Breaking News
Home / História Geral / Papa Agapito II

Papa Agapito II

Papa Agapito II – ( ? – 955)

PUBLICIDADE

Papa da Igreja Cristã Romana (946-955) nascido em Roma, eleito em 10 de maio (946) como sucessor de Marino II (942-946), que dedicou seu pontificado a promover a independência política da Igreja.

Todos os poderes estavam nas mãos do senador e tirano Alberico, que o ameaçou de prisão, ante sua recusa de propor como sucessor o filho do rei, Otaviano.

A intrometida autoridade do imperador Alberico nos assuntos da Igreja tornou-se progressivamente menor até que o imperador faleceu (954) deixando Roma livre. Fez esforços inauditos para levantar a condições morais do clero e, com a ajuda de Oto I da Alemanha, pacificou em parte a Itália.

Estas intervenções políticas na Santa Sé, tornou seu pontificado, de praticamente dez anos, sem brilho, para muitos o período mais humilhante para a Igreja. No entanto, há de se reconhecer que graças a sua determinação e verdadeira dignidade espiritual a Igreja romana não sucumbiu e graças a essas virtudes o papa manteve o respeito do mundo cristão e o trono do pontífice sobreviveu em meio a toda sorte de hostilidades autoritárias da tirania.

No seu pontificado trabalhou incessantemente para restaurar a disciplina das igrejas e dos claustros e, eventualmente, logrou algum êxito em acalmar os distúrbios na Sede Metropolitana de Reims.

Em termos internacionais o principal acontecimento foi a conversão ao cristianismo de Haroldo, rei da Dinamarca. Este santo Papa, o de número 130, morreu em outubro (955), em Roma e foi sucedido por João XII (955-963).

Fonte: www.dec.ufcg.edu.br

Veja também

Populista

Populista

PUBLICIDADE Definição Populista, em geral, é uma ideologia ou movimento político que mobiliza a população …

Corrida Espacial

Corrida Espacial

PUBLICIDADE Definição A corrida espacial da Guerra Fria (1957 – 1975) foi uma competição na exploração do …

Caso Watergate

Caso Watergate

PUBLICIDADE Watergate Watergate pode ser a história mais famosa na história americana de jornalismo investigativo. Isso …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.