Breaking News
Home / Automóveis

Automóveis

Diferentes automóveis e fabricantes foram de muita importância para a história do automóvel, tanto no Brasil como no exterior.

Este canal tem o propósito de mostrar a trajetória de vários automóveis que ficaram marcados na sua época

O início da história do automóvel pode ser dividido em um certo número de eras, com base nos meios de propulsão
prevalentes. Períodos posteriores foram definidos por tendências nas preferências de estilo, tamanho e utilidade exteriores.

Em 1769 o primeiro automóvel movido a vapor capaz de transporte humano foi construído por Nicolas-Joseph Cugnot.

Em 1807, François Isaac de Rivaz projetado o primeiro carro movido por um motor de combustão interna alimentado por hidrogênio.

Em 1864 Siegfried Marcus construiu o primeiro movido a gasolina motor de combustão, que ele colocou em um carrinho de mão, a construção de quatro carros progressivamente sofisticados com motor de combustão em um período de 10 a 15 anos que influenciou carros mais atrasados. Marcus criou o ciclo de dois motores de combustão.

Em 1876 nasce o automóvel moderno com Benz Patent-Motorwagen, pelo inventor alemão Karl Benz.

Automóveis

Automóvel ou carro, um veículo geralmente de quatro rodas projetado principalmente para o transporte de passageiros e comumente impulsionado por um motor de combustão interna usando um combustível volátil.

Conhecido mais comumente como carro, antigamente como automóvel, é uma das tecnologias modernas mais universais.

Um Automóvel é um veículo de passageiros automotor projetado para transporte terrestre e geralmente consiste de quatro a oito pneus e é movido por um motor de combustão interna ou um motor elétrico e operação em estradas comuns e normalmente com quatro rodas e um motor de combustão interna a gasolina ou diesel.

Um Automóvel é um tipo de veículo projetado para se mover no solo sob sua própria energia armazenada e destinado a transportar um motorista, um pequeno número de passageiros adicionais e uma quantidade muito limitada de outra carga.

Os ramos da engenharia que lidam com a fabricação e tecnologias de veículos automotores são conhecidos como engenharia automotiva.

Hoje os automóveis desempenham um papel importante em nossas vidas, não podem ser imaginados sem os luxos do mundo moderno.

automóvel é usado para transporte de passageiros e mercadorias, por isso serve como uma tábua de salvação para os seres humanos.

Existem enormes variedades de automóveis, por exemplo, carros, ônibus, caminhões, etc.

Diferentes automóveis e fabricantes foram de muita importância para a história do automóvel, tanto no Brasil como no exterior.

Este canal tem o propósito de mostrar a trajetória de vários automóveis que ficaram marcados na sua época

O início da história do automóvel pode ser dividido em um certo número de eras, com base nos meios de propulsão prevalentes. Períodos posteriores foram definidos por tendências nas preferências de estilo, tamanho e utilidade exteriores.

Em 1769 o primeiro automóvel movido a vapor capaz de transporte humano foi construído por Nicolas-Joseph Cugnot.

Em 1807, François Isaac de Rivaz projetado o primeiro carro movido por um motor de combustão interna alimentado por hidrogênio.

Em 1864 Siegfried Marcus construiu o primeiro movido a gasolina motor de combustão, que ele colocou em um carrinho de mão, a construção de quatro carros progressivamente sofisticados com motor de combustão em um período de 10 a 15 anos que influenciou carros mais atrasados. Marcus criou o ciclo de dois motores de combustão.

Em 1876 nasce o automóvel moderno com Benz Patent-Motorwagen, pelo inventor alemão Karl Benz.

O automóvel moderno, desenvolvido no final dos anos 1800, é baseado no motor de combustão interna, inventado pelo cientista holandês Christiaan Huygens no final dos anos 1600.

William D. Packard está dirigindo seu Modelo B Packard perto
da primeira fábrica da empresa em Warren, Ohio

Automóvel – Era Moderna

Os blocos de construção científicos e técnicos do automóvel remontam a várias centenas de anos.

Por exemplo, no final dos anos 1600, o cientista holandês Christiaan Huygens inventou um tipo de motor de combustão interna acionado por pólvora. A “carruagem sem cavalos” em sua forma moderna foi desenvolvida no final do século XIX.

Naquela época, não estava claro qual das três fontes de combustível se tornaria mais bem-sucedida comercialmente: vapor, energia elétrica ou gasolina.

Carros movidos por motores a vapor podiam andar em alta velocidade, mas tinham um alcance curto e eram inconvenientes para dar partida. Os carros elétricos movidos a bateria tinham uma participação de 38% do mercado automobilístico dos Estados Unidos em 1900, mas também tinham um alcance limitado e estações de recarga eram difíceis de encontrar.

automóvel movido a gasolina venceu a competição. Em 1920, já havia ultrapassado as ruas e atalhos da Europa e dos Estados Unidos.

Os métodos de fabricação introduzidos pelo fabricante de automóveis norte-americano Henry Ford revolucionaram a fabricação industrial.

Ford foi o primeiro a instalar linhas de montagem em sua fábrica para acelerar a produção. Tais técnicas reduziram o preço do Modelo T da Ford até que se tornou acessível para a maioria das famílias de classe média.

À medida que o século 20 avançava, a vida moderna passou a parecer cada vez mais inconcebível, ou pelo menos altamente inconveniente, sem acesso a um carro. Atualmente, a população dos EUA dirige mais de 4,8 trilhões de quilômetros (três trilhões de milhas) todos os anos, em média.

Mas esse componente fundamental da sociedade industrial e de consumo tem desempenhado um papel importante na desestabilização da atmosfera da Terra, da qual dependem todos os seres vivos.

O automóvel médio emite entre quatro e nove toneladas (3.629 a 8.165 kg; 8.000 a 18.000 libras) de dióxido de carbono e outros gases de efeito estufa por ano.

Cada galão de gasolina queimado para operar um carro emite pouco menos de 9,1 kg (20 libras) de dióxido de carbono.

O setor de transporte como um todo, incluindo carros, caminhões, trens e aeronaves, tornou-se a maior fonte de emissões de gases de efeito estufa dos EUA em 2017.

A poluição do ar por escapamento de automóveis também é um grande problema, assim como os acidentes de carro.

Fonte: www.colegiosaofrancisco.com.br/mechanicaljungle.com/www.nationalgeographic.org