Breaking News
Home / Literatura Infantil / Uma Amiguinha

Uma Amiguinha

PUBLICIDADE

É INTELIGENTE e graciosa;
Mais limpa, que ela, não há:
Focinhito cor-de-rosa,
E chama-se Resedá.
Muito orgulhosa e faceira,
Não quer saber da cozinha,
E, à sesta, sob a roseira,
Dorme um sono de rainha.
Gosta do sol, ama as flores,
Corre por todo o jardim,
E tem, no dorso, em três cores,
A maciez do cetim.
Em pequenino açafate,
Todo acolchoado e felpudo,
De vivo tom escarlate
Tem o berço de veludo.
É toda mimos da sorte,
Gatinha de estimação,
Defende-a, contra o mais forte,
Das patas vivo arranhão.
Mas é boazinha e correta;
Não provoca ásperos tratos;
Somente mostra-se inquieta,
Se escuta rumor de ratos.
Então – adeus, gentileza! –
É toda instinto animal,
De um salto, atira-se à presa…
E é como as outras, tal qual.

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

O Bicho Folharal

PUBLICIDADE Cansada de ser enganada pela raposa e de não poder segurá-la, a onça resolveu …

O Menino o Burro e o Cachorro

PUBLICIDADE Um menino foi buscar lenha na floresta com seu burrico e levou junto seu …

O Menino e o Padre

PUBLICIDADE Um padre andava pelo sertão, e certa vez com muita sede, aproximou-se duma cabana, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.