Facebook do Portal São Francisco
Google+
+ circle
Home  Flores  Voltar

Flores

 

Lírios

Lírios

Lírios

Lírios

Lírios

Lírios

Lírios

Lírios

Copo de Leite

Copo de Leite

Copo de Leite

Copo de Leite

Copo de Leite

Copo de Leite

Copo de Leite

Copo de Leite

Vasos para Flores

Vasos para Flores

Vasos para Flores

Vasos para Flores

Fonte: www.fotosdeflores.com.br

Flores

Dicas de Conservação

As Rosas

Não deixe as folhas inferiores dentro d´água.

Trocar diariamente a água e ao mesmo tempo cortar em diagonal 2 cm da base.

Borrifar sempre que possível as rosas e as folhas.

Deixar as rosas em lugar arejado, nunca na corrente de ar.

Se possível colocar 1/2 colher das de café de água sanitária em mais ou menos 1 litro d´água.

As flores do campo

Não deixe as folhas inferiores dentro d'água.

Trocar diariamente a água e ao mesmo tempo cortar em diagonal 2 cm da base.

Colocar o vaso com água em lugares arejados.

Se possível, colocar 1/2 colher das de café de água sanitária em mais ou menos 1 litro d'água.

Arranjo de corbeilles ou cesta de flores

Colocar o arranjo em lugares arejados.

A base desses arranjos é a espuma floral, deve ser molhada corretamente, ou adicionar um pouco de água diariamente.

Vasos plantados com flores

Colocar seus vasos floridos em lugares de bastante claridade, geralmente violetas, kalanchoes, prímulas, gloxínias, begônias, lírios... não toleram sol direto.

Não devem molhar as flores.

Molhe somente a terra dos vasos quando necessário, nunca molhar diariamente.

Nunca deixe água no prato, pois pode causar apodrecimento das raízes.

Elimine sempre as flores ou folhas secas.

Azaléa

Adora bastante claridade, porém, não deve deixar o vaso com sol direto, em média molha o vaso 2 vezes por semana no verão e uma vez por semana no inverno, nunca deixa água no prato, deixa a terra ligeiramente úmida, após a floração, pode deixar em ambiente externa ou interna ( deste que tenha bastante claridade)

Begônia

Adora bastante claridade, porém, não deve deixar o vaso com sol direto, em média molha o vaso 2 vezes por semana no verão e uma vez por semana no inverno, nunca deixa água no prato, deixa a terra ligeiramente úmida, após a floração, deve deixar em ambiente interna com bastante claridade.

Bromélia

Adora bastante claridade, porém, não deve deixar o vaso com sol direto, em média molhar por cima das folhas 2 vezes por semana no verão e uma vez por semana no inverno, nunca deixa água no prato, deixa a terra ligeiramente úmida, após a floração, pode deixar em ambiente externa ou interna ( deste que tenha bastante claridade).

Crisantemo

Adora bastante claridade, nunca deixa o vaso com sol direto, em média molha o vaso 2 vezes por semana no verão e uma vez por semana no inverno, nunca deixa água no prato, deixa a terra ligeiramente úmida, após a floração, pode deixar em ambiente externa ou interna ( deste que tenha bastante claridade) .

Gerbera

Adora bastante claridade, pode deixar o vaso com sol direto, em média molha o vaso 2 vezes por semana no verão e uma vez por semana no inverno, nunca deixa água no prato, deixa a terra ligeiramente úmida, após a floração, deve deixar o vaso na área externa.

Girassol

Adora bastante claridade, pode deixar o vaso em ambiente interna, em média molha o vaso 2 vezes por semana no verão e uma vez por semana no inverno, nunca deixa água no prato, deixa a terra ligeiramente úmida.

Kalanchoes

Adora claridade, pode deixar em ambiente interna e externa, irrigação modelada, planta bastante resistente.

Hortênsia

Adora bastante claridade, porém, não deve deixar o vaso com sol direto, em média molha o vaso 2 vezes por semana no verão e uma vez por semana no inverno, nunca deixa água no prato, deixa a terra ligeiramente úmida, após a floração, deve deixar em ambiente interna com claridade ou externo

Lírio

Adora bastante claridade, porém, não deve deixar o vaso com sol direto, em média molha o vaso 2 vezes por semana no verão e uma vez por semana no inverno, nunca deixa água no prato, deixa a terra ligeiramente úmida, após a floração, deve deixar em ambiente interna com bastante claridade

Orquídeas

Gostam de muita luz, mas não devem ficar diretamente expostas ao sol; a terra deve ser mantida moderadamente úmida, permitindo que sequem um pouco a cada rega; adaptam-se a ambientes internos e externos;

Tulipa

Gosta de muita luz, mas não deve ficar diretamente exposta ao sol; a terra deve ser mantida moderadamente úmida, permitindo que seque um pouco a cada rega; adapta-se melhor a ambientes internos.

Violetas

Gosta de muita luz, mas não deve ficar diretamente exposta ao sol, a terra deve ser mantida moderadamente úmida, permitindo que seque um pouco a cada rega; adapta-se melhor a ambientes internos.

Fonte: www.florasavassi.com.br

Flores

Conservar as flores

A durabilidade das flores

Se você recebeu flores, deve estar bem feliz e desejando prolongar ao máximo a alegria proporcionada pela beleza e perfume das flores.

As flores (especialmente as de "corte", utilizadas na confecção da maioria dos arranjos florais) são sempre muito sensíveis.

Há quem diga que as flores "duram apenas o tempo suficiente para se tornarem inesquecíveis"... Mas há algumas dicas básicas e simples para você conservar ao máximo o presente recebido, prolongando a vida das suas flores.

Tomando pequenos cuidados você será capaz de manter viva a alegria do presente recebido:

Como conservar suas flores

1: Não exponha as flores diretamente ao Sol. Pode haver exposição à luz, desde que indiretamente. Um local fresco e arejado é o ideal.

2: A água do vaso que receberá as flores deve ser bastante limpa. Pode ser usada água da rede pública, uma vez que o cloro não prejudica as flores. O Vaso também deve estar absolutamente limpo, como um copo que você usa. As flores são muito sensíveis a micro organismos e todo cuidado tomado com a higiene ajuda bastante na manutenção da beleza e do perfume das flores.

3: Nos arranjos montados em espuma floral (cestas, arranjos decorativos, etc), basta adicionar água o maior número de vezes possível por dia. A espuma absorve a água, e deve ser umidecida ao máximo, sem que no entanto transborde.

4: Para os buquês, as flores e folhagens devem ser arranjadas assim que possível em um vaso com água. Esta água deve ser trocada diariamente, se possível. Faça um corte no caule das flores, também diariamente. Este corte deve ser de aproximadamente 1 centímetro, na diagonal em relação ao sentido do caule (em cunha) e deve ser feito com o caule submerso. O corte feito ao ar livre, propicia a entrada direta de oxigênio no caule, o que acelera a decomposição das flores. Sugerimos que este corte seja feito dentro de um recipiente (uma bacia por exemplo), igualmente cheia de água limpa, cuidadosamente, com uma tesoura ou faca bem afiada.

5: Se você não for trocar a água do vaso diariamente, ao menos retire as folhas caídas na água. Estas folhas entram em rápida decomposição, criando bactérias que se infiltram nas flores, diminuindo e muito a vida útil das mesmas.

Fonte: www.uniflores.com.br

Flores

Significado

Acácia amarela - amor secreto

Acácia branca ou rosada - constância , elegância

Amor perfeito - meditação, recordações, reflexão

Azaléia branca - romance

Azaléia rosada - amor à natureza

Camélia branca - beleza perfeita

Camélia rosada - grandeza da alma

Camélia vermelha - reconhecimento

Cravo amarelo - desdém

Cravo branco - amor ardente, ingenuidade, talento

Cravo rosado - preferência

Cravo vermelho - amor vivo

Crisântemo amarelo - amor frágil

Crisântemo branco - verdade

Crisântemo vermelho - "eu amo"

Dália amarela - união recíproca

Dália rosada - delicadeza

Dália vermelha - olhos abrasadores

Girassol - dignidade, glória, paixão

Hortência - frieza, indiferença

Jasmim - amor, beleza delicada, graça

Lírio - casamento, doçura, inocência, majestade, pureza

Magnólia - amor à natureza, simpatia

Margarida - inocência, virgindade

Miosótis - amor sincero, fidelidade

Narciso - egoísmo, introvertia, vaidade

Orquídea - beleza, luxúria, perfeição, pureza espiritual

Papoula - fertilidade, ressurreição, sonho

Rosa amarela - ciúme, desconfiança, infidelidade, suspeita

Rosa branca - amor a Deus, pensamento abstrato, pureza, silêncio, virgindade

Rosa vermelha - admiração, caridade, casamento, desejo, espiritualidade,martírio, paixão

Sempre-viva - declaração de guerra, eternidade, imortalidade, permanência

Tulipa amarela - amor com esperança

Tulipa vermelha - declaração de amor

Violeta - lealdade, modéstia

As Rosas

As rosas têm um significado especial: representam o amor, as emoções, mas suas cores possuem significados especiais.

Confira:

Rosa (de qualquer cor) - "É sempre romântico e informa a presença do amor"

Rosa amarela - "Felicidade, Amizade" oferecer para mulheres mais jovens

Rosa rosa - "Amizade, Carinho", oferecer para mulheres mais jovens ou mais velhas

Rosa chá - "Respeito, Admiração" e pode ser oferecida a mulheres de mais idade

Rosa branca - "Pureza, Paz" oferecer para mulheres mais jovens

Rosa laranja - "Fascínio, Encanto" e pode ser oferecida a mulheres de mais idade

Rosa champagne - "Admiração, Reverência" para ser oferecida a mulheres de mais idade

Rosa vermelha - É um modo direto de dizer "Eu te amo" significando Amor, Paixão

As árvores

Uma informação interessante para os que desejam oferecer uma árvore aos amantes da natureza e que tenham um quintal para cultivar.

Veja abaixo algumas arvores e seu significado:

Ameixeira - Pequena árvore ornamental que dá frutos significa "Auxílio, Proteção, Beleza"

Bambu - Planta muito alta que transmite "Força, Equilíbrio e Crescimento"

Bananeira - Significa "Ligação, Fertilidade"

Cânfora - Uma planta com características medicinais, significa "Saúde"

Carvalho - De madeira usada para construção, siginifica "Força, Conhecimento e Longa vida"

Cerejeira - Com madeira usada na marcenaria de luxo, significa "Amor e Sabedoria"

Cipreste - Uma árvore exótica que representa "Segurança, Longa vida e Grandesa".

Coqueiro - Árvore que dá fruto comestível, significa "Proteção e Pureza"

Macieira - Árvore muito popular que produz a maçã, significa "Amor e Eternidade"

Mamoeiro - Àrvore com fruto muito apreciado o mamão, significa "Abrigo e Fartura"

Pereira - Árvore que dá excelentes frutos, significa "Vida longa"

Pessegueiro - felicidade, amizade e longevidade.

Pinheiro - Fornece madeira e polpa para celulose, siginifica " Vida Longa, Fartura"

Salgueiro - Árvore conhecida também como chorão, significa "Proteção, Boa Sorte"

Tangerineira - Árvore de origem da China, significa "Prosperidade, Bem-sucedido"

Etiqueta

Jantar

Depende do jantar. Se não for muito formal, como por exemplo, na casa de amigos, pode-se chegar com as flores. Prefira as de cores neutras, para não interferir na decoração preparada pela anfitriã. Nada de exageros, e lembre-se de não levar flores com perfume. Um perfume forte pode acabar interferindo no aroma da comida.

A segunda opção e que não falha, é mandar as flores no dia seguinte. Inclusive com a liberdade maior na escolha delas. Neste caso, lembre-se de não só agradecer o jantar como também elogiá-lo.

Almoço

Tanto quanto o jantar, o almoço pode ser formal ou mais descontraído. Por isso, as dicas acima também valem. Lembre-se que se o almoço for em algum restaurante o ideal é um pequeno arranjo, já que o buquê teria que ser acomodado em algum vaso e nem sempre há algum à disposição.

Hospital

O ideal são as flores coloridas, alegres, vibrantes, como a gérbera, que inclusive não dispersa pólen. Prefira as que não têm perfume. Para pessoas mais jovens pode-se abusar da mistura de cores. Esqueça o branco. Flores brancas acabam se "perdendo" no ambiente hospitalar, ficam um pouco diluídas como a "comida do hospital". O uso de bexigas e outros detalhes é bem vindo.

Maternidade

Aqui continua valendo a tradicional regrinha básica: para os meninos o azul, amarelo e branco. Flores como o delfino, hortência azul, agapanto, boca leão, e lírios. Para as meninas o rosa e branco, como o lírio cor de rosa, hortênsia e rosas. Arranjos e cestas com bichinho de pelúcia ficam muito simpático. Os buquêcirc;s não são recomendados. Geralmente não há vasos disponíveis para acomodá-los e causam um incômodo. Não se esqueça de cumprimentar a mãe pelo lindo bebê!

Começo de conquista

É uma situação muito interessante e dá um colorido todo especial à vida. Nestes casos as pessoas estão se conhecendo, se expondo, algumas mais cautelosas, outras mais explícitas. O recomendado é não começar com nada muito exagerado e não precisa ser vermelho (cuidado para não assustar), mas é interessante que seja perfumado (ele faz parte da lembrança), como lírio casa blanca, frésia, narciso, angélica. Rosas laranjas ou cor de rosa também são uma boa pedida. Aqui a dica é a continuidade: vá sentido o envolvimento e, à medida em que o relacionamento for ficando mais concreto, vá sendo mais pessoal nos cartões e nos arranjos, que tenderão para cores mais fortes, como o vermelho, que é o símbolo do amor.

Paixão arrebatadora

Porém se bateu aquela sensação do "é você e não tem mais nada nesse mundo", pule as etapas acima e mande logo um arranjo "caliente". Rosas colombianas dão bem o recado. Uma boa redação no cartão e pronto, sua parte está feita. Se na seqüência houver juras de amor eterno de ambos e terminar em casamento, não se esqueça que também fazemos decorações ...

Luto

Sua presença é o quanto basta. Se você não pode comparecer neste momento difícil, mande um pequeno e discreto arranjo de flores brancas ou um buquê. Ele deverá ser apenas o suporte de seu cartão. Lírios e rosas brancas são adequados.

Inauguração e casa nova

É uma nova etapa, momento de desejar sorte, saúde e proteção. Fica muito simpático arranjo que tenha algum dos seguintes elementos: trigo, alho, sal grosso, ou mesmo amuletos e fitas vermelhas. Os vasos plantados ajudam a colorir o astral desta nova fase. O vaso de sete ervas também é uma boa pedida. Dê preferência para flores que durem bastante, como o cimbídum e a farenópolis.

Homens

É certo mandar flor para homens? Claro que sim! Inclusive eles gostam muito de receber, apenas têm dificuldades em admitir. Dê preferência para os tons laranja, branco e amarelo. Girassóis, antúrios e algumas orquídeas são perfeitos. Um bonito arranjo para ser colocado na mesa do escritório, por exemplo, fica de muito bom tom. Vasos plantados também são recomendados, como por exemplo, as bromélias e o farenópolis.

Dicas de Conservação

Para conservar melhor suas flores, recomendamos algumas dicas:

Flor Plantada

Coloque-a em local fresco e iluminado, não mantenha a planta em lugares com exposição direta ao ar-condicionado. Lembrando que toda planta necessita de sol, pela manhã ou no final da tarde. Certifique-se diariamente do estado da terra, mantendo-a sempre úmida.

Flor Cortada

Mantenha a flor em locais frescos e com grande iluminação direta. Troque a água do vaso todos os dias. A cada troca é sempre aconselhável lavar o vaso para evitar bactérias que reduzem a vida da flor.

Arranjos Florais

Essencial manter o arranjo em local fresco e arejado, evitando o contato direto com o sol e o ar- condicionado. Umedeça diariamente o floral atentando sempre para não molhar as flores.

Dicas e Cuidados

Escolhendo a flor mais apropriada:

Cada vez mais, o hábito de enviar flores vem crescendo, pois além de ser um presente que demonstra e transmite sentimentos , as flores trazem a alegria de suas cores e a beleza para perto de quem as recebe. Hoje todos recebem e enviam flores sem os preconceitos de antigamente.

Crianças, mulheres, homens, idosos... sempre se surpreendem quando nossos entregadores batem a sua porta com um lindo arranjo e uma mensagem afetuosa de quem está longe ou mesmo de quem esta logo ali sempre presente no dia a dia.

Nossa experiência no mercado nos fez acreditar que paradigmas são derrubados cada vez mais facilmente, porém algumas regras de preferência e de escolha de flores para cada pessoa e ocasião ainda devem ser observadas.

Para facilitar sua escolha colocamos aqui as opções mais apropriadas para cada tipo de pessoa:

Criança

Procure enviar arranjos pequenos, coloridos com pelúcias e ou com bombons . Porém não há restrições na escolha de outros arranjos a seu gosto.

Mulheres

Se for o namorado ou esposo que está enviando as flores, escolha a cor da paixão (vermelho com certeza ), por que não um super buquê First Choice com 24 rosas, ou se você deseja algo mais simples envie o Preference buquê com 12 lindas rosas vermelhas. Caso você ainda não seja o namorado dela, seja mais sutil, escolha cores diferentes da do vermelho, rosa, amarelo ou champagne são excelentes cores para buquês de rosas ou então opte por uma cesta ou buquê de flores do campo coloridas . Com certeza da próxima vez você terá que mandar flores Vermelhas. Entretanto não há rigidez em escolher a flor preferida para mulheres elas adoram todas e você pode ficar bem à vontade em sua escolha.

Homens

Hoje em dia os homens vêem recebendo cada vez mais flores. A maioria sempre adora a surpresa, e depois fica contado aos amigos como quem diz, "hoje eu recebi um super buquê de flores, realmente ela gosta de mim".
No que diz respeito à escolha das flores você pode enviar quase todas porem evite cores como o Rosa e o Lilás, prefira cores tipo o laranja, o branco ou o amarelo. Escolha e dê preferência as flores como Lírios, Flores do Campo, Girassóis e Orquídeas plantadas .

Idosos

Vovós e Vovôs adoram receber flores. E a escolha mais acertada para ambos é as de flores e arranjos de tons suaves (chá, rosa, amarelo) ou de vasos de plantas que eles possam cuidar. Agora se os velhinhos são daqueles que estão sempre ativos e animadíssimos, pode enviar cores vibrantes que eles vão amar.

Casamentos e Noivados

Escolha o branco ou os tons pasteis com certeza. Um arranjo de Lírios brancos seria o mais ideal, porém arranjos em tons de vermelho ou um finíssimo arranjo em orquídeas também fica ótimo.

Inaugurações

O importante é enviar de preferência o arranjo mais durável. Os arranjos com flores tropicais ou um belo arranjo campestre com flores nobres seria a escolha mais apropriada. Se possível escolha arranjos de porte maior para que esse apareça bem, e enfeite o novo ambiente, chamando bastante atenção na vitrine ou na recepção da empresa recém inaugurada.

Nascimento

Os Novos papais vão adorar receber flores na maternidade, você pode escolher a vontade . Agora se você pretende enviar o arranjo de acordo com o sexo do Bebê, mande tons rosados ou pasteis para bebês meninas e tons azulados ou de amarelos para Bebês meninos. Se for possível envie uma linda Pelúcia acompanhando o arranjo.

Como Cuidar de Arranjos

Ao receber um arranjo floral, complete o compartimento de água imediatamente, usando sempre água fresca e limpa.

Mantenha seu arranjo sempre em local fresco, evitando exposição direta ao sol, ao vento e a ar condicionado e/ou aquecedores que ressecam o ambiente, diminuindo a vida das flores de seu arranjo.

Troque a água de seu arranjo por completo diariamente sempre usando água fresca e limpa, evitando proliferação de micro organismos.

Algumas flores são mais sensíveis que outras , por esse motivo é comum que algumas delas pereçam primeiro. Caso isso aconteça apenas remova cuidadosamente as flores murchas podando-as ou retirando-as do arranjo.

Como cuidar de Buquês

Ao receber um buquê de flores, corte o caule das flores delicadamente na diagonal, proximadamente 1 cm . de haste , arranque as folhagens que forem ficar submersas na água e coloque o buquê em um vaso ou compartimento com água fresca e limpa imediatamente. Mantenha o vaso com flores sempre em local fresco evitando exposição direta ao sol, ao vento e ao ar condicionado ou aquecedores que ressecam o ambiente, diminuindo a vida das flores.

Troque a água do vaso ou do compartimento com as flores por completo diariamente sempre usando água fresca e limpa, evitando a proliferação de micro organismos. O caule deve ser podado pelo menos de dois em dois dias seguindo a forma indicada acima.

Algumas flores são mais sensíveis que outras, por esse motivo é comum que algumas delas pereçam primeiro. Caso isso aconteça apenas remova cuidadosamente as flores murchas podando-as ou retirando-as do vaso.

Flores cortadas e buquê

Um belo buquê é um lindo presente e com certeza agrada muito. Assim, vamos repassar a você algumas dicas básicas para que você possa desfrutar de seu buquê por mais tempo:

A primeira orientação é, ao receber um buquê, cortar o caule das flores. Isto possibilita que elas possam rapidamente absorver mais água e conseqüentemente durar mais. Basta um corte de dois centímetros. Faça esta poda no caule a cada dois dias.

Depois coloque as flores em um vaso com água. Troque a água do vaso diariamente e mantenha o vaso com flores sempre em local fresco, evitando exposição direta ao sol e ao vento. A cada troca é sempre aconselhável lavar o vaso para evitar bactérias que reduzem a vida da flor.

Outra dica, tire as folhas que ficam submersas na água. Isto evita que elas apodreçam e estraguem as flores, além do mau cheiro que causa. Pra água não ficar turva, pingue um pouquinho de cândida na água.

Não se esqueça que algumas flores duram muito mais que outras. As que mais duram são o antúrio e o cimbídum. Saiba também respeitar a durabilidade das flores. Você deve ir tirando algumas eventuais pétalas que estão perdendo a beleza, mas não adianta querer que as flores durem eternamente. Elas expressam um sentimento e um momento. Lembre-se que a vida se renova.

Troque de água dia sim, dia não, lavando o vaso e mantendo cerca de 3 cm de nível de água.

Evite que as folhas das hastes entrem em contato com a água.Elas se deterioram e promovem a formação de bactérias nocivas às flores. Se necessário, remova a folhagem que submergir à água.

Corte a base das hastes para que não ocorra a obstrução dos poros que conduzem alimentos às flores. O corte deve ser inclinado com uma lâmina afiada (por ex.com um estilete).Evite o uso de tesouras, que causam danos à haste, impedindo a absorção de água.

As flores não devem ser expostas a temperaturas elevadas.

Se usar ar condicionado, coloque um copo com água para evitar a desidratação das mesmas.

Flores em arranjos florais

Diferente das flores frescas, os arranjos florais não precisam ser colocados em um compartimento assim que são recebidos. Os arranjos já possuem sua base, onde na maioria das vezes uma espuma floral mantém água fresca por um tempo determinado. Umedeça diariamente a referida esponja floral, atentando sempre para não molhar as flores.

É essencial também manter o arranjo em local fresco e arejado, evitando o contato direto com o sol e o ar- condicionado.
Este procedimento deve ser feito diariamente. Ambientes arejados e frescos ajudam a prolongar a vida das flores.

Atenção: Ambientes com ar condicionado secam demais os arranjos. Fornecer água às flores diariamente é fundamental para prolongar sua vida.

Flores plantadas em Espuma floral

Umedeça a espuma floral de fixação das hastes apenas completando a água absorvida pela mesma.

Não borrife as flores a fim de permitir a transpiração delas, além de evitar a formação de fungos e gás etileno.

Retire a flor que estiver danificada , isto preservará as demais flores do vaso.

Flores plantadas em vasos

Coloque o vaso em local fresco e iluminado. Lembrando que toda planta necessita de sol, pela manhã ou no final da tarde. Certifique-se diariamente do estado da terra, mantendo-a sempre úmida. Uma informação que nem sempre todos sabem: o ar condicionado murcha as flores com rapidez. Assim, se você estiver em um ambiente com ar condicionado, saiba que suas flores durarão menos.

Não mantenha a planta em lugares com exposição direta ao ar-condicionado, pois o ar condicionado murcha as flores com rapidez. Assim, se você estiver em um ambiente com ar condicionado, saiba que suas flores durarão menos.

A conservação do vaso depende muito da espécie. Como regra geral, as flores e plantas em vaso gostam de locais bem arejados, sem corrente de ar, com bastante claridade, porém nunca sob sol direto. A terra deve estar sempre úmida, mas não encharcada.

Exceções

Cactus e Suculentas: De preferência, deixe-os num local em que eles recebam luz direta do sol. Uma rega mensal supre as necessidades de água desta espécie. Se você for deixar num ambiente úmido ( banheiro, por exemplo) não precisa ser regado.

Orquídeas

Deixe-a num local iluminado indiretamente pelo sol ( no inverno, ela pode receber algumas horas de luz solar direta fraca). Por ser uma planta muito sensível, não deve ficar exposta a correntes de ar. Na época de floração umedecer um pouco a terra, uma vez por semana.

Bromélias

Deixe-a de preferência num ambiente com sombra e umidade. Se não estiver exposta a chuvas, precisa ser regada a cada 15 dias.

É através da água que haverá a absorção dos nutrientes pela flor.

Evite o seu excesso ou sua falta.Tocando a terra você saberá se o mesmo está úmido, e se precisará ou não de água.

Evite pratinhos com água, eles não permitem a oxigenação da flor devido ao afogamento da raiz.Evite que as flores sejam molhadas , este procedimento evitará a formação de fungos que apodrecerão as flores, se elas estiverem molhadas não transpirarão .Portanto nunca borrife flores.

Retire a flor que estiver danificada, isto preservará as demais, pois flores apodrecidas permitem a formação de um gás chamado Etileno, que contaminará as demais flores.

Fonte: www.ivonefloricultura.com.br

Flores

FLORES PLANTADAS

Informações Gerais

Rega

A quantidade de água que cada planta necessita é variável. O ideal é sempre molhar quando a terra estiver seca. Para verificar se a terra (ou substrato) está seco ou úmido utilize a ponta dos dedos. Em geral, molhar duas a três vezes por semana com pouca água de cada vez.

Importante

Não deixar acumular água no fundo do vaso.

Limpeza

Faça a limpeza freqüente das plantas retirando folhas e flores secas e/ou doentes, com o auxílio de uma tesoura.

Luz

Mantenha sua planta em local fresco e bem iluminado, evite exposição direta ao sol.

Cuidados especiais: Se possível, evite locais com ar condicionado e exposição próxima à lâmpada dicróica ou halógena.

FLORES DE CORTE, BUQUÊ E RAMALHETE

Cuidados iniciais

Ao receber as flores, retire a embalagem, corte 2 cm da base das hastes utilizando uma faca ou tesoura afiada, se possível embaixo da água, para facilitar a absorção da água.

Limpeza

Retire as folhas que ficarão submersas na água para evitar proliferação de bactérias. Com o passar do tempo, algumas flores e folhas podem murchar, retire-as com o auxílio de uma tesoura.

Manutenção

Substitua a água do vaso a cada 2 dias; lave o vaso a cada troca de água e proceda o corte da haste conforme descrito em cuidados iniciais. Não borrife água sobre as flores.

Luz

Mantenha suas flores em local fresco e bem iluminado, não exponha as flores diretamente ao sol.

Cuidados especiais

Se possível, evite locais com ar condicionado e exposição próxima à lâmpada dicróica ou halógena.

ARRANJOS EM BASE DE ESPUMA FLORAL

Conservação

Molhar diariamente o arranjo diretamente na base espuma floral, no mínimo 1 vez ao dia. Despeje a água lentamente, aguardando que a espuma absorva a água por completo. Não borrife água sobre as flores.

Luz

Mantenha suas flores em local fresco, não exponha o arranjo diretamente ao sol.

Limpeza

Com o passar do tempo, algumas flores e folhas podem murchar, retire-as com o auxílio de uma tesoura.

Cuidados especiais

Se possível, evite locais com ar condicionado e exposição próxima à lâmpada dicróica ou halógena.

BUQUÊS AGAPANTHUS (com uma bolsa de água)

Exclusividade

O buquê Agapanthus vem com uma bolsa em sua base, contendo água, conservantes e nutrientes para proporcionar maior durabilidade de suas flores; não sendo necessária sua colocação em vaso. O buquê fica em pé, sustentado pela bolsa d'água.

Conservação

Caso verifique que o volume de água diminuiu, complete o nível da mesma despejando água lentamente no centro do buquê. Não borrife água sobre as folhas.

Luz

Mantenha suas flores em local fresco; não exponha o arranjo diretamente ao sol.

Limpeza

Retire as flores e folhas murchas com o auxílio de uma tesoura.

Cuidados especiais

Se possível, evite locais com ar condicionado e exposição próxima à lâmpada dicróica ou halógena.

CACTOS

Origem

Regiões áridas das Américas.

Conservação

Acostumado a condições climáticas rigorosas, ele pede pouca água e um mínimo de adubo.

Mini cacto

Regar a cada 15 dias, (usar como medida uma tampa de caneta Bic) com uma medida de água para cada planta de cacto.

Cacto

Regar a cada 15 dias, molhar bem a base e deixar escorrer.

Luz

Mantenha o seu cacto em local de boa luminosidade e boa ventilação, de preferência escolha um local onde bata sol. (Evitar ambientes úmidos como cozinha e banheiro).

Adubação

Para adubar, basta substituir, uma vez por mês, a água da rega por outra misturada ao adubo para plantas verdes, na proporção indicada pelo fabricante.

BROMÉLIAS

Informações gerais

As bromélias são planta epífitas (apóiam-se em árvores mas não retiram nutrientes delas), na natureza dependem de chuva e orvalho forte a noite para obter água.

Rega

Molhar 1 a 2 vezes por semana, borrifando fartamente as folhas, pois a água borrifada nas folhas acaba indo para o copo da bromélia, sem necessariamente deixar acúmulo de água, evitando atrair insetos. Não deixar também acumular água no fundo do vaso.

Limpeza

Faça a limpeza freqüente das plantas retirando folhas secas e/ou doentes, com o auxílio de uma tesoura.

Luz

Mantenha sua bromélia em local fresco e com bastante claridade, porém evite exposição direta ao sol.

Cuidados especiais

Se possível, evite locais com ar condicionado e exposição próxima à lâmpada dicróica ou halógena.

ORQUÍDEA PHALAENÓPSIS

Origem: Indonésia e Filipinas, e como orquídea tropical prefere temperaturas entre 18 e 28 graus. Evite expor sua Phalaenópsis a geadas e ventos frios.

Histórico

A Phalaenópsis é uma planta epifhyta (epi = em cima + phyta = planta). Neste caso ela usa suas raízes grossas para segurar-se às cascas das árvores. A epiphyta é uma planta que se desenvolve sobre outra planta, usando-a como apoio. Não é uma parasita. Podemos observar que, quando plantada no tronco de uma árvore, suas raízes crescem para todos os lados; por esta razão é que parte das raízes da Phalaenópsis cultivada em vaso está sempre para fora.

Rega

A rega deve ser feita a cada 15 dias quando o vaso está bem leve. Depois de regar, retire o excesso de água para que as raízes não fiquem danificadas ou até mesmo venham a apodrecer.

Adubação

É recomendado adubar uma vez por mês, com adubo específico, conforme instrução do fabricante.

Luz

Colocar sua planta em local bem iluminado e bem ventilado, de preferência onde a planta possa receber o sol da manhã. Quando a planta está sem flores, é preferível deixá-la na área ou no jardim num lugar bem protegido do sol do meio-dia (por exemplo: debaixo de uma árvore).

Florada

Quando as flores murcharem, corte a haste deixando 20 cm na planta: pode sair outro cacho de flores na haste, ainda no mesmo ano. Também pode sair da planta, outra haste no próximo ano. Em seu habitat natural a Phalaenópsis floresce após a época do frio, quando é formado o botão. É por isto que o pico de florescimento ocorre no início da primavera.

Cuidados Especiais

Evite locais com ar condicionado e exposição à lâmpada dicróica ou halógena.

ORQUÍDEA CYMBIDIUM

Informações gerais

A maioria das orquídeas cymbídium se adapta melhor em regiões de clima frio.

Rega

A rega deve ser feita quando o substrato estiver seco. Em ambiente interno se possível, borrifar água nas folhas diariamente ( não molhar as flores). Não deixar acumular água no fundo do vaso.

Adubação

Quando planta começa a brotar é recomendado adubar uma vez por mês, com adubo orgânico.

Luz

Colocar sua Orquídea em local bem iluminado e bem arejado (evitar vento), de preferência onde a planta possa receber o sol da manhã. Quando a planta está sem flores, é preferível deixá-la na área ou no jardim num lugar protegido do sol do meio-dia (por exemplo: debaixo de uma árvore).

Floração

Algumas florescem no outono, mas a maioria dá flores no inverno e primavera.

Cuidados Especiais

Evite locais com ar condicionado e exposição à lâmpada dicróica ou halógena.

BONSAI

Informações gerais

A tradução literal da palavra bonsai, que é de origem japonesa, é "plantado na bandeja". Bonsai é a arte que consiste em manter uma planta por tempo indeterminado em um pequeno recipiente (vaso), controlando seu crescimento e forçando-a a crescer de maneira mais lenta e com o formato desejado, formato este que deve aparentar o mais próximo possível uma árvore perfeita na natureza (mini árvore). Bonsai é uma terapia, um hobby, um desafio, uma escultura viva! Uma ótima opção para presente! Os bonsais podem ser de árvores, arbustos, cedros, flores, frutíferas, trepadeiras, desde que formem troncos (madeira lenhosa). Para que seu bonsai continue uma miniatura bonita e saudável por muitos anos, ele necessitará dos seguintes cuidados...

Luz

As plantas usadas para bonsai são, na sua grande maioria, plantas de exterior e por isso necessitam de luz intensa e natural para sobreviverem. Há plantas que sobrevivem bem dentro de uma casa, perto de uma janela, mas certamente, tanto a planta como suas folhas cresceriam bem mais rápido do que se estivessem num local ventilado e sem cobertura (fora de casa). Além de crescerem aceleradamente estragando o seu bonsai, as plantas mantidas dentro de casa permanecem úmidas por muito mais tempo, ocorrendo assim o apodrecimento de suas raízes. Portanto, o local ideal para o bonsai é em local aberto onde a planta recebe luz e vento de todos os lados. Em locais semi cobertos, gire o vaso para que pegue luz em todos os lados. Muito cuidado há que se ter com o horário e a quantidade de sol direto que o bonsai deve receber. Lembramos que o sol direto sem proteção nos horários entre 10:00 h e 4:00 h pode ser fatal para o bonsai. Portanto, encontre um local em que seu bonsai possa ficar mais á sombra nos horários de sol intenso. No verão, o sol da tarde é muito forte e prejudicial para a maioria das plantas cultivadas em vasos. Nesta estação evite deixar o bonsai exposto ao sol forte ou cubra-o com tela de sombrite 50%( são vendidas em casa de produtos agropecuários ), isto para as plantas em locais que ficam expostas ao sol direto o dia todo. A falta de luz natural ( que não é o sol direto necessariamente ), a queima pelo sol forte direto e a permanência do bonsai em locais fechados e abafados estão entre as principais causas de morte de bonsais.

Rega

Ao regar a planta, deve-se molhar toda a área do vaso proporcionalmente. Utilize um regador de chuveirinho ou mangueira de esguicho fino (tipo chuveirinho). Regue com intervalos de alguns segundos para que a água possa penetrar até o fundo do vaso. No verão o bonsai deve ser molhado obrigatoriamente uma a duas vezes por dia e no inverno pode-se espaçar mais (de 2 em 2 dias). Ao regar, certifique-se que a água penetrou e vazou pelo orifício de drenagem. Em casos de viagens curtas (até uma semana), você pode deixar o bonsai dentro de uma bacia com água até a metade da altura do vaso até o retorno, evitando-se assim as regas diárias. Lembre-se quanto menor e mais raso o vaso do bonsai, mais regas por dia deverão ser feitas. Se houver falta de água por um longo período, mergulhe o bonsai em água por cerca de 5 min. Se tiver dificuldade nas regas devido ao endurecimento exagerado da terra do vaso, faça pequenos furos na superfície da terra para a água penetrar melhor. A falta de água é a principal causa de morte dos bonsais, portanto não economize água nas regas!

Ventilação

A boa ventilação seca rapidamente o solo, ajudando a controlar, indiretamente, o crescimento acelerado do bonsai, além de proteger a planta de certas pragas, como ácaros e fungos. Portanto, mantenha o seu bonsai a maior parte do tempo ao ar livre!

Limpeza

Uma vez por mês, retire com a mão as folhas mortas e secas de dentro do bonsai, e com uma tesoura faça a poda e elimine os ramos secos. Em seguida, para retirar todo o pó, sujeira e ácaros, lave com um esguicho de água.

Adubação

A maneira mais fácil e prática de fornecer nutrientes para seu bonsai é utilizar adubos líquidos npk que contenham todos os nutrientes essenciais (N, P, K, mais nutrientes ), na metade da dosagem proposta pelo fabricante e através das regas. EX. BIOFERT PLUS - dilua 2,5 ml em 1 litro de água e regue a cada 15 dias na primavera e outono, cada 20 dias no verão e cada 40 dias no inverno.

Pragas e doenças

Sugerimos que tenha em casa o inseticida DIMY PRONTO Spray e o fungicida CUPRODIMY. Pulverize a planta com estes produtos após efetuar a limpeza.

Poda, pinçagem e aramagem

Para manter a forma original do seu bonsai, procure pinçar com os dedos o excesso de brotações dos ramos (pinçagem), várias vezes ao ano. Uma vez por ano, no final do inverno ou início da primavera, você pode podar os galhos para diminuir o tamanho do bonsai ou modificar o seu formato (poda). Você pode ainda conduzir os galhos do seu BONSAI com arames. Para isso, enrole o arame, entorte os galhos e mantenha-o preso por 5 meses.

Replantio

Uma vez por ano, o BONSAI deve ser retirado do vaso no final do inverno ou início da primavera. Após isso utilizando-se de um garfo, desmanche a metade do torrão e pode com uma tesoura afiada cerca de 30% a 50% das raízes. Em seguida plante-o novamente da seguinte maneira: lave bem o vaso antigo ou escolha um vaso novo; coloque um pedaço de tela no orifício de drenagem e uma pequena camada de areia grossa ou pedriscos; no caso de cedros e pinheiros plante com uma mistura de 40% de areia grossa + 60% de terra preta com um pouco de húmus; para bonsais de arbustos, frutíferas e floríferas, plante com uma mistura de 20% a 30% de areia e 80% a 70% de terra preta com húmus; regue bem mantenha à sombra por 1 mês.

Seguindo esses cuidados, você terá um lindo bonsai para a vida toda! Boa sorte com seu bonsai!

VIOLETAS

Histórico

Descoberta em 1892 pelo pesquisador e barão alemão Walter Von Saint Paul, nas montanhas do nordeste da Tanzânia, a violeta-africana é hoje muito cultivada no Brasil. Os inúmeros processos de hibridação, realizados ao longo dos anos, resultaram em 18 espécies com cerca de 6 mil variedades!

Rega

O maior cuidado que se deve ter é evitar molhar as folhas da violeta, pois elas podem até apodrecer com a umidade. Se optar por fazer a rega por baixo, ou seja, colocando água apenas no pratinho, lembre-se de pelo menos uma vez por mês, fazer uma rega por cima para diminuir concentração de sais minerais no solo. Outro cuidado: as violetas detestam água clorada, portanto, para eliminar o cloro, ferva a água e deixe-a esfriar bem antes de usá-la na rega. Não deixe acumular água no fundo do vaso.

Luz

A violeta-africana precisa de muita luminosidade, mas não suporta sol direto. A luz solar filtrada pelo vidro de uma janela, por exemplo, e temperaturas em torno de 25 graus C formam o ambiente ideal para a planta. Se for colocar o vaso no parapeito da janela, uma boa dica para garantir o crescimento simétrico da violeta é ir virando o vaso, semanalmente, obedecendo sempre o mesmo sentido.

Adubação

Existem fertilizantes químicos (com fórmula NPK) específicos para as violetas, encontrados nas lojas especializadas em produtos para jardinagem. É recomendável, porém, variar essa adubação periodicamente, alternando com algum fertilizante orgânico, como farinha de ossos e húmus, para garantir uma floração abundante e sadia.

Limpeza

Faça a limpeza freqüente das violetas retirando folhas e flores secas e/ou doentes, com o auxílio de uma tesoura.

Cuidados especiais

Se possível, evite locais com ar condicionado e exposição próxima à lâmpada dicróica ou halógena.

Fonte: www.ceicaflores.com.br

Flores

Dicas de Conservação

Para conservar melhor suas flores, algumas dicas:

Flores cortadas e bouquet

Um belo bouquet é um lindo presente e com certeza agrada muito. Assim, vamos repassar a você algumas dicas básicas para que você possa desfrutar de seu bouquet por mais tempo.

A primeira orientação é, ao receber um bouquet, cortar o caule das flores. Isto possibilita que elas possam rapidamente absorver mais água e conseqüentemente durar mais. Basta um corte de dois centímetros. Faça esta poda no caule a cada dois dias.

Depois coloque as flores em um vaso com água. Troque a água do vaso diariamente e mantenha o vaso com flores sempre em local fresco, evitando exposição direta ao sol e ao vento. A cada troca é sempre aconselhável lavar o vaso para evitar bactérias que reduzem a vida da flor.

Outra dica, tire as folhas que ficam submersas na água. Isto evita que elas apodreçam e estraguem as flores, além do mau cheiro que causa.

Pra água não ficar turva, pingue um pouquinho de cândida na água.

Não se esqueça que algumas flores duram muito mais que outras. As que mais duram são o antúrio e o cimbídum. Saiba também respeitar a durabilidade das flores. Você deve ir tirando algumas eventuais pétalas que estão perdendo a beleza, mas não adianta querer que as flores durem eternamente. Elas expressam um sentimento e um momento. Lembre-se que a vida se renova.

Troque de água dia sim, dia não, lavando o vaso e mantendo cerca de 3 cm de nível de água.

Evite que as folhas das hastes entrem em contato com a água.Elas se deterioram e promovem a formação de bactérias nocivas às flores. Se necessário, remova a folhagem que submergir à água.

Corte a base das hastes para que não ocorra a obstrução dos poros que conduzem alimentos às flores. O corte deve ser inclinado com uma lâmina afiada (por ex.com um estilete).Evite o uso de tesouras, que causam danos à haste, impedindo a absorção de água.

As flores não devem ser expostas a temperaturas elevadas.

Se usar ar condicionado, coloque um copo com água para evitar a desidratação das mesmas.

Flores em arranjos florais

Diferente das flores frescas, os arranjos florais não precisam ser colocados em um compartimento assim que são recebidos. Os arranjos já possuem sua base, onde na maioria das vezes uma espuma floral mantém água fresca por um tempo determinado. Umedeça diariamente a referida esponja floral, atentando sempre para não molhar as flores.

É essencial também manter o arranjo em local fresco e arejado, evitando o contato direto com o sol e o ar- condicionado.

Este procedimento deve ser feito diariamente. Ambientes arejados e frescos ajudam a prolongar a vida das flores.

Atenção

Ambientes com ar condicionado secam demais os arranjos. Fornecer água às flores diariamente é fundamental para prolongar sua vida.

Flores plantadas em Espuma floral

Umedeça a espuma floral de fixação das hastes apenas completando a água absorvida pela mesma.

Não borrife as flores a fim de permirtir a transpiração delas, além de evitar a formação de fungos e gás etileno.

Retire a flor que estiver danificada , isto preservará as demais flores do vaso.

Flores plantadas em vasos

Coloque o vaso em local fresco e iluminado. Lembrando que toda planta necessita de sol, pela manhã ou no final da tarde. Certifique-se diariamente do estado da terra, mantendo-a sempre úmida. Uma informação que nem sempre todos sabem: o ar condicionado murcha as flores com rapidez. Assim, se você estiver em um ambiente com ar condicionado, saiba que suas flores durarão menos.

Não mantenha a planta em lugares com exposição direta ao ar-condicionado, pois o ar condicionado murcha as flores com rapidez. Assim, se você estiver em um ambiente com ar condicionado, saiba que suas flores durarão menos.

A conservação do vaso depende muito da espécie. Como regra geral, as flores e plantas em vaso gostam de locais bem arejados, sem corrente de ar, com bastante claridade, porém nunca sob sol direto. A terra deve estar sempre úmida, mas não encharcada.

Exceções

Cactus e Suculentas: De preferência, deixe-os num local em que eles recebam luz direta do sol. Uma rega mensal supre as necessidades de água desta espécie. Se você for deixar num ambiente úmido ( banheiro, por exemplo) não precisa ser regado.

Orquídeas: Deixe-a num local iluminado indiretamente pelo sol ( no inverno, ela pode receber algumas horas de luz solar direta fraca). Por ser uma planta muito sensível, não deve ficar exposta a correntes de ar. Na época de floração umidecer um pouco a terra, uma vez por semana.

Bromélias: Deixe-a de preferência num ambiente com sombra e umidade. Se não estiver exposta a chuvas, precisa ser regada a cada 15 dias.

É através da água que haverá a absorção dos nutrientes pela flor.

Evite o seu excesso ou sua falta.Tocando a terra você saberá se o mesmo está úmido, e se precisará ou não de água.

Evite pratinhos com água, eles não permitem a oxigenação da flor devido ao afogamento da raiz.Evite que as flores sejam molhadas , este procedimento evitará a formação de fungos que apodrecerão as flores, se elas estiverem molhadas não transpirarão .Portanto nunca borrife flores.

Retire a flor que estiver danificada, isto preservará as demais, pois flores apodrecidas permitem a formação degás chamado Etileno , que contaminatá as demais flores.

Fonte: www.bellaflorfloripa.com.br

Flores

Como conservar as flores recebidas de presente

Flores

As flores recebidas como presente são capazes de proporcionar momentos de muita alegria, além de outros bons sentimentos, no momento em que se é presenteado. As flores podem ter seu efeito prolongado, através de cuidados adequados para sua conservação, de forma que sua beleza, cores e perfumes permaneçam durante o maior tempo possível vivos. As flores de corte, em especial, são muito sensíveis e necessitam de alguma atenção para se manterem belas nos buquês, arranjos e decorações. Embora seja costume dizer que as flores nunca duram menos que o suficiente para se tornarem inesquecíveis, algumas orientações básicas devem ser seguidas para que o estimado presente tenha sua existência prolongada.

No caso de flores cortadas, é sugerido que, ao serem entregues, recebam um corte diagonal, com cerca de dois centímetros, partindo da extremidade do caule, e que as folhas inferiores, que ficariam dentro da água, sejam também cortadas e retiradas do caule. Para isso deve ser usada uma boa tesoura afiada. A água que vai receber as flores deve ser enriquecida com nutrientes florais e o vaso deve ser mantido em posições frescas, nas quais possam receber bastante iluminação indireta, nunca em exposição direta ao sol, ar-condicionado ou aquecedores. As regas devem ser diárias, sendo que toda vez que se troca a água é aconselhável lavar o vaso que estão as flores, evitando bactérias e fungos, e fazer novo corte na extremidade dos caules das flores , dessa vez cortando apenas um centímetro, preferencialmente com o caule submerso, de maneira que ele absorva mais água e não entre ar nele.

As flores flordas geralmente requerem um pouco mais de exposição ao sol, sendo recomendado que passem algumas horas, no período da manhã ou no final do dia em locais abertos, bem iluminados e frescos. Ao regar as flores, geralmente é aconselhável fazer com que permaneçam sempre úmidas, verificando diariamente a condição do solo, que deve ser permeável, permitindo que os excessos não se acumulem e nunca deixem as raízes submersas na água. A maioria das flores não gosta do contato de suas flores e folhas com essa água de rega, no que deve ser molhada diretamente nas raízes.

Para a conservação de arranjos de flores, é indispensável uma iluminação indireta abundante, em lugar fresco e sem contato direto com raios solares, além de regas diárias, sem excessos e sem permitir que as flores e folhas recebam respingos de água.

Fonte: Flores-Guia

As flores encantam o ser humano e deixam a casa com um aspecto alegre e agradável.

Como conservar um buquê

Bouquet

Antes de colocar as flores na água, retire das hastes as folhas inferiores que possam ficar em contato com a água do vaso.

Corte 2 cm da base da haste em diagonal. Os cortes devem ser feitos assim que receber as flores e a cada troca de água. Utilize uma tesoura de poda ou estilete bem afiados, para não provocar o esmagamento dos canais de absorção da haste floral. É melhor que esses cortes sejam feitos com a parte da haste a ser cortada dentro da água, evitando assim que se formem bolhas de ar nos canais de absorção.

Sempre utilize água fresca e troque-a diariamente.

É aconselhável utilizar produtos conservantes ou hidratantes na água (encontrados nas lojas de produtos e acessórios para flores e plantas).

O vaso deve ser mantido sempre limpo e em local fresco e arejado.

Como conservar arranjos

Arranjos de Flores

Mantenha o arranjo em um local arejado evitando ar condicionado, exposição direta ao sol, aquecedores ou ventos fortes.Dicas de conservação de plantas e flores3

As flores e folhagens são espetados normalmente em espuma floral, o que prolonga a vida da flor. Mesmo assim, diferentes flores não possuem a mesma durabilidade. As que forem murchando primeiro devem ser cuidadosamente retiradas para que não prejudiquem a duração das outras.

A espuma floral deve ser molhada constantemente.

Rosas e folhagens verdes gostam de ser borrifadas com água, outras flores não devem ser borrifadas.

Como conservar plantas em vasos

Vasos de Flores

Cada planta tem uma necessidade diferente: rega, luminosidade, adubo e pulverização... contudo todas devem ter algumas necessidades básicas atendidas para sobreviverem.

Procure em lojas de jardinagem adubos apropriados para a planta recebida. Normalmente o adubo deve ser posto uma vez por mês.

Não molhe as flores quando for pulverizar a planta.Dicas de conservação de plantas e flores4

Evite acúmulo de água no pratinho, isto pode causar apodrecimento das raízes e morte das plantas. O ideal é colocar areia no pratinho, para evitar a entrada da larva do mosquito da dengue.

Faça a limpeza constante das plantas retirando folhas velhas, secas e doentes.

Nunca encharque a terra ou substrato da planta, é preferível um maior número de regas com menor quantidade de água a poucas regas com abundância de água.

Para saber se está na hora de molhar, coloque o dedo no substrato da planta pressionando-o. Se o dedo ficar sujo com partículas aderindo não precisa molhar. Se o dedo ficar praticamente limpo, apenas com uma poeira seca, é hora de regar.

Fonte: www.destaquesp.com

Flores

O Prazer de Decorar a Casa

Decorar a sua própria casa é uma tarefa que oferece prazer a qualquer pessoa, já que em cada recanto coloca um pouco de si mesma e do seu estilo pessoal. Conheça pequenas dicas que a vão ajudar a decorar melhor!

Quando olhamos à volta de nós mesmos e reconhecemos o nosso toque pessoal em cada objeto, é sempre uma sensação de prazer, quase de orgulho. Ao olhar para cada recanto da sua casa, certamente fica vaidosa quando repara que tudo o que a envolve teve um toque seu, fruto do seu gosto pessoal. Decorar uma casa que é nossa, ainda que esta já não seja a primeira, é sempre um prazer para os seus proprietários. Você é a sua própria decoradora, cria o estilo, revoluciona texturas, objetos e plantas, em prol do seu conforto e bem estar.

Ainda que a decoração de cada lar deva estar de acordo com o seu gosto pessoal, existem pequenas regras que devem ser respeitadas. É importante combinar cores, texturas, padrões, mas também não caia no erro de querer combinar tudo até ao mais ínfimo pormenor. Deve permitir que a sua casa tenha um pouco de espontaneidade, alguma excentricidade, paixão e muito carinho. O primeiro aspecto a ter em conta é a luz: uma casa escura não oferece o mínimo aconchego, mas a luz em demasia também não produz um resultado muito positivo. Aprenda a dosear as coisas e a sentir-se bem na decoração que você realizou, pois o que é mais importante é o seu bem estar.

Uma casa demasiadamente cheia não fica bem. Convém que você e as pessoas que habitam a casa, bem como as que a frequentam, tenham espaço para se movimentarem. Não é correto as pessoas andarem a bater em todos os objetos da casa para conseguirem passar para outra divisão, não concorda? Atenção à forma como coloca os objetos! Se tem crianças pequenas aconselhamo-la a não ter ao alcance deles objetos que possam partir com facilidade. Além de ser uma despesa acrescida, ainda há o perigo de eles as poderem magoar.

Um ambiente requintado implica a presença de tudo um pouco, desde carpetes, peças de arte, quadros, plantas, quer sejam artificiais ou verdadeiras, conferindo muita alegria ao lar. No entanto, aposte na qualidade e não tanto na quantidade! O ambiente da sua casa deve ser alegre e descontraído, por isso recorra a cores mais claras e neutras e dispense o excesso de texturas, padrões e cores escuras, que acabam por atribuir um ar triste à casa.

As flores são sempre importantes na decoração de qualquer casa, mas também não exagere. Você vive numa casa e não num jardim! Além das flores naturais, as flores secas têm vindo a ser muito usadas na decoração. Não necessitam de tantos cuidados, e existem para todos os gostos e estilos. Pequenas, imponentes, em jarra, cesto, ou num vaso, as flores transportam-na para um ambiente de calma e harmonia constante. Se optar por flores naturais certifique-se de que lhes está a dar todos os cuidados que elas necessitam. Flores manchadas ou deterioradas nas pontas, dão um péssimo aspecto. Se acha que não consegue mantê-las em bom estado, opte pelas flores artificias/secas.

Um estilo mais moderno, antigo, barroco, ou até mesmo uma mistura de diversos estilos, pode ser uma excelente opção desde que se cumpram as regras do bom gosto e da decoração. Deixamos os pormenores para si, pois confiamos no seu bom gosto! Além do mais, compete-lhe a si encontrar o melhor bem estar possível para o seu lar. O importante é que se sinta bem e confortável!

Fonte: www.mulherportuguesa.com

Flores

AS FLORES DA ESTAÇÃO

A maioria das flores é encontrada durante o ano inteiro, o que muda é a quantidade e, consequentemente, o preço, por isso, escolha de acordo com a época mais abundante:

JANEIRO

Antúrio, áster, boca de leão, cáspia, delfino, orquídeas principalmente a catléia, cravina, llisiantus;

FEVEREIRO

Angélica, áster, cáspia, delfino, gladíolo, orquídeas;

MARÇO

Angélica, delfino, gipsófila ou mosquitinho, margarida e orquídeas;

ABRIL

Angélica, gipsófila ou mosquitinho, gladíolo, strelitza, rosa;

MAIO

Áster, cravina, cravo, crisântemo, gipsófila ou mosquitinho, gladíolo, narciso, orquídeas catléia, cimbídio, etc., rosa, strelitza, tango, tulipa;

JUNHO

Angélica, áster, cravina, cravo, crisântemo, gipsófila ou mosquitinho, gladíolo, narciso, orquídeas catléia, cimbídio, etc., rosa, strelitza, tango, tulipa;

JULHO

Angélica, gipsófila ou mosquitinho, goivo, orquídeas, tango, tulipa;

AGOSTO

Copo de leite, estátice, frésia, girassol, goivo, iris, narciso, oncidium, tulipa;

SETEMBRO

Copo de leite, crisântemo, delfino, estátice, frésia, gérbera, gipsófila ou mosquitinho, girassol, gladíolo, goivo, iris, narciso, oncidium, rosa, strelitza, tulipa;

OUTUBRO

Agapanto, áster, copo de leite, dália, delfino, estátice, frésia, gérbera, gladíolo, girassol, lírio branco, rosa, tango, strelitza, tulipa;

NOVEMBRO

Antúrio, áster, boca de leão, cáspia, copo de leite, crisântemo, dália, delfino, gérbera, gipsófila ou mosquitinho, girasssol, lisiantus, rosa, tango;

DEZEMBRO

Antúrio, áster, boca de leão, cáspia, copo de leite, cravina, crisântemo, dália, delfino, gérbera, gipsófila ou mosquitinho, girasssol, lisiantus, rosa, tango;

As flores mais perfumadas

Jasmim, lírio branco, lírio star gaze, gardênia, frésia, lavanda, narciso, flor de laranjeira.

Todas as Flores do Mundo

Tipos

Rosas

Rosas

Rosas

Rosas

Rosas

Rosas

Rosas

Rosas

Tulipas

Tulipas

Tulipas

Tulipas

Tulipas

Dicas de Conservação

Receber flores envolve momentos e sensações especiais. Resumimos nesta página alguns cuidados básicos para conservação, aumentando assim a vida útil de suas flores. Caso tenha mais dúvidas ou sugestões relacionadas a este tema, envie-nos seu comentário.

Cuidados Básicos

Ambientes arejados e frescos ajudam a prolongar a vida das flores.

Não exponha flores diretamente ao sol e ao vento (pode haver exposição à luz, desde que indiretamente).

Flores expostas ao ar condicionado se desidratam rapidamente e duram menos.
A água e o vaso que receberão as flores devem ser limpos - as flores são muito sensíveis à micro organismos.

Algumas flores duram menos que outras. Neste caso retire as pétalas ou flores que forem perdendo sua beleza.

Buquês e Flores de Corte

Buquês e Flores de Corte

Ao receber um buquê, faça um corte diagonal no caule das flores de aproximadamente dois centímetros. Repita diariamente. Isso possibilita que elas possam absorver mais água rapidamente e durar mais.

Coloque as flores em um vaso com água (o caule deve ficar 5 centímetros submerso). Troque a água do vaso diariamente e mantenha o vaso com flores sempre em local fresco, evitando exposição direta ao sol e ao vento.

Nunca deixe folhas dentro da água, isto evita que elas apodreçam e estraguem as flores, além do mau cheiro que podem causar.

Arranjos Florais

Arranjos Florais

Diferente das flores frescas, os arranjos florais não precisam ser colocados em um vaso assim que recebidos. Os arranjos já possuem sua base, onde na maioria das vezes uma espuma floral mantém água fresca por um tempo determinado. Neste caso, assim que receber o arranjo, coloque-o em um ambiente fresco e arejado e adicione água fresca diariamente (tome cuidado para não colocar água sobre as flores).

Rosas, hortênsias e folhagens verdes gostam de ser borrifadas com água, outras flores não devem ser borrifadas.

Flores Plantadas em Vasos

Flores Plantadas em Vasos

Cada planta tem necessidades diferentes de rega, luminosidade, adubo e pulverização, no entanto todas devem contar com algumas condições básicas para sobreviverem.

Como regra geral, as flores e plantas em vaso gostam de locais bem arejados, sem corrente de ar, com bastante claridade, porém nunca sob sol direto Certifique-se diariamente do estado da terra, mantendo-a sempre úmida (mas, não encharcada). Tocando a terra você saberá se ela está úmida, e se precisará ou não de água.

Procure em lojas de jardinagem adubos apropriados para sua planta. Normalmente o adubo deve ser posto uma vez por mês; Não molhe as flores quando for pulverizar a planta;

Evite acúmulo de água no pratinho, isto pode causar apodrecimento das raízes, morte das plantas,e desenvolvimento do mosquito da dengue.

Flores Preservadas

Flores Preservadas

Flores Preservadas são flores frescas que foram tratadas através de processo químico único para manter seu aspecto e toque naturais por muito tempo.

Não adicione água em vasos com flores preservadas. Ao contrario das flores frescas, elas se conservam muito bem em ambientes com ar condicionado e seco. Não devem ser expostas diretamente ao Sol. O ambiente ideal para sua conservação é de 60 a 80% de umidade, o que corresponde à média do interior das casas brasileiras.

Fonte: www.floresonline.com.br

Flores

Como Fazer Arranjos com Flores Secas

Arranjos feitos com flores secas são bastante duráveis e dão um toque diferente à decoração da casa. Você pode confeccionar esses arranjos usando as plantas de seu próprio jardim.

Flores como mosquitinho, sempre-viva, perpétua-rosa e agerato são muito adequadas aos métodos tradicionais de secagem. Para isso, colha-as quando atingirem a tonalidade definitiva, antes que abram completamente. Forme pequenos maços, amarrando as hastes com fita plástica ou arame flexível. Em seguida, dependure as flores de cabeça para baixo, num varal esticado no interior de um armário escuro. As flores estarão prontas para o uso num período de 2 e 3 semanas.

Flores mais delicadas, como rosas, crisântemos e zínias, devem ser secas com ajuda de algo que absorva o excesso de água de suas pétalas. Uma opção é a sílica gel (pequenos cristais azuis que ficam rosados depois de absorverem umidade), capaz de absorver até 40% de seu peso em água. Essa substância tem a vantagem de ser reaproveitável - basta secá-la no forno e observar quando os cristais voltarem a ficar azuis.

Para secar flores com sílica, corte suas hastes deixando aproximadamente 2 cm de caule. Coloque-as em uma lata bem fechada que tenha o fundo coberto com uma camada de 1 cm de sílica gel. Coloque mais sílica até cobrir as flores. Lacre a lata com fita adesiva e espere de 4 a 7 dias. Ao retirá-las, sacuda-as para tirar o pó que estará sobre as pétalas. Em seguida, é só providenciar hastes de arame para as flores.

O bórax também é um agente secante eficaz. Use uma proporção de 1 parte de bórax para 4 partes de areia ou de fubá e 1 colher (sopa) de sal para cada 250 ml dessa mistura, levando-a ao sol para secar. Você pode usá-la da mesma maneira que a sílica gel, porém o processo será um pouco mais demorado.

Ikebana

Bastante difundida no Brasil, a ikebana é a arte japonesa da confecção de arranjos com flores vivas. Sua origem é de cunho religioso e, ao longo dos tempos, seu cultivo passou também pelo gosto da nobreza e dos artistas da corte japonesa.Cada tipo de arranjo de ikebana tem um nome específico: moribana, nagerie, shoka, jiyuka, guendai-bana, zen-eibana...

A seguir, um passo-a-passo para a montagem de seu próprio arranjo de ikebana em estilo jiyuka. É necessário que o vaso tenha em seu interior um kenzan (suporte de chumbo com pequenos pregos), para dar sustentação às plantas.

Plantas utilizadas: jasmim amarelo (galhos); crisântemos, branquinhas, palmas vermelhas (flores); capim palmeira (folhas).

1) Retire as folhas de quatro galhos longos de jasmim amarelo (que formarão o ramo principal). Conserve apenas as folhas das pontas.

2) Selecione três folhas de capim palmeira para ser a face do arranjo. Corte-as na seguinte proporção:

Apenas a ponta da primeira;
A segunda com 2/3 do tamanho da primeira;
A terceira com 1/3 do tamanho da primeira.

3) Corte as pontas das hastes das folhas dentro da água do vaso, para que durem mais tempo.

4) Fixe no kenzan, que deve estar coberto com água, a folha mais alta e, junto dela, inclinada para a lateral, a folha de tamanho médio.

5) Coloque a folha menor bem na frente, mostrando a face que será a principal do arranjo.

6) Coloque os galhos bem junto à face das folhas, direcionando-os para que fiquem laterais a elas e levemente curvados.

7) Se necessário, pode novamente as pontas dos galhos para que eles não fiquem pesados.

8) Fixe duas palmas vermelhas, de alturas diferentes, atrás da folha menor.

9) Fixe alguns crisântemos inclinados para a frente do arranjo (sem, no entanto, atrapalhar a visão da face principal, que é a folha menor).

10) Junte algumas branquinhas e corte suas hastes a uns 6 cm das flores. Enrole um arame fino em torno delas para mantê-las em maço.

Prepare outro macinho de flores, menor que o primeiro, e coloque-o no lado contrário do outro, completando o arranjo.

Fonte: www.mulherdeclasse.com.br

Flores

Flores Artificiais

Casa florida o ano inteiro

Flores artificiais é a solução para quem quer a casa impecável

Flores Artificiais

Casa florida, colorida e bem cuidada, são caprichos que todas as pessoas gostam de ter. Além de trazer vida, as flores são objetos perfeitos na composição da decoração. Mas eis os problemas: muitas vezes as flores duram menos de uma semana, depois ficam murchas e logo precisam ser trocadas. Sem falar que a maioria delas não são nada baratas. Outro problema é a falta de tempo e paciência para cuidar das plantas e flores.

Flores Artificiais

Solução prática e barata para as pessoas que querem suas casas floridas e bonitas o ano todo sem preocupação, são as flores e plantas artificiais, que dão um charme especial a casa sem o trabalho e o gasto das plantas tradicionais.

Segundo a professora Marlene de Abreu Araújo, ela sempre gostou de ver sua casa florida e bem arrumada, mas como a maratona de trabalho não permite uma atenção especial, a solução foi recorrer às plantas artificiais. "Elas deixam a casa bonita e florida do mesmo jeito, e é uma maravilha, pois não preciso estar me preocupando se elas vão morrer ou não", ressalta.

Segundo o arquiteto e decorador Nardim Júnior a utilização de flores e plantas artificiais é uma tendência, ainda mais se levado em conta que o avanço dos materiais de fabricação tornam os objetos cada vez mais bonitos e com aparência bem próxima das reais. "Existem todos os tipos, como, por exemplo, o antúrio que é uma planta muito bonita e charmosa, o bico de papagaio que é uma planta bem harmônica e outra bastante procurada é a orquídea de phalaenopsis. O mais interessante é a praticidade aliado a beleza, sem contar que os gastos são bem menores e o mais interessante é que as flores parecem muito com as de verdade", explica ele. Mas alerta: "As flores e plantas devem ser muito bem escolhidas para não criar uma desarmonia dentro do ambiente".

Fonte: www.paradecorar.com.br

Flores

Flores

A decoração floral deve refletir sua personalidade e estilo. Ela também ser responsável pelo estilo da cerimônia e da festa: formal, romântico, descontraído etc.

Não esqueça também de levar em conta o horário que os eventos serão realizados.

Pense nas flores que você mais gosta. Elas poderão ser facilmente encontradas na época do casamento? Estão de acordo com o estilo de casamento que vocês escolheram?

Uma boa idéia para no gastar muito usar flores da estação. Você certamente encontrar alguma ou várias que lhe agradem entre tantas espécies.

Decidido as flores, veja muitas fotos e se possível, assista alguns casamentos decorados pela floricultura que pretendem contratar.

Se houver outros casamentos no mesmo dia, provavelmente você vai ter que dividir a decoração com as outras noivas.

Tente entrar em um acordo, mas se não for possível, deixe para caprichar na decoração da festa escolhendo tudo de acordo com o seu gosto.

Na hora de encomendar o buquê, escolha flores diferentes das utilizadas na decoração.

Elas podem ser diferentes apenas na cor, mas se você escolher flores idênticas vai parecer que esqueceu o buque pegou algumas ali na hora.

Dependendo do tipo de flor escolhida, a decoração ser responsável por boa parte dos gastos com o casamento. Que tal optar por flores plantadas em vasinhos decorados e utilizá-las depois para decorar sua casa, jardim ou até mesmo oferecê-las como lembranças aos seus convidados?

ESCOLHA AS CORES

Pense em uma cor primária que você goste muito. Converse com o responsável pela decoração o para que juntos possam decidir as cores que combinam com ela.

Pense nas toalhas e louças que pretende usar na festa. As cores escolhidas para os arranjos estar o em harmonia com elas. As cores também influenciam no clima da festa, veja alguns exemplos

Arranjos de flores brancas e folhagem proporcionam um ambiente sofisticado;

Arranjos de flores vermelhas e folhagem esquentam o ambiente e criam um clima romantico;

Arranjos de flores brancas e amarelo claro, brancas e cor de rosa ou brancas e lilases do um toque de delicadeza e suavidade ao ambiente;

Arranjos de flores amarelas e vermelhas o perfeitas para esquentar o ambiente criar um clima tropical.

Flores

ALGUMAS DICAS

Os arranjos de mesa devem ser baixos ou suficientemente altos para que os convidados possam conversar sem ficar desviando das flores.

Se optar por usar velas na decora o, muito cuidado na hora da escolha do tipo e do local onde elas ser o colocadas. Nada mais desagradável do que velas caindo dos castiçais sobre as mesas ou cera quente pingando nas nos dos convidados.

Fonte: www.noivasonline.com

Flores

Flores Artificiais

Flores Artificiais
Arranjos de plantas falsas: há quem chegue a regá-las

Em toda casa há um ambiente em que as plantas teimam em não se adaptar. Na da empresária Esther Sidi, o problema era a sala de televisão. "Tentei várias opções naturais que não vingavam por causa da pouca luz", ela conta. "Até que comprei um bambuzeiro artificial." Breguice? Nada disso. As flores e as plantas artificiais de hoje em nada lembram as de anos atrás. Perderam a aura de cafonice que as cercava, tornando-se bonitas, bem-acabadas e tão perfeitas que enganam muitos olhares. Por isso têm substituído as naturais em várias situações, como quando os donos não têm tempo ou paciência para cuidar delas. "É melhor optar pelas artificiais do que não ter verde nenhum em casa", afirma a arquiteta Joy Garrido. "Elas deixam o ambiente mais aconchegante e podem ser combinadas com flores e plantas verdadeiras. Natureza em casa é sempre bem-vinda."

Em lojas de decoração ou ateliês especializados é possível encontrar uma enorme variedade de plantas artificiais. "Elas deviam ser chamadas de permanentes", acredita a flower designer Hannellore Goldemberg. "O termo 'artificial' lembra aquelas coisas feias de antigamente. Agora existem opções tão naturais que só tocando para ver a diferença." A empresária Esther Sidi concorda: "São tão perfeitas que uma vez minha empregada até as regou". O preço é outro atrativo. Uma orquídea "permanente" custa em torno de 8 reais. Uma verdadeira, que vive cerca de duas semanas, sai por 50 reais. Por um arranjo artificial, com durabilidade de até dois anos, pagam-se em torno de 300 reais.

Mas não se deve pensar que as plantas e as flores artificiais não exigem cuidados. "É importante limpar sempre e trocar ao primeiro sinal de desgaste", recomenda a empresária Karina Kieffer, dona da loja de decoração Tutto per la Casa. "E procurar ser o mais fiel possível aos exemplares naturais. Ou seja, nada de rosas azuis."

Como conservar os arranjos

Misture folhas artificiais e flores naturais. A orquídea natural pode ser colocada num galho artificial ou um xaxim natural pode ser usado de base para uma planta artificial.

Limpe com pano úmido ou use secador de cabelo na temperatura fria.

As flores e as folhas artificiais duram em média dois anos. Troque-as assim que começarem a desfiar ou quando a cor original desbotar.

Se usar vasos transparentes, escolha opções artificiais que resistam à água.

Fonte: veja.abril.com.br

Flores

A Importância das Flores e dos Arranjos de Flores na Comunicação das Emoções

Em épocas não muito distante, quando ainda não existia o e-mail, e o romantismo era mais comum, as flores eram utilizadas pelos namorados e pelas pessoas em geral para enviar mensagens com significados especiais que só as flores podiam revelar, conhecido hoje como delivery de flores.

Hoje em dia enviar flores e arranjos florais está se tornando um hábito comum tanto de homens como de mulheres. Além da beleza e perfume, o mais importante é a mensagem que carrega. Imagine você recebendo um arranjo de rosas vermelhas e sentir que ele ou ela te ama.

Se você deseja enviar flores com um significado especial veja abaixo a flor que mais se adapta ao sentimento que você pretende passar. Ao enviar um *bouquet ou um arranjo de flores, dependendo das flores que você optar o mesmo poderá ter um significado todo especial.

Observação

O *bouquet pode ser um ramalhete de flores, e o arranjo floral será formado por uma flor predominante, que terá alguns complementos criados na própria floricultura que vai se encarregar de entregar a sua "emoção".

Um Destaque para a ROSAS

A ROSA, uma flor muito popular com vários signficados; Solitária, em forma de buquê ou arranjo de rosas coloridas; as ROSAS sempre expressam as emoções do "AMOR"

Rosa (de qualquer cor)

"É sempre romântico e informa a presença do amor"

Rosa amarela significa

"Felicidade, Amizade" oferecer para mulheres mais jovens

Rosa rosa significa

"Amizade, Carinho", oferecer para mulheres mais jovens ou mais velhas

Rosa chá significa

"Respeito, Admiração" e pode ser oferecida a mulheres de mais idade

Rosa branca significa

"Pureza, Paz" oferecer para mulheres mais jovens

Rosa laranja significa

"Fascínio, Encanto" e pode ser oferecida a mulheres de mais idade

Rosa champagne significa

"Admiração, Reverência" para ser oferecida a mulheres de mais idade

Rosa vermelha

É um modo direto de dizer "Eu te amo" significando Amor, Paixão

Amor-Perfeito

Flor popular com o significado imperativo de "Volte pra mim" ou "Amor Eterno"

Acácia

Uma flor que quando feita em buquê se torna uma "Prova de amor" daquele que envia

Acácia amarela

Representa um "Amor secreto"

Acácia branca ou rosada

Significa "Constância, Elegância"

Açucena

Serve para mostrar a "Tristeza e Angústia" pela falta da pessoa amada

Alecrim

Apesar de ser um arbusto de cheiro agradável demonstra "Coragem e Felicidade"

Alfazema

A flor de alfazema (lavanda) muito usada na perfumaria, representa a "Calma"

Anêmona

Flores coloridas com o significado de "Persistência e Perseverança"

Anis

É usasdo em licores. Em bouquet significa "Promessa", de casamento ou de amor eterno.

Azaléia

Uma flor com 5 estames (orgão masculino da flor) e significa a "Alegria de amar"

Azaléia rosada

Significa "Amor a natureza"

Azaléia Vermelha

"Significa que você ama a pessoa há muito tempo"

Begônia

Flores muito cultivadas pela sua beleza, representa a "Cordialidade que vem do coração"

Bogarim

Uma flor alva que representa o "Amor vivo e puro que existe dentro de uma pessoa"

Bonina

A flor da bonina representa a "Mulher bela e amada", e o "Amor confiante" de quem envia

Brinco-de-Princesa

Uma flor que pela sua beleza e cor muito viva significa "Superioridade"

Camélia

Um arbusto que fica sempre-verde inclusive no inverno, significa "Fidelidade"

Camélia branca

Flor de grande beleza e brilho, significa "O Belo perfeito"

Camélia rosada

Significa "Grandeza da alma"

Camélia vermelha

Significa "Reconhecimento" e "Sinceridade"

Campânula

Coqueteria, que procura despertar a "Admiração de outrem"

Cardo

Considerada uma praga, com folhas amareladas e espinhos, significa "Desprazer"

Ciclame

Flor em geral de cor arroxeada representa o "Ciúme"

Copo-de-Leite

Uma flor de origem asiática representa a "Indiferença" requer perspicácia no uso

Cravo vermelho

"Significa que você vive para a pessoa amada"

Cravo amarelo

Significa o "Desdém"

Cravo Branco

Uma flor que por sua alva cor representa a "Pureza" ou "Talento"

Cravo Roxo

Uma flor que representa a "Solidão"

Cravo Rosado

Representa "Preferência"

Cravo Vermelho

Pela sua viva cor representa "O Viver pela pessoa querida"

Crisântemo

Flor também conhecida por despedidas-de-verão, siginifica "Amor acabado"

Crisântemo amarelo

Siginifica "Amor frágil"

Crisântemo Branco

Com o significado da "Verdade"

Crisântemo Vermelho

Como quase sempre a cor vermelha está relacionada ao "Amor, Paixão"

Dália

Uma flor que representa o "Reconhecimento"

Dália amarela

uma "União recíproca"

Dália rosada

Representa a "Delicadeza"

Dormideira

Flor com folhas que se fecham ao toque, significam "Me deixe ou Vá embora"

Flores do Campo

Equilíbrio, ponderação

Fúcsia

Apesar de ser um tipo de brinco-de-princesa neste caso significa "Ardor no coração"

Gardênia

Uma flor muito perfumada e tradicional representa a "Sinceridade"

Genciana

Da raiz desta flor se extrai uma substância tônica amarga, daí o seu significado "Dor"

Gerânio

Uma flor originária da Europa que significa "Sentimento"

Gérbera

Beleza

Giesta

De flores amarelas tem o significado de "Preferência"

Girassol

Flor que fornece a semente de girassol tem o significado de "Ingratidão"

Gladíolo

Flores brilhantes que siginificam "Encontro"

Glicínia

Uma flor ornamental que significa "Ternura"

Goivo

Uma flor alegre de cores raiadas com o significado de "Constância"

Hortênsia

Com flores azuis, brancas ou rosadas a hortênsia representa o "Capricho"

Íris

Apesar de gerar flores efêmeras a flor de Íris representa um "Coração terno"

Jacinto

Cultivada em regiões serranas do Brasil a flor de jacinto significa "Coração alegre"

Jasmim

Muito usado no Brasil, com perfume forte e agradável representa a "Volúpia"

Junquilho

Originária de terras temperadas, significa "Tristeza"

Laranjeira

Além da laranja, tem a flor alva e perfumada e significa "Noivado"

Lilás

Uma flor que tem o significado de "Aspiração, Desejo intenso"

Lírio

Uma flor exuberante que representa "Nobreza"

Lótus

Uma flor com o significado de "Proteção e amor"

Malmequer

Flor amarela que significa "Rompimento"

Magnólia

Significa "Amor a Natureza" ou "Simpatia"

Maracujá

Com mais de 600 tipos diferentes a flor de maracujá significa "Coração ferido"

Margarida

Com petalas brancas significa "Você é tudo pra mim" ou " Inocência - Virgindade "

Margarida

"É uma declaração de amor que nada mais existe a não ser ela (pessoa amada)"

Menta

Planta herbácea com pequenas flores brancas ou róseas com significado de "Memória"

Mimosa

Herbácea com pequenas flores brancas e róseas com significado de "Segurança"

Miosótis

Florezinhas azuis com significado de "Lembrança fiel" ou Fidelidade"

Narciso

Uma flor solitária que representa o "Egoísmo"

Nenúfar

Uma espécie de vitória-régia que representa a "Indiferença"

Orquídea

De forma imprópria considerada parasita, siginifica "Tudo que me atrai é você"

Papoula

De uma planta que cede o látex que se obtem o ópio e significa "Falsa paixão" "Sonho"

Peônia

Uma erva perene a flor da peônia representa a "Sinceridade"

Perpétua

Como o próprio nome da flor sugere, representa "Para sempre"

Pervinca

Flores provenientes de diversas plantas floríferas, significam "Lembrança eterna"

Petúnia

Planta de pequeno porte mas que floresce densamente tem o significado de "Obstáculo"

Rododentro

Uma flor que é mais cultivada no hemisfério norte e significa "Elegância"

Saudade

Uma flor rica no Brasil e significa "Saudade"

Sempre-Viva

Inflorescências secas que não murcham significado "Declaração"

Tulipa

Flores inodoras mas de grande beleza, significam "Beleza" ou "Amor sem esperança"

Verônica

Flor e nome da mulher que enxugou o rosto de Cristo no calvário, significa "Mártirio"

Violeta

De coloração vistosa significa "Sou tímido(a), mas com violeta sei dizer que te gosto"

Zínia

As zínias são flores exuberantes, radiadas e significam "Leviandade"

Fonte: www.bairrovilaolimpia.com.br

Flores

Flores

Quem não gosta de flores?

Quem não adoraria ter um jardim florido e acordar pela manhã com aquele perfume de flores tomando conta do ar, ao invés da poluição e aquele colorido exuberante dominando a paisagem, vislumbrada da janela, ao invés daquele mar cinza e sem graça que vemos nas grandes cidades?

Todos nós, não é mesmo?

Mas, a maioria dos pobres mortais não pode dispor de espaço em seus apartamentos para ter um jardim. Cada vez menores; esses apartamentos e até as casas atualmente construídas são meras caixas sem vida e sem personalidade, criadas para acomodar o maior número de pessoas possível no menor espaço. Mas não precisa ser assim. Mesmo com um espaço pequeno, você pode ter um jardim de flores coloridas, perfumadas e que alegrarão a sua vida durante todo o ano.

Basta seguir algumas dicas simples e garantir que suas flores plantadas em vasos vivam bem, floresçam com vitalidade e alegria e encham a sua vida com satisfação e regozijo.

A primeira dica é conhecer as espécies e compreender que cada uma delas tem exigências diferentes e podem ou não ter um bom desempenho quando plantadas em vasos. Conhecer as que se adaptam melhor a vida em vasos é a chave para o sucesso de um jardim em vasos. Vamos indicar algumas plantas que produzem flores e se dão muito bem em jardins plantados em vasos de qualquer tamanho. Ao mesmo tempo, daremos algumas dicas de cultivo e de como obter uma bela flor de uma planta saudável e (porque não dizer) feliz:

Violeta africana

É muito bem adaptada à vida em vasos e é extremamente fácil de ser cuidada. Basta ter um solo bem adubado, bem drenado e em áreas que não tenham a incidência de luz solar intensa e nem de ventos fortes. Quando você for efetuar as regas, não molhe as folhas e jamais deixe a água que sair pelo furo do vaso ficar depositada no pratinho. Isso fará com que as raízes da planta apodreçam e sua planta morra rapidamente.

Begônias

As begônias vivem muito bem em vasos, aguentando o sol forte e pedindo apenas uma rega por dia e um solo muito rico em matéria orgânica. É fundamental que você tenha um cuidado especial com a drenagem das águas usadas nas regas para que a planta não fique encharcada e não apodreçam. Use bolinhas de argila expandida no fundo dos vasos ou pedras de brita para garantir que os furos do fundo do vaso permaneceram livres e permitirão uma rápida passagem da água.

Orquídeas

As orquídeas se dão muito bem em vasos e são plantas robustas que podem ser criadas sem casa sem problemas. Evite apenas o excesso de água, as rajadas de vento e o sol direto. Um local com meia sombra e a garantia de uma boa manutenção de umidade sem, no entanto, deixá-la encharcada.

Como você pode ver, a chave para o sucesso de um jardim plantado em vasos é conhecimento das espécies que melhor vivem assim, cuidados com a exposição ao sol e aos ventos em excesso e a garantia de uma boa drenagem das águas usadas para regar as plantas.

Fazendo isso e seguindo essas dicas, você garantirá uma vida mais florida e perfumada com um jardim que lhe trará apenas alegrias e paz.

Arranjos de Flores – Saiba Como Cuidar

Arranjos de Flores

flores-arranjos1Uma boa forma de decorar interiores é fazer arranjos de flores que podem ser confeccionados com flores naturais ou artificiais; flores cortadas ou flores plantadas. O que trará uma enorme variedade de formas, cores e perfumes para dentro da sua casa ou do seu escritório e levará um pouco da natureza para a sua vida.

Mas, como em toda atividade, a confecção de arranjos de flores para a decoração de interiores requer algumas dicas para os “não profissionais” de forma a permitir que você possa desfrutar ao máximo de suas criações e dar asas a sua criatividade e ao seu bom gosto.

Se você não entende muito de flores, faça uma pesquisa nas lojas especializadas e obtenha informações quanto às flores que mais se adaptam a elaboração dos arranjos, as cores mais harmoniosas, as flores de maior durabilidade e, no caso de arranjos com flores plantadas e vivas; uma forma de fazer com que as plantas não sofram com o estresse e com a pouca luz do interior dos ambientes em que serão colocadas.

No caso do uso de flores cortadas, basta que você tenha o cuidado de trocar os arranjos de flores logo que elas começarem a murchar (normalmente uma vez por semana se os dias não forem muito quentes). Tenha sempre o cuidado de usar recipientes muito bem limpos (de preferência esterilizadas), usar sempre água filtrada e sem cloro, cortar os pés dos caules das flores sempre no sentido oblíquo e com uma faca devidamente desinfetada, bem afiada e limpa (isso evitará contaminações por vírus, fungos e bactérias nos locais dos cortes), jamais deixe a parte dos arranjos de flores que ficarão em contato com a água dos recipientes possuir folhas ou qualquer outra coisa que não seja simplesmente o caule das flores (isso evitará que a água apodreça essas partes e contamine a flor) e se o local onde elas ficarem possuir uma temperatura elevada, deixe-as se aclimatarem antes numa área mais fresca e não as leve direto para lá.

arranjo-de-floresSe os arranjos de flores serão compostos por flores plantadas em vasos ou em recipientes, os cuidados a serem dispensados para que a sua decoração de interiores seja um sucesso e tenha a longevidade garantida são ainda maiores: leve em consideração a iluminação que as flores escolhidas necessitam para sobreviver; se usar flores que precisam de muito sol e não seja possível ter uma janela nas proximidades dos arranjos, pesquisa nas casas especializadas por lâmpadas próprias para a criação de plantas em interiores. Elas garantirão a saúde e toda a energia luminosa necessária para suas flores continuarem vivas e lindas por muito mais tempo; a terra usada nos arranjos de flores deve ser bem umedecida na confecção dos arranjos e depois disso mantida apenas levemente umidificada no decorrer da vida da planta; se você usar vasos de barro saiba que eles necessitarão do dobro de água (o barro absorve uma enorme quantidade de água do substrato – o solo -) e sempre após as regas, depois de umas duas horas, verifique se há depósitos de água em excesso no fundo dos vasos. Se houver, drene-os completamente para evitar o apodrecimento das raízes e a morte das plantas.

O uso dos arranjos de flores na decoração de interiores é uma verdadeira arte que envolve criatividade, sensibilidade e trato com a natureza. Sejam feitos por você mesma ou comprados de algum profissional, os arranjos de flores trazem para a decoração de interiores um pedacinho da natureza e um pouco da beleza e da majestade que está tão longe dos habitantes das grandes cidades.

Fonte: www.flores-online.com

Flores

Tulipas

Tulipas

Tulipas

Girassol

Girassol

Girassol

Girassol

Girassol

Flores

Flores

Flores

Orquídeas

Orquídeas

Orquídeas

Orquídeas

Violetas

Violetas

Violetas

Violetas

Cuidados com plantas de interior

A luz é um elemento imprescindível para a vida de uma planta, porque no momento de escolher um lugar para as colocar, é necessário ter em conta a iluminação solar ou artificial. Em todo o caso, o excesso de luz pode provocar queimaduras e necrose. Por outro lado, se uma planta não dispõe de luz necessária, ela murchará. É recomendado rodar a planta regularmente para que ela receba a mesma luz em todas as suas partes. Um conselho muito útil é não pôr uma planta de sombra exposta em meia sombra ou ao sol diretamente, pois pode ficar com as folhas queimadas. De normal geral, uma planta necessita entre 12 a 16 horas diárias de luz. Quando não têm o suficiente, a solução alternativa é a luz artificial. Existem lâmpadas incandescentes que imitam a luz natural e que são muito práticas em certos casos. A temperatura ambiente e a humidade também são fatores chave na vida das tuas plantas de interior.

Flores

Por exemplo, a falta de humidade é evidente quando a planta fica amarela e caem-lhe a folhas, ao mesmo tempo que deixam de crescer e até diminuem o seu tamanho. Para resolver este problema, basta borrifar as folhas com água, e se não é possível, o que devemos fazer é enterrar os vasos em turfa húmida, pois mantêm a humidade atmosférica Em alguns casos, a presença de jarros com água podem manter uns graus de humidade constante e suficiente para as nossas plantas. Acerca da temperatura, podemos dizer que em condições normais, uma planta necessita de uma média que varie entre os 12 graus no Inverno e os 24 graus no Verão.

Por norma geral, as plantas de interior apresentam menor evaporação, por isso necessitam de menos água, excepto em condições de calefacção que provoquem uma quantidade excessiva. As plantas que necessitam de menos rega durante o repouso vegetativa são as de folha caduca, os bolbos, os rizomas, os tubérculos e as de repouso absoluto.

Beneficio das plantas de interior

As flores e plantas que utilizamos para decorar as nossas casas não são apenas simples adornos. Os benefícios que fazem são indispensáveis e fundamentais para a nossa saúde, para influir no nosso estado de ânimo e, em geral, para manter uma qualidade de vida de uma forma simples e natural. As suas propriedades físicas e químicas trazem consigo muitas vantagens, como por exemplo a renovação da qualidade do ar. Através do processo que as plantas realizam, a filtração de ar chamada fotossíntese, o dióxido de carbono é absorvido e transformado em oxigénio que volta a lançar ao exterior, renovando assim a qualidade do ar. O ciclo habitual da fotossíntese normalmente acontece de manhã, pois aproveitam a luz solar. Mas existem outros grupos de plantas pertencentes a ambientes mais calorosos, que invertem a ordem e realizam a fotossíntese à noite.

Flores

É o caso das orquídeas. Portanto, é aconselhável combinar ambas as classes de plantas para desfrutar do ciclo as 24 horas do dia. Uma planta também acrescenta humidade no ar. Isto é benéfico para ter a nossa garganta e pele, entre outras, bem hidratadas. As plantas absorvem gases nocivos, como alguns componentes do tabaco. Assim, podemos dizer que atuam contra a poluição já que, com a ajuda de algumas bactérias que encontram-se na raiz, transformam estes gases em nutrientes. Para os alérgicos a pó, as plantas podem ser muito benéficas pois reduzem a presença de pó no ar uns 20%. Pode parecer inacreditável, mas as plantas reduzem o ruído, especialmente em lugares fechados e com o solo duro.

Como dissemos antes, as plantas têm efeitos psicológicos positivos sobre as pessoas e podem chegar a melhorar o ânimo e o bem-estar, assim como reduzir o stress.

Em casos de doentes, está comprovado que a recuperação é mais rápida se existem flores e plantas no seu redor. E no caso das empresas, existem estudos que demonstram que trabalhar com plantas reduz o absentismo laboral e aumento a produtividade no trabalho.

Fonte: www.mundodeflores.com

Flores

Os vários tipos de flores

As primeiras flores surgiram a milhões de anos, naquele período insetos primitivos como o besouro, por exemplo, comiam e danificavam os óvulos, gerando sucessivas pressões seletivas sobre as flores levando ao desenvolvimento do ovário da planta, que ao mesmo tempo protege os gametas e não impede que ocorra a fertilização.

Há muitos tipos de flores algumas se reproduzem de mudas e outras através de sementes. Algumas flores são perenes o que significa que não devem ser replantadas a cada ano e as demais tem que ser replantadas a cada ano.

A melhor maneira de um iniciante cultivar flores é através de sementes. Prepara-se o solo, planta-se as sementes, rega-se de acordo com as especificações de cada flor e é só aguardar a florada! Flores que se reproduzem de sementes são: amor-perfeito, dahlia, petunia e sempre viva dentre tantas outras.

As rosas são talvez as flores mais comuns que crescem de mudas. Apenas corte uma muda de uma roseira, replante e em alguns meses ela terá crescido. As rosas tem uma beleza impar e como todos sabemos estão presentes em todas as ocasiões importantes. Um vaso de rosas torna qualquer ambiente elegante e iluminado. Para aqueles que não tem muito espaço um vasinho de violeta africana dá o toque de beleza e leveza sem ocupar muito espaço.

Não podemos esquecer ao presentear alguém com flores de que estas podem causar alergias. É sempre bom confirmar antes se o recipiente não é alérgico.

Flores do campo ou as tradicionais rosas, cravos e margaridas são sempre um símbolo de afeto, amizade e um presente delicado que será sempre lembrado.

Os vários tipos de margarida

O termo margarida na verdade é usado para uma grande variedade de plantas, há mais de 20.000 espécies de margaridas, que também podem ser chamadas de bem-me-quer, malmequer, bonina, etc. São flores em formato de estrela, muitos tipos de alfaces e os girassóis não são considerados margaridas, mas compartilham muitas características em comum.

Quando a maioria das pessoas pensa em margaridas, imediatamente pensam em uma única flor, mas na verdade as margaridas além de serem muito antigas, remontando a mais de 50 milhões de anos e constituem mais de 10% das flores do mundo. Até mesmo a equinácea e a arnica e muitas plantas comestíveis com as alcachofras e as endivas são da família das margaridas.

Os crisântemos são também confundidos com as margaridas. E muitos crisântemos são muito semelhantes às margaridas, com seu centro amarelo e as pétalas brancas. Outros tipos, no entanto tem cores decorativas, do rosa ao roxo ou vermelho. Na Ásia o Chrysanthemum coronarium, é um grão com flores muito parecidas à margarida, mas as suas pétalas e centro são amarelos.

A margarida Africana tem pétalas púrpura brilhantes que se enrolam nas extremidades, e uma coleção de azuis, com pontos amarelos no centro.

As margaridas se apresentam em muitas cores e tamanhos, do marrom ao branco e podem ser encontradas em todos os climas do planeta. São fáceis de cultivar e se espalham muito facilmente, mesmo nos solos mais secos.

Os vários tipos de vasos

Vasos que decoram varandas e sacadas das janelas têm muitas funções e variedades. Vasos não somente acomodam as plantas, mas também conferem estilo, elegância, beleza.

A sua função é permitir que tenhamos flores e plantas em locais onde não há terra e até um certo ponto permitem a mobilidade da planta. Aquela planta que fica num canto pouco iluminado da casa pode ser levada ao sol por algumas horas, ou pode ser regada pela chuva. Até mesmo pequenas árvores podem ser colocadas em vasos.

Vasos de flores, não são usados simplesmente para a mobilidade da planta, eles propiciam o uso, em apartamentos e coberturas, de uma variedade quase infinita de flores e plantas, tornando os ambientes mais iluminados, conferindo estilo e elegância.

Os vasos de barro são sem dúvida os mais tradicionais. Eles podem ser encontrados em vários tamanhos e formatos e são acompanhados de uma base para proteger evitar derramamento de água. Podemos também usar uma variedade quase infinita de potes, vasos, do xaxim ao vidro, tudo vale para obter o resultado desejado.

Use vasos para os canteiros das janelas e varandas, plante a sua flor favorita, um canteiro de temperos, tomates, uvas, o que a sua imaginação decidir!

Será que as flores têm significado?

Que tal enviar flores em datas especiais, com uma pitada de simbolismo. Além das cores variadas, dos vários perfumes, forma, cada flor tem um significa especial.

Casamentos são uma celebração única, e para tornar o momento ainda mais especial podemos incluir flores maravilhosas no buquê como cravos, rosas vermelhas, lírios, flor de laranjeira, flores de amendoeiras, camélias. Os cravos brancos representam amor ardente, as rosas vermelhas representam amor e paixão, os lírios representam casamento, a flor de laranjeira é o símbolo da virgindade, flores de amendoeira indicam esperança e as camélias a beleza perfeita. E aquele botão de flor, que o noivo usa na lapela, remonta da idade média quando os cavaleiros usavam as cores de sua amada como símbolo de seu amor eterno.

Sabemos que há muitas ocasiões para se usar flores além das cerimônias de casamento. Flores são uma excelente maneira de parabenizar alguém ao receber sua promoção. Ao conhecer alguém que lhe toque o coração dê uma azaléia branca que significa romance. E para expressar os seus sentimentos por alguém, envie um buquê de margaridas que simbolizam afeição sagrada. E para declarar àquela pessoa especial que ela é linda, dê um buquê de camélias, que representam gratidão e beleza.

As cores também expressam muitos sentimentos. As rosas em especial, têm muitos significados, rosas amarelas significam ciúmes, rosas sem espinhos significam paixão irresistível, rosas vermelhas expressam um amor apaixonado, rosas cor de rosa significam graça e elegância e as rosas brancas significam inocência, pureza juventude e amor espiritual.

O significado das cores das rosas

Não há nada que supere as rosas para expressar um sentimento. As cores das rosas têm significados distintos. Escolha a cor adequada para presentear aquela pessoa especial em sua vida, veja aqui alguns significados importantes das rosas. Rosas vermelhas são as mais comuns e significam amor e paixão, o vermelho é a cor dos amantes, e significa paixão. Um buquê de rosas vermelhas abertas é uma declaração de amor intenso e duradouro, enquanto os botões expressam o início do amor.

Rosas amarelas selam uma amizade e representam felicidade, mas podem também ser usadas para manifestar apoio, no passado rosas amarelas significavam ciúmes. As rosas laranja significam fascínio, encantamento e são uma expressão de orgulho. Um buquê de rosas laranja é uma excelente maneira de demonstrar a forte impressão que aquela pessoa especial causou em você! Enquanto um buquê de rosas champagne é deal para formaturas e premiações.

Rosas cor de rosa indicam amizade, carinho, e um romance poético sem, no entanto a seriedade das rosas vermelhas. Rosas cor de rosa são mais leves do que as vermelhas e podem significar mais uma admiração. Um buquê de rosas vermelhas e rosa significa romance.

As rosas brancas são as rosas das noivas. Simbolizam unidade, sinceridade, lealdade, pureza, e um amor mais forte do que tudo. Elas podem ser combinadas com rosas vermelhas em um buquê, unindo assim o amor e a paixão.

Um buquê de rosas de cores variadas sempre será uma excelente maneira de expressar uma variedade de emoções. Há ainda uma variedade de matizes das rosas que tem também seu significado peculiar. Mas seja qual for a cor, em botão ou já completamente aberta, as rosas sempre tem um poder mágico de expressar emoções profundas entre os seres humanos e abrilhantar os momentos importantes das nossa vidas. Solte a sua imaginação, siga a sua intuição e crie os mais variados resultados. As rosas sempre serão uma das maneiras mais poderosas de impressionar alguém.

O que é um buquê de flores?

Um buquê de flores é um arranjo feito artesanalmente ou por profissionais em floriculturas. Há uma infinidade de embalagens, caixas, papéis, adornos, fitas que podem ser usados para criar um buquê que reflita a mensagem que queremos transmitir. Mesmo que sejam flores artificiais, ainda será considerado um buquê.

Quando pensamos na palavra buquê, imediatamente lembramos do buquê de noiva e das cerimônias de casamento. O processo de escolha e execução de um buquê de noivas é elaborado e envolve muita informação e pesquisa, para que aquele momento especial seja vivenciado de maneira plena. E no final da cerimônia de casamento o buquê tem seu momento de glória quando todas as mulheres solteiras aguardam ansiosamente a noiva arremessá-lo. Aquela que pegar o buquê “será a próxima a se casar”.

Para uma situação especial ou somente para agradar alguém, um buquê de flores é sempre uma excelente idéia. O dia dos namorados, dia das mães e aniversários são sempre datas associadas às flores. Um buquê de flores pode ser usado para dizer que alguém é especial, e também ser uma forma de se desculpar ou alegrar um doente.

Um buquê de flores além de sua beleza traz consigo a memória das imagens das pinturas renascentistas e por isso é um elemento muito refinado na decoração de um lar. Para manter o seu buquê por mais tempo você deve, assim que receber as flores cortar, em ângulo, uns 3 cm das extremidades dos ramos, o ângulo de corte permite que a planta absorva mais água. Transfira as flores imediatamente para um vazo com água. Troque a água do vaso a cada 3 dias e adicione uma aspirina. Corte todas as flores e folhas mortas, e evite colocar as flores próximas a áreas muito quentes ou muito iluminadas.

Um buquê de flores é uma excelente maneira de adicionar beleza e elegância a qualquer ambiente e ocasião. Sejam quais forem as flores escolhidas, as cores, ou o perfume, a frescura de um buquê é essencial para adicionar harmonia e beleza às nossas vidas.

Arranjos florais

Arranjos florais são o resultado da combinação criativa de vários elementos produzindo elementos decorativos com flores, arbustos, flores secas. As flores são dispostas de maneira a valorizar a sua cor, perfume e textura.

Após a colocação de uma base porosa e macia, inicia-se o processo de construção do arranjo que pode ser vertical, circular, diagonal, etc. O arranjo é estruturado em camadas a partir das flores centrais, arbustos e pequenas e delicadas flores que complementam o arranjo, dando um acabamento mais requintado. Pode-se usar ainda musgos, sobras de araucária, que adicionam textura ao conjunto. Para um toque de requinte costuma-se ainda incluir objetos e esculturas. Mas o arranjo não precisa ser necessariamente muito elaborado. Um a construção minimalista tendo como um ponto focal uma flor muito especial, como as orquídeas, por exemplo, pode ser muito interessante também.

Em várias partes do mundo se utilizam várias técnicas de design em arranjos florais. As técnicas japonesas tais como rikka, ou flores em pé; o estilo nagiere; shoka, um estilo linear; moribana; e bonsai são um exemplo.

Essas técnicas podem ser muito úteis mesmo na construção de arranjos modernos. Os conceitos de design, equilíbrio, harmonia e ritmo aliados à percepção de luz, espaço, textura, e escala são importantes para obter-se resultados satisfatórios. Ao usar recipientes baixos a regra é que o galho mais alto seja duas vezes o diâmetro da base.

Seja qual for a técnica, arranjos florais tornaram-se parte da vida das pessoas decorando de forma discreta e elegante escritórios, restaurantes, bares e continuam a ser mais uma opção para residências. Trazendo luz, estilo, classe e elegância a qualquer ambiente.

Fonte: www.floresja.com.br

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal