Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Passe do Voleibol  Voltar

Passe do Voleibol

 

Passe do Voleibol
Passe ou Manchete do Voleibol

O passe é um dos fundamentos mais importantes do voleibol.

Boa parte de seu sucesso depende da convicção, da confiança que o jogador tem que ter quando vai executá-lo.

O resto é a técnica.

Tem gente que poderia treinar dez horas por dia e não vai conseguir passar bem. Por outro lado, tem gente que treina pouco e passa bem. Grande parte do sucesso do passe vem do aspecto psicológico. Tem tudo a ver com a segurança.

O que é

Um dos fundamentos que é conhecido como passe que é a recepção do saque adversário, possui duas técnicas que a manchete e o toque, a primeira usa-se a parte interna dos braços esticados que ficam um pouco abaixo da cintura para receber a bola, o jogador tem que ficar com as pernas flexionadas.

E no toque o jogador manipulará a recepção do saque apenas com as pontas dos dedos que ficaram acima da cabeça.

Os fundamentos do passe têm como objetivo mandar a bola em boas condições para o levantador esquematizar um ataque.

O que é

Denomina-se passe o primeiro toque na bola de uma equipe.

No entanto, a termologia usual é confusa no que concerne a esse fato.

Todavia, a diferença básica entre passe e levantamento é:

1- passe é primeiro contato com a bola;

2- levantamento é o segundo contato com a bola. Na verdade, passe é a terminologia que significa recepção do saque.

Quais são os fundamentos (gestos técnicos) mais utilizados para as trocas de passes?

Também chamado recepção, o passe é o primeiro contato com a bola por parte da equipa que não fez o serviço, este consiste em evitar que a bola toque na sua quadra permitindo que o jogador adversário marque ponto.

O fundamento passe envolve basicamente duas técnicas específicas:

Toque por cima

Manchete

Manchete:

É uma técnica de recepção realizada com as mãos unidas e os braços um pouco separados e estendidos, o movimento da manchete tem início nas pernas e é realizado de baixo para cima numa posição mais ou menos cómoda, é importante que a perna seja flexionada na hora do movimento, garantindo maior precisão no movimento. Ela é usada em bolas que vem em baixa altura, e que não tem chance de ser devolvida com o toque.

É considerada um dos fundamentos da defesa, sendo o tipo de defesa do saque e de cortadas mais usado no jogo de voleibol. É uma das técnicas essenciais para o líbero mas também é empregada por alguns levantadores para uma melhor colocação da bola para o atacante.

Algumas dicas:

1) Se você estiver treinando sozinho, pegue a bola e dê algumas manchetes na parede; se tiver um companheiro, melhor, um fica passando a bola para o outro, também em manchete;
2)
Fique parado na rede e saia correndo para receber a bola e executar o passe, isso cria graus de dificuldade;
3)
Fique na esquerda e peça para o sacador sacar na direita, porque da mesma forma, cria dificuldades para o passador
4)
O trabalho de pernas também é muito importante; elas têm de estar sempre flexionadas, com a esquerda à frente, quando estiver na direita, e vice-versa.

Não precisa ficar muito tempo treinando, porque não importa a quantidade do treino e sim a qualidade do trabalho.

Lembre-se sempre de uma coisa: um bom passe resolve 50% do ataque. No voleibol, tudo está interligado. Se o passe é bom, o levantador pode acionar corretamente o atacante e este tem todas as condições de pontuar. Se o passe falha...já viu!!!

Fonte: www.geocities.com

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal