Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Amazonas - Pablo Neruda  Voltar

Amazonas - Pablo Neruda

Pablo Neruda

Amazonas,
capital das sílabas da água,
pai patriarca, és
a eternidade secreta
das fecundações,
te caem os rios como aves, te cobrem
os pistilos cor de incêndio,
os grandes troncos mortos te povoam de perfume,
a lua não pode vigiar-te ou medir-te.
És carregado de esperma verde
como árvore nupcial, és prateado
pela primavera selvagem,
és avermelhado de madeiras,
azul entre a lua das pedras,
vestido de vapor ferruginoso,
lento como um caminho de planeta

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal