Breaking News
Home / Turismo / Palácio Gustavo Capanema

Palácio Gustavo Capanema

PUBLICIDADE

Palácio Gustavo Capanema

O Palácio Capanema é um dos primeiros exemplares da arquitetura moderna no Brasil.

Sua construção ocorreu entre 1937 a 1945. O projeto inspirado por Le Corbuisier, era liderado por Lúcio Costa e contava com uma equipe de jovens arquitetos composta por Oscar Niemeyer, Carlos Leão, Jorge Moreira, Affonso Eduardo Reidy e Ernani Vasconcellos.

É conhecido como o prédio do MEC, pois funcionou como sede do Ministério de Educação e Cultura. Na transferência da capital para a Brasília o nome mudou para Palácio da Cultura.O nome atual (desde 1985) é uma homenagem ao ministro que, na época, ordenou sua construção.

Palácio Gustavo Capanema

O prédio possui 16 andares e está construído numa área de 27.536 metros quadrados.

A escolha dos materiais da construção foi também bastante arrojada: ferro e concreto, combinação de gnaisse e painéis de azulejos. Foram usados mármore de lioz, tijolo de vidro inglês misturado com mármore amarelo.

Possui amplo jardim externo e jardim suspenso, projetados por Roberto Burle Marx.

Os azulejos são obra de Cândido Portinari, há importantes peças de escultura de Celso Antônio na escada de Lipschitz, na parede externa do auditório e de Alfredo Ceschiatti nos jardins. Há também obras de Guignard e Pancetti.

Fonte: www.riodejaneiro-turismo.com.br

Palácio Gustavo Capanema

O Palácio Capanema é um dos primeiros exemplares da arquitetura moderna no Brasil. Ele foi construído entre 1937 e 1945. O projeto, inspirado por Le Corbuisier, era liderado por Lúcio Costa e contava com uma equipe de jovens arquitetos integrada por Oscar Niemeyer, Carlos Leão, Jorge Moreira, Affonso Eduardo Reidy e Ernani Vasconcellos. Funcionou como sede do Ministério de Educação e Cultura.

O prédio apoia-se em pilotis de dez metros e seus 16 andares foram erguidos com materiais arrojados: ferro e concreto, mármore de lioz, tijolo de vidro inglês misturado com mármore amarelo. Possui jardim projetado por Roberto Burle Marx. Os painés de azulejos  são obra de Cândido Portinari. É decorado com esculturas de Bruno Giorgi, Celso Antônio e Alfredo Ceschiatti, e telas de Guignard e Pancetti. Possui livraria, espaço para exposições e apresentações.

Fonte: mapadecultura.rj.gov.br

Palácio Gustavo Capanema

O edifício Gustavo Capanema , uma é um edifício no Rio de Janeiro, considerado um dos exemplos mais significativos da arquitetura do Movimento Moderno na América do Sul. Construído entre 1936 e 1945, foi um projeto conjunto dos arquitetos Lúcio Costa , Oscar Niemeyer , Afonso Reidy, Carlos Leão, Ernani Vasconcellos e Jorge Moreira, e foi avisado de Le Corbusier , que viajou para o Brasil várias vezes durante o desenvolvimento do projeto.

Desenvolvimento

Em 1935, ele convoca uma competição para projetar a nova sede do Ministério da Educação e Saúde. Para isso várias das principais figuras da arquitetura moderna brasileira são apresentadas, mas o concurso é vencido por um decorados projeto motivo marajoaras feitas por Archimedes Memoria e Francisque Cuchet.

Consciente da necessidade de representar a modernidade e desenvolvimentismo estatal conduzida pelo governo brasileiro, marco o então ministro da Educação, Gustavo Capanema recompensas, mas não decide construir projeto, e garante que o projeto está no local para instruir um grupo de Os arquitetos modernos liderados por Lúcio Costa. Isto levou consulta do renomado arquiteto francês Le Corbusier , que um mês o Brasil passa a colaborar com o projeto.

O projeto é concluído em 1937, também com a colaboração de Roberto Burle Marx como paisagista. Em março do mesmo ano começou a trabalhar, o que deixa o endereço de Lúcio Costa em 1939, sendo substituído por Oscar Niemeyer. O edifício foi inaugurado oficialmente em 1945 por Getúlio Vargas.

Projeto

Palácio Gustavo Capanema
A fachada sul é conhecida como a primeira implementação mundial de uma ” parede de cortina “.

Palácio Gustavo Capanema
“Pilotis” 10 m de altura permitir a livre circulação sob o edifício.

Durante o processo de design, Le Corbusier procurou em vão por um campo mais vasto para o projeto. Dada a recusa, e superfície livre no nível da rua, optamos por uma tipologia dos arranha-céus. Este edifício foi realmente o primeiro arranha-céu construído de acordo com as idéias de Corbu, apesar de ter projetado inúmeros arranha-céus sem sucesso antes.

O prédio atende a arquitetura de Le Corbusier pontos: a elevação em pilhas para liberar a rua, o jardim terraço para “dar a volta” a natureza usurpado terras, a janela de corrida para maximizar a relação com o meio ambiente e demonstrar a liberação da fachada com relação a características estruturais, e até mesmo o uso de distintivo brise-soleil para proteger contra clima tropical quente.

O edifício é composto por dois volumes: vertical e horizontal. O volume vertical e principal é um prisma retangular alta em pernas de pau, enquanto a horizontal, cruza a seguir, é um lugar que evoca os jardins de pátios coloniais.

O projeto é apresentado como arranha-céus isolados, ao contrário do emprego total enredo que caracterizou o carioca urbano da época, assim liberando terras públicas em uma das áreas mais congestionadas da cidade. O trabalho é decorado com esculturas e revestimentos cerâmicos.

Após este edifício, ambos os elementos ganharia em popularidade na arquitetura brasileira volta. Entre as obras no edifício telhas incluem Candido Portinari e as esculturas de de Bruno Giorgi , Jacques Lipchitz e Celso Antônio Silveira. Com 60 m de altura e 17 andares, o edifício ocupa uma área de 21.536 m 2.

Fonte: es.wikipedia.org

Veja também

Hino Nacional da República Democrática do Congo

Debout Congolais PUBLICIDADE Debout Congolais (Levanta congolês) é o hino nacional da República Democrática do …

Locais Turísticos da República Democrática do Congo

BRAZZAVILLE PUBLICIDADE É um lugar muito interessante, muito verde, com uma Basílica, Mercados e o …

República Democrática do Congo

PUBLICIDADE O território que hoje leva o nome de República Democrática do Congo tem sido habitada por …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.