista, cria peças de vestuário e produz catálogos e desfiles.

Pode controlar toda a comercialização, desde a estratégia de promoção até a venda ao consumidor.

Trabalha em grandes cadeias de lojas orientando a compra de produtos.

O Profissional

O profissional está capacitado a atuar na indústria têxtil e em todas as etapas da produção, a saber: produção de tecidos e fios, planejamento de produção, automação na industrial têxtil e tingimento, entre outras.

Está também habilitado a coordenar o desenvolvimento de tecidos para aplicações tradicionais, industriais e de moda, bem como gerenciar os trabalhos relativos à comercialização e a distribuição.

O profissional está, ainda, capacitado a realizar pesquisas tecnológicas, cobrindo todos os aspectos da indústria têxtil e da indumentária. Ele pode trabalhar em setores gerenciais de empresas de grande, médio ou micro porte.

O profissional graduado neste curso terá uma visão completa do setor Têxtil e de Moda, tanto em termos práticos como teóricos. São estudados desde o processamento de matérias-primas até o lançamento de coleções. Com uma formação ampla e eclética, estará capacitado a projetar e coordenar as diversas atividades que compõem a cadeia têxtil, desde a produção de fios e tecidos e automação na indústria até o projeto de coleções e acessórios de moda.

Perfil

Sei organizar e planejar bem. Sou capaz de realizar cálculos com exatidão e concentração. Sou uma pessoa objetiva. Tenho senso prático. Tenho capacidade de analisar e interpretar dados numéricos.. Tenho capacidade e disposição para pesquisar os melhores materiais para a fabricação de produtos industrializados, bem como para levantar as vantagens e desvantagens de determinados produtos em relação a outros existentes. O mundo têxtil é atrativo para mim. Sinto disposição para aprender a trabalhar com a criação e o desenvolvimento de novos tecidos e peças de vestuário. Trabalhar numa fábrica, com máquinas e equipamentos industriais, é atrativo para mim,

Tenho senso artístico e estético relacionado às artes visuais: tenho por hábito reparar nas formas, nas cores e em outros aspectos de cada objeto. A moda e suas tendências me interessam profissionalmente. Penso sempre em como tornar as peças de roupa mais bonitas, modernas e confortáveis.

Área de Atuação

O profissional da área de Tecnologia Têxtil e da Indumentária trabalha na cadeia produtiva têxtil.

Atua tanto na criação de novos tecidos e fios, quanto no planejamento, produção e manutenção dos equipamentos industriais. Pode também analisar tendências e desenvolver coleções de moda. Também é sua função a produção de catálogos e desfiles. Pode trabalhar ainda na comercialização do produto final.

Na parte de marketing, é responsável por definir como o produto será distribuído e vendido, analisando a aceitação dos clientes ao novo produto. Em grandes lojas, atua no setor de compras, definindo quais produtos serão vendidos.

Ocupações

Automação industrial têxtil: projetar equipamentos e dar manutenção a máquinas de fiação, tecelagem, malharia e confecção.
Coordenação:
gerenciar a compra de coleções em grandes magazines.
Gerenciamento:
desenvolver novos produtos e supervisionar a compra de matéria-prima, bem como a produção e a comercialização do produto.
Pesquisa e desenvolvimento:
criar fibras e fios sintéticos ou analisar fios naturais para compor novos tecidos. Elaborar cartela de cores.
Produção:
produzir desfiles e catálogos de moda.
Marketing:
definir estratégias de vendas e distribuição e analisar a aceitação do novo produto pelo consumidor, com base em pesquisas de mercado.

Mercado de Trabalho

O curso de Têxtil e Moda está organizado para que o aluno tenha compreensão das três grandes áreas do setor: tecnologia (de material e produção), gestão e design e moda. Sua capacitação lhe permitirá atuar em qualquer empresa desse setor, desde as micros até as grandes empresas transnacionais, bem como na área acadêmica de ensino e pesquisa.

Há boas perspectivas nesse mercado, porque as indústrias têxtil e de moda crescem no Brasil e há carência de profissionais. Pequenas e médias confecções procuram especialistas em gerenciamento e marketing. Nos grandes magazines ele atua como consultor de moda, orientando as compras. Santa Catarina e o interior de São Paulo são pólos produtivos e podem absorver muitas vagas, assim como o Nordeste, que investe na produção de fios.

O Curso

O Curso de Bacharelado em Têxtil e Moda tem como objetivo, formar um profissional, com capacidade técnica, artística, crítica e empresarial, condizente com o nível universitário e, apto a atuar nas áreas de tecnologia ligadas à produção têxtil em geral.

O profissional formado estará capacitado a conceber novos tecidos para as mais diversas aplicações e métodos para criação e produção de roupas e acessórios.

Esse profissional poderá atuar de forma independente, como um profissional liberal, elaborando projetos para a indústria de confecções, ou para as indústrias têxteis, ou para a indústria e segmentos econômicos usuários de produtos têxteis, ou vinculado funcionalmente a empresas. Finalmente, poderá ainda atuar nas áreas de pesquisa, crítica e ensino.

Perfil do graduando

O profissional graduado no curso de Bacharelado em Têxtil e Moda concebe e desenvolve projetos e pesquisas tecnológicas e estéticas, que visam a produção de materiais têxteis e sua utilização pela sociedade, incluindo suas aplicações industriais e médicas, além da indústria da moda e do vestuário, bem como está capacitado a atuar na indústria têxtil e em todas as etapas da produção, tais como: fiação, produção de tecidos, planejamento de produção, automação industrial têxtil, confecção.

Está, também, habilitado a coordenar o desenvolvimento de novos tecidos e produtos de moda e coleções, bem como gerenciar os trabalhos relativos a: comercialização e distribuição. O profissional está, ainda, capacitado a realizar pesquisas tecnológicas, cobrindo todos os aspectos da indústria têxtil e da indumentária.

Competências e habilidades

Capacidade criativa: Capaz de propor soluções inovadoras pelo domínio de técnicas e processos de criação;
Domínio de linguagem:
Capaz de expressar os conceitos e soluções de seus projetos, tanto verbalmente como visualmente;
Domínio Tecnológico:
Conhece profundamente as tecnologias disponíveis na área têxtil, sendo capaz de criar, alterar, e personalizar novos processos e produtos. Tem capacidade de liderar equipes multidisciplinares com capacidade de dialogar com especialistas de outras áreas de modo a utilizar conhecimentos diversos e atuar em equipes interdisciplinares tendo uma visão global de toda a cadeia produtiva têxtil;
Visão empresarial:
Capaz de empreender estabelecendo novas empresas através do conhecimento da administração, economia e marketing
Atualização Constante:
Deve perceber que atua em uma área com progresso e mudanças constantes e estar preparado para aprender e adaptar-se às mudanças, bem como ser agente ativo no processo de inovação.

Duração média: 04 anos

Tecnologia Têxtil e da Indumentária - Profissão

Os bacharéis formados em Tecnologia Têxtil e da Indumentária estão preparados para atuar em toda a cadeia produtiva de tecidos e roupas. Desde a preparação de fios, passando por planejamento de padronagem e tingimento de tecidos, pela administração da produção e manutenção dos equipamentos industriais.

O profissional tem conhecimentos sobre a produção industrial dos tecidos e roupas, participando do planejamento de produto, escolha de matéria prima, controle de automação da produção, administração de comercialização e negociação de coleções.

Também fica sob a responsabilidade desse profissional o acompanhamento das tendências de moda, a análise dos estilos em alta e preferências do consumidor. Ele pode organizar mostras para feiras profissionais, produz desfiles e catálogos de moda.

Com os conhecimentos adquiridos em gestão pode coordenar as campanhas de marketing para os produtos ou então para os eventos realizados. Em grandes magazines também pode atuar no setor de compras, determinando quais peças devem ser colocadas à venda.

Tipos de Curso

a) Nível superior

Bacharelado

Duração média de 4 anos. As disciplinas básicas são de matemática, química e física. As específicas dão conta do ensino da produção de produtos têxteis, materiais, fibras e fios sintéticos, tecnologia do vestuário, colorimetria, ergonomia do corpo, projetos e modelagem. São oferecidas ainda disciplinas que dão uma formação em Ciências Humanas Aplicadas como estudos culturais, antropologia, história da moda e sociologia da moda. A formação que dá suporte para administração se dá com aulas como gestão de produção, estatística, marketing têxtil, logística e economia. O estágio é obrigatório.

b) Nível Superior

Tecnológico

Duração média de 3 anos. Existem modalidades diferentes de cursos de graduação tecnológica para a área de produção têxtil e moda. Alguns dão ênfase para a produção de roupas para coleções, modelagem, padronagem de tecidos, escolha de materiais. Outros são mais específicos para a produção industrial de tecidos.

Podem ser encontrados com os nomes: Design de moda, Gestão de Negócios de Moda, Processos de Produção do Vestuário, entre outros. As disciplinas variam muito conforme a ênfase dos cursos, em geral oferecem muitas disciplinas práticas e atividades em oficinas de trabalho.

c) Nível Médio

Curso Técnico

Duração média variável: Existem cursos variados que formam profissionais técnicos no ramo da indústria têxtil e moda. Podem ser encontrados com ênfases diferentes como Curso de Fiação, Tecelagem, Acabamento Têxtil e Confecção. A grade curricular varia conforme a vocação do curso. Em geral têm muitas aulas práticas

d) Cursos Livres

Ampla variação de duração

Diversos cursos complementam a formação dos profissionais que já atuam no ramo de moda e confecção ou querem ingressar na atividade. As disciplinas variam conforme o tipo de curso, podem ser encontrados em modalidades como Estamparia Têxtil, Estamparia Digital, Moda e Estilo, Modelagem e Costura para iniciantes.

Mercado de Trabalho

A expressiva expansão da indústria têxtil brasileira trouxe boas oportunidades de trabalho para os profissionais do ramo. O Brasil também tem inovado em tecnologia de fios, principalmente com pesquisas na produção de algodão colorido e na reciclagem de materiais que se transformam em microfibra.

A moda brasileira também tem conquistado mercados internacionais e melhorado seu desempenho interno, isso faz com que se reforce a produção industrial, empregando mais profissionais gabaritados para o trabalho de gestão de produção, criação de coleções, tingimento e design têxtil.

A automação da produção também absorve profissionais com formação específica em tecnologia de produção e uso de máquinas especiais. O profissional pode trabalhar tanto na elaboração de novas máquinas como na manutenção de maquinário.

Os grandes magazines, também em crescimento, principalmente em cidades de médio e grande porte, aquecem o mercado e também contratam profissionais, principalmente para especialistas em coordenação de compras.

Ofertas de Emprego

Os pólos produtores de tecido absorvem os profissionais especializados em produção, padronagem, fiação e comercialização têxtil. Concentram-se principalmente em regiões do Sul como Santa Catarina, Brusque, Blumenau e Joinvile. No interior de São Paulo surgem oportunidades nos arredores da cidade de Americana, Santa Bárbara, Nova Odessa, Sumaré e Hortolândia.

O Ceará tem investido em tecnologia de ponta na produção de fios, contratando profissionais especializados em fiação e produção de matéria prima. A automação também absorve técnicos nessa região.

São Paulo e Rio de Janeiro concentram as principais empresas de produção de moda, absorvendo os profissionais com formação em design de moda e gestão de negócios de moda e vestuário. Capitais do Nordeste estão se destacando na exportação de moda, também contratam esses profissionais.

Fonte: www.usp.br/www.dialogosuniversitarios.com.br/www.cursocerto.com.br

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal