Breaking News
Home / Biologia / Moluscos

Moluscos

PUBLICIDADE

Moluscos é um dos mais diversos grupos de animais do planeta, com pelo menos 50.000 espécies vivas (e mais provável em torno de 200.000). Ele inclui tais organismos conhecidos como caracóis, polvos, lulas, mariscos, vieiras, e ostras.

Moluscos possuem corpos macios que consistem em três partes básicas: a pé, uma massa visceral e um manto.

Muitas espécies também têm uma concha protetora feita de quitina, proteínas e carbonato de cálcio.

Características Gerais

O corpo dos moluscos é dividido em três regiões: Cabeça, pé e massa visceral.

Na cabeça estão localizadas a boca e estruturas sensoriais como os olhos e tentáculos.

O pé é musculoso e responsável pela locomoção do animal.

Em alguns animais, como os polvos e as lulas, o pé modificou-se em tentáculos que são utilizados na locomoção e captura de alimentos.

Na massa visceral concentram-se todos os órgãos do corpo animal.

Existe nos moluscos uma dobra da parede do corpo que o recobre quase inteiro: o manto. É ele que produz a concha.

A maioria dos moluscos é herbívora, isto é, alimenta-se de vegetais.

Gastrópodes

Os gastrópodes são animais que podem ser reconhecidos tais como: os caracóis, lesmas e caramujos são alguns representantes deste grupo.

Esses animais são encontrados em ambientes terrestres úmidos , na água doce e no mar. Possuem uma única concha espiralada, mas existem alguns representantes deste grupo que não possuem concha.

Reprodução

A reprodução dos gastrópodes é sexuada.

Existem espécies hermafroditas e espécies com o sexos separados.

No caso da reprodução dos hermafroditas, os indivíduos se unem e trocam espermatozóides. Quando se separam, a fecundação ocorre em cada indivíduo . Em espécies com sexo separados, ocorre a união com transferência de espermatozóides para o corpo da fêmea, onde ocorre a fecundação. Os ovos formados são envoltos por membrana protetora e depositados em locais protegidos.

Bivalves

Os indivíduos desse grupo têm o corpo protegido por uma concha com duas valvas: (bi: dois: valva = valvas) características que deu origem ao nome do grupo.

Os mariscos, mexilhões, ostras e péctem são exemplos de bivalves. Todos são aquáticos.

Existem espécies hermafroditas mas a maior parte dos bivalves tem sexos separados.

O desenvolvimento é indireto.

Cefalópodes

O nome do grupo está relacionado com sua característica mais marcante que é a modificação dos pés em tentáculos, os quais partem da cabeça(cefalo=cabeça; pode=pé). Os polvos possuem oito tentáculos, e as lula dez.

Todos os cefalópodes têm sexos separados. O desenvolvimento é direto.

Moluscos
Polvo

Moluscos
Lula

Os moluscos e a saúde humana

Os moluscos interferem na saúde humana porque muitos deles são usados como alimentos. As vezes muitos deles são contaminados pela água do mar, e podem representar grande risco para a saúde humana, causando muitas intoxicações nos alimentos além de doenças.

Produção das Pérolas

Muitos moluscos têm grande aplicação econômica.

Entre eles estão os bivalves que têm capacidade de produzir pérolas.

A produção da pérola é iniciada quando uma partícula estranha que é como um grão de areia penetra na concha.

Moluscos
Cultivo de pérolas

Moluscos
Bivalve com pérola

Filo Mollusca

Características Gerais

Animais com corpo mole;
Animais com esqueleto externo (conchas) ou interno a endoconcha (lulas);
Corresponde ao segundo filo em número de espécies;
A maioria delas de habitat aquático;• Podem ser de vida livre ou fixos ao substrato;
Reprodução sexuada, com fecundação interna ou externa;
Maioria dióicos;
Desenvolvimento direto ou indireto;
Atingem poucos centímetros a vários metros.

Importância econômica:

Indústria alimentícia;
Produção de jóias;
Produção de nanquim;
Isca para pesca;
Destruição de cascos de barco e ancoradouros;
São pragas em cafezais;
Hospedeiros de vermes (schistosoma mansoni).

Sistema digestório: completo.

Rádula: “língua muscular” com dentículos quitinosos, para coletar alimento do substrato. Ex.: cefalópodes e gastrópodes.

Hábito alimentar:

Gastrópodes: herbívoros.
Cefalópodes: carnívoros.
Bivalves: filtradores (brânquias)

NUTRIÇÃO

Sistema digestório completo
Rádula
Glândula digestiva
Espécies filtradoras ( Bivalves).

Respiração:

Aquáticos: brânquias
Terrestres: pulmonar e cutânea

Caracóis, lesmas e alguns caramujos – PULMÃO
Ostras, lulas, polvos e caramujos – BRANQUIAS.

EXCREÇÃO

Rim primitivo ( Nefridios ou órgão de Bojanus).

SISTEMA CIRCULATÓRIO

Sistema circulatório aberto

Exceção: Cephalopoda (Hemoglobina)
Sangue: hemocianina

SISTEMA VERVOSO

Sistema nervoso ganglionar

Gânglios cerebrais
Cordões nervosos
Estruturas olfativas, táteis e olhos (maioria)
Cefalópodes ( mais desenvolvidos)

CLASSIFICAÇÃO:

A. Classe Gastropoda (Gastrópodes):

Ex.: caracóis, caramujos (1 concha); lesmas (concha ausente).
Cabeça + massa visceral desenvolvida + pé.
Estômago (massa visceral) próximo do pé.
Glândulas pedais ( muco) para o deslizamento

Classe Gastropoda

Terrestres ou aquáticos
Sem concha ou com uma interna ou externa
Carnívoros e herbívoros
Monóicos e dióicos
Maioria é dióica (hermafroditas)
Fecundação interna
Desenvolvimento direto
Com rádula
Pé musculoso para locomoção
Glândula pedal(muco)Classe Gastropoda
Cabeça carnosa contendo dois pares de tentáculos retráteis.
Um par de olhos (nos tentáculos) e uma boca.
Cabeça ligada diretamente a um pé musculoso.
Epitélio mucoso reveste toda a parte carnosa.
São animais lentos e sedentários

B. Classe Bivalvia, Pelecypoda ou Lameliobranchia (Bivalves):

Ex.: ostras, mariscos ou mexilhões.
Cabeça muito reduzida + massa visceral + pé cavador.
1 concha = 2 valvas.
Mariscos: glândula do bisso (fixação no substrato)

Classe Bivalva

São aquáticos
Fixos ou escavadores
Conchas com duas valves
Filtradores
Sem rádula
Dióicos
Fecundação externa
Desenvolvimento indiretoClasse Bivalva
Pé utilizado para fixação – pé transformou-se de uma estrutura rastejadora achatada em uma forma de machado que é usado para cavar.
Presença de dois sifões, um inalante e um exalante do lado oposta ao pé.
Corpo encerrado em uma concha rígida, ovalada de duas partes.

C. Classe Cephalopoda (Cefalópodes):

Ex.: polvos (concha ausente), lulas (concha interna e reduzida) e naútilo ( 1 concha).
Cabeça desenvolvida + massa visceral reduzida + pés transformados tentáculos.
Sistema nervoso e sentidos desenvolvidos.

Cephalopoda

Pele com células nervosas (cromatóforos).
Manto abaixo da pele circunda os órgãos internos.
Presença de uma bolsa de tinta acima do reto.
Sistema nervoso centralizado e sentidos bem desenvolvido.

Fonte: www.ucmp.berkeley.edu/websmed.portoalegre.rs.gov.br/www.marcelinochampagnat.com.br

Conteúdo Relacionado

 

Veja também

Progestina

PUBLICIDADE O termo progestina geralmente se refere a uma forma sintética do hormônio feminino progesterona, …

Pleiotropia

Pleiotropia

PUBLICIDADE O que é pleiotropia? A pleiotropia ocorre quando um gene influencia duas ou mais características …

Pinheirais

Pinheirais

PUBLICIDADE O que são pinheirais? Os pinheiros (gênero Pinus) são espécies de coníferas da família …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.