Breaking News
Home / Turismo / Festividades do Chile

Festividades do Chile

PUBLICIDADE

São poucos os países no mundo que oferecem tal diversidade de cenários turísticos como Chile. Aquí o aborrecimento é uma palavra desconhecida. Sem lugar as dúvidas, Chile é um paraíso para quem gosta das atividades ao ar livre e de turismo de aventura.

Dos meses de junho a outubro, o interesse concentra-se nos esportes de inverno, principalmente no esquí. O país conta com centros de fama internacional, muito apróximosmà capital, razão pela que é conhecido como a capital do esquí.

De os meses de junio a octubre, o interesse se concentra em os deportes de invierno, principalmente em o esquí. o país cuenta com centros de fama internacional, muito perto da capital, razão pela qual é conhecida como a capital do esquí.

E são muitas as causas deste título, entre as que destacam as condições climáticas, a neve seca e sem perigo de gelo, com temperaturas nunca inferiores aos zero graus, sem esquecer da seguridade nas pistas, já que todas contam com instrutores, patrulhas de salvamento e equipes médicos.

Em muitos deste lugares pode-se praticar ala delta, parapente, snowboard ou heliskí, uma modalidade na que tem que subir em um helicóptero que voa a lugares inacesíveis. Os esquiadores, junto a um instrutor experiente, realizam o descenso.

Entre todos os centros aconselhamos o Complexo Farellones El Colorado, com magníficos hotéis e apartamento de aluguel, o Centro La Parva, com uma maavilhosa vista ao Vale Central. Vinte quilômetros para o oriente, entre estas duas estações, levanta-se Vale Nevado, o mais moderno centro de esquí com 25 pistas. Aquí pode se realizar passeios em trenos puxados por cachorros, assim como descidas noturnas

hoteles, refúgios y apartamentos de aluguel, o Centro a Parva, com uma maravillosa vista al valle central. Veinte quilômetros hacia o oriente, entre estas dos estações, se levanta Valle Nevado, o mais moderno centro de esquí com 25 pistas.

Aqui se podem realizar passeios em trineos tirados, por perros, así como descensos noturnos. O centro oferece, também, motos de neve e asa delta. A 145 quilômetros para o nordeste de Santiago encontra-se Portillo, um dos centros invernais mais famosos da América do Sul.

Dispõe de vários quilômetros de pistas, entre as que se encuentra a mais veloz do mundo. Mais para o sul, a 480 quilômetros de Santiago se encontra Termas de Chillán, no meio de bosques milenários e águas termais. Na zona sul destaca Villarica-Pucón, a 777 quilômetros de Santiago, por seu incomparável situação junto aos vulcões Lanín e Llaima.

Mais para o sul, a 1.046 quilômetros da capital se encontra Antillanca, no Parque Nacional Puyehue, nas ladeiras do vulcão Osorno. Não podem ser esquecidos os centros de Lagunillas e Chapa Verde na zona centro-sul, Antuco, Volcán Llaima, a Burbuja, no sul e na zona mais austral, El Fraile e Cerro Mirador, único lugar do mundo onde esquia-se com vista ao mar, em Punta Arenas.

Para quem gosta da pesca e a tranquilidade, Chile oferece mais de 4.000 quilômetros de costa na beira do Pacífico e numerosos lagos, rios e lagoas, com excelentes condições. Nas aguas doces é possível pescar perca-trutas, salmões, truta, pejerei, peladilha, carpa e pejagato. A temporada de pesca prolonga-se desde meados de novembro até a primeira semana de maio e é preciso obter uma permissão que otorga o Serviço Nacional de Pesca, acreditando o conhecimento das vedas.

Recomendamos que viaje ao Lago Llanquihué, Laguna del Toro, Rio Futaleufú ou ao Lago General Carrera. Para a pesca em aguas salgadas não se requer de permissão e se se anima, durante todo o ano poderá pescar peixes espada, atuns e bonitos, entre outras especies. O principal centro de pesca esportiva em alta mar é Iquique, no extremo norte do Chile.

Se gosta é da caça, no Chile poderá praticá-la nos períodos permitidos, prévia obtenção da licença expedida pelo Serviço Agrícola e Ganadeiro. Desde abril até agosto está permitida a caça do corvo marinho, codorniz, pomba selvágem, pomba de asas brandas, rola cordilheira, zorzal, melro, trato e caiquén.

Entre abril e julho é a temporada de patos em variedades como o juarjual, jergão, capuchino, colorado e preto. Rola pode ser caçada desde o 1 de abril ao 15 de agosto, enauanto que as espécies maiores como o buck ou o cervo vermelho só é permitido caçá-las desde março ao 15 de jnlho. Os principais centros de caça se encontram nas reservas de Osorno e La Unión.

Se prefere a aventura, a variadisima geografia do Chile ofercece a possibilidade de prticar múltiplas modalidades do chamado turismo de aventura. Para começar convidamos-lhe a realizar uma excursão ao Parque Nacional Lauca.

Partindo desde Arica, fronteira com o Peru, ascende-se até o parque onde pode-se percorrer extensos salgares, admirar os vulcões e daixar-se seduzir pelo Lago Chungará, a 4.517 metros. Mais para o sul, pode-se viajar ao minclemente deserto. Começa-se em Antofagasta, atravessando salitreiras abandonadas e internando-se no Deserto de Atacama até as cidades de Calama e Chuquicamata.

Em pleno planalto pode-se visitar o oásis de San Pedro de Atacama e o grande salgar, rodeado de pequenos povoados pré-hispánicos. Esta expedição também pode ser realizada em bicicletas de montanha.

Em Copiapó é preciso internar-se pelo deserto para chjegar ao vulcão ativo mais alto do mundo, Ojos del Salado, com 6.893 metros. Apesar de sua ascensão não apresentar grande dificuldade técnica, é aconselhável se aclimatar com anterioridade.

Na zonma central do Chile, perto de Santiago, a cordilheira oferece expedições muito interessantes, a pé ou à cavalo, percorrendo vegas, cerros e quebradas.

Destaca a excursão ao Cajón del Maipo, a 90 quilômetros de Santiago. Depois de percorrer pequeoos povoados, esteiros e arroios chega-se a Baño Morales, a entrada ao Parque Nacional El Morado. Este é o ponto onde começa a caminhada para visitar a fonte de água Panimávida e a Lagoa El Morado, onde o Cajón fecha enfrente à imponente paisagem andina de glaciares eternos, entre os que destaca o Mirador, a 4.320 metros.

Também na zona central, perto da fronteira com Argentina, pode-se realizar o chamado “Grande Cruze dos Andes”, una cavalgada de 7 dias que segue a rota empregada pelo Exército Libertador a princípios do século passado. A marcha se faz por antigas sendas, sguindo o curso de rios e ladeiras, como a costa Espinacito, a 4.400 metros.

Se gosta da bicicleta de montanha, o trekking ou as motos todo terreno, lhe aconselhamos a viagem ao vulcão Villarrica, onde se pode praticar esportes aquáticos no lago do mesmo nome. Aliás, o Caminho Austral é o paraíso do turismo de aventura. Seus mais de 1.100 quilômetros de paisagens únicos, oferecem a possibilidade de realizar longas caminhadas, viagens em motocicletas ou em bicicletas.

Mais para o sul, no Parque Nacional Laguna San Rafael, o cerro San Valentín convida a andinistas e escaladores a aventurar-se pelos picos de neve eterna. No extremo austral, o Parque Nacional Torres del Paine, declarado Reserva Mundial da Biosfera, imensa extensão de bosques, lagos, fiordos e glaciares, onde resaltam os maziços da Cordilheira de Paine.

Gostando do raffting, em Chile esperam mais de 20.000 quilômetros de rios torrentosos e cristalinos que baixam ao mar desde as cordilheiras. Destacam o Rio Maipo, Rio Claro, na Região do Maule, o curso superior do Rio Bio Bio, o Rio Trancura, o Rio Fuy, o Rio Bueno o o Rio Petrohue, na Região dos Lagos.

Para a costa, os amantes do kayak, encontrarão excelentes alternativas nos canais e fiordos de Chiloé. Na Região de Aisén, o rio Cisnes oferece a possibilidade de se aventurar no meio de uma paisagem selvática e mais para o sul, o Rio Baker. No extremo sul do país, na Região de Magallanes, pode-se fazer raffting nos rios Serrano e Tyndall.

E quando a noite chega para os amantes das diversões urbanas, as principais cidades do Chile oferecem salas de cinema, teatros, cafés, bares e clubes. Recomendamos ir alguma das famosas Peñas, para desfrutar da música autóctone do país.

Festividades

As festas em Chile são un espetáculo de cor, música, dança e tradição. Como em todo o Cono Sul, o ano começa o 1 de Janeiro, quando os chilenos celebram o Ano Novo com esperança. O Dia 6, é a “Festa dos Reis”, especialmente no povoado de Pica, 140 quilômetros ao sudeste de Iquique.

A peregrinação dura dois dias nos que a imagem do Menino Jesus percorre as principais ruas. São numerosos os dançantes que com vistosos trajes típicos executam seu baile em homenagem ao Menino.

Neste mês há também importantes festivais como o Festival Nacional do Folklore, a Feira Internacional de Artesanato Tradicional em San Bernardo, o Festival del Huaso em Olmué e as famosas Semanas Musicais em Frutillar.

En fevereiro destacam os preparativos da Quaresma em todo o país; o Festival Internacional de Jazz em Tongoy; o prestigiado Festival de Costumes de Chilote; o Festival Internacional da Canção de Viña del Mar onde fazem ato de presença os melhores intérpretes de América e Tapati Rapa Nui, que não é outra cosa que a Semana de Ilha de Páscoa. Não deve-se esquecer a Noite Valdiviana na cidade de Valdivia.

En março, sen lugar à duvidas, o mais interessante é a celebração da Semana Santa, especialmente na pitoresca localidade de Codpa, a 288 quilômetros ao nordeste de Iquique. São milhares os peregrinos que acodem para realizar espetaculares ritos de origem pagana-religiosa.

A romaria culmina com una procissão noturna eluminando a oscuridão com as numerosas tochas. Destacam também o Campeonato Nacional de Rodeio em Rancagua, onde pode-se admirar aos melhores jinetes do Chile e a Féria do Lar em Santiago.

O 1 de Maio, como no resto de países da América Latina, celebra-se o Dia do Trabalho. O Dia 2 é a festa da Cruz de Maio. Na cidade de Temuco se saca a cruz em procissão, enquanto que em Peumo realiza-se una peregrinação à cruz que se encontra no alto de um cerro. O dia 21 comemora-se as Glórias Navais, em lembrança da batalha naval de Iquique. O mês fecha a celebração do Corpus Christi.

Junho sobressae por acolher a Festa de São Pedro e São Paulo, celebração muito vistosa em todos os portos e calhetas do país. A tradicional Festa da Tirana, festeja-se o dia 16 de julho, em uma preciosa estação natural no caminho para o Vale Pica, a 80 quilômetros ao sul de Iquique.

Centenares de peregrinos acudem ao lugar em romaria para venerar à Virgem da Tirana, quem segundo a lenda indígena provinha de uma princesa chamada Ñusta Huillac chamada A Tirana por seu despotismo.

A princesa apaxionou-se de un prisioneiro português devoto do Virgem do Carmo, quem converteu-a ao cristianismo, sendo surpreendidos pelos soldados, e depois sacrificados. A festa destingue-se, também, pelos “danzarines” e “chinos” que bailam em torno à imagens providos de máscaras e vestimentas representando a Lucifer.

Em agosto o Dia 15, celebra-se a Asunção da Virgem, enquanto que o 18 de setembro se comemora o Dia da Independência Nacional. O dia seguinte, é o Dia das Forças Armadas.

Outubro acolhe, o Dia 12, o “Descobrimento” celebrado na América como o Dia da Raça. Destaca também o Campeonato Internacional de Surf, a Bienal de Arquitetura e a Féria Internacional de Santiago.

O dia 1 de novembro, o Dia de Todos os Santos, sem esquecer a Féria Internacional do Livro. No mês de dezembro, o dia 8, a Imaculada Conceição e o 25, Natal. O ano é encerrado a última noite aconselhamos para deslocar-se a Valparaíso, onde a celebração do Ano Novo é um verdadeiro espetáculo.

Fonte: www.rumbo.com.br

Festividades do Chile

Feriados Nacionais

Janeiro

1 – Dia de Ano Novo

Março / Abril

(Varia) – Semana Santa

Maio

1 – Dia do Trabalho
21 º – Batalha naval de Iquique
30 – Corpus Christi

Junho

29 – Dia de São Pedro e São Paulo

Agosto

15 – Assunção

Setembro

Golpe Militar de 1973 – 11
Dia da Independência – 18
Forças Armadas do Dia – 19

Outubro

12 – Dia de Colombo

Novembro

1 – Dia de Todos os Santos

Dezembro

Imaculada Conceição – 8
25 – Chris TMAs Dia

Fonte: www.geographia.com

Festividades do Chile

Feriados patrióticos no Chile

Os feriados patrióticos chilenos celebram oficialmente dois dias:

A 18 de setembro, em comemoração a proclamação da Junta Primeiro de Governo desde 1810 e marca o início do processo de independência

A 19 de setembro, conhecido como o “Dia de Glória do Exército do Chile”.

No entanto, a comemoração de feriados Patriótica dura quase uma semana inteira, depende da data cair 18 e 19 de setembro (por exemplo, se quarta-feira 18 se estendem entre as comemorações, no sábado 14 e domingo 22).

É por isso que em muitas escolas e faculdades são declarados ” férias de feriados patrióticos “, com a duração de uma semana.

Os feriados patrióticos estão com o Natal, a festa principal do ano para a maioria dos chilenos.

Em Setembro deste ano é com que , em dezembro , o mês de maior venda para o comércio no Chile.

O calendário de festivais

Chile comemora sua independência, algumas vitórias militares e um grande número de festas religiosas. Pela primeira vez, em 1999, não havia nenhuma comemoração oficial do 11 de setembro, o aniversário do golpe de Pinochet em 1973. Os fades mundo mental ditadura gradualmente.

Dia nacional

18 de Setembro – Dia da Independência. Esta data refere-se apenas à primeira reunião de governo em 1810, após a renúncia do presidente nomeado por Madrid, no contexto colonial de Chile. Algum tempo depois, o poder espanhol será retomada acima por alguns anos.

A verdadeira independência é proclamada em 12 de fevereiro 1818, por O ‘Higgins, chefe do Partido da Reforma. 05 de fevereiro seguindo os exércitos espanhóis será definitivamente derrotado pela independência chilena Maipú armado.

Nenhuma dessas datas não pode ser aceito como um feriado nacional, porque o Chile estava em guerra civil, o Sul se mantiveram fiéis aos espanhóis conservadores. Em 1821, o Peru, que dependiam Chile sob o colonialismo espanhol, por sua vez tornou-se independente. Independência do Chile será reconhecido pela Espanha em 1844.

Outras celebrações e comemorações

21 de maio – Dia da Marinha: Aniversário da batalha naval de Iquique, um episódio da Guerra do Pacífico, em 1879. Dois velho barco de madeira, a Esmeralda e Covadonga, dois navios de guerra competir com sucesso Peru.

1 segunda-feira em Setembro – Dia da Unidade Nacional. Partido criado no final de 1998 para substituir a celebração, o menos controverso de 11 de setembro.

11 de setembro, comemorado oficialmente até … 1998 foi o aniversário da tomada do poder pelos militares em 1973. A remoção do aniversário da “libertação nacional” foi reivindicada há anos pela esquerda. Levou os incidentes violentos do 25 º aniversário, em 1998, (2 mortos e 400 feridos) durante confrontos entre manifestantes ea polícia, o chefe dos democratas cristãos negociar com o general Pinochet apagar este feriado . O 26 º aniversário, em 1999, foi novamente resultou em duas mortes. O governo tem sido duramente reprimir uma manifestação proibida em frente ao Palacio de la Moneda. Para metade dos chilenos, 11 de setembro é um dia de protesto para as vítimas da repressão. Para outros, mais discreto, há um feriado.

19 de Setembro – Dia das Forças Armadas.

12 de setembro – chamado “dia da raça”, comemora a descoberta da América por Cristóvão Colombo, é comemorado em todo o mundo latino-americano, mas não por índios no Chile o Mapuche, que em 12 de setembro é um dia de luto.

1 de Janeiro e 1 de Maio (Dia do Trabalho) também são feriados.

Os feriados religiosos (católicos) (feriados)

Páscoa

18 de junho – Corpus Christi.

29 de junho – San Pedro.

15 de Agosto – Assunção.

1 de Novembro – Todos os Santos.

8 de dezembro – Imaculada Conceição.

25 de dezembro – Natal.

Fonte: www.bibliomonde.com

Veja também

Hino Nacional da República Democrática do Congo

Debout Congolais PUBLICIDADE Debout Congolais (Levanta congolês) é o hino nacional da República Democrática do …

Locais Turísticos da República Democrática do Congo

BRAZZAVILLE PUBLICIDADE É um lugar muito interessante, muito verde, com uma Basílica, Mercados e o …

República Democrática do Congo

PUBLICIDADE O território que hoje leva o nome de República Democrática do Congo tem sido habitada por …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.