Breaking News
Home / História Geral / Papa João XXIII

Papa João XXIII

Papa João XXIII – (1881 – 1963)

PUBLICIDADE

Angelo Giuseppe Roncalli, papa João XXIII

Papa católico romano (1958-1963) nascido em Sotto il Monte, na Lombardia, Itália, conhecido como o papa da bondade, cujo pontificado destacou-se pelo trabalho em prol da paz internacional e da adequação da igreja aos novos tempos.

Entrou para o seminário de Bergamo (1892), estudou teologia em Roma, ordenou-se, foi secretário do bispo de Bergamo (1905-1914) e professor no seminário diocesano. Tornou-se capelão do Exército italiano na primeira guerra mundial e, com o fim do conflito, voltou a ensinar.

Foi nomeado pelo papa Bento XV (1920) diretor do Conselho Italiano da Obra da Propagação da Fé, à frente do qual mostrou toda a sua capacidade de organização. Sagrou-se bispo (1925), representou o papa como visitador apostólico na Bulgária, depois como legado apostólico na Grécia e Turquia e núncio em Paris (1944).

Nomeado cardeal (1953), tornou-se patriarca de Veneza. Adepto do movimento ecumênico, entrou em contato com as igrejas ortodoxas, mostrando grande compreensão e tato diplomático. Com a morte do papa Pio XII, foi eleito seu substituto (1958), aos 77 anos, com o nome de João XXIII.

Convocou o Concílio Ecumênico Vaticano II (1959), que deu início a uma nova era nos rumos da igreja católica a partir da sua primeira reunião em outubro (1962). Graças a resoluções desse concílio, os padres passaram a voltar-se para o povo durante a celebração da missa que passou a ser rezada não mais em latim, mas na língua predominante em cada país.

Promoveu a modernização da igreja, determinando sua independência em relação aos poderes estabelecidos, e divulgou a idéia segundo a qual a igreja devia intervir construtivamente em assuntos políticos, econômicos e, sobretudo, sociais.

Os instrumentos dessa modernização foram as encíclicas Mater et magistra (1961) sobre a evolução social à luz da doutrina cristã, e Pacem in terris (1963), sobre a paz entre as nações, que tiveram imensa repercussão, dentro e fora da igreja.

Após apenas quatro anos de pontificado, em que despertou a admiração mundial e se transformou numa das maiores personalidades do século XX, o papa de número 262 da cronologia católica morreu em Roma. Recebeu a beatificação por João Paulo II em 2 de setembro (2000).

A causa de sua beatificação durou 34 anos e o milagre que a Igreja atribuiu-lhe foi a cura de uma freira, Sor Caterina Capitani, afetada por uma doença incurável e que presenciou a cerimônia.

Segundo a direção da polícia de Roma, cerca de 100 mil pessoas reuniram-se na Praça de São Pedro para celebrar o ato ao incentivador do Concílio Vaticano II, cujo objetivo era inserir a Igreja no mundo moderno.

Fonte: www.dec.ufcg.edu.br

 

 

 

Conteúdo Relacionado

Veja também

O Mundo Pós-Guerra

PUBLICIDADE O que foi o Mundo Pós-Guerra? O mundo se dividiu em dois blocos antagônicos …

Crise de 1929

Crise de 1929

PUBLICIDADE A Crise de 1929 – O Crack da Bolsa de Nova York Em 1919 …

Descolonização da África e da Ásia

PUBLICIDADE O que foi a Descolonização da África e da Ásia? Com o enfraquecimento das nações …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.