Breaking News
QUESTION 1 You have a hybrid Exchange Server 2016 organization. Some of the mailboxes in the research department are hosted on-premises. Other mailboxes in the research department are stored in Microsoft Office 365. You need to search the mailboxes in the research department for email messages that contain a specific keyword in the message body. What should you do? A. From the Exchange Online Exchange admin center, search the delivery reports. B. Form the on-premises Exchange center, search the delivery reports. C. From the Exchange Online Exchange admin SY0-401 exam center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. D. From the Office 365 Compliance Center, create a new Compliance Search. E. From the on-premises Exchange admin center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. Correct Answer: E QUESTION 2 You have an Exchange Server 2016 organization. You plan to enable Federated Sharing. You need to create a DNS record to store the Application Identifier (AppID) of the domain for the federated trust. Which type of record should you create? A. A B. CNAME C. SRV D. TXT Correct Answer: D QUESTION 3 Your company has an Exchange Server 2016 200-310 exam Organization. The organization has a four- node database availability group (DAG) that spans two data centers. Each data center is configured as a separate Active Directory site. The data centers connect to each other by using a high-speed WAN link. Each data center connects directly to the Internet and has a scoped Send connector configured. The company's public DNS zone contains one MX record. You need to ensure that if an Internet link becomes unavailable in one data center, email messages destined to external recipients can 400-101 exam be routed through the other data center. What should you do? A. Create an MX record in the internal DNS zone B. B. Clear the Scoped Send Connector check box C. Create a Receive connector in each data center. D. Clear the Proxy through Client Access server check box Correct Answer: AQUESTION 4 Your network contains a single Active Directory forest. The forest contains two sites named Site1 and Site2. You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains two servers in each site. You have a database availability group (DAG) that spans both sites. The file share witness is in Site1. If a power failure occurs at Site1, you plan to mount the databases in Site2. When the power is restored in Site1, you Cisco CCNP Security 300-207 exam SITCS need to prevent the databases from mounting in Site1. What should you do? A. Disable AutoReseed for the DAG. B. Implement an alternate file share witness. C. Configure Datacenter Activation Coordination (DAC) mode. D. Force a rediscovery of the EX200 exam network when the power is restored. Correct Answer: C QUESTION 5 A new company has the following: Two offices that connect to each other by using a low-latency WAN link In each office, a data center that is configured as a separate subnet Five hundred users in each office You plan to deploy Exchange Server 2016 to the network. You need to recommend which Active Directory deployment to use to support the Exchange Server 2016 deployment What is the best recommendation to achieve the goal? A. Deploy two forests that each contains one site and one site link. Deploy two domain controllers to each forest. In each forest configure one domain controller as a global catalog server B. Deploy one forest that contains one site and one site link. Deploy four domain controllers. Configure all of the domain controllers as global catalog servers. C. Deploy one forest that contains two sites and two site links. Deploy two domain controllers to each site in each site, configure one domain controller as a global catalog server D. Deploy one forest that contains two sites and one site link. Deploy two domain controllers to each site. Configure both domain controllers as global catalog servers Correct Answer: C QUESTION 6 How is the IBM Content Template Catalog delivered for installation? A. as an EXE file B. as a ZIP file of XML files C. as a Web Appli cati on Archive file D. as a Portal Application Archive file Correct Answer: D QUESTION 7 Your company has a data center. The data center contains a server that has Exchange Server 2016 and the Mailbox server role installed. Outlook 300-101 exam anywhere clients connect to the Mailbox server by using thename outlook.contoso.com. The company plans to open a second data center and to provision a database availability group (DAG) that spans both data centers. You need to ensure that Outlook Anywhere clients can connect if one of the data centers becomes unavailable. What should you add to DNS? A. one A record B. two TXT records C. two SRV records D. one MX record Correct Answer: A QUESTION 8 You have an Exchange Server 2016 EX300 exam organization. The organization contains a database availability group (DAG). You need to identify the number of transaction logs that are in replay queue. Which cmdlet should you use? A. Test-ServiceHealth B. Test-ReplicationHealth C. Get-DatabaseAvailabilityGroup D. Get-MailboxDatabaseCopyStatus Correct Answer: D QUESTION 9 All users access their email by using Microsoft Outlook 2013 From Performance Monitor, you discover that the MSExchange Database\I/O Database Reads Average Latency counter displays values that are higher than normal You need to identify the impact of the high counter values on user connections in the Exchange Server organization. What are two client connections 400-051 exam that will meet performance? A. Outlook on the web B. IMAP4 clients C. mobile devices using Exchange ActiveSync D. Outlook in Cached Exchange ModeE. Outlook in Online Mode Correct Answer: CE QUESTION 10 You work for a company named Litware, Inc. that hosts all email in Exchange Online. A user named User1 sends an email message to an Pass CISCO 300-115 exam - test questions external user User 1 discovers that the email message is delayed for two hours before being delivered. The external user sends you the message header of the delayed message You need to identify which host in the message path is responsible for the delivery delay. What should you do? A. Review the contents of the protocol logs. B. Search the message tracking logs. C. Search the delivery reports 200-355 exam for the message D. Review the contents of the application log E. Input the message header to the Exchange Remote Connectivity Analyzer Correct Answer: E QUESTION 11 You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains three Mailbox servers. The servers are configured as shown in the following table You have distribution group named Group1. Group1 contains three members. The members are configured as shown in the following table. You discover that when User1 sends email messages to Group1, all of the messages are delivered to EX02 first. You need to identify why the email messages sent to Group1 are sent to EX02 instead. What should you identify? A. EX02 is configured as an expansion server. B. The arbitration mailbox is hosted 300-320 exam on EX02.C. Site2 has universal group membership caching enabled. D. Site2 is configured as a hub site. Correct Answer: A
Home / Profissões / Engenharia Ambiental

Engenharia Ambiental

PUBLICIDADE

A Engenharia Ambiental estuda a relação do homem com o meio ambiente.

Trata do controle ambiental e da preservação monitorando a qualidade da água, fiscalizando a emissão de gases que poluam. É o responsável por estudos de impacto ambiental causados por obras em hidrelétricas, projetos de reflorestamento, recuperação de áreas devastadas.

O curso forma profissionais que promovem o desenvolvimento de tecnologias voltadas para o bem estar da sociedade, preservando o meio ambiente.

Ele atua diretamente na proteção e racionalização dos recursos naturais; planejamento e gerenciamento ambiental; minimização e remediação de impactos ambientais causados pelo homem ou por eventos naturais.

Faz o controle da poluição e recuperação de áreas degradadas. Cuida do tratamento de água, esgoto, lixo, drenagem urbana (enchentes), controle de vetores transmissores de doenças e da poluição atmosférica.

O caráter multidisciplinar do curso, onde se destacam as áreas de biologia, química e aquelas próprias da engenharia, permite a este profissional atuação nos segmentos industrial, comercial e de serviços, bem como no desenvolvimento de processos que permitem a produção de tecnologias limpas, reduzindo e, mesmo eliminando, a produção de resíduos em benefício da população e do desenvolvimento auto–sustentável.

Objetivo

Formação de profissionais capazes de avaliar a dimensão (magnitude, duração, reversibilidade e natureza) das alterações ambientais causadas pelas atividades do homem, sejam elas benéficas ou adversas, independentemente da área de influência. Pretende-se que este profissional possua conhecimentos técnicos suficientes para adotar procedimentos capazes de minimizar os impactos ambientais indesejáveis, qualquer que seja a escala em que ocorram (local, regional ou global).

A profissão

O engenheiro ambiental estuda, desenvolve e usa tecnologias específicas para proteger a natureza da ação humana. Sua principal função é preservar a qualidade das águas, do ar e do solo. Realiza estudos de impacto ambiental, elabora e executa planos, programas e projetos de gerenciamento de recursos hídricos, saneamento básico, tratamento de resíduos e recuperação de áreas contaminadas. Também atua na recuperação de áreas degradadas. A preocupação mundial com a ecologia abre cada vez mais espaço para este profissional. Obter registro no Crea é obrigatório para exercer a profissão.

Características que ajudam na profissão

Espírito investigativo,
Capacidade de análise,
Senso de observação,
Interesse por temas sociais e científicos,
Gosto pela natureza.

Perfil Profissional

Profissional possuidor de formação acadêmica que permita sua participação nos estudos de caracterização ambiental, na análise de susceptibilidade e vocações naturais do ambiente, na elaboração de estudos de impactos ambientais, na proposição, implementação e monitoramento de medidas ou ações mitigadores, tanto na área urbana, quanto na área rural.

Principais Atividades

Controle da qualidade ambiental (redes de monitoramento e vigilância
Gestão e tratamento de resíduos sólidos, líquidos e gasosos
Pesquisa operacional e estudo de poluição da água, ar e solo
Análises de riscos e impactos ambientais, além do estudo de indicadores ambientais
Estudo de energias renováveis e alternativas e planejamento energético
Estudo de tecnologias limpas e valorização de resíduo
Análise de auditorias ambientais
Gestão e planejamento do uso de áreas urbanas
Gestão de recursos hídricos e ordenamento de territórios

Áreas de Atuação

Concessionárias de serviços
Profissional autônomo
Administração pública
Empresas de consultoria
Indústrias

Mercado de Trabalho

O mercado de trabalho do engenheiro ambiental é bastante promissor. A formação multidisciplinar é essencial. Como o currículo tem disciplinas de Exatas e Biológicas, ele está capacitado a participar de todas as etapas necessárias à resolução ou minimização de problemas ambientais.

Os avanços tecnológicos, principalmente no que diz respeito à mecanização do processo agrícola, aumentam as chances de continuidade do bom desempenho do setor de agronegócio e, consequentemente, do surgimento de mais vagas para o engenheiro agrícola. Com a atual necessidade do uso racional da água, há oferta de empregos no setor de irrigação.

Os produtores de soja, café, açúcar, tabaco e sucos de frutas buscam com frequência os especialistas em tecnologia pós-colheita, com o objetivo de reduzir as perdas. Um dos ramos em que mais cresce a procura por esse profissional é o sucroalcooleiro, embora a oferta de vagas acompanhe a variação do preço da cana. Com a grande produção nacional de grãos, o engenheiro agrícola é requisitado para atuar no campo da logística.

Na área ambiental, aumenta a demanda para a avaliação de impactos ambientais, tratamento e disposição de efluentes oriundos da atividade agrícola. E no setor de planejamento e gestão de recursos hídricos, o profissional atua na prestação de serviços e em pesquisas.

Na pecuária de exportação, os trabalhadores mais solicitados são os especialistas em planejamento agropecuário e certificação de rastreabilidade da carne, já que toda carne exportada precisa receber o SIF, selo de inspeção federal. O graduado é responsável por atualizar informações como identificação do animal, data de vacinas e estoque do rebanho, nos sistemas de gerenciamento.

As vagas para o engenheiro agrícola estão concentradas na iniciativa privada e são mais numerosas nas regiões Centro-Oeste, Sul e Sudeste, nas áreas irrigadas do Nordeste, como Petrolina (PE) e Juazeiro (BA), e no norte de Minas Gerais. Fabricantes de equipamentos agrícolas, como a Case New Holand, AS Brasil, Fabrimar e a John Deere, que exigem do profissional uma especialização em treinamento no setor de máquinas agrícolas, empregam engenheiros do ramo para atuar no desenvolvimento de equipamentos, na venda e na assistência técnica. Em cooperativas agroindustriais, as melhores chances de colocação estão no estado do Paraná.

Base legal

Autorizado pela Portaria Ministerial nº 2.548, de 15/07/2005, publica no D.O.U. de 19/07/2005.

Reconhecido pela portaria nº 118, de 27/07/2012, publicada em 28 de junho de 2012.

Duração média do curso: 05 anos

Engenharia Ambiental – O que é

O Engenheiro Ambiental tem características específicas no campo da Engenharia, com atuação compromissada com o equilíbrio entre o desenvolvimento sócio-econômico e a manutenção das condições de sustentabilidade do meio ambiente.

Sabe-se que as atividades humanas têm provocado alterações nos recursos ambientais, resultando, muitas vezes, em grandes problemas. A gravidade da situação atual ressalta a necessidade de que o homem modifique a sua forma de agir, devendo compatibilizar as alterações que provoca na natureza com a capacidade de recuperação da mesma.

O Engenheiro Ambiental deve buscar desenvolver uma visão na qual o homem passa a ser avaliado no seu meio e na forma do seu relacionamento com os outros componentes da sociedade e da natureza. Neste momento, o Engenheiro Ambiental é o elo na cadeia do desenvolvimento do homem na Terra, pois consegue estabelecer as condições ideais para a interação homem – natureza, na busca do desenvolvimento sustentável.

Observa-se a necessidade de formação de profissionais aptos a atender a esta necessidade e com visão voltada para o momento atual e para o futuro.

Além da necessidade de formação deste profissional, a oferta do curso se justifica pelo fato de se tratar de uma das profissões de maior demanda no século XXI e termos ainda poucos cursos de graduação em Engenharia Ambiental no Brasil para atender a esta demanda.

Esta demanda é crescente se considerarmos ainda o fato de as indústrias de vários setores estarem buscando uma atuação com responsabilidade, visando a uma certificação ambiental.

Desta forma, estima-se a abertura de inúmeros postos de trabalho para o Engenheiro Ambiental em todo o País, sendo uma das poucas áreas com oferta de trabalho maior do que aquela que o mercado atual é capaz de suprir, o que assegura a este profissional a oportunidade de efetiva atuação na área do curso.

O currículo do curso visa proporcionar ao aluno a participação efetiva na construção de competências necessárias à formação de um profissional reflexivo, que buscará aliar a formação teórica às demandas práticas do mercado de trabalho.

Engenheiro Ambiental

Os engenheiros ambientais são preparados para atuar à frente do desenvolvimento de tecnologias e processos que minimizem os impactos negativos ao meio ambiente, seguindo o modelo do desenvolvimento sustentável. Como principal atividade modificadora do meio ambiente, a Engenharia Ambiental é o meio para que as ações de minimização ou controle da poluição sejam efetivas e compatíveis com o nível de desenvolvimento pretendido pela sociedade.

O atual cenário é favorável aos novos profissionais, já que a viabilidade ambiental dos empreendimentos, somada aos aspectos técnico e econômico, recebe atenção crescente por parte do setor empresarial. A regularidade perante a legislação e a implantação de eficientes sistemas de gestão ambiental nas empresas tornaram-se poderoso instrumento de melhoria da imagem institucional junto à população, fator de impulso à atividade profissional e que reforça a sua importância para o desenvolvimento social com qualidade de vida.

O Mercado de Trabalho

O mercado para o engenheiro ambiental é bastante promissor, por se tratar de uma das profissões de maior demanda, no cenário atual, e por termos ainda poucos cursos de graduação em Engenharia Ambiental no Brasil, para atender a essa demanda.

O profissional desta área poderá atuar em empreendimentos que exigem avaliações de impacto ambiental, como as usinas termoelétricas e as indústrias de vários setores, que buscam uma atuação com responsabilidade, visando a uma certificação ambiental.

Diante desse quadro, estima-se a abertura de inúmeros postos de trabalho, nos setores público e privado, para o engenheiro ambiental em todo o País, sendo uma das poucas áreas em que a oferta de trabalho é maior do que aquela que o mercado atual é capaz de suprir, o que assegura a esse profissional a oportunidade de efetiva atuação na área do curso.

O que o Engenheiro Ambiental pode fazer:

Construção rural: projetar e construir estufas, silos, estábulos e outros alojamentos para animais, mantendo as condições ideais de climatização dos ambientes.

Eletrificação rural: instalar em propriedades rurais fontes de energia hidráulica, elétrica, solar ou geradas por biogás.

Engenharia de água e solos: construir açudes, barragens e sistemas de irrigação e drenagem.combater a erosão e pesquisar técnicas de conservação do ambiente.

Extensão rural e difusão de tecnologia: orientar produtores rurais sobre tecnologias e conhecimentos de produção segundo a capacidade produtiva da propriedade.

Mecanização agrícola: projetar e construir equipamentos mecânicos, bem como otimizar sistemas mecânicos para todas as etapas da produção agropecuária. Prestar assistência técnica aos agricultores.

Planejamento agropecuário: organizar e gerenciar negócios agropecuários. Fazer previsão de safras e propor métodos para gestão dos recursos naturais.

Tecnologia pos-colheita: determinar a embalagem, armazenamento, o transporte e o beneficiamento das safras.

Fonte: www.unoeste.br/www.unipam.edu.br

Conteúdo Relacionado

 

Veja também

Dermatologia

Dermatologia

PUBLICIDADE Definição A Dermatologia envolve, mas não se limita ao estudo, pesquisa e diagnóstico de doenças e …

Neurofisiologia

Neurofisiologia

PUBLICIDADE Definição Um ramo da neurociência que se preocupa com a fisiologia do sistema nervoso. …

Neurologista

Neurologista

PUBLICIDADE Definição Um neurologista é um médico especializado no tratamento de doenças do sistema nervoso. …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

300-209 exam 70-461 exam hp0-s41 dumps 640-916 exam 200-125 dumps 200-105 dumps 100-105 dumps 210-260 dumps 300-101 dumps 300-206 dumps 400-201 dumps Professor Messer's CompTIA N10-006 exam Network+