Breaking News
Home / Literatura Infantil / Poema para uma criança mendiga

Poema para uma criança mendiga

PUBLICIDADE

Toc, toc, toc, toc…

Alguém bate na porta

Toc, toc, toc, toc…

Alguém bate na porta.

Eu abri a porta

Era uma criança

Toda suja, parecia um bicho

Fechei a porta apresada!

Toc, toc, toc, toc…

Alguém, de novo,

Bate na porta

Com mais força.

Eu abri a porta

Com uma moeda na mão

Ela recusou, queria um pão

Tinha fome de leão.

Por que temos medo da gente que anda suja e com roupas esfarrapadas?

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

O Bicho Folharal

PUBLICIDADE Cansada de ser enganada pela raposa e de não poder segurá-la, a onça resolveu …

O Menino o Burro e o Cachorro

PUBLICIDADE Um menino foi buscar lenha na floresta com seu burrico e levou junto seu …

O Menino e o Padre

PUBLICIDADE Um padre andava pelo sertão, e certa vez com muita sede, aproximou-se duma cabana, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.