Breaking News
Home / Biologia / Células de Merkel

Células de Merkel

PUBLICIDADE

 

Os corpúsculos de Merkel da pele são compostos de uma célula epitelial especializada, chamada célula de Merkel, que está em contato com fibras amielínicas que penetram a membrana basal e terminam em forma de disco (de Merkel) na parte inferior das células de Merkel. Estas células especializadas contêm vesículas citoplasmáticas próximas a terminação nervosa, muito semelhantes às vesículas sinápticas.

Célula de Merkel: É uma célula epidermica modificada, localizada no estrato basal. Tem contato com as células epidérmicas vizinhas através dos desmosomas.

Contém numerosos grânulos pequenos e densos, que se acredita estejam relacionados com os grânulos ricos em catecolaminas do tecido nervoso.

A base da célula de Merkel está em contato com terminações de uma fibra nervosa formando um receptor especial que funciona como mecanoreceptor.

Células de Merkel

Os corpúsculos de Merkel da pele, são terminações nervosas livres especializadas e são compostos por uma célula dilatada, a célula de Merkel, que está em contato com fibras amielínicas que penetram a membrana basal e terminam em forma de discos (disco de Merkel). A célula de Merkel apresenta, próximo à terminação nervosa, vesículas citoplasmáticas semelhantes à vesículas sinápticas.

PUBLICIDADE

São mecanorreceptores. Este tipo especializado de terminação nervosa livre é encontrado no estrato basal, particularmente, em grande número, na pele glabra das partes distais das extremidades, mas também na pele hirsuta e na pele dos lábios e genitais externos.

Localização

Células de merkel: derivadas da crista neural (origem embriológica). Existem em maior quantidade na pele espessa, especialmente na ponta dos dedos.

Localizam-se na parte profunda da epiderme, apoiadas na membrana basal. São células mecanoreceptoras (sensibilidade táctil).

Os discos de Merkel, são mais complexos que as terminações nervosas livres e consistem em ramificações axonais que terminam em expansões achatadas, cada uma delas associadas a células epiteliais especializadas. Distribuem-se pelas camadas basais da epiderme logo à superfície da membrana basal e associam-se a elevações arredondadas de epiderme espessa na pele pilosa.

Os discos de Merkel estão implicados na sensação de tato e pressão superficiais.

PUBLICIDADE

O que é

Células epidérmicas modificadas presentes no extrato basal.

Encontradas principalmente em áreas onde a percepção sensorial é aguda (como na ponta dos dedos).

Estão intimamente associadas com a dilatação de um bulbo terminal de uma fibra nervosa aferente mielinizada.

Diferentes do corpúsculo de Merkel (combinação de um neurônio e uma célula epidérmica).

Células de Merkel

Representam mecanoreceptores envolvidos particularmente com a sensaçãotátil, mediada mais através da liberação de neuromoduladores químicos do que pelatransdução mecânica direta. Essas células estão amplamente dispersas pelaepiderme de mamíferos, bem como já foi descrita em répteis, peixes e anfíbios.Estão presentes em maior quantidade em adultos humanos nos lábios, palato duro,palmas, dedos, região proximal das unhas e dorso do pé. São mais freqüentes emáreas expostas ao sol quando comparado às não expostas. São particularmentenumerosos na queratose actínica.

Origem

Sua origem precisa permanece incerta.

Duas hipóteses foram propostas: queratinócito modificado com função neuroendócrina ou, alternativamente, derivadodireto da crista neural.

A partir de considerações de desenvolvimento, ultraestrutura(compartilha características com os queratinócitos) e imunohistoquímica(primeiramente detectados na epiderme do que na derme), a primeira hipótesepermanece mais convincente. (TACHIBANA, 1995).

Possuem filamentos de queratina, particularmente os tipos 8, 18, 19 e 20,com característica de epitélio simples e epiderme fetal.

Sob condições normaisaparenta não dividir-se, provavelmente relacionado ao fato de formar sinapses comterminações nervosas intraepidérmicas, uma circunstância onde mitoses devem nãoocorrer.

Entretanto seu número está aumentado em peles agredidas pelo sol.

As células de Merkel não podem ser visualizadas na coloração convencionalde hematoxilina e eosina.

Através de imunohistoquímica, especialmente usandoanticorpos anti-queratina, ou microscopia eletrônica, pode-se visualizá-las nascamadas inferiores da epiderme (onde fazem sinapses com neurônios mielinizadosdo tipo 1).

É caracterizada pela presença de espinhos citoplasmáticos, grânulosdensos, e junções sinápticas.

Os grânulos são principalmente localizados na partebasal do núcleo, próximo à junção sináptica. F

ilamentos intermediários estãopresentes em seu citoplasma. O núcleo é lobulado. Apesar de formar adesõesdesmossômicas com os queratinócitos vizinhos, ele não forma adesõeshemidesmossômicas com a membrana basal.

Estão usualmente em aglomerados na base da epiderme nas áreas glabrasou associada aos folículos nas áreas pilificadas.

Além de sua função mecanoreceptora, foi recentemente sugerido que as células de Merkel executempapel primário na indução de plexos nervosos subepidérmicos e perifoliculares.

É também postulado que são de importância para o desenvolvimento e manutenção, eque sua função parácrina pode influenciar o tecido conectivo dérmico, nervos evasos sanguíneos. (NARISAWA, 1992).

Fonte: Colégio São Francisco

Células de Merkel

O que é uma célula de Merkel?

Uma célula de Merkel é um receptor de toque encontrado na pele. As células de Merkel, ou células de Merkel-Ranvier, estão envolvidos na sensação de toque leve, por exemplo, quando sentir a textura de um objeto ou determinar a sua forma usando as pontas dos dedos. Altas concentrações de células de Merkel são encontrados nas pontas dos dedos e também nos bordos, mas que também estão presentes nas áreas da pele peluda. Às vezes, um tipo de câncer conhecido como uma célula de Merkel carcinoma surge de células de Merkel. As células de Merkel foram nomeados após Friedrich Sigmund Merkel, o cientista alemão que as descobriu.

Na pele, as células receptoras são tipicamente Merkel situado perto terminações nervosas sensoriais, com cada uma das células de Merkel e cada terminação nervosa formando o que é conhecido como um complexo célula-neurites Merkel. Quando a sensação de toque de luz é detectada, as células de Merkel neurite atos complexos como o que é chamado de mecanorreceptor. Mecanorreceptores responder a um estímulo particular, neste caso toque, e reagem, produzindo impulsos nervosos elétricos que viajam ao longo de nervos sensoriais , eventualmente atingindo o cérebro.

O tipo de mecanorreceptor formado por uma célula de Merkel é descrito como sendo de adaptação lenta, o que significa que ele pode ter um número de segundos para voltar ao normal depois de impulsos elétricos foram produzidos por um estímulo. Isto pode ser útil na prática, para situações em que um objeto, como um copo, tem de ser agarrado, porque o cérebro vai manter-se consciente da sensação por mais tempo, diminuindo o risco de deixar cair o copo. Alguns outros tipos de mecanorreceptores adaptar muito mais rapidamente – em uma fração de segundo – com o resultado de que os dedos teria de ser deslocado sobre a superfície de um objecto para manter provocando novo estímulo para manter a sensação.

Um tipo raro de câncer de pele pode formar a partir de células de Merkel, conhecido como carcinoma de células de Merkel. O câncer está associado com a exposição à luz solar, e geralmente aparece nos membros, cabeça ou pescoço enquanto, um nódulo redondo, que é firme ao toque e pode ser confundido com uma mancha na pele inofensivo, como um cisto. Pensa-se que as alterações no interior das células cancerosas Merkel poderia estar associada com uma infecção viral. Se o tumor é diagnosticado e removido cirurgicamente no início da doença, antes de as células cancerosas tenham tido tempo de se espalhar, as perspectivas são positivas. Nos casos em que o câncer já se espalhou, a quimioterapia ea radioterapia são normalmente utilizados como complemento da cirurgia para melhorar os sintomas e aumentar a expectativa de vida.

Fonte: www.wisegeek.com

Células de Merkel

As células de Merkel ou células Merkel-Ranvier são células receptoras ovais encontradas na pele dos vertebrados que têm contatos sinápticos com somatossensorial aferentes. Eles estão associados com o sentido do tato discriminação luz de formas e texturas. Eles podem virar malignos e formam o tumor de pele conhecido como carcinoma de células de Merkel.

Tem sido relatado que são derivados de crista neural células, no entanto, as experiências mais recentes em mamíferos indicaram que eles são, de fato, epiteliais de origem.

Localização

As células de Merkel são encontrados na pele e algumas partes da mucosa de todos os vertebrados. Na pele de mamíferos, que são células claras encontrados no estrato basal (na parte inferior de saliências suor duto) dos epiderme cerca de 10 m de diâmetro. Eles também ocorrem em invaginações epidérmicas da superfície plantar do pé chamado cumes rete.

Na maioria das vezes, eles estão associados com terminações nervosas sensoriais, quando eles são conhecidos como terminações nervosas Merkel (também chamados de um complexo celular-neurite Merkel). Eles estão associados a adaptação lenta das fibras nervosas somatossensorial.

Função

Friedrich Sigmund Merkel referiu a essas células como Tastzellen ou “células de toque”, mas esta função proposta tem sido controverso, uma vez que tem sido difícil de provar. No entanto, knockout genéticos ratos mostraram recentemente que as células de Merkel são essenciais para a codificação especializada pelo qual nervos aferentes resolver detalhes espaciais finas.

Origem do desenvolvimento

A origem das células de Merkel tem sido debatido há mais de 20 anos.

Evidências de experimentos de enxerto de pele em aves implica que eles são crista neural derivada, mas as experiências em mamíferos agora demonstrar uma origem epidérmica.

Fonte: en.wikipedia.org

Check Also

Efeito Peltier

Efeito Peltier

PUBLICIDADE Efeito Peltier – Física Efeito Peltier, o arrefecimento de uma junção e o aquecimento …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.