Breaking News
Home / Turismo / Capela de São Miguel Arcanjo

Capela de São Miguel Arcanjo

PUBLICIDADE

Capela de São Miguel Arcanjo
Capela de São Miguel. Foto: Jefferson Pancieri/SPTuris.

A zona leste abriga o templo mais antigo da cidade de São Paulo. Sob a orientação do carpinteiro e bandeirante Fernão Munhoz, aCapela de São Miguel Arcanjo foi construída pelos índios guaianases, no ano de 1622. A igreja foi um dos primeiros prédios tombados pelo Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (atual Iphan).

Em 1938, quase três séculos depois da sua construção, a capela dos Índios (como é conhecida), descaracterizada e praticamente destruída, passou por um processo de revitalização.

Foi um trabalho minucioso em busca de suas origens com o objetivo de manter a autenticidade de sua arquitetura e de seus elementos artísticos.

Pinturas do período colonial paulista, arte barroca e traçados incas foram encontrados. A recuperação incluía ainda o resgate de peças e ornamentos de madeiras vendidos a antiquários.

E com a idéia de dar mais visibilidade à capela, a Praça Aleixo Monteiro Mafra, em frente, também foi restaurada. Implantou-se uma área ajardinada e foram retiradas construções que impediam a visão da igreja.

Para preservação da Casa, houve um acordo com a sociedade em suspender o uso religioso. Optou-se em organizar visitações, com vitrines, painéis e placas, onde serão apresentadas pesquisas arqueológicas, história e influência dos povos da região (índios, jesuítas, franciscanos, colonizadores, imigrantes nordestinos), demonstração do processo de fabricação de cerâmica indígena, totens que tratam da arte de elementos como altares, púlpito, coro e pia batismal, acervo com imagens de santos, entre outros.

O programa conta ainda com palestras e oficinas visando à conscientização da necessidade de preservar o bem tombado.

Capela de São Miguel Arcanjo
Praça Padre Aleixo Monteiro Mafra, 11 – São Miguel Paulista
Tel.: (11) 2032-4160

Fonte: www.cidadedesaopaulo.com

Capela de São Miguel Arcanjo

A construção também é conhecida como Capela dos Índios, pois foi construída pela tribo dos guaianases, em 1622, sob orientação do bandeirante Fernão Munhoz.

No século 18, foi parcialmente reformada pelos franciscanos e, na década de 1930, passou por uma restauração.

Nessa reforma, foram encontradas pinturas do período colonial e obras de arte barroca. O espaço não é mais usado para fins religiosos e apenas recebe visitações.

Fonte: guia.uol.com.br

Veja também

Hino Nacional da República Democrática do Congo

Debout Congolais PUBLICIDADE Debout Congolais (Levanta congolês) é o hino nacional da República Democrática do …

Locais Turísticos da República Democrática do Congo

BRAZZAVILLE PUBLICIDADE É um lugar muito interessante, muito verde, com uma Basílica, Mercados e o …

República Democrática do Congo

PUBLICIDADE O território que hoje leva o nome de República Democrática do Congo tem sido habitada por …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.