Breaking News
Home / Geografia / Desmatamento

Desmatamento

PUBLICIDADE

O que é desmatamento?

A falta de planejamento ambiental decorrentes do ‘desenvolvimento’ econômico que acontece sobre as diferentes paisagens em todo mundo desencadeia graves consequências a dinâmica da natureza, entre elas, pode-se identificar o que os pesquisadores chamam de desmatamento, também conhecido como desflorestamento, que trata-se da retirada total ou parcial dos diversos tipos de vegetações, quer seja para a instalação da agricultura, da pecuária, da mineração, quer seja para o surgimento ou expansão dos centros urbanos.

Ao longo da história do desenvolvimento da humanidade, houveram diferentes e graves processos de desmatamento, sobretudo, a partir do advento do modo de produção capitalista, que procurava apenas obter os seus lucros e suas acumulações de capital, não visando a saúde do meio ambiente e de tudo que nele se encontrava, afetando-o.

Assim sendo, as nações que deram início as primeiras revoluções no âmbito industrial, também chamadas de desenvolvidas, foram as primeiras a praticarem intensivamente essa forma de desgaste ambiental, não apenas só em seus territórios, mas em diversos outros. Como por exemplo, a Inglaterra e outros países europeus ocidentais, fazendo com que muitas florestas então fossem dizimadas.

Desmatamento

Hoje em dia, vê-se um processo contrário, ou seja, em países de economia em desenvolvimento, como no Brasil. Neste país os processos de desmatamento se fazem muito presente. Alguns fatos explicam essa derrocada, o primeiro deles refere-se a uma herança histórica trazidas pelos primeiros a praticarem essa ação e o segundo diz respeito ao constante desenvolvimento de suas economias, ligadas, principalmente ao crescimento das cidades e ao avanço do agronegócio.

Desta forma, pesquisas e relatórios ambientais indicam que em rankings de desmatamento, o Brasil localiza-se muito a frente, embora existam diversas leis que proíbem tal prática, o que evidencia uma intensa contradição nesses espaços.

Para elucidar esta ideia, toma-se o exemplo do desmatamento de todos os biomas que estão em território nacional, um dos casos mais alarmantes referem-se ao desmatamento na Mata Atlântica e no Caatinga, devido as diferentes formas de apropriação e devastação dessas regiões biogeográficas.

Entre os problemas decorrentes desses processos, estão as poluições dos cursos hídricos, dos aquíferos, da extinção de espécies vegetais e animais, as constante e recorrentes erosões, a poluição atmosférica e até mesmo da arenização que está acorrendo na região sul do país, causando desequilíbrios ecológicos e na dinâmica da natureza, que uma hora ou outra afetará todas as outras ações dos seres humanos, com o surgimento de problemas respiratórios, por exemplo.

Portanto, sabe-se que uma das maneiras de se acabar com essa depredação do ambiente é agindo em junção com diferentes órgãos da sociedade civil e do governo, pois trabalhando em conjunto é possível desenvolver sem desmatar, uma vez que o capital não será capaz de pagar aquilo que historicamente destruiu.

Gean Alef Cardoso

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

Atividades que mais consomem água

Atividades que mais consomem água

PUBLICIDADE Quais são as atividades que mais consomem água? Os impactos deixados pelas diversas atividades …

Calendário Cósmico

Calendário Cósmico

PUBLICIDADE O que é o Calendário Cósmico? A complexidade do universo é tão intensa, que …

Capitalismo Financeiro

Capitalismo Financeiro

PUBLICIDADE O que é Capitalismo Financeiro? Desde o seu surgimento a partir do século XV, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.