Breaking News
Home / Biologia / Anatomia da Abelha

Anatomia da Abelha

As abelhas pertencem ao filo dos artrópodes, sendo este extremamente diversificado e, que possuem características tais:

PUBLICIDADE

– Presença de patas articuladas, que garante maior variedade de movimentos e, uma maior capacidade de locomoção, garantindo adaptação em várias regiões do planeta;

– Corpo revestido por um exoesqueleto de quitina (polissacarídeo), que dá proteção e apoio para a musculatura;

– Triblásticos (três folhetos germinativos);

– Simetria bilateral;

– Sistema digestório completo;

PUBLICIDADE

– Região dorsal e ventral;

– Corpo metamerizado, ou seja, formado por vários segmentos, estes durante a fase embrionária dos artrópodes se fundem para formar os tagmas, que são a cabeça, tórax, e o abdome.

Anatomia da abelha

As abelhas assim como os demais artrópodes, apresentam exoesqueleto de quitina, dividido em cabeça, tórax e abdome.

anatomia-da-abelha-1

Cabeça: dividida em um par de antenas, olhos simples ou ocelos, olhos compostos e mandíbula.

PUBLICIDADE

Antenas: formadas por três partes, são elas:

Escapo: unido à cabeça;

Pedicelo;

Flabelo: formado por artículos ou antenômeros, responsáveis por olfato, tato e audição.

• Ocelo ou olhos simples;

• Olhos compostos (omatídeos).

Aparelho bucal

– Duas mandíbulas;

– Língua ou probóscide, parecida com um canudo longo e oco, que utilizam para sugar o néctar das flores.

anatomia-da-abelha-2

Patas articuladas

– Coxa;

– Fêmur;

– Tíbia;

– Tarso;

– Patas: três pares, são elas:

Protórax – patas dianteiras menores (1º par);

Mesotórax – patas medianas (2º par);

Metatórax – patas traseiras (3ºpar). Encontra-se a corbícula estrutura muito importante, onde a abelha mantem o pólen coletado das plantas até chegar à colmeia.

Abdome

– Todo segmentado;

– Possuem glândulas cerígenas internamente em cada segmento que se comunica com o exterior;

– Possuem glândulas de Nasonov, responsáveis pelos feromônios de localização;

– Possui espiráculos que ligam os sacos aéreos com o ar;

– Ferrão: órgão inoculador de veneno. Este é um prolongamento do abdome e, está ligado diretamente ao intestino destes animais e, que se rompe no momento em que a abelha abandona a vítima.

anatomia-da-abelha-4

Camila Correia

Check Also

Força Eletrostática

Força Eletrostática

PUBLICIDADE Definição das Forças Eletrostáticas As forças entre partículas que são causadas por suas cargas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.