Facebook do Portal São Francisco Google+
+ circle
Home  Anjos da Guarda  Voltar

Anjos da Guarda

Anjos da Guarda
Anjos da Guarda

O Judaísmo e o cristianismo primitivo distinguem os bons espíritos, fiéis a Deus, e o mal, liderado por Satanás. Entre os primeiros colocados não apenas chamou apropriadamente os Anjos, com os Arcanjos, mas também os Querubins e Serafins, e entre estes últimos os demônios.

Há nove ordens de entidades celestes, por sua vez, dividido em três ordens principais: o primeiro é aquele que está sempre com Deus, e inclui os santos tronos e seus tribunais dos muitos olhos e muitas asas, ou seja, Querubins e Serafins. A segunda ordem inclui poderes, domínios e virtudes; os terceiros, os Anjos, Arcanjos e Principados.

O termo anjo é usado nas Escrituras sempre com o sentido de mensageiro, ainda que em passos específicos também pode assumir o significado de "orientação".

O que é

Os anjos são mensageiros de Deus, criaturas celestiais, superiores ao homem.

Geralmente crianças, como símbolo de inocência e virtude. Normalmente, acreditamos que os Anjos da Guarda são nossos protetores, e que estão sempre nos mantendo mais próximos de Deus.

Aos Anjos da Guarda é confiada individualmente cada pessoa ao nascer, protegendo-a do mal até onde a ordem divina o permita, fortalencendo corpo e alma e inspirando-a à prática das boas ações.

Os anjos, estão sempre do nosso lado, não sabemos quem são, mas estão sempre ali para fazer o nosso bem.

Se acreditar nos anjos vai te salvar dos mais absurdos males, não sabemos. Sabemos apenas que conosco funciona. Acreditamos que existem anjos.

Acreditamos que eles nos protegem do mal. E até hoje não nos aconteceu nada. Mas não sabemos nada sobre eles. E se já os vimos, cabe aos outros acreditarem.

Quando estamos querendo seguir caminhos errados, os anjos nos dizem para parar, mas se nós não os escutarmos eles também não desistem da gente e vão junto para nos proteger.

Talvez os nossos melhores amigos podem ser os nossos anjos, pois não desistem de nós quando desistimos da vida.

Na verdade eles são capazes de irem lá no fundo, da mais profunda tristeza, para nos trazer de volta

São criaturas invisíveis e, para alguns, até impensáveis. Mas, quem disse que precisa ver para acreditar?

Então um cego pode dizer que você não existe para ele. Talvez o cego precise mais ainda de um anjo, pois necessita ser guiado pela escuridão sem fim de sua vida. O anjo se torna seus olhos, seu caminho é uma incerteza, e com ele ao seu lado é mais fácil, pois o cego tem em quem confiar, ele sabe que ao seu lado há um anjo.

Tradição Cristã

O Anjo da Guarda é um anjo que, segundo a tradição cristã, acompanha cada pessoa na vida, ajudando-o nos momentos de dificuldade e guiá-lo em direção a Deus. O anjo é invocado com a tradicional oração do Anjo de Deus.

O Anjo da Guarda é uma figura recorrente na vida de muitos santos; em vários países há uma devoção forte e especial.

Anjos da Guarda
Anjos da Guarda

O que significa

A palavra "anjo" vem do grego angelus "mensageiro". Para a cultura hebraica o termo é malakl; mensageiro ou emissário. Seria interessante comparar as mensagens dos anjos ao sis-tema via satélite; no qual os sinais que passam pelo céu são enviados para todos os receptores. Então; os poderosíssimos veículos de comuni-cação poderiam simbolizar suas trombetas.

Se somos filhos de Deus, não existe mais ne-nhum em afirmar que somos divinos. Se Deus é considerado uma potência de inteligência, com certeza, quando fazemos o uso correto de nossa capacidade intelectual, estamos atuando com uma porção angelical muito forte.

Os anjos (daimones) que protegem os seres humanos são diferentes dos daimones que ficam fora do nosso controle. Eles são perceptíveis ao nosso conhecimento, mas é difícil mantermos contato com eles, ainda que seja possível entrar em sua sintonia. Os silfos, por exemplo, são elementos do ar que nos ajudam na propagação dos recados. Por esse motivo, quando fazemos um pedido escrito ao anjo e queimamos o pa-pel, assopramos as cinzas (elemental fogo) ou sentimos vontade de andar para colocar' idéias em ordem, como faziam os grandes filósofos. Utilizamos a força das ondinas (élemental água) para nossas emoções e os gnomos e duendes (elemental terra) para prosperidade.

O anjo é o mensageiro, o "recadeiro" entre o céu e a terra. Isso é tão significativo.., Preocupe-se com sua vida, não julgue ninguém pelos seus atos. Compreenda.

Ficas em sintonia com seu anjo guardião é anular, neutralizar a força do anjo contrário. Com isso sua vida há de prosperar, já que Deus é prosperidade e quer que você prospere também.

"Deus dorme no mineral, sonha no vegetal, age no animal e desperta no homem". Ele é inteligência. Quando você pensa, está com Deus e, em consequência, com os anjos. Ora, se tudo é pensar, então vamos utilizar o cérebro como um receptor e aproveitar toda e qualquer ajuda desses seres tão especiais.

Quando você passa por dificuldades, sente-se dividido e pode estar sob a influência do gênio contrário. Quando alguém não vai bem, sua estação ou aparelho receptor não está bem ajustado. Então, nessas fases; nada melhor do que a leitura para aprimorar o conhecimento, para aumentar sua receptividade aos anjos.

Nomes

Anjos da Guarda
Anjos da Guarda - Gabriel

Segundo a Bíblia, existem milhares e milhares de Anjos, porém somente três são chamados por ela com seus nomes:Gabriel, Miguel e Rafael.

Os antigos hebreus acreditavam em uma complexa hierarquia angelical em que cada um de seus componentes possuía um nome próprio, pois dentro do misticismo judaico o nome estava revestido de uma importância capital.

Todas as ordens místicas possuem um ritual de iniciação, em que o noviço adota um novo nome. É uma representação de seu nascimento para a ordem, e por meio dela, para uma nova vida. Esse nome significa novos poderes, novos conhecimentos e maiores conquistas espirituais.

Assim, o ato de nomear alguém ou algo parece ter importante significado. A invocação dos Anjos da antiguidade judaica era feita pronunciando-se seu nome, em certos momentos e em determinadas condições.

O ato de descobrir o nome do nosso Anjo da guarda pode também ser considerado uma espécie de iniciação, como o recebimento de um código que nos dará acesso a novos níveis de consciência. Essa descoberta talvez constitua o ponto crucial da relação com o nosso Anjo custódio. Se levarmos em conta que a imensa maioria dos seres humanos não é capaz de perceber os Anjos de uma maneira sensível, qualquer comunicação que de um modo inequívoco venha deles adquire uma importância capital. E entre essas comunicações, uma das primeiras , e a principal, é a nomeação do nosso Anjo da guarda. A partir desse momento, esse nome nos permitirá estar em permanente contato com ele, tornando a comunicação muito mais fácil, já que nossa fé e nossa segurança terão aumentado consideravelmente.

Existem diferentes métodos para averiguarmos o nome do Anjo da guarda, um dos melhores é que, a cada noite, antes de dormir, seja estabelecido um contato mental com nosso Anjo, pedindo sua ajuda durante o sono, para que sejam solucionados os problemas que naquele momento nos estão afligindo, quaisquer que sejam eles. Durante o dia, devemos afastar momentaneamente os pensamentos do trabalho - ou daquilo que estivermos fazendo - e enviar pelo menos uma saudação a ele, aproveitando para lhe pedir que nos ajude sempre, a qualquer momento e em qualquer situação.

À noite, nessa espécie de oração ou comunicação mental, devemos pedir-lhe que, se ele considerar o momento conveniente, revele seu nome para que a nossa comunicação e torne melhor, estreitando dessa maneira a união já existente entre nós.

O normal é que durante o sonho ou pela manhã, logo ao acordar, o nome do nosso Anjo surja claro e distinto na nossa consciência. Não devemos esperar um nome bíblico, nem forçosamente um terminado em "el". Poderá ser um nome muito conhecido ou um que jamais ouvimos na vida. Poderá ser um nome estrangeiro ou um diminutivo popular. Também pode surgir algo que não pareça nome, mas que nós automaticamente identificaremos como sendo o do nosso Anjo. E a partir desse momento teremos uma forma de invocá-lo, de iniciar a comunicação com ele. Devemos dar as graças e estar dispostos a começar um novo, alegre e esperançoso dia.

Hierarquia Angelical

Anjos da Guarda
Anjos da Guarda - Serafins e Querubins

Segundo a tradição judaica, e mais tarde cristã, os anjos são organizados em uma hierarquia de diferentes ordens, conhecidas nos coros angélicos Idade Média.

Essas hierarquias consistem em valores intermediários entre Deus e os homens, como eles se conectam e descrever a relação entre a transcendência divina absoluta e sua atividade no mundo.

Em ordem de potência decrescente são:

Primeira Hierarquia: Serafins, Querubins, Tronos
Segundo Hierarquia: Dominações, Virtudes, Poderes
Terceiro Hierarquia: Principados, Arcanjos, Anjos.

SERAFINS

É a categoria angelical que está mais próxima a Deus, são considerados os mais velhos (responsáveis) de todos os anjos. Sua função é transmitir o fogo do amor aos demais anjos. Metraton é o príncipe que anota tudo que acontece com a humanidade. Representa o poder da abundância e da supremacia.

QUERUBINS

Anjos da Guarda
Anjos da Guarda - Querubins

São os bebês, retratados com simpatia e graça pelos pintores. Ele é o príncipe dos mistérios e guardião da originalidade. Protege a humanidade de forma que todos sintam-se positivos e prósperos. Raziel é o príncipe dos mistérios e guardião da originalidade. A função do anjo da guarda é trazer paz, bondade, benevolência e prosperidade; nunca a doença. Seus protegidos são sinceros e verdadeiros.

TRONOS

É o nome dado a categoria angelical que inspira os homens à arte, à beleza e à música. Nas pinturas são representados como anjos jovens, segurando harpas, cítaras, ou outros instrumentos musicais. Auriel tem o poder de reconciliar adversários. Diante de uma contradição ou dúvida, ajuda a entender e a escolher o melhor caminho.

DOMINAÇÕES

Auxilia nas emergências ou conflitos que devem ser resolvidos imediatamente. Uriel está diretamente sujeito a Cristo, que segundo os cabalistas, tem a dominação suprema sobre tudo o que existe.

POTÊNCIAS

É o nome dado à categoria angelical dos guardiões dos animais. Eles protegem a procriação e a perpetuação das espécies. Camael remove todos os obstáculos que impedem o cumprimento da vontade de Deus.

VIRTUDES

É o nome dado á categoria angelical que tem como atribuição orientar as pessoas a respeito de sua missão e cumprimento do karma. Mantém as leis que regem o Universo. Raphael é o príncipe das virtudes, auxiliador dos trabalhos de cura. Raphael deverá remediar os males da humanidade, será ele quem conduzirá a nova geração para o ano 2000.

PRINCIPADOS

É o nome dado a categoria angelical que é responsável pelos estados, países e reinos. Protege também o reino mineral, a fauna e a flora. Haniel ajuda a resolver todos os problemas de amor, porque é o “chefe” dos cupidos; é invocado contra as forças do mal.

ARCANJOS

É o nome dado à categoria angelical que é responsável pela transmissão de mensagens importantes. Assegura os bons relacionamentos, a sabedoria e os estudos. Miguel no Apocalípse, faz com que as pessoas que praticaram o mal em vida, aceitam o bem após a morte.

ANJOS

É o nome dado a categoria angelical da qual Deus mais se utiliza para fazer milagres, provocando a evolução da humanidade, através de experimentos e experiências de vidas. Gabriel auxilia para as mulheres que desejam Ter filhos. Ele orienta a alma do feto para que se desenvolva no corpo da mãe durante os nove meses de gestação.

Fonte: www.angelologia.it/michaelrubens.com/www.bethynha.com.br

Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal