Breaking News
QUESTION 1 You have a hybrid Exchange Server 2016 organization. Some of the mailboxes in the research department are hosted on-premises. Other mailboxes in the research department are stored in Microsoft Office 365. You need to search the mailboxes in the research department for email messages that contain a specific keyword in the message body. What should you do? A. From the Exchange Online Exchange admin center, search the delivery reports. B. Form the on-premises Exchange center, search the delivery reports. C. From the Exchange Online Exchange admin SY0-401 exam center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. D. From the Office 365 Compliance Center, create a new Compliance Search. E. From the on-premises Exchange admin center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. Correct Answer: E QUESTION 2 You have an Exchange Server 2016 organization. You plan to enable Federated Sharing. You need to create a DNS record to store the Application Identifier (AppID) of the domain for the federated trust. Which type of record should you create? A. A B. CNAME C. SRV D. TXT Correct Answer: D QUESTION 3 Your company has an Exchange Server 2016 200-310 exam Organization. The organization has a four- node database availability group (DAG) that spans two data centers. Each data center is configured as a separate Active Directory site. The data centers connect to each other by using a high-speed WAN link. Each data center connects directly to the Internet and has a scoped Send connector configured. The company's public DNS zone contains one MX record. You need to ensure that if an Internet link becomes unavailable in one data center, email messages destined to external recipients can 400-101 exam be routed through the other data center. What should you do? A. Create an MX record in the internal DNS zone B. B. Clear the Scoped Send Connector check box C. Create a Receive connector in each data center. D. Clear the Proxy through Client Access server check box Correct Answer: AQUESTION 4 Your network contains a single Active Directory forest. The forest contains two sites named Site1 and Site2. You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains two servers in each site. You have a database availability group (DAG) that spans both sites. The file share witness is in Site1. If a power failure occurs at Site1, you plan to mount the databases in Site2. When the power is restored in Site1, you Cisco CCNP Security 300-207 exam SITCS need to prevent the databases from mounting in Site1. What should you do? A. Disable AutoReseed for the DAG. B. Implement an alternate file share witness. C. Configure Datacenter Activation Coordination (DAC) mode. D. Force a rediscovery of the EX200 exam network when the power is restored. Correct Answer: C QUESTION 5 A new company has the following: Two offices that connect to each other by using a low-latency WAN link In each office, a data center that is configured as a separate subnet Five hundred users in each office You plan to deploy Exchange Server 2016 to the network. You need to recommend which Active Directory deployment to use to support the Exchange Server 2016 deployment What is the best recommendation to achieve the goal? A. Deploy two forests that each contains one site and one site link. Deploy two domain controllers to each forest. In each forest configure one domain controller as a global catalog server B. Deploy one forest that contains one site and one site link. Deploy four domain controllers. Configure all of the domain controllers as global catalog servers. C. Deploy one forest that contains two sites and two site links. Deploy two domain controllers to each site in each site, configure one domain controller as a global catalog server D. Deploy one forest that contains two sites and one site link. Deploy two domain controllers to each site. Configure both domain controllers as global catalog servers Correct Answer: C QUESTION 6 How is the IBM Content Template Catalog delivered for installation? A. as an EXE file B. as a ZIP file of XML files C. as a Web Appli cati on Archive file D. as a Portal Application Archive file Correct Answer: D QUESTION 7 Your company has a data center. The data center contains a server that has Exchange Server 2016 and the Mailbox server role installed. Outlook 300-101 exam anywhere clients connect to the Mailbox server by using thename outlook.contoso.com. The company plans to open a second data center and to provision a database availability group (DAG) that spans both data centers. You need to ensure that Outlook Anywhere clients can connect if one of the data centers becomes unavailable. What should you add to DNS? A. one A record B. two TXT records C. two SRV records D. one MX record Correct Answer: A QUESTION 8 You have an Exchange Server 2016 EX300 exam organization. The organization contains a database availability group (DAG). You need to identify the number of transaction logs that are in replay queue. Which cmdlet should you use? A. Test-ServiceHealth B. Test-ReplicationHealth C. Get-DatabaseAvailabilityGroup D. Get-MailboxDatabaseCopyStatus Correct Answer: D QUESTION 9 All users access their email by using Microsoft Outlook 2013 From Performance Monitor, you discover that the MSExchange Database\I/O Database Reads Average Latency counter displays values that are higher than normal You need to identify the impact of the high counter values on user connections in the Exchange Server organization. What are two client connections 400-051 exam that will meet performance? A. Outlook on the web B. IMAP4 clients C. mobile devices using Exchange ActiveSync D. Outlook in Cached Exchange ModeE. Outlook in Online Mode Correct Answer: CE QUESTION 10 You work for a company named Litware, Inc. that hosts all email in Exchange Online. A user named User1 sends an email message to an Pass CISCO 300-115 exam - test questions external user User 1 discovers that the email message is delayed for two hours before being delivered. The external user sends you the message header of the delayed message You need to identify which host in the message path is responsible for the delivery delay. What should you do? A. Review the contents of the protocol logs. B. Search the message tracking logs. C. Search the delivery reports 200-355 exam for the message D. Review the contents of the application log E. Input the message header to the Exchange Remote Connectivity Analyzer Correct Answer: E QUESTION 11 You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains three Mailbox servers. The servers are configured as shown in the following table You have distribution group named Group1. Group1 contains three members. The members are configured as shown in the following table. You discover that when User1 sends email messages to Group1, all of the messages are delivered to EX02 first. You need to identify why the email messages sent to Group1 are sent to EX02 instead. What should you identify? A. EX02 is configured as an expansion server. B. The arbitration mailbox is hosted 300-320 exam on EX02.C. Site2 has universal group membership caching enabled. D. Site2 is configured as a hub site. Correct Answer: A
Home / Turismo / O Deserto do Neguev

O Deserto do Neguev

O DESERTO DO NEGUEV

PUBLICIDADE

O Deserto do Neguev extende-se por mais de 12.000 Km. quadrados e se caracteriza pelos seus impressionantes wuadis (passarelas pelos que discorrem as débeis precipitações), pelas suas cores, pela sua fauna e flora, por alguns quibutiz e moshavim e pelas ruinas de cidades nabateo-bizantinas.

Berseba (Beersheva), chamada a Capital do Sul, a 83 Km. de Jerusalemm é a principal população com perto de 150 mil habitantes. Da antiga Berseba nada sobrevive e hoje, distingue-se pela sua modernidade e pela sua sucessão de edifícios de arquitetura contemporânea, o que lhe conferem um estilo único. É indispensável a visita ao Museu do Neguev, onde pode-se desfrutar da história do Tel Sheva (o Tel Berseba), assim como, de interessantes objetos da cultura beduina e bizantina. Desde a cúpula do minarete se obtém uma boa panorâmica. Outros dois locais de interesse é o Mercado Beduino que tem lugar todos as quintass-feira pela manhã. O zoco recebe a numerosos beduinos que vendem e intercambiam produtos. Destacam, além, o Monumento ao Neguev em homenagem à Brigada do Palmach e o Pozo de Abraham, ao sul da cidade.

Tel Berseba encontra-se a 6 Km. ao leste de Berseba. Trata-se das ruinas da antiga cidade que foi habitada desde o ano 4.000 aC. No centro para visitantes há um pequeno museu. Por outro lado, 10 Km. para o norte encontra-se, no quibutiz Lahav, o Museu Beduino, com excelentes coleções de jóias, telas e a projeção de um audiovisual didático da vida destes nômades.

Desde Berseba em direção a Mamshit, há que fazer uma parada em Yerujam. Em Mamshit destacam as ruinas de uma cidade dos períodos nabateo e romano onde distinguem-se algumas casas de pedra e os formosos mosaicos que tiram da Igreja.

De Berseba em direção a Mizpé Ramon, é aconselhável fazer uma parada em Sdé Boker, um dos primeiros quibutiz do Neguev. Recebeu o apoio simbólico de Bem Gurião, quem se instalou em uma pequena cabana. Na atualidade é um esplêndido oásis graças aos estudos de agronômos da Universidade Bem Gurião, que têm realizado investigações a fundo sobre os sistemas de irrigação dos nabateos e sobre o tratamento das águas salinas. Mais adiante localiza-se Em Avdat, um manancial de água fria rodeado de vegetação tropical e a cidade de Avdat, onde encontram-se os restos de uma cidade nabatea, habitada tempo atrás por romanos e bizantinos (foi uma das cidades importantes da rota para Petra). Antes de chegar a Mizpé Ramóm há que visitar Shivta, onde pode-se apreciar estábulos e instalações vitícolas que demonstram que a agricultura era fundamental. A moderna cidade de Mizpé Ramon, no centro da planície do Neguev, extende-se a beira de um dos crateras maiores do mundo, o Maktesh Ramon. É um dos lugares mais insólitos e as paisagens são inacreditáveis, além de encontrar-se no Parque Nacional mais extenso do país. Desde o cume pode-se ver toda a cratera que tem perto de 300 m. de profundidade.

O Vale da Arava

Mais para o sul e já nas aproximidades de Eilat, destaca o Vale da Arava, redescoberto por um grupo de colonos que instalaram um quibutiz. Surpreendem os cultivos de frutas, legumes e flores. É a melhor prova de que os judeus tem sido verdadeiros conquistadores do deserto. Mais para o sul localiza-se a Reserva Natural de Hai Bar, onde encontram-se numerosas espécies que se encontravam em risco de extinção. Os animais encontram-se em liberdade, pelo que ve-los requerirá de um pouco de paciência.

Na Reserva Natural de Timna, a 30 Km. de Eilat, encontram-se as minas de cobre mais antigas do mundo e as famosas Colunas de Salomão, uma série de formações rochosas de formas caprichosas. Também podem-se apreciar os restos de um templo em homenagem a Deusa Hathor, a Deusa do amor. Muito próximo, as Colunas de Amran, uma impressionante garganta com forma de órgão que ressalta pelos suas vermelhas cores.

EILAT E SEUS ARREDORES

No extremo do golfo de Aqaba (Águas do Mar Vermelho) encontra-se Eilat, um dos centros turísticos mais importantes de Israel pelos suas formosas praias e águas cristalinas, um imexorável paraíso para submarinistas e amantes dos esportes náuticos.

Apesar de que Eilat foi lugar de passagem de Moisés e do povo judeu, a cidade não conta com restos arqueológicos ou locais de interesse históricos ou cultural e não há que esquecer que Eilat é um centro de descanso e entretenimento. É por isso que propomos um circuito que pode iniciar-se em uma rápida visita à cidade e suas ruas cheias de hotéis modernos. Depois, nada melhor que tomar um banho na Praia de Golfinhos, um dos poucos lugares onde pode-se nadar em companhia de golfinhos e leões marinhos. Uma vez relaxados há que visitar a Granja de Avestruzes e voltar a meter-se na água da famosa Praia de Coral, chamada assim, pela abundância de corais e de peixes de infinitas cores. Muito perto encontra-se o Observatório de Vida Submarina, um complexo desde onde pode-se observar o fundo, através de paredes transparentes, situadas a 10 m. de profundidade. Conta, além com um Museu Oceanográfico, onde se descrevem as diferentes espécies marinhas do entorno e de dois submarinos, para quem queira ver mais de perto os fundos marinhos. Finalizado neste rápido tour, nada melhor que navegar em alguma das barcas com fundo de cristal, para tomar o frescor e desfrutar dos variados peixes. Só fica a visita ao Centro Internacional de Ornitologia, no outro extremo de Eilat. Trata-se de uma série de senderos para quem queira desfrutar das aves migratórias, que se detêm nas Salinas de Eilat. Além, desfrutar do sol, do submarinismo, do descanso e do impressionante entorno.

Fonte: www.rumbo.com.br

Conteúdo Relacionado

 

Veja também

Locais Turísticos de Burkina Faso

UAGADUGU (OUAGADOUGOU), A CAPITAL PUBLICIDADE É a capital de Burkina Faso e foi fundada há mais de …

Hino Nacional de Burkina Faso

Une Nuit Seule PUBLICIDADE Une Nuit Seule (também conhecido como L’Hymne de la Victoire ou Ditanyè) …

Bandeira de Burkina Faso

PUBLICIDADE A Bandeira de Burkina Faso é formada por duas listras horizontais, de igual largura, sendo a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

300-209 exam 70-461 exam hp0-s41 dumps 640-916 exam 200-125 dumps 200-105 dumps 100-105 dumps 210-260 dumps 300-101 dumps 300-206 dumps 400-201 dumps Professor Messer's CompTIA N10-006 exam Network+