Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  verdades e mentiras sobre o refrigerante  Voltar

Verdades e Mentiras sobre o Refrigerante

O consumo de refrigerante não traz nenhum benefício para o corpo. O consumo da bebida engorda e pode até causar problemas gástricos. E ao contrário do que muitas pessoas pensam, o refrigerante não é um dos responsáveis pelo terror das mulheres: a celulite. Segundo especialistas, não há nada comprovado, cientificamente, que a bebida seja responsável pelo surgimento daqueles "furinhos" indesejáveis na pele.

Segundo o endocrinologista Walmir Coutinho e o médico ortomolecular Márcio Tannuri, ambos do Rio de Janeiro, o refrigerante não traz nenhum benefício nutricional, mas o consumo dos dietéticos é melhor, pois não contém açúcares, por isso não engordam e podem ser ingeridos por diabéticos.

"Em termos calóricos o refrigerante diet, às vezes, é melhor que o suco, mas nutricionalmente não acrescenta nada. É apenas uma opção menos calórica: enquanto um copo de suco de laranja tem 350 calorias o refrigerante diet tem zero", explica Tannuri.

O refrigerante pode ser o responsável por problemas gástricos se for consumido exageradamente, segundo o médico Walmir Coutinho. "Como a bebida tem cafeína também pode causar insônia em algumas pessoas e os não dietéticos prejudicam os dentes com o aparecimento de cáries", alerta.

Dicas

O consumo em excesso do refrigerante comum pode ser um dos responsáveis pela obesidade, principalmente em crianças, por isso, o endocrinologista Walmir Coutinho recomenda o consumo das bebidas dietéticas, sem restrição de idade.

Já Márcio Tannuri, que é medico da equipe de futebol do Flamengo, recomenda que atletas não bebam refrigerantes antes das atividades físicas, pois a bebida pode causar desconforto abdominal.

Fonte: saude.terra.com.br

Verdades e mentiras sobre os refrigerantes

Será que o refrigerante causa celulite e ele pode substituir a ingestão de água? A nutricionista Milena Lima e também colunista do site Cyber Diet, explica essas e outras dúvidas quando o assunto é refrigerante. Ela respondeu as dez dúvidas mais freqüentes sobre o alimento que, segundo o IBGE, teve seu consumo acrescido em 400% entre a população brasileira.

Celulite

Segundo a nutricionista Milena Lima, não há estudos que comprovem a relação entre o aparecimento de celulites e o consumo de refrigerantes. Porém ressalta que uma dieta rica em gorduras e açúcares, ingredientes dos refrigerantes, pode estar relacionada com o aparecimento da celulite. Falando nisso, você sabe o que está ali dentro daquela latinha de refrigerante?

Os principais ingredientes são, como já dito anteriormente, açúcar (ou adoçantes nos ligts), água gaseificada, extrato de noz de cola ou vegetal de guaraná ou suco de laranja ou limão – depende da marca - cafeína, corante, conservantes entre outros. Outro questionamento é: pode-se tomar diariamente? “Não é recomendável o consumo diário de refrigerantes pois este tipo de bebida é pobre nutricionalmente sendo, então, considerado um produto com calorias vazias”, explica.

Ela alerta que nem os refrigerantes lights podem ser consumidos à vontade. “Os refrigerantes do tipo ligth possuem adoçantes no lugar do açúcar simples. O excesso do consumo desse tipo de refrigerante aumenta também a ingestão de adoçantes artificiais, o que não é indicado”, diz. Milena também falou dos prejuízos de substituir a água por refrigerante. Ela explica que como a água é um nutriente essencial para o ser humano deve ser consumida diariamente.

Aumento de peso

Outro mito sobre o refrigerante é que ele engorda. A nutricionista afirma que o que engorda é o desequilíbrio entre o consumo e o gasto de calorias. “Consumir mais calorias do que pode gastar gera ganho de peso. O excesso de refrigerantes contribui com excesso de açúcar que é rapidamente absorvido, relacionado também com risco de obesidade e diabetes tipo 2”, diz. Assim, o refrigerante pode engordar.

Em percentuais calóricos, um copo de refrigerante de 200 ml é menor que um copo de suco de laranja da mesma medida. O copo de refrigerante, em média, tem 85 kcal, já o suco de laranja natural tem 90 kcal. Porém deter-se apenas a questão de calorias é um erro, segundo a nutricionista. “É fundamental perceber que um copo de refrigerante não possui nenhum nutriente, apenas calorias e o suco de laranja possui inúmeras vitaminas e minerais”, diz .

Fraturas ósseas

Um estudo grego também elucida uma nova dúvida, que o refrigerante pode estar associado a fraturas ósseas. De acordo com a pesquisa, o aumento do consumo de refrigerantes do tipo cola foi associado positivamente ao aumento do risco de fraturas ósseas em crianças entre 7 e 14 anos. Outra pesquisa, essa sobre o consumo de refrigerantes no Brasil, mostra que o consumo aumentou 400%. Realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a pesquisa diz mais: quanto maior o rendimento, maior o consumo de refrigerante. A bebida, na dieta, é cinco vezes maior entre a classe mais rica.

Fonte: www.senado.gov.br

Verdades e mentiras sobre os refrigerantes

Engorda?

Siiiiimmmm! Refrigerante é cheio de açúcar, cada 200 ml tem cerca de 21 g. Por isso mesmo, os refris foram considerados um dos principais responsáveis pela onda de obesidade do mundo. Ui! Prefira os diet.

E os diet?

Não engordam, mas estão cheios de adoçante que, em excesso, podem fazer mal à saúde. Segundo a OMS, dá para tomar apenas duas latas e meia de refrigerante diet por dia.

Light x diet

No caso dos refrigerantes, dá no mesmo ser light ou diet. Os dois utilizam adoçante no lugar do açúcar e, por isso, são indicados tanto para diabéticos quanto para quem quer reduzir as calorias. A mudança da Coca-Cola diet para light foi mais uma estratégia de marketing, pois a empresa acreditava que o termo "diet" remetia à privação de coisas boas. Mas atenção: essa equivalência não serve para todos os alimentos light/diet.

Dá celulite?

Essa história de que refrigerante dá celulite é pura lenda. A celulite tem um grande componente genético e é agravada com o acúmulo da gordura corporal. Vendo por esse lado, o açúcar pode até ser acusado, mas o gás não tem nada a ver com isso. Refris diet, portanto, são inocentes.

Refri com comida

Poder, pode, mas há contra-indicações.

1. Alguns refris têm cafeína, o que dificulta a passagem da comida do estômago para o intestino, atrapalhando a digestão.

2. Os do tipo cola podem comprometer a absorção do ferro da refeição, aumentando o risco de uma anemia.

3. O gás aumenta o volume do estômago e você acaba comendo mais para se sentir satisfeita.

4. Se estufa o estômago, deixa a barriga saliente. Por isso, limite-se a um copo.

Ligadona

Quem nunca se empanturrou de Coca-Cola para ficar acordada na véspera da prova que atire a primeira pedra. É verdade, os refris do tipo cola contêm cafeína, um conhecido estimulante. Porém, se a intenção é manter os olhos abertos, aposte no café: uma xícara tem mais cafeína que um copo de refrigerante.

Bronze de tolo

Usar Coca-Cola como bronzeador já foi moda nos anos 80, mas é furada total. Além de não funcionar e deixar a pele toda melada, o refrigerante não tem nenhuma proteção contra o sol.

TPM

Se "naqueles dias" você nem consegue abraçar o namorado de tanto inchaço nos seios ou chega a vomitar por causa da cólica, sua TPM é elevada à última potência. Nesse caso, evite refrigerante à base de cola, que, por causa da cafeína (sempre ela!), pode agravar os sintomas dessa fase.

Poder hidratante

Não vale trocar a água pelo refrigerante, pois ele contém ingredientes químicos que podem afetar a dieta e a saúde. Além disso, quando você toma água pura ou suco, o corpo aproveita 100% da água. Já com o refrigerante, o aproveitamento é de apenas 50%.

Ossos fracos

Um estudo feito na Universidade de Harvard revelou que meninas que tomam muito refrigerante estão mais sujeitas a fraturas e ao desenvolvimento da osteoporose, uma doença que deixa os ossos fracos e quebradiços. "É que o fósforo presente no gás pode atrapalhar a absorção do cálcio", explica a fisiatra Pérola Plapler.

Gases

Só para confirmar o que você já deve ter percebido: refrigerante dá gases e aumenta a sensação de estufamento e desconforto abdominal.

Água tônica

É refrigerante e também engorda. Só para se ter uma idéia, uma lata tem cerca de 18 colheres de chá de açúcar. É por isso que há versões diet.

Estria

A única relação entre estria e refrigerante é o açúcar, que pode fazer você engordar(o estiramento aumenta as chances de arrebentar a pele). Mas nenhum alimento sozinho é capaz de causar estrias.

Escolha do bem

Entre suco natural e refrigerante, fique com o suco, que apesar das calorias é mais nutritivo.

Entre refrigerante normal e diet, escolha o diet, que pelo menos não engorda.

Entre suco artificial e refri diet, vá com o segundo. Já que nenhum dos dois tem nutrientes, economize as calorias do açúcar.

Que é que tem?

Saiba para que servem os componentes dos refris tipo cola

Água com gás: hidrata

Extrato de noz cola: um dos responsáveis pelo sabor

Cafeína: interfere no sabor e tem ação estimulante

Corante caramelo: dá a cor

Açúcar: adoça e dá energia.

Acidulante: é o conservante

Aroma natural: conservante e responsável pelo cheiro

Ranking

Veja quantas calorias tem 100 ml de cada refri

Água Tônica 32 cal

Coca-Cola 40 cal

Guaraná Kuat 40 cal

Guaraná Antarctica 41 cal

Sprite 44 cal

Pepsi 44,94 cal

Soda Limonada 46 cal

Fanta Laranja 50 cal

Fanta Uva 55 cal

Fonte: capricho.abril.ig.com.br

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal