Facebook do Portal São Francisco
Google+
+ circle
Home  Arco e Flecha - Página 10  Voltar

Arco e Flecha

Arco composto

História do arco composto, fotos interessantes:

Os arcos compostos foram desenvolvidos nas décadas de 70 e inicialmente usados nos USA para caça.

O marcante nos arcos composto são as roldanas que tem como função diminuir a pressão quando o arco é puxado até sua puxada final. Isso quer dizer, que quando se puxa um arco composto, primeiro se tem que superar a potência do arco, e depois a puxada fica leve sem o arco perder potência. Isso se dá pelo fato das roldanas serem concêntricas assim reduzindo a força necessária para puxar uma determinada potência.

O que tenho que saber antes de comprar o meu primeiro arco

Como escolher o meu arco

Existem basicamente três tipos de arcos:

O arco refelx

O arco deflex

E o arco neutro

Arco e Flecha
Arco deflex

Arco e Flecha
Arco deflex

O arco deflex tem a forma de um D.

As vantagens de tal forma de arco é que os arcos deflex perdoam mais e são em regra mais calmos de se atirar. Eles são também mais fáceis de serem ajustados e em regra são mais precisos.

As desvantagens é que em regra eles são mais lentos isso afetando a velocidade da flecha. quanto mais veloz uma flecha for menos ela é influenciada pelo vento e menor é a sua parábola, isso a torna mais certeira.

O arco reflex tem a forma de um R.

As vantagens desta forma é que ela torna o arco mais veloz. Inicialmente se construía os arcos reflex especialmente para a caça, onde velocidade era mais importante do que precisão.

Com o desenvolvimento da tecnologia (o material do punho do arco), os arcos reflex foram ficando cada vez mais calmos e mais certeiros sem perder sua velocidade. isso lhes deu uma grande vantagem sobre os modelos reflex, que acabaram sendo usados principalmente para iniciantes.

O arco neutro é aquele que é neutro sem refelx e deflex. Quando você vai comprar um arco, no manual do arco, em catálogos ou propaganda você pode ler o grau de reflex ou defex. O deflex está normalmente escrito com um número positivo (+1, +2), o relfex ao contrário (-1, -2, -3), e o neutro está marcado com (0).

Mas, a tecnologia não para, e assim, recentemente se desenvolveu arcos rápidos e refelx, isso devido a evolução na construção das laminas do arco composto. Atualmente se usa fibra de vidro ou carbono para fazer as laminas.

O carbono das laminas é 26 vezes mais denso do que carbono comum. esta técnica possibilitou fazer arcos deflex muito rápidos e mesmo assim muito certeiros e que perdoa bastante erros minúsculos.

Em regra se diz, quanto mais rápido um arco for mais difícil é atirar bem com ele, porque antigamente os arcos rápidos não perdoavam o menor erro. Atualmente as coisas mudaram um pouco, mas a regra ainda prevalece.

Portanto, se o arco for reflex ou deflex, não faz a menor diferença para quem participa em competições FITA. A escolha será finalmente na aparência do arco. Já para quem gosta de caçar se recomenda usar arcos reflex porque eles são em regra menores e mais velozes.

Existem vários excelentes produtores de arcos que nem:

Hoyt

Martin

Mathews

Merlin

Browning

Bowtec

PSE

O que eu tenho de saber na compra do meu arco composto:

Na maioria das vezes quem vai comprar o seu primeiro arco composto antes aprendeu a atirar com um arco recurvo na escolinha de tiro e portanto é natural que existe uma pequena dúvida quando se troca de arco .

E portanto aqui vai umas dicas para facilitar sua escolha na hora de comprar um arco composto:

Qual fabricado?

Todas as marcas hoje em dia são boas, porque se elas não fossem boas não mais estariam no mercado. A única coisa que se deveria prestar atenção é para que o comerciante que vende o arco respeite e honra as normas de garantia do produtor. Mas em geral os arcos de ponta de todas as marcas são muito parecidos na qualidade, só muda o visual.

Qual o modelo a ser escolhido?

Aqui temos a escolha .... e que escolha.

Você vai ter arcos de diferentes tamanhos: 30, 34, 36,38, 42, 45 e todos os outros tamanhos entre estas medidas.

Você irá encontrar roldanas: roldanas redondas, soft cam, hard cam, hybrid cam.

Você terá vários let offs: 55% 65%, 75%, 80%.

Por fim, a escolha e a decisão será sempre sua. Mas entenda que cada um destes arcos foi produzido para satisfazer necessidades específicas. Poratnanto antes de decidir qual será o seu arco você tem que decidir para que você quer um arco, que tipo de competições ou práticas você precisa do arco.

Em geral, esta escolha se divide em duas opções:

1. Target , prático a tiro ao alvo a distancia com distancias prédeterminadas.

2. Caça (field) com distancias não determinadas.

E para tal existem dois fatores básicos que vão determinara que arco serve para que modalidade:

Os dois fatores são:

O tamanho do arco

E o brece height (a distancia do punho para a corda),

E de acordo com estes dados se vai determinar se o arco é mais adequado para uma ou outra prática.

Em regra um arco genuinamente target (para prática de tiro em alvos fixos) tem um tamanho (comprimento) de 38 polegadas no mínimo e um brace height acima de 7 polegadas.

A razão de se falar genuinamente target é porque existem fabricantes de arcos que simplesmente repintam seus modelos de caça e os denominam de targuet somente para poderem vender mais arcos. para evitar erros simplesmente confira o comprimento e o brace height do arco.

The reason I say ’True’ is because some bow models offered are just nicely coloured

Já arcos genuinamente de caça costumam ser menores chegando a ter só 30 polegadas de comprimento e um brace height de 5 polegadas.

Como podemos ver, cada modalidade requer seu arco específico, por isso é muito importante de determinar a modalidade antes de comprar o arco.

Arcos com um brace height menor são mais difíceis de atirar mas se inclinam lateralmente (torque) mais fácil, mas em compensação são mais rápidos. Por isso em competições de field (no mato, em campo aberto onde não se tem distancias predeterminadas) muitos tiros são perdidos por causa de uma estimativa errada, fazendo com que a flecha atinja acima ou abaixo do alvo. Se o arco for mais rápido tal variação diminuir e assim aumenta a pontuação.

Já no caso de distancias pré determinadas a pontaria é que vai determinar o sucesso e a vitória e pequenos desvios devido a uma inclinação lateral do arco vão fazer com que a flecha acerte o nove em vez do dez.

Um bom arqueiro pode sem problema atirar muito bem com um arco rápido e com um brace height pequeno, mas sua técnica tem que ser excelente para poder atingir os mesmos resultados com um arco cujo brace height é maior.

Seria um erro para iniciantes querem imitar arqueiros de ponta e logo comprarem um arco igual sem o aconselhamento de um técnico.

Que punho devo escolher?

Reflex ou Deflex?

Esta sempre foi uma das perguntas mais intrigantes e discutidas. Qual tipo é melhor?

Vamos analisar cada um dos tipos:

Para podemos definir o que é reflexo e deflexo temos que imaginariamente traçar uma linha pelo centro do arco, isso quer dizer, traçar uma linha imaginária da ponta do punho de cima até a ponta do punho de baixo. Se a parte onde se segura o arco estiver na frente dessa linha imaginária temos um arco deflexo (um arco com a forma de um D), e estiver atrás da linha imaginária temos um arco reflexo (o arco tem a forma de um R).

Desta forma temos arcos mais reflexo do que outros e menos deflex do que outros.

O segundo ponto de interesse é a especificação de cada arco.

Sempre se achou que um arco reflexo é mais instável na mão, isso quer dizer, quando se puxa a corda por completo o arco tende a se inclinar com maior facilidade para o lado do que um arco deflex. Da mesma forma sempre se assumiu que um arco reflexo é mais veloz e um defelx perdoa mais erros. Também sempre se assumiu que o fato do arco reflexo se inclinar com maior facilidade é devido ao fato que o ponto onde as laminas estão em contato com o punho estarem na frente de onde o arqueiro segura o arco. Bem, tudo isso é errado.

Quando se desenha um novo arco, se for desenhar um arco para trget, em primenri lugar se determina o tamanho do punho do arco. Um tamanho de 22 polegadas iria dar uma janela bem confortável e boa visão do alvo para distancias entre 20 a 90 metros. Isso com um par de laminas daria um arco com um comprimento total de 44 polegadas, que geraria um brace height maior do que num arco reflex.

Já um arco reflex tende a ser mais curto com um punho de 18 polegadas, o brace height tende ser menor naturalmente.

Agora, a grande descoberta foi, que não é o fato de o arco ser reflexo que o faz ser mais instável e sim o brace height (a distancia entre punho e a corda). Um brace height menor faz com que a corda fica mais longe do ponto de ancoragem, a corda está mais longe do arqueiro e portanto tem que ser puxada mais longe e isso aumenta a distancia que a corda se movimenta até voltar ao seu estado de repouso.

Um brace height maior diminui a distancia entre corda e ponto de ancoragem.

Quando você inclina o arco lateralmente o único ponto de rotação são os pontos onde a corda encosta nas roldanas. Imagine o punho e as laminas como uma unidade sólida, e enquanto você inclina o arco você força as roldanas a empurrarem contra a corda. O movimento é exatamente quando a corda encosta nas roldanas.

Quanto maior for a corda entre a roldana e o nocking point (lugar onde a flecha encosta a corda) mais estendida estará a roldana e com maior facilidade a roldana irá empurrar a corda lateralmente causando uma inclinação (desvio) lateral do arco (uma corda mais longa tem uma alavanca maior que uma corda mais curta). Se a distancia de corda for menor, que nem no caso de um brace height maior, a pressão da corda sobre as roldanas é maior e iso evita uma pressão lateral gerada pelas roldanas em cima da corda. O que vai determinar o torque do arco é a quantidade de corda que fica depois das roldanas. Quanto maior for a corda mais fácil ela é influenciada e o arco inclina com maior facilidade.

Tudo isso quer dizer, que se pode fazer arcos reflexo com um brace height maior do que um deflexo, e vice versa. E um arco reflexo com um brace height igual a um deflexo irá dar as mesmas vantagens que o defelxo.

A razão porque arcos tem diferentes brace height é a velocidade. Quanto menor for o brace height maior será a velocidade do arco. O que vai determinar o arco e o brace height é o que você precisa no arco. um arqueiro com uma boa técnica de tiro não terá nenhum problema ema tirar com qualquer tipo de arco.

O importante é você ser sincero com sigo mesmo com as suas próprias habilidades para poder determinar o arco certo.

Que laminas escolher?

Que tipos de laminas comprar: Laminas inteiras ou duplas?

Existem alguns fabricantes que oferecem laminas duplas nos arcos que nem os arcos da Hoyt. Tais laminas tem uma grande vantagem porque elas são muito difíceis de serem reguladas, e ainda mais importante , de serem feitas a mesma forma.

Existem basicamente dois tipos de material para fazer laminas de composto: fibra de vidro e carbono.

só que tal carbono não é qualquer um, é um carbono 20 vezes mais denso do que o carbono comum.

Agora é muito difícil fazer um par de laminas idênticas, onde ambas tem a mesma estrutura molecular, sempre vai haver variações e portanto, todo par de laminas são um par de exatamente a mesma potência. Quanto melhor o arco, melhor será a harmonia e igualdade das laminas. se já é difícil construir um par de laminas bem parecido, imagine o quanto é em construir quatro laminas iguais.

As laminas sólidas tem a vantagem de poderem absorver maior impacto e maior potência, e assim durarem mais tempo, elas conseguem superar melhor torções causadas pela potencia do arco e pelos movimentos das roldanas.

Num arco composto, devido a ,estrutura das roldanas sempre é exercido maior pressão sobre um lado das laminas.

Para compensar esse aumento de pressão unilateral, os fabricantes de laminas duplas ultimamente (as laminas duplas existem no mercado a mais de 15 anos) a engrossar e aumentar a espessura das mesmas, inclusive a construir elementos centrais que unem ambas as laminas.

Por estes fatores, a lamina inteira é mais recomendável.

Que tipo de roldanas?

Existem praticamente dois tipos principais de roldanas.

As Weel (são redondas) mais encontradas em arcos tipo target (tiro ao alvo)

e as

Cams (são elípticas) mais comumente encontradas em arcos de caça:

O single cam (monocam)

O double cam

E o hybrid cam, que é uma mistura das duas cams anteriores, aproveitando das vantagens de ambas.

As roldanas tem o que chamamos de martelo (stopper). E uma construção nas roldanas que impedem o arqueiro puxar alem de um determinado momento. Cada arqueiro pode ajustar o martelo para a sua puxada final. é uma ajuda e tanto, porque o martelo impede que o arqueiro puxe alem da puxada ajustado para a mira e para o spine (dureza) das flechas.

Nos arcos escolas ou arcos de caça mais simples, e mesmo para iniciante, o martelo costuma ser muito pequeno ou não existente exatamente para não atrapalhar o arqueiro. Mas nos arcos mais profissionais de competição, quanto mais nítido for o martelo melhor será o tiro.

Os arcos com single cam (e hybrid cam), tem somente o martelo em uma de suas cam, enquanto que a outra é totalmente redonda. Estes arcos são mais fáceis de serem ajustados porque só se tem que ajustar uma roldana. O arco costuma ser um pouco mais rápido mas em troca é um pouco mais nervoso no tiro.

Os arcos tipo double cam, tem o martelo em ambas as cam. isso os torna um pouco mais perdoáveis no tiro mas, pelo fato de terem dois martelos este tipo de arco exige mais tuning (ajuste) já que ambas ar roldanas tem que se movimentar sincronicamente. Se as roldanas estiverem desajustadas elas não irão se movimentar igualmente, isso quer dizer que o martelo de uma roldana irá atingir a corda antes do que a outro i isso é ruim par o tiro.

Fora desta classificação bem abrangente existem vários tipos de cam. Também cada produtor tem seus patentes e suas variações. Mas basicamente as roldanas se reduzem a estes dois tipos acima descritos.

O que vai determinar finalmente o tipo de arco que você vai escolher será a aparência do arco. Também seria bom você atirar com um arco similar. E isso é possível numa associação conversando com os outros arqueiros colegas.

As roldanas redondas em regra perdoam mais, por isso a grande pergunta é:pode um cam ser melhor que uma wheel? Ou perdoar mais erros?

Antigamente sempre se dizia que não e a razão era:

1. Cams eram usadas nos arcos de caça e Wheels em arcos de target (tiro olímpico) sendo que arcos do tipo targuet são mais precisos e perdoa mais erros.

2. cams são colocados em arcos curtos e com alta velocidade, e em arcos reflex. Já Wheels são colocados em arcos mais lentos e deflex.

Qual dos dois tipos é melhor?

Em ambos os casos (com exceção do SOLO CAM) as roldanas são feitas para usarem duas cordas laterais. A parte maior e externa do cam está conectada á corda que é puxada, a parte interna e menor está presa ao cabo lateral. a sua forma é que vai determinar a curva de força da roldana.

Sua forma vai determinar quando e aonde o arco atinge sua potencia máxima, e vai determinar a quantidade de let off. Roldanas redondas (wheel) geralmente tem um let off de 55 a 65%, enquanto que cam vão de 65 a 80%.

A parte externa de um cam comparado a um Wheel sempre é maior sendo que sua forma é elíptica, sendo no wheel redonda. O diâmetro maior é porque o cam é botado em arcos menores para ter um diâmetro externo maior e ter uma maior quantidade de corda para se pode ter uma puxada maior (proporcionalmente). A forma elíptica do cam não tem muita influência na velocidade da flecha.

Agora a parte interna do cam comparado com o wheel é bem diferente. Sua forma proporciona o arco atingir o seu auge de potencia mais sedo e de manter essa potencia por mais tempo do que um wheel, e isso mais do que qualquer outra coisa contribui para a velocidade da flecha, e em alguns tipos de cam aumenta a tensão da corda no centro dela empurrando assim melhor a flecha. Uma corda mais tensa evita que a corda acompanhe a flecha depois de ser largada fazendo com que a flecha se solte da corda mais cedo e assim tenha uma trajetória mais retilínea.

Agora o let off tem um grande efeito na pontaria. Quanto maior for o let off, menor será a tenção na corda na sua puxada final, e quanto mais leve o arco ficar na puxada final mais fácil é mover a corda lateralmente e desalinhá-la do centro.

Portanto, um cam comparado com um wheel não é melhor ou pior quando ambos tem o mesmo let off, somente quando se aumenta o let off que o arco fica mais instável.

Qual a potência do arco?

Para determinar a potência do arco você deveria pegar o arco e sentado puxá-lo. é muito comum, devido ao fato de o arco composto ter o let off, muitos arqueiros se gabam e deixados se enganar pela vaidade acabam começando a atirar com um arco pesado demais, e isso é péssimo, porque isso irá danificar irreversivelmente os ombros.

Para determinar a sua força real temos dois teste:

1. Você puxa o arco sentado.

Desta forma você não irá usar a sua musculatura das costas. A potência que você conseguir puxar sem fazer careta será a certa para você começar. Normalmente os arcos compostos vem com a possibilidade de variara a potência do arco em 15 libras para cima ou para baixo, apertando as laminas do arco ou afrouxando. Normalmente um adulto masculino compra um arco que tem uma potencia que varia de 45 a 60 libras. e deveria começar com 45 libras, aumentando gradativamente a potencia ao decorrer do tempo. 45 libras é suficiente par acertar um alvo a 90 metros de distância.

No caso de uma adulto feminino se pega normalmente um arco que vaia de 30 a 45 libras, pois 42 libras pé mais do que suficiente para acertar o alvo de 70 metros (distância máxima no feminino). O mesmo vale para juvenil e cadete. No caso de arco escola eles não deveriam ultrapassar as 35 libras.

2. O segundo método é o que eu prefiro.

Você se posiciona que nem nas técnicas de recurvo, com a cabeça ereta olhando para o lado. Agora sem mover a cabeça, você levanta o arco que nem faz com o recurvo e mantendo a mira perto do alvo você puxa a corda devagar. A potência certa seria a potência com a qual você conseguisse puxar a corda sem fazer careta ou torcer o corpo. Desta forma você irá preserva os seus ombros e a sua saúde.

Qual o let-of ideal?

O let off é a redução de força na corda depois de se ter puxado a corda totalmente. esta redução varia entre 55 a 80 % da potencia do arco. ela possibilita ao arqueiro a segurar por um longo tempo a corda na e mirar bastante antes de soltá-la. Por exemplo, um arco com 60 libras e um let off de 65% teria uma potncia na corda em sua puxada total de meramente 21 libras.

Quanto maior for o let off mais fácil será segurar o arco, mas ao mesmo tempo aumenta a torção do arco. Por tanto se aconselha a nunca ter um let off acima de 70%.

Tamanho do arco:

Como regra geral se aceita um comprimento de no mínimo de 38 polegadas como ideal para a modalidade target. Arcos mais longos vão mão em mão com arqueiros que tem uma puxada maior, e com um brace height maior. E é exatamente o brace height que é o elemento mais relevante no arco, mesmo o comprimento do arco fazer um papel importante.

Do outro lado é aceito que arqueiros que tem uma puxada de 27 polegadas ou inferior atirar com arcos mais curtos (não necessariamente, mas podem).

Porque em tais casos o angulo da corda será o mesmo que com arqueiros que tem uma puxada maior atirando com arcos mais longos. Quanto maior for a puxada maior será o angulo da corda, isso é o angulo que a corda faz em relação as suas extremidades (ponta das laminas). Em caso de se usar um arco mais curto, se ganha mais velocidade que no caos de puxada mais curtas seria um benefício.

Quanto maior for a puxada maior será o tempo que a corda empurra a flecha. O mesmo vale para o brace height: quanto menor ele for maior será a distancia entre arco e puxada final isso aumentando o tempo em que a corda empurra a flecha que por sua vez aumenta a velocidade da flecha.

Qual o tamanho do arco?

Como regra geral se aceita um comprimento de no mínimo de 38 polegadas como ideal para a modalidade target. Arcos mais longos vão mão em mão com arqueiros que tem uma puxada maior, e com um brace height maior. E é exatamente o brace height que é o elemento mais relevante no arco, mesmo o comprimento do arco fazer um papel importante.

Do outro lado é aceito que arqueiros que tem uma puxada de 27 polegadas ou inferior atirar com arcos mais curtos (não necessariamente, mas podem). Porque em tais casos o angulo da corda será o mesmo que com arqueiros que tem uma puxada maior atirando com arcos mais longos. Quanto maior for a puxada maior será o angulo da corda, isso é o angulo que a corda faz em relação as suas extremidades (ponta das laminas). Em caso de se usar um arco mais curto, se ganha mais velocidade que no caos de puxada mais curtas seria um benefício.

Quanto maior for a puxada maior será o tempo que a corda empurra a flecha. O mesmo vale para o brace height: quanto menor ele for maior ´será a distancia entre arco e puxada final isso aumentando o tempo em que a corda empurra a flecha que por sua vezz aumenta a velocidade da flecha.

Qual peso se deve ter no arco?

Ideal é ter um arco iniciante onde se pode regulara e aumentar a libragem do arco assim se pode começar a treinar com poucas libras e pouco a pouco aumentar a libragem sem excede os 60 libras que é o máximo permitido em campeonatos.

A razão para tal é:

i) No composto normalmente a potencia é bem maior que no recurvo e no começo os músculos não estão preparados para puxar tal potencia, mesmo sendo o let off uma grande ajuda, o pico de potencia tem que ser superado na puxada e se tal for muito grande pode causar lesões graves.

ii) Em alguns modelos, quando se encurta a puxada nas roldanas o arco tende a perder potencia, se você comprou um arco já fraco demais e tem que diminuir o seu tamanho aí você não terá como substituir a perda de potencia e será obrigado a comprar um novo arco. Fora disso você sempre precisa de uma margem para cima e para baixo para acertar o seu arco.

Qual o tamanho da puxada?

O elemento mais importante que se deve observar quando se troca do recurvo para o composto é o tamanho da puxada.

DIFERENTE DO RECURVO, NO COMPOSTO PARA SE PODER ATIRAR BEM E CONSTANTE SE TEM QUE TER UMA PUXADA PREDETERMINADA. Puxando de manos ou demais a corda irá somente afetar a performance do arco. Um composto é regulado para uma puxada determinada, já no recurvo se regula o arco para uma potencia determinada.

No composto é importante que se ancore sempre no mesmo lugar, e a ênfase é no tamanho da puxada. e o seu ponto de ancoragem vai ser diferente quando você usa um gatilho do que quando usa os dedos, e mesmo sendo o ponto de ancoragem parecido a sua puxada no composto será menor do que no recurvo por aproximadamente meio a uma polegada.

No arco composto você deveria sempre ancorar numa distancia predeterminada e não puxe a corda até o ponto que o arco gostaria que você ancorasse.

E antes de comprar você deveria verificar a reputação do vendedor. caso você decida comprar um arco usado verifique se a marca ainda está no mercado e se á possibilidade de ter partes sobressalentes caso algo quebre no seu arco.

Medindo a puxada certo

Arco e Flecha

Como determinar a sua puxada

Você primeiro determina o ponto mais baixo do seu punho, que na figura acima está denominado pela seta vermelha que vai da corda te o punho. A esta medida você acrescenta 1,75 inch. E aí você tem a medida certa. O ponto do punho do seu arco mais distante da corda (onde a mão fica) normalmente está a altura do buraco primeiro buraco onde se prende o rest no punho.

Flechas e assessórios

Flechas: como escolher a certa, e seus assessórios

No mercado existem vários tipos de flechas, e flechas feitas dos mais diversos materiais.

Flechas feitas de:

1. madeira

2. Fibra de vidro

3. Alumínio

4. Carbono

5. Alumínio revestido de carbono

Quando você compra uma flecha numa loja, ela já vem com todas as especificações que nem peso (grains) e dureza (spine).

As flechas fabricadas sinteticamente que nem as de carbono e alumínio tem em sua superfície a especificação impressa.

Nas flechas de carbono quanto maior o numero mais mole é a flecha. O número (por exemplo ACE 720, ACC 500) significa o quanto a flecha se dobra sob uma certa pressão. Quanto maior o numero mais mole a flecha é.

No caso das flechas ACC tem dois números: o primeiro 3-04, ou 3L-18, ou 3-28: este número significa a espessura da flecha. Depois desse numero tem um segundo que é o spine 620, 540, 500, etc.

Nas flechas de alumínio temos números que nem 1914,2112,2412, etc. Estes números representam a espessura da flecha que por sua vez é idêntico á dureza, quanto mais espesso mais duro.

1. Flechas de madeira:

Esta flechas são usadas em escolinhas para iniciantes, em arcos tradicionais que nem os Long Bows, e em arcos nativos como os feitos pelos índios na Amazônia.

As flechas de madeira são, em comparação com os outros materiais, mais pesadas e portanto não indicadas para tiros de alta precisão. Esta flechas são ideais para arcos tradicionais, uma vez por serem de madeira, e depois, por seu vôo ser mais lento e devido ao peso o vôo tem uma parábola maior, se tem que mirar mais alto para alcançara um alvo mais distante, isso possibilita observar o trajetória da flecha.

As distancias oficias em campeonatos de Long Bow são de 50, 75 e 100 metros. E em tais campeonatos é obrigatório o uso de flechas de madeira.

As flechas de madeira são em regra feitas de cedro e feias do tronco da arvore.

Dependendo do arco e do seu valor histórico, também se pode usar flechas de bambo ou daquela erva que cresce a beira de rios. Na África tanto o arco como a flecha são feitas de galhos ou troncos de árvores. Lá se pega um tronco de uma arvore ainda pequena ou um galho mais grosso para fazer o arco que é enterrado por uma ano e depois devidamente seco e só depois ajeitado na sua forma final. As flechas são feitas de galhos finos.

Mas tanto antigamente (idade média) como hoje, na Europa as flechas foram e são feitas do tronco da árvore, pode ser cedro, castanheiro, aveleira ou outras espécies, o importante que a madeira seja flexível, e tenha fibras longas que percorrem toda a extensão da madeira (flecha).

2. Flechas de fibra de vidro:

São as flechas mais baratas , são relativamente pesadas, mas devido ao baixo preço e sua mais alta resistência á umidade e menor peso do que as flechas de madeira elas são mais viáveis como flechas para arcos de criança que estão atirando pela primeira vez.

Não se pode esperar alta qualidade deste tipo de flechas, seu objetivo é o baixo custa e não a qualidade.

3. flechas de alumínio:

Alumínio é um excelente material, muito durável e muito maleável. existem flechas de alumínio de altíssimo padrão no mercado. Estas flechas são muito usadas para caça, e para campeonatos indoor (em área fechada).

No indoor elas são usada por serem mais grossas e assim proporcionando uma pontuação maior. Já no caso de caça elas são apreciadas por não quebrarem e deixarem pedaços de carbono na carne da caça inviabilizando assim o consumo da mesma. Fora disso por serem mais grossas elas aceitam um insert de rosca que permite adaptar as pontas de caça usadas para caça.

As melhores flechas de alumínio são de altíssima qualidade e precisão, o único problema, por serem mais grossas do que as flechas de carbono, são pouco usadas em campeonatos outdoor onde a precisão é o essencial, isso devido ao fato, por serem mais grossas, serem mais afetadas por vento, chuva, etc.

Este tipo de flechas é também muito usado por arqueiros infantil e cadetes, que atiram no máximo 70 metros, até esta distancia elas são bem precisas, e usadas por crianças em fase de crescimento por serem bem mais acessíveis á flechas de carbono de igual qualidade.

Sua grande fraqueza é o próprio material, se não tomar cuidado elas podem amassar ou dobrar deixando-as inúteis existem grande diferença de qualidade de flecha para flecha. Atualmente as que eu mais recomendo são as da Easton, a cobalt ou X7.

4. flechas de carbono:

Existem várias qualidades de flechas, de médio preço, ideal para iniciantes, que nem a carbon flash da beman, até feitas para caça de alta qualidade, resistência e durabilidade.

Como podemos notar, em competições ao alvo outdoor as flechas mais simples são usadas por arqueiros intermediários como uma solução mais econômica do que as flechas de ponta (feitas e carbono com alumínio).

As flechas de carbono de alta qualidade são muito usadas em caça, atualmente o material se evoluiu a tal ponto que elas não mais quebram assim tão fácil inviabilizando a carne da caça. Atualmente são muito comuns pois elas não se dobram e nem se amassam que nem as flechas de alumínio.

5. flechas de carbono com alumínio:

Estas são as mais precisas e variam de 100 US$ até quase 400 US$.

Estas flechas são feitas de um tubo de alumínio revestido por uma camada de carbono. elas integram as duas características positivas de cada material eliminando os seus pontos fracos. O alumino dá uma grande precisão ás flechas, o carbono resistência evitando que ela amasse assim tão fácil. Juntando ambos componentes se pode criar flechas muito finas (assim pouco afetadas pelo vento e rápidas), e leves e precisas. Estas flechas são mais resistentes que as de alumínio ou carbono só, mais finas que os outros tipos de flechas, mais leves do que flechas de carbono e assim mais rápidas e mais precisas.

As melhores deste tipo são de forma parabolica. eu praticamente recomendo somente es da Easton.

Para Composto intermediário as ACC ou AC-Navigators, Para recurvo intermediário ACC se quiser economizar dinehiro, senão AC-navigator ou ACE, para proficionais a X10. Recurvo também pode atirar bem com a ACC, mas ela é um pouco mais espessa e mais pesada do que a ACE (por exemplo) e assim mais lenta no ar e mais afetada pelo vento, chuva etc. A grande vantagem da ACC é que ela é um flecha que perdoa erros e muito flexível.

Antes de mesmo escolhermos as felchas temos que saber mais um pouco sobre elas:

1. Spine, a dureza da flecha

Spine significa dureza da flecha. O que é que é dureza da flecha.

Dureza da flecha é o quanto ela entorta perante uma determinada força, potencia.

O que determina o valor da dureza da flecha Spine, é o quanto uma flecha dobra quando se bota um peso de 2 libras americanas no centro da flecha e se apóia a flecha a uma distancia de 26 polegadas. Tal medida é normalmente feita por um instrumento denominado de Medidor do Spine.

No caso de flechas de madeira é muito importante olhar a direção da fibra da madeira.

O Spine de uma flecha é importante devido ao que nos chamamos de o paradoxo do arco. Quando uma flecha e atirada por um arco recurvo, a flecha para poder voar tem que circundar o punho do arco, ela prticamente contorna o punho do arco, depois dá uma volta ao contrário e voa em direção ao alvo.

Se a flecha for dura demais, em relação á potencia do arco, ela não irá se dobrar o suficiente para contornar o arco apropriadamente e irá errar o alvo acertando mais á direita (par arqueiros destros).

Já se a flecha for mole demais em relação á potencia do arco, ela irá se dobrar demais e irá acertar o alvo á esquerda para arqueiros destros (em caso de arqueiros canhotos isso é o contrário).

Por isso uma flecha tem que ter a dureza certa para apetência do arco.

Agora a dureza de uma flecha vai varia conforme vários fatores:

1. Pontas:

Quanto mais pesadas elas forem , mais mole fica a flecha. Por que?

É bem simples, a ponta é em geral mais pesado do que a flecha e quando a flecha é atirada, a potencia e impulso da corda pressiona a flecha contra a ponta da mesma, por ser mais pesada ela é mais devagar (inércia) e assim a flecha é inicialmente comprimida entre corda e ponta, aumentando o peso da ponta isso vai fazer com que a flecha se comprime mais, isso fazendo com que e se dobre mais no começo de sua trajetória, que é o mesmo como se ela fosse mais mole.

Isso quer dizer, se temos duas flechas idênticas, mas uma com uma ponta de 30 Grains, e a outra com uma ponta de 125 Grains, a flecha com a ponta mais pesada fica mais mole se disparadas pelo mesmo arco com a mesma potencia.

2. Tamanho:

Quanto mais longa a flecha for, mais mole. Isso é bem óbvio. é muito mais fácil entortar um pedaço de madeira longo que um da mesma espessura curto.

O que temos que prestar tenção é que quanto mais longo for a flecha também mais pesado ela fica, e isso irá afetar a velocidade da flecha.

O mesmo vale para a potencia do arco, quanto maior for a potencia evidentemente se tem que ter uma flecha mais dura.

3. Penas e nock:

O tamanho da pena e o modelo do nock podem afetar no Spine da flecha. Se o nock aumentar o tamanho da flecha a flecha fica mais mole.

No caso das penas, penas maiores e mais pesadas aumentam a resistência da flecha ao ar, fazendo elas mais lentas, e isso deixa as flechas um pouco mais duras.

4. O Arco:

A eficiência do arco, ou melhor dito, a eficiência das laminas do arco. Se tivermos um long bow feito de uma só peca de madeira, um arco recurvo de lamina de madeira com fibra de vidro, um recurvo olímpico com laminas de ultima geração e um composto de alta velocidade, todos com a mesma potencia, não poderemos usar a mesma flecha para todos.

isso é devido a eficiência do material do arco. Mesmo tendo a mesma potencia, um long bow feito de um pedaço de madeira irá jogar uma flecha muito mais fraco do que um arco recurvo e este muito mais lento do que um arco composto.

Isso é devido ao fato que quanto mais tecnológico forem as laminas, mais energia elas conseguem acumular durante a puxada e assim transmitirem mais energia para flecha. Mais energia aculmulada faz com que a flecha se dobre mais, fazendo-a mais mole.

Um arco tipo long bow com 60 libras de potência tem a energia equivalente a um arco recurvo olímpico de 35 a 45 libras e um arco composto de 25 a 30 libras. Portanto o spine para o arco long bow teria que ser superior (mais mole) do que o spine da flecha para um arco recurvo. As flechas que eu tenho para o meu longbow de 60 librs são as mesmas que eu uso no composto de 45 libras.

5. A corda:

O tipo de corda afeta muito.

Uma corda Fast flight é 5 a 6 pés por segundo mais rápida do que a dracon. Fora disso a dracon ela é mais elástica, e isso age como um tipo de amortecedor para flecha. Isso faz ao mesmo tempo com que a corda de movimente mais devagar e passe menos da potencia das laminas para a flecha fazendo com que a flecha voe mais devagar e assim exigindo uma flecha mais mole (um spine mais alto).

A corda fast flight ela particamente não se estica e ao atirar ela é que nem um martelo em cima da flecha, exigindo uma flecha mais rígida do que no caso de ser usado uma corda feita do material dracon.

Para arcos de competições, composto, e olímpicos, ou para arcos de grande potencia long bows onde se quer usar flechas de alumínio se usa fst flight. A vantagem da fast flight é que ela não estica e é constante durante todo o tempo do campeonato. O problema é que ela exige laminas de qualidade.

A dracon é usada em arcos escola, laminas mais leves, arcos velhos, e em arcos de caça.

No caso de um long bow, se usar uma corda fast flight para determinar o spine da flecha você tem que acrescentar 15 libras de potencia em relação ao uso de uma corda dracon no caso de flechas de madeira, e no caso de flechas de aluminio, você acrescenta duas medidas da tabela.

Isso quer dizer: um longbow com flecha fast flight e 40 libras tem a mesma flecha de madeira que um longbow com corda dracon e 60 libras.

6. Outra variável é o estilo de tiro:

Como você segura o arco, isso pode aumentar a puxada ou diminuir, que evidentemente irá afetar o spine. uma puxada maior, aumenta a potencia que por si requer uma flecha mais dura ou mais longa, ou uma ponta mais pesada. dependendo como você segura o arco você pode aumentar a sua puxada em uma polegada. Uma polegada equivale a 2 libra de potencia num arco recurvo olímpico ou composto.

7. Outro fator é o formato do arco:

Um arco long bow que não tem janela, o centro do arco fica mais para fora assim obrigando a flecha a circundar mais o arco, isso requer uma flecha mais mole, e portanto um long bow sem janelarequer em regra uma medida superior de spine (flecha mais mole) do que um mesmo arco com janela onde o centro fica 1/2 do diâmetro da flecha além do centro real do arco.

7. Temperatura:

O clima afeta o tiro. Chuva na flecha faz com que ela fica mais pesada, assim fazendo ela mais mole. Num arco recurvo olímpico se tem o button que possibilita ajustar a pressão e a dureza da flecha, já num arco tradicional se tem ajustar a diferença com a mira (instintivamente). O mesmo acontece com umidade, em especial no caso de flechas de madeira. dia seco e ensolarado é ideal par o tiro, agora se o arco ficar demais no sol, o material fica mais mole, a corda se estica mais, e a potencia do arco diminui mudando assim o spine (a flecha fica mais dura).

8. Acessórios:

Tudo que adicionado ao arco, as laminas, á corda afeta a velocidade do mesmo e isso faz com que o arco tem menos momento, menos potencia.

Os limb savers (amortecedores nas laminas) afetam o desempenho das laminas, são um peso que tem que ser carregado e isso faz com que as laminas da mesma potencia joguem mais devagar e tendo em conseqüência menos inércia.

O mesmo acontece com o peep no composto, o nockpoint na corda ou silenciadores na cora, tudo são pesos que vão diminuir a velocidade da corda, e portanto exigir uma flecha mais mole.

Conclusão:

Em caso que você está incerto sobre qual dureza escolher, o melhor é errar em pegar uma flecha mais dura do que mole de mais. Se a flecha for mole demais, ela não irá oferecer suficiente resistência á pressão do arco quando for disparada podendo quebrar no ar e fazer com que as laminas do arco também se quebrem.

Para verificar se as flechas estão certas, você atira com 3 flechas empenadas e 2 sem penas á uma distancia de uns 10 a 15 metros, se as flechas estiverem certas todas elas estarão juntas no alvo. Se as flechas sem penas estiverem á direita elas estão duras demais, es estiverem a esquerda elas estão moles demais (isso para destro - canhoto o contrário).

Abaixo vai uma tabela para arcos de madeira, com um silenciador na corda, com uma aljava presa nas laminas e punho do arco (aljava de caça), para flechas de 28,5 polegadas (tamanho), penas de 5 polegadas, e pontas de 125 grains (peso), usando corda de dracon. Os valores para as flechas de madeira são para flechas de cedro.

Caso esteja usando Fast flight, você tem que ajustar a potencia de acordo.

Atirar com flechas de aluminio de uma long bow usando corda dracon não é muito recomendável porque, devido a elasticidade da corda dracon, você tem que usar flechas muito moles para que elas voem direito, e isso implica em flechas de alumínio muito leve que não tem suficiente massa para ajudar absorver a potencia do arco e assim todo a potencia do arco acaba indo para a sua mão que segura o arco.

Libragem
puxada de 28"
arco recurvo,

flecha de madeira

Recurvo
alumíno
Longbow
madeira
Longbow
alumínio
40 35/40 40/45 1813, 1816,1913 35/40 1716, 1813
45 40/45 45/50 1816, 1913,1916 40/45 1813, 1816
50 45/50 50/55 1913, 1916, 2013 45/50 1816, 1916
55 50/55 55/60 2013, 2016, 2018 50/55 1916, 2013
60 55/60 60/65 2016, 2018,2117 55/60 2013, 2016
65 60/65 65/70 2215,2117,2216 60/65 2016,2018

voltar 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 avançar
Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal