Breaking News
QUESTION 1 You have a hybrid Exchange Server 2016 organization. Some of the mailboxes in the research department are hosted on-premises. Other mailboxes in the research department are stored in Microsoft Office 365. You need to search the mailboxes in the research department for email messages that contain a specific keyword in the message body. What should you do? A. From the Exchange Online Exchange admin center, search the delivery reports. B. Form the on-premises Exchange center, search the delivery reports. C. From the Exchange Online Exchange admin SY0-401 exam center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. D. From the Office 365 Compliance Center, create a new Compliance Search. E. From the on-premises Exchange admin center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. Correct Answer: E QUESTION 2 You have an Exchange Server 2016 organization. You plan to enable Federated Sharing. You need to create a DNS record to store the Application Identifier (AppID) of the domain for the federated trust. Which type of record should you create? A. A B. CNAME C. SRV D. TXT Correct Answer: D QUESTION 3 Your company has an Exchange Server 2016 200-310 exam Organization. The organization has a four- node database availability group (DAG) that spans two data centers. Each data center is configured as a separate Active Directory site. The data centers connect to each other by using a high-speed WAN link. Each data center connects directly to the Internet and has a scoped Send connector configured. The company's public DNS zone contains one MX record. You need to ensure that if an Internet link becomes unavailable in one data center, email messages destined to external recipients can 400-101 exam be routed through the other data center. What should you do? A. Create an MX record in the internal DNS zone B. B. Clear the Scoped Send Connector check box C. Create a Receive connector in each data center. D. Clear the Proxy through Client Access server check box Correct Answer: AQUESTION 4 Your network contains a single Active Directory forest. The forest contains two sites named Site1 and Site2. You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains two servers in each site. You have a database availability group (DAG) that spans both sites. The file share witness is in Site1. If a power failure occurs at Site1, you plan to mount the databases in Site2. When the power is restored in Site1, you Cisco CCNP Security 300-207 exam SITCS need to prevent the databases from mounting in Site1. What should you do? A. Disable AutoReseed for the DAG. B. Implement an alternate file share witness. C. Configure Datacenter Activation Coordination (DAC) mode. D. Force a rediscovery of the EX200 exam network when the power is restored. Correct Answer: C QUESTION 5 A new company has the following: Two offices that connect to each other by using a low-latency WAN link In each office, a data center that is configured as a separate subnet Five hundred users in each office You plan to deploy Exchange Server 2016 to the network. You need to recommend which Active Directory deployment to use to support the Exchange Server 2016 deployment What is the best recommendation to achieve the goal? A. Deploy two forests that each contains one site and one site link. Deploy two domain controllers to each forest. In each forest configure one domain controller as a global catalog server B. Deploy one forest that contains one site and one site link. Deploy four domain controllers. Configure all of the domain controllers as global catalog servers. C. Deploy one forest that contains two sites and two site links. Deploy two domain controllers to each site in each site, configure one domain controller as a global catalog server D. Deploy one forest that contains two sites and one site link. Deploy two domain controllers to each site. Configure both domain controllers as global catalog servers Correct Answer: C QUESTION 6 How is the IBM Content Template Catalog delivered for installation? A. as an EXE file B. as a ZIP file of XML files C. as a Web Appli cati on Archive file D. as a Portal Application Archive file Correct Answer: D QUESTION 7 Your company has a data center. The data center contains a server that has Exchange Server 2016 and the Mailbox server role installed. Outlook 300-101 exam anywhere clients connect to the Mailbox server by using thename outlook.contoso.com. The company plans to open a second data center and to provision a database availability group (DAG) that spans both data centers. You need to ensure that Outlook Anywhere clients can connect if one of the data centers becomes unavailable. What should you add to DNS? A. one A record B. two TXT records C. two SRV records D. one MX record Correct Answer: A QUESTION 8 You have an Exchange Server 2016 EX300 exam organization. The organization contains a database availability group (DAG). You need to identify the number of transaction logs that are in replay queue. Which cmdlet should you use? A. Test-ServiceHealth B. Test-ReplicationHealth C. Get-DatabaseAvailabilityGroup D. Get-MailboxDatabaseCopyStatus Correct Answer: D QUESTION 9 All users access their email by using Microsoft Outlook 2013 From Performance Monitor, you discover that the MSExchange Database\I/O Database Reads Average Latency counter displays values that are higher than normal You need to identify the impact of the high counter values on user connections in the Exchange Server organization. What are two client connections 400-051 exam that will meet performance? A. Outlook on the web B. IMAP4 clients C. mobile devices using Exchange ActiveSync D. Outlook in Cached Exchange ModeE. Outlook in Online Mode Correct Answer: CE QUESTION 10 You work for a company named Litware, Inc. that hosts all email in Exchange Online. A user named User1 sends an email message to an Pass CISCO 300-115 exam - test questions external user User 1 discovers that the email message is delayed for two hours before being delivered. The external user sends you the message header of the delayed message You need to identify which host in the message path is responsible for the delivery delay. What should you do? A. Review the contents of the protocol logs. B. Search the message tracking logs. C. Search the delivery reports 200-355 exam for the message D. Review the contents of the application log E. Input the message header to the Exchange Remote Connectivity Analyzer Correct Answer: E QUESTION 11 You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains three Mailbox servers. The servers are configured as shown in the following table You have distribution group named Group1. Group1 contains three members. The members are configured as shown in the following table. You discover that when User1 sends email messages to Group1, all of the messages are delivered to EX02 first. You need to identify why the email messages sent to Group1 are sent to EX02 instead. What should you identify? A. EX02 is configured as an expansion server. B. The arbitration mailbox is hosted 300-320 exam on EX02.C. Site2 has universal group membership caching enabled. D. Site2 is configured as a hub site. Correct Answer: A
Home / Curiosidades / História da Kodak

História da Kodak

PUBLICIDADE

A partir do final dos anos 1800 a 1980, a Kodak dominou o mercado de fotografia do consumidor – um ícone inovador e admirável da indústria americana.

Com o slogan “Você aperta o botão, nós fazemos o resto”, George Eastman coloca a primeira câmera simples nas mãos de uma infinidade de consumidores em 1888.

Dessa forma, ele tornou um processo de sujeira e complicações em algo simples, fácil de usar e acessível para praticamente qualquer pessoa.

Desde então, a Eastman Kodak Company percorre seu caminho com uma abundância de novos produtos e processos para simplificar ainda mais a fotografia, tornando-a mais útil e divertida.

Na verdade, a Kodak de hoje é conhecida não apenas pelas fotografias que proporciona, mas também pelas imagens usadas em uma variedade de aplicações de lazer, entretenimento e nas áreas comercial e científica. Seu alcance envolve cada vez mais o uso de tecnologias que combinam imagens e informações, criando um potencial de mudanças profundas na maneira como as pessoas e os negócios interagem.

Assim como Eastman traçou sua meta, a de tornar a fotografia “tão conveniente quanto um lápis”, a Kodak continua a expandir a maneira como as imagens tocam as pessoas em seu dia-a-dia. A empresa está entre as grandes corporações multinacionais do mercado, com sua marca reconhecida em praticamente todos os países do mundo.

George Eastman

História da Kodak
George Eastman

Ele deixou a escola, pois fora considerado um estudante “sem muitos talentos” ao ser avaliado pelas normas acadêmicas da época. Pobre e ainda jovem assumiu a responsabilidade de cuidar de sua mãe, viúva, e de suas duas irmãs, uma delas deficiente.

Iniciou sua carreira aos 14 anos de idade como office boy em uma companhia de seguros e depois trabalhou como atendente em um banco local.

Ele era George Eastman, e sua habilidade em superar adversidades financeiras, seu talento em organização e administração, e sua mente inventiva fez dele um empresário bem-sucedido quando ainda em seus 20 anos de idade, capacitando-o para dirigir sua empresa, a Eastman Kodak Company, uma das maiores empresas norte-americanas.

Mas construir uma multinacional e tornar-se um dos industriais mais importantes do país exigiram dedicação e sacrifícios. E isso não foi fácil.

Infância

O mais jovem de três filhos, George Eastman nasceu em 12 de julho de 1854, filho de Maria Kilbourn e George Washington Eastman, no vilarejo de Waterville, a uns 30 quilômetros ao sul de Utica, no estado de Nova York. A casa de Eastman fora a mesma onde seu pai nascera, e nela ele passou parte de sua infância.

Hoje, a casa encontra-se no Genesee Country Museum em Mumford, Nova York, nas proximidades de Rochester.

Quando George tinha cinco anos de idade, seu pai mudou-se com a família para Rochester. Lá, o Sr. Eastman devotou sua energia para criar o Eastman Commercial College. Mas aconteceu uma tragédia. O pai de George faleceu, a escola faliu e a família viu-se em grandes dificuldades financeiras.

George continuou a freqüentar a escola até os 14 anos de idade. Então, forçado pelas circunstâncias, teve que começar a trabalhar.

Seu primeiro emprego, como mensageiro em uma companhia de seguros, rendia-lhe US$ 3 por semana. Um ano depois, ele passou a ser office boy em uma outra companhia de seguros. Por sua própria iniciativa, começou a cuidar do arquivo de apólices, e até mesmo a redigi-las. Seu salário passou para US$ 5 por semana.

Mas mesmo com esse aumento de salário, seus rendimentos não eram suficientes para cobrir os gastos da família. Começou então a estudar contabilidade em casa para conseguir um trabalho melhor.

Em 1874, após cinco anos trabalhando em companhias de seguros, ele foi contratado como atendente júnior no Rochester Savings Bank. Seu salário triplicou, passando para mais de US$ 15 por semana.

Os passos de um amador

História da Kodak
Auto-retrato em filme experimental

Quando Eastman estava com 24 anos de idade, planejou uma viagem de férias para Santo Domingo. Quando um colega de trabalho sugeriu que ele registrasse a viagem, Eastman comprou um equipamento fotográfico com toda a parafernália de chapas úmidas que vogavam na época.

A câmera era tão grande quanto um forno de microondas e precisava de um pesado tripé. Ele também precisava de uma tenda para poder passar a emulsão fotográfica nas chapas de vidro para expô-las e revelá-las antes que secassem. Havia ainda químicos, tanques de vidro, pesados suportes de placas e uma jarra de água. Todo o equipamento “era uma carga de mula”, como ele mesmo descrevera. E para aprender a fotografar ele gastou US$ 5.

Eastman não fez sua viagem a Santo Domingo. Porém, ficou totalmente absorvido pela fotografia e buscou modos de simplificar todo aquele complicado processo.

Ele leu em revistas inglesas que os fotógrafos estavam fazendo suas próprias emulsões de gelatina. As chapas revestidas com essa emulsão permaneciam sensíveis após a secagem e podiam ser expostas para leitura. Usando uma fórmula tirada de periódicos ingleses, Eastman começou a fazer emulsões de gelatina.

Ele trabalhava no banco durante o dia e fazia seus experimentos à noite, na cozinha de sua mãe. Sua mãe dizia que por vezes Eastman estava tão cansado que nem mesmo conseguia despir-se, e dormia enrolado em um cobertor no chão da cozinha, ao lado do fogão.

Após três anos fazendo seus experimentos em fotografia, Eastman obteve uma fórmula que funcionava. Em 1880, ele não só tinha apenas inventado a fórmula para chapas secas, mas também havia patenteado uma máquina para preparo de chapas em grandes quantidades. Ele rapidamente vislumbrou a possibilidade de fazer chapas secas e vendê-las para outros fotógrafos.

O nascimento da empresa

História da Kodak
O primeiro escritório de Eastman foi no terceiro andar deste prédio na State Street, em Rochester

Em abril de 1880, Eastman alugou o terceiro andar de um prédio na State Street, em Rochester, e começou a fabricar chapas secas para vender. Uma de suas primeiras aquisições foi uma máquina de segunda mão pela qual pagou US$ 125.

“Na verdade, eu precisava de apenas um cavalo de força”, disse ele mais tarde. “Aquela máquina tinha dois cavalos de força, mas considerei a possibilidade do negócio crescer. Valia a pena, e então arrisquei.”

Conforme sua empresa crescia, enfrentou pelo menos um colapso, quando as chapas secas se deterioraram nas mãos dos distribuidores. Eastman recolheu todas do mercado e as substituiu por chapas novas. “Refazer aquelas chapas consumiu até meu último dólar”, disse ele.

“Mas o que nos restou foi o mais importante: a nossa reputação.”

“Uma idéia brotou em mim gradualmente”, disse mais tarde. “O que estávamos fazendo ali não eram meras placas secas, mas sim, estávamos tornando a fotografia algo do dia-a-dia.” Ou, como ele descreveu, de forma mais sucinta, estavam tornando a fotografia “tão conveniente quanto um lápis”.

Os experimentos de Eastman eram direcionados ao uso de um suporte mais leve e flexível do que vidro. Sua primeira tentativa foi usar papel e revesti-lo com emulsão fotográfica e depois carregar o papel em um suporte de rolo. O suporte era usado nas câmeras em lugar dos suportes para chapas de vidro.

As primeiras propagandas do filme, em 1885, diziam que “em breve, será lançado um novo filme sensível que se mostrará um conveniente e econômico substituto das chapas secas de vidro para trabalhos ao ar livre e em estúdio”.

O sistema de fotografia usando suportes de rolos foi sucesso imediato. Contudo, o papel não era totalmente satisfatório ao se trabalhar com emulsões, pois seus grãos eram reproduzidos na fotografia.

A solução de Eastman foi revestir o papel com uma camada de gelatina solúvel e por cima desta uma camada de gelatina não-solúvel sensível à luz. Após a exposição e revelação, a gelatina que trazia a imagem era removida do papel, transferida para uma folha de gelatina transparente e recoberta com colódio – uma solução de celulose que forma uma película firme e flexível.

Conforme aperfeiçoava o filme transparente em rolo e o suporte para rolo, Eastman redirecionou completamente seu trabalho e definiu a base de sucesso de seu negócio em fotografia amadora.

Mais tarde ele disse: “Quando começamos a montar a fotografia em filme, esperávamos que todos os usuários de chapas de vidro mudassem para filmes. Mas nos demos conta de que esse número não era tão alto quanto pensávamos. Para poder aumentar o negócio, tínhamos que atingir o grande público”.

Publicidade

História da Kodak
Uma das primeiras propagandas com o slogan criado por Eastman

A crença de Eastman na importância da propaganda, tanto para a empresa quanto para o público, era total.

Os primeiros produtos Kodak foram anunciados nos grandes jornais e periódicos da época, e Eastman redigia suas próprias propagandas.

Eastman criou o slogan “Você aperta o botão, nós fazemos o resto” ao lançar a câmera Kodak em 1888, e em um ano essa frase ficou conhecida por todos.

Mais tarde, com agências publicitárias desenvolvendo suas idéias, revistas, jornais, cartazes e outdoors exibiam a marca Kodak.

Participações em exibições em todo o mundo e a “Garota Kodak”, com seu sorriso e diferentes estilos de roupas e câmeras a cada ano, conquistaram os fotógrafos em toda parte. Em 1897, a palavra “Kodak” brilhava em um painel luminoso na Trafalgar Square em Londres, um dos primeiros painéis desse tipo usado em publicidade.

Hoje, as propagandas da empresa aparecem em todo o mundo e a marca “Kodak”, criada pelo próprio Eastman, é antiga conhecida de praticamente todos.

A palavra “Kodak” foi registrada como marca comercial em 1888. De tempos em tempos, novas especulações eram feitas sobre como o nome fora originado.

Mas a verdade é que Eastman simplesmente inventou a palavra do nada.

Ele explicou: “Eu vislumbrei o nome. A letra “K” sempre foi minha favorita – uma letra incisiva. Foi apenas uma questão de combinar algumas letras, sempre começando e terminando com ‘K’.

E o resultado foi a palavra ‘Kodak‘”.

A cor amarela da Kodak, também escolhida por Eastman, é reconhecida em todo o mundo, um dos maiores patrimônios da empresa.

Graças ao gênio criativo de Eastman, hoje, qualquer pessoa pode tirar fotos com o simples pressionar de um botão. Ele fez de todos nós fotógrafos potenciais.

Beneficiando seus colaboradores

Além de seu gênio criativo, Eastman tinha em si qualidades humanas e democráticas, com uma visão marcante de como construir seu negócio. Ele acreditava que os funcionários mereciam algo mais do que salários justos – uma maneira de pensar muito além da visão empresarial de sua época.

Logo no início de seu negócio, Eastman começou a planejar uma forma de colocar “dividendos no salário” de seus funcionários. Sua primeira atitude foi, em 1899, distribuir uma soma substancial de seu próprio dinheiro – um presente – a cada pessoa que trabalhava com ele.

Mais tarde, ele estabeleceu o “Salário Dividendo”, em que o empregado recebia benefícios além de seu salário proporcionalmente aos dividendos anuais das ações da empresa. O Salário Dividendo era uma inovação, representando uma grande parte da distribuição dos ganhos líquidos da empresa.

Eastman sentiu que a prosperidade da organização não estava, necessariamente, vinculada a invenções e patentes, mas sim à boa-vontade e lealdade de seus colaboradores, que por sua vez eram beneficiados com a participação nos lucros de seu trabalho.

Em 1919, Eastman deu um terço de suas ações da empresa, na época valendo US$ 10 milhões, a seus funcionários.

Mais tarde ele lançou aquilo que, a seu ver, era sua responsabilidade com seus colaboradores: o estabelecimento de programas de aposentadoria, seguro de vida e pecúlio por invalidade. Com esses benefícios e o Salário Dividendo, os funcionários poderiam vislumbrar um futuro mais seguro.

Carl W. Ackerman, biógrafo, escreveu em 1932: “O Sr. Eastman fora um gigante em sua época. Sua filosofia social, a qual empregou ao construir sua empresa, não estava apenas além do pensamento da época, mas permaneceu na vanguarda nos anos que se seguiram, e passarão outros tantos anos até que seja reconhecida e aceita em sua totalidade”.

Doando sua fortuna

Eastman é quase tão conhecido por seus atos filantrópicos quanto é conhecido por seu trabalho pioneiro em fotografia. Tanto nesse campo como em outros, ele direcionou seu trabalho com o entusiasmo de um colegial.

Ele começou a doar a instituições sem fins lucrativos quando seu salário era de US$ 60 por semana, oferecendo uma doação de US$ 50 a um estabelecimento recém-formado que lutava para se estabelecer, o Instituto de Mecânica de Rochester, hoje conhecido como Instituto de Tecnologia de Rochester.

Ele admirava também o Instituto de Tecnologia de Massachusetts (M.I.T.), porque alguns de seus colaboradores haviam estudado ali, os quais se tornaram seus melhores assistentes.

Essa admiração, após grandes considerações, traduziu-se em um generoso presente ao M.I.T.: US$ 20 milhões. A doação foi feita anonimamente por alguém de nome “Smith” e, por muitos anos, a identidade do “Sr. Smith” foi especulada e até mesmo mencionada em uma das populares canções do M.I.T.

A área odontológica também era de grande interesse para Eastman. Ele idealizou programas completos e apoio financeiro de US$ 2,5 milhões para os serviços odontológicos de Rochester. Depois, iniciou um programa odontológico preventivo em grande escala para crianças. Os programas odontológicos também foram aplicados em Londres, Paris, Roma, Bruxelas e Estocolmo.

Ao ser questionado por que havia favorecido a área odontológica, ele respondeu: “Os resultados do dinheiro aplicado são maiores do que em outros programas filantrópicos. É fato médico que crianças com boa aparência, boa saúde, dentes fortes e nariz, garganta e boca bem cuidados desde cedo têm mais chances na vida”.

Eastman adorava a música e queria que outros desfrutassem de seus prazeres e de suas maravilhas. Assim, criou e subsidiou a Eastman School of Music, um teatro e a orquestra sinfônica. “É relativamente fácil empregar músicos talentosos. Mas é impossível comprar o gosto pela música. Assim, sem pessoas que possam apreciar os prazeres da música por apreciarem a música elas mesmas, qualquer tentativa de desenvolver recursos musicais em qualquer lugar do mundo estará fadada ao insucesso” disse ele. Assim, seu plano seguiu uma fórmula prática para expor o público à música, resultado que se vê em Rochester, que por décadas tem sua própria orquestra filarmônica.

O interesse de Eastman por hospitais e pela área odontológica cresceu ainda mais com seus estudos nesses campos. Ele promoveu e deu vida a um programa para desenvolver uma escola de medicina e hospital na Universidade de Rochester, tornando-se tão proeminente quanto a escola de música da universidade. Rochester está repleta de marcos de Eastman, que contribuíram para o enriquecimento social da comunidade.

Sua preocupação genuína com a educação dos afro-americanos concretizou-se no Instituto de Hampton e no Instituto de Tuskegee. Um dia, em 1924, Eastman assinou uma doação de US$ 30 milhões para a Universidade de Rochester, M.I.T., Hampton e Tuskegee.

Quando repouso a caneta na mesa, disse: “Agora me sinto melhor”.

Ao explicar as grandes somas doadas, ele disse: “O progresso do mundo depende quase que exclusivamente da educação. Selecionei um número limitado de beneficiados porque desejo cobrir certos tipos de educação e percebi que com os escolhidos eu veria um retorno mais rápido e direto do que se espalhasse o dinheiro aos quatro cantos”.

De alguma forma, Eastman fazia com que os beneficiários dessem sua contribuição, de forma que a instituição tivesse segurança para manter-se por si só. Para ele, abundância e prosperidade ofereciam melhores oportunidades para servir.

Horas de lazer

História da Kodak
George Eastman relaxando em sua biblioteca

Eastman era uma pessoa reticente e evitava publicidade.

É um paradoxo que um homem cujo nome seja considerado sinônimo de fotografia apareça tão pouco em fotos em comparação aos grandes líderes de seu tempo. Ele podia andar pelas ruas de Rochester sem ser reconhecido.

Eastman viveu sua filosofia: “O que fazemos nas nossas horas de trabalho determina o que temos; o que fazemos em nossas horas de lazer determina o que somos”. Um concorrente de peso, difícil de abater e prático nos negócios, ele era uma pessoa gentil em casa e com os amigos nos momentos de distração.

Em suas primeiras viagens à Europa, ele visitava metodicamente as galerias de arte, e muitas vezes locomovia-se de bicicleta de um lugar para o outro.

Quando pôde adquirir obras de arte, ele já havia aprendido o suficiente para poder dizer: “Eu nunca comprarei um quadro sem antes tê-lo em casa, no meu convívio”.

O resultado: sua casa transformou-se em uma galeria de arte, com um dos mais belos acervos particulares de arte.

A visão de um pioneiro

Ela era um homem modesto e despretensioso… um inventor, um comerciante, um visionário, um filantrópico… O campeão do envolvimento.

Eastman morreu por suas próprias mãos no dia 14 de março de 1932 aos 77 anos de idade. Atacado por uma desabilidade progressiva resultante do endurecimento das células das vértebras inferiores, Eastman sentiu-se extremamente frustrado pela impossibilidade de manter uma vida ativa e decidiu resolver o problema a seu modo.

“Eastman foi um fator estupendo na educação do mundo moderno”, dizia um editorial no jornal New York Times após seu falecimento. “O que ele conquistou com seus talentos inatos, ele devolveu generosamente raça humana para seu próprio proveito: amparo à música, subsídios ao aprendizado, apoio à pesquisa e ensinamentos científicos, e promoção da saúde e do bem-estar da humanidade, ajudando os menos favorecidos na sua luta em busca de uma vida melhor, transformando sua própria cidade em um centro artístico e glorificando seu país perante o mundo.”

Consolidando a Base

Primeiros anos

Em 1879, Londres era o centro do mundo da fotografia e dos negócios. George Eastman foi para lá para obter a patente de sua máquina de revestimento de chapas. A patente americana foi concedida no ano seguinte.

Em 1880, ele iniciou a fabricação comercial de placas secas. O sucesso de tal empreendimento impressionou tanto o homem de negócios Henry A. Strong, que ele decidiu investir algum dinheiro naquele jovem.

Em 1º de janeiro de 1881, Eastman e Strong formaram uma parceria chamada Eastman Dry Plate Company. No fim daquele mesmo ano, Eastman deixa seu emprego no Rochester Savings Bank para devotar-se em tempo integral à nova empresa e seus negócios. Ao mesmo tempo que administrava todas as atividades da companhia, ele continuava suas pesquisas buscando simplificar a fotografia.

Em 1883, Eastman surpreendeu o mundo dos negócios ao anunciar o filme em rolo com suporte adaptável para quase todas as câmeras com chapa no mercado.

Em 1888, com a câmera KODAK, ele sedimentou a base da fotografia acessível a todos.

A câmera KODAK, pré-carregada com filme suficiente para 100 poses, podia ser transportada e operada com facilidade. Seu preço era de US$ 25. Após a exposição, toda a câmera era retornada a Rochester. Lá, o filme era revelado, as cópias eram impressas e um novo filme era inserido – tudo por US$ 10.

Em 1884, a sólida parceria de Eastman e Strong resultou na nova empresa Eastman Dry Plate and Film Company, com 14 acionistas. E, sucessivamente, em 1889, foi formada a Eastman Company.

A partir de 1892, a empresa foi chamada Eastman Kodak Company, quando da formação da Eastman Kodak Company de Nova York. Em 1901, a atual Eastman Kodak Company de Nova Jersey foi fundada de acordo com as leis do estado de Nova Jersey.

Eastman construiu seu empreendimento com base em quatro princípios:

Produção em massa a baixo custo
Distribuição internacional
Extensivas campanhas publicitárias
Foco no consumidor

Para ele, esses quatros princípios estavam fortemente relacionados. A produção em massa não poderia ser justificada sem uma ampla distribuição. E a distribuição, por sua vez, precisava do suporte de uma forte campanha publicitária. Desde o princípio, ele infundiu na empresa a convicção de que atender às necessidades e aos desejos dos consumidores era o único caminho para o sucesso do empreendimento.

E a seus princípios empresariais básicos, ele incluiu estas políticas:

Fomentar o crescimento e desenvolvimento através de pesquisas contínuas
Tratar os funcionários de forma justa e respeitosa
Reinvestir os lucros na construção e extensão dos negócios

A história da Kodak se fez com base no desenvolvimento desses princípios e políticas.

Produção em massa a baixo custo 

Desde o princípio da empresa, Eastman devotou-se a seu ideal: fornecer ferramentas para fotografia ao preço mais baixo possível ao maior número de pessoas.

O rápido crescimento dos negócios fez da produção em larga escala uma necessidade. A criação de ferramentas inovadoras para fabricação de filmes possibilitou nova empresa oferecer mercadorias de alta qualidade a preços que as colocava ao alcance do público em geral.

Em 1896, a câmera KODAK de Nº 100.000 foi fabricada, e uma média de 650 quilômetros de filmes e papéis era fabricada por mês.

Naquela época, a câmera de bolso KODAK era vendida a US$ 5. Ainda não satisfeito, Eastman trabalhou no desenvolvimento de uma câmera que operasse com simplicidade e eficiência ao preço de US$ 1. O resultado de seus esforços foi o lançamento, em 1900, da primeira de uma longa série de câmeras populares, a BROWNIE.

Distribuição mundial

Quando Eastman iniciou seus negócios em chapas secas, em 1880, eram muitos os europeus interessados em fotografia, porém limitando-se quase que exclusivamente a profissionais.

Eastman reconheceu o potencial do mercado mundial para os fotógrafos amadores. Depois de apenas cinco anos após a fundação da Eastman Dry Plate and Film Company nos EUA, foi aberto um escritório de vendas em Londres.

Nos anos que se seguiram, particularmente após o lançamento da câmera KODAK e dos métodos simplificados de Eastman, a captura de fotos popularizou-se, com centenas de milhares de amadores.

Em 1889, a Eastman Photographic Materials Company, Limited foi criada em Londres, Inglaterra, para operar a distribuição de produtos Kodak fora dos EUA.

No início, todos os produtos eram fabricados em Rochester. E não muito depois, a demanda nacional e internacional exigiu novas unidades de produção.

A construção da fábrica em Harrow, Inglaterra, nas proximidades de Londres, foi concluída em 1891. Em 1900, centros de distribuição foram estabelecidos na França, Alemanha, Itália e outros países da Europa. Uma unidade no Japão estava sendo considerada ao mesmo tempo em que a unidade do Canadá era construída, originando a Canadian Kodak Company, Limited.

Hoje, a Kodak estabeleceu suas operações de manufatura na América do Norte, América do Sul, Europa e Ásia, e os produtos Kodak estão disponíveis em praticamente todos os países do globo.

Expandindo o Impacto da Fotografia

Quando George Eastman colocou no mercado seu primeiro filme transparente em rolo, em 1889, criou-se um grande impacto entre consumidores e fotógrafos profissionais.

Isso possibilitou que o inventor Thomas Edison desenvolvesse, em 1891, a primeira câmera cinematográfica, e, em 1896, a Kodak começou a comercializar o filme especialmente revestido para uso no cinema.

Esses são apenas alguns exemplos do papel que a Kodak desempenhou em diferentes segmentos da indústria.

Cinema

História da Kodak
George Eastman e Thomas Edison em 1928

Hoje, o filme Kodak continua a registrar a ação na grande maioria dos sets cinematográficos em todo o mundo, sendo usado amplamente na impressão dos filmes exibidos nos cinemas de todo o mundo.

Desde a concepção da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, todos os ganhadores do prêmio de “Melhor Filme” foram gravados com filmes Kodak.

E a empresa recebeu oito estatuetas do Oscar por sua excelência técnica e científica.

Isso é mais do que qualquer empresa que não carrega o título de estúdio cinematográfico já recebeu, porém sem surpresas, considerando-se o quanto a Kodak se envolveu em inovações tecnológicas em toda a história da indústria cinematográfica.

A Kodak:

História da Kodak
A Kodak ganhou oito Prêmios da Academia

Comercializou seu primeiro filme desenvolvido para fazer filmes “falados”, em 1929.

Recebeu o Oscar, em 1949, pelo filme seguro com base de acetato (lançado em 1948) desenvolvido para a indústria cinematográfica. Isso eliminou um grande problema de segurança, marcado pela inflamabilidade dos filmes com base de nitrato que substituiu, ajudando também a preservar a integridade dos filmes por períodos mais extensos.

Recebeu outro Oscar pelos filmes negativos coloridos e pelos filmes para impressão Eastman (lançados em 1950), que ajudaram a popularizar os filmes coloridos no cinema e na televisão.

Lançou a tecnologia de emulsão avançada com os produtos para filme negativo colorido Eastman EXR, em 1989. Isso deu aos cineastas uma significante flexibilidade criativa, oferecendo maior latitude para subexposição, cores reais em luz fluorescente e incrível nitidez.

História da Kodak
Filme negativo colorido Vision2

A Kodak continua a estabelecer os limites em termos de qualidade e resultados com seus filmes cinematográficos. Em 2002, foi lançado o filme Kodak Vision2, o primeiro de uma série de produtos desenvolvidos para trabalhar com os sistemas de pós-produção tanto em filme quanto digital, oferecendo menos granulação, melhores detalhes em áreas de sombras e maior neutralidade s cores e aos matizes.

A unidade Cinesite da Kodak está engajada no desenvolvimento de efeitos especiais digitais e outros serviços de pós-produção que são importantes na criação de filmes para o cinema. No início de 1990, com a unidade Cinesite, foi feita a restauração digital do clássico “Branca de Neve e os Sete Anões” e, desde então, com esta mesma unidade foram criados efeitos digitais para mais de 200 filmes, programas de televisão, comerciais e vídeos de música. Em 2003, com a aquisição da Laser-Pacific Media Corporation, a Kodak expandiu ainda mais sua oferta de serviços de pós-produção.

Caminhando em direção ao futuro, o filme permanece a principal mídia na captura e projeção cinematográfica. Mas em resposta ao desejo dos consumidores, a Kodak continuou a trabalhar no desenvolvimento de soluções digitais de alta qualidade.

Em 2003, a empresa lançou o sistema de operação de cinema digital Kodak para exibição de publicidades apresentadas na introdução dos filmes nos cinemas.

Um ano depois, a Kodak apresentou o CineServer, que oferece total suporte projeção digital dos filmes apresentados.

Saúde

História da Kodak
A primeira radiografia foi da mão da Sra. Roentgen

Papel fundamental da empresa no desenvolvimento do setor de imagens para a saúde começou menos de um ano após a descoberta dos raios X por Wilhelm Roentgen, em novembro de 1895.

Em 1896, a Kodak lançou sua primeira mídia de captura – o papel fotográfico – designada especificamente para a captura de imagens em raios X. Em 1914, a empresa contratou dois especialistas em radiografia para resolver problemas técnicos dos clientes e, em 1929, o departamento técnico contava com 26 colaboradores.

Conforme o negócio crescia, a Kodak adaptou seu filme e tecnologia em imagem para atender as necessidades especiais do setor médico. Durante a Segunda Guerra Mundial, por exemplo, a empresa idealizou filmes para detectar a exposição à radiação no pessoal que estava desenvolvendo a bomba atômica. Durante todas estas décadas, foram desenvolvidos outros filmes com características especiais para aplicações em cardiologia, odontologia, mamografia e oncologia (tratamento radioativo do câncer).

História da Kodak
Processadora de filme KODAK X-Omat, 1956

Nesse período, processos inovadores melhoraram tanto a qualidade quanto a acessibilidade das imagens em raios X e radiográficas. Em 1956, a processadora X-Omat da Kodak já produzia radiografias finalizadas em apenas seis minutos – e menos de uma década depois, esse tempo foi reduzido para meros 90 segundos.

Com a aquisição do negócio de imagens médicas da Imation, em 1998, a Kodak incorporou os filmes de processamento seco a seu portfolio. Esses sistemas secos podem imprimir imagens em filme de fontes de imagens médicas digitais, como tomografia computadorizada e imageadoras de ressonância magnética.

Mais recentemente, os desenvolvimentos na tecnologia de imagens para a saúde incluem sistemas de radiografia computadorizada (CR), sistemas de radiografia digital (DR) e sistemas de comunicação e arquivamento de imagens (PACS). O sistema PACS auxilia os hospitais no arquivamento, gerenciamento, visualização e compartilhamento de uma variedade de imagens médicas digitais. Isso possibilita aos médicos em diferentes localidades rever imagens e analisar diagnósticos e tratamentos.

Além disso, a Kodak desenvolveu filmes e produtos para análise de imagens para cientistas pesquisadores da área biomolecular.

Em 2007, a Kodak vendeu a sua área Health Group para focar mais nos negócios de imagens ao consumidor e às empresas. O antigo Health Group agora opera com o nome de Carestream Health, Inc., uma unidade de negócios da Onex Corporation.

Imagens para documentos

Dada sua experiência em serviços bancários, não foi de se estranhar que, em 1928, a nova subsidiária Recordak do jovem George Eastman lançasse o primeiro sistema de microfilmagem desenvolvido para simplificar controles bancários.

A microfilmagem envolve fotografar documentos em tamanhos extremamente reduzidos com o propósito de arquivamento.

Em 1931, a Recordak já havia automatizado o processo, movendo o filme em sincronismo com a alimentação dos documentos em um tambor giratório. Isso permitia que documentos de qualquer comprimento fossem filmados.

Nas décadas que se seguiram, a tecnologia continuou a avançar e a microfilmagem tornou-se um procedimento comum em várias áreas de extensivo manejo de documentos, como seguradoras, bibliotecas, agências do governo e transportes.

Durante a Segunda Guerra Mundial, a Kodak e seu centro de operações no Reino Unido, a Kodak Limited, adaptaram a tecnologia de microfilmagem para criar um sistema de filmagem das cartas enviadas aos soldados. O “V-mail”, como era chamado, foi idealizado para preservar espaço de transporte para os materiais de guerra. Com ele, era possível transportar o conteúdo correspondente a 37 bolsas de correio em apenas uma. Durante seus três anos de uso, mais de meio milhão de v-mails foram recebidos pelas tropas.

História da Kodak
Copiadora Ektaprint 235

Crescendo com o sucesso da micrografia e os avanços da eletrofotografia, a Kodak expandiu sua presença na área de imagens em 1975, ao lançar no mercado a copiadora. Seu primeiro produto, a copiadora-duplicadora Kodak Ektaprint 100, oferecia cópias de alta velocidade em papel regular de alta qualidade.

A empresa permaneceu no negócio de copiadoras por mais de 20 anos e continua envolvida com a eletrofotografia através da família NexPress de prensas digitais.

A Kodak marca presença na área de administração de documentos através de sistemas avançados de microfilmagem e de uma bem-sucedida linha de scanners para documentos.

Impressão e editoração

Embora desde o princípio de sua fundação a Kodak forneça materiais para uso na indústria de impressão, a primeira venda de materiais da empresa designada para a indústria de impressão se deu em 1912. Naquele ano, George Eastman adquiriu a Wratten and Wainwright, com sede em Londres, empresa que produzia materiais para fotografia para impressão comercial.

Nas décadas que se seguiram, o nome Kodak ficou cada vez mais conhecido na indústria de impressão.

Hoje, as tecnologias da Kodak chegam a cerca de 40% das páginas impressas comercialmente em todo o mundo.

Esse sucesso se dá a vários marcos atingidos no setor.

Em 1929, a empresa lançou os materiais Kodalith de alto contraste, facilitando o preparo de meios-tons para impressão. Antes disso, as impressoras usavam chapas de vidro úmidas de colódio, as quais precisavam ser revestidas.

No meio da década de 1930, os pesquisadores da Kodak projetaram e construíram o primeiro scanner com separação eletrônica de cores para o preparo de imagens para impressão.  scanner foi vendido a uma subsidiária da Time, Inc., e essa versão foi usada na produção das seções coloridas das revistas Time-Life.

Nas décadas de 1950 e 1960, a Kodak desempenhou um papel fundamental na explosão das cores em revistas e livros. A empresa pesquisou sistemas de impressão colorida de alta qualidade e, através de vários cursos, conferências e apresentações de produtos, mostrou ao setor como separar, mascarar e corrigir cores.

Quando a eletrônica foi inserida às máquinas de composição, na década de 1960, a Kodak forneceu os primeiros filmes e papéis para fotocomposição em alta velocidade. Nos anos que se seguiram, a Kodak continuou a lançar novas gerações de filmes e placas de impressão para artes gráficas que proporcionavam s impressoras comerciais maior qualidade e conveniência.

Nos anos 90, a Kodak foi a primeira a comercializar chapas de impressão digital com sensibilidade a raios infravermelhos – ou térmica. Isso possibilitou a marcante qualidade das impressões offset de hoje, sendo o produto pioneiro das chapas térmicas Kodak líderes do setor. A Kodak também lançou o primeiro sistema digital de prova de cores em meios-tons, o sistema Kodak Approval, possibilitando a verificação final de qualidade sem a necessidade de provas.

Na década de 1990, a Kodak formou duas joint ventures.

Em 1997, a Kodak e a Sun Chemical formaram a Kodak Polychrome Graphics. A KPG tornou-se a maior provedora do mundo de bens de consumo para pré-impressão (chapas de impressão, filmes, produtos de prova e químicos).

Em 1998, a Kodak e a Heidelberg Druckmachinen formaram a NexPress Solutions LLC. Essa associação atendeu o crescente mercado de impressões coloridas de dados variáveis e imediatos, proporcionando impressões de alta qualidade em alta velocidade de brochuras e outros materiais personalizados.

Esses negócios incorporaram-se à empresa e continuam a desempenhar papel significativo no crescimento dos negócios em comunicações gráficas da Kodak.

Em 2005, a empresa também adquiriu a Creo Inc, fornecedora de primeira categoria de pré-prensas e sistemas de trabalho usados em impressoras comerciais em todo o mundo.

Exploração do espaço

A Kodak trabalhou com a NASA em missões de sensoriamento remoto e ciência espacial por mais de 40 anos. Quando John Glenn tornou-se o primeiro astronauta americano a entrar na órbita da Terra, o filme Kodak capturou suas reações e emoções ao viajar no espaço a uma velocidade de 28 mil quilômetros por hora.

Quando Glenn voltou ao espaço, mais de 35 anos depois, ele operou uma câmera digital modificada da Kodak para documentar a histórica missão espacial.

A empresa também se envolveu em outros grandes momentos históricos.

Na metade dos anos 60, a NASA lançou uma série de cinco espaçonaves Lunar Orbiter, que conjuntamente fotografaram 99% da superfície da Lua, parte da missão preparatória para o pouso da Apollo na Lua. Cada uma delas levava um engenhoso sistema fotográfico, desenvolvido e construído pela Kodak. O sistema capturava as fotografias, revelava e digitalizava o filme, e convertia a imagem em um sinal de vídeo contínuo que era recebido pelos receptores construídos pela Kodak na Terra. Naquele tempo, esse fora o equipamento de instrumentação mais complexo a bordo de uma espaçonave. Além das imagens de média resolução que eram capturadas para analisar a topografia da superfície da Lua, o sistema capturou uma série de fotos em alta resolução suficientemente claras para mostrar objetos do tamanho de uma mesa de carteado.

A tecnologia Kodak também acompanhou a Apollo 11, que transportou os primeiros astronautas a pisar na Lua. Uma câmera estereoscópica colorida especial desenvolvida pela Kodak permitiu aos astronautas fotografar close-ups extremos das rochas, poeira e particularidades diminutas da superfície da Lua. A câmera, do tamanho e formato de uma caixa de sapatos, oferecia fácil operação por meio de um gatilho em um braço estendível. Isso permitiu aos astronautas operarem a câmera apesar da mobilidade, destreza e visibilidade limitadas pela vestimenta pressurizada e pelas grandes luvas. As fotos do solo lunar tiradas por Neil Armstrong permitiram aos cientistas ver as diminutas partículas do tamanho de um milionésimo de polegada.

História da Kodak
Os sensores de imagem da Kodak propiciaram a visão ao robô em Marte

Os sensores de imagem de alta resolução da empresa foram os “olhos” do jipe Sojourner que viajou pela superfície de Marte em 1997, durante a missão espacial Pathfinder da NASA. Esses sensores permitiram que o jipe enxergasse seu caminho no terreno irregular de Marte e capturasse imagens coloridas do solo marciano.

A Kodak forneceu óptica de precisão para o Observatório de Raio X Chandra. Desde seu lançamento em 1999, o Observatório Chandra capturou imagens de incríveis fenômenos espaciais, como os buracos negros e as nuvens de gás quente na galáxia, dando aos astronautas informações nunca antes coletadas sobre nosso universo.

Devido a seu desejo de focar mais no seu produto principal de consumo e nos mercados comerciais, a empresa vendeu suas operações da Remote Sensing Systems – que tanto serviu à NASA e à indústria aeroespacial – para a ITT Industries, Inc., em 2004. A Kodak continua a fornecer produtos para fotografia aérea, incluindo os filmes infravermelhos usados na agricultura para o controle de safras e colheitas.

O setor de imagens: transformando o futuro

Hoje, estamos vivenciando mais um passo na evolução das comunicações através da fotografia. A tecnologia de imagens encontra-se com a tecnologia da informação, criando novas e estimulantes formas de capturar e usar as imagens. Isso oferece um grande potencial de transformação na maneira como as pessoas e as empresa comunicam-se e trabalham juntas.

Com isso, a Kodak se posicionou de forma a lançar novas idéias e aplicações, algumas delas as quais não podemos nem mesmo imaginar ainda, e outras já disponíveis no mercado.

Evolução do logotipo da marca

Início de 1900. A Kodak é a primeira empresa a integrar nome e visual a um símbolo.
Década de 1930.
O foco muda para o nome Kodak e o “trade dress” concentra-se nas cores vermelha e amarela.
Década de 1960.
Seu visual passa a apresentar o canto curvo.
Década de 1970.
A marca retém as cores vermelha e amarela e o nome Kodak, mas são adicionados uma caixa e o elemento gráfico “K”.
Década de 1980.
Um tipo de fonte mais moderna acentua o nome Kodak no logotipo existente.
Hoje.
A caixa foi retirada, simplificando o logotipo. A fonte em forma arredonda e distinta da letra “a” dão ao nome um visual mais contemporâneo.

História da Kodak
Circa 1907

História da Kodak
Circa 1935

História da Kodak
1960

História da Kodak
1971

História da Kodak
1987

História da Kodak
2006

Grandes Marcos: cronologia

George Eastman foi um dos primeiros a produzir, com sucesso, placas secas em massa para fotógrafos e, em 1888, coloca a primeira câmera simples nas mãos de uma infinidade de consumidores. Dessa forma, ele tornou um processo de sujeira e complicações em algo simples, fácil de usar e acessível para praticamente qualquer pessoa.

Assim como Eastman traçou sua meta, a de tornar a fotografia “tão conveniente quanto um lápis”, a Kodak continua a expandir a maneira como as imagens tocam as pessoas em seu dia-a-dia. A empresa está entre as grandes corporações multinacionais do mercado, com sua marca reconhecida em praticamente todos os países do mundo.

1878-1929: Eastman foi um dos primeiros a produzir placas secas em massa para fotógrafos

1878: George Eastman foi o primeiro a demonstrar a grande conveniência das chapas secas de gelatina comparadas à sujeira e pouca praticidade da fotografia em chapas úmidas que prevaleciam na época. As chapas secas eram expostas e reveladas conforme a conveniência do fotógrafo. Já as placas úmidas tinham que ser revestidas, expostas imediatamente e reveladas ainda úmidas.

1879: Eastman inventa a máquina de revestimento de emulsão, que permitiu a produção em massa de chapas fotográficas secas.

1880: Eastman inicia a produção comercial de placas secas no depósito de um prédio em Rochester, Nova York.

1881:

Em janeiro, Eastman e Henry A. Strong (amigo da família e fabricante de chicotes para charretes) formam uma parceria chamada Eastman Dry Plate Company.
Em setembro, Eastman deixa seu emprego de bancário para dedicar-se em tempo integral ao novo negócio.

1883: A empresa Eastman Dry Plate muda-se para um prédio de quatro andares, hoje a sede mundial da empresa, na 343 State Street, em Rochester, Nova York.

1884:

O empreendimento muda de uma parceria para uma corporação de 200 mil dólares com 14 acionistas, formando a Eastman Dry Plate and Film Company.
É lançado o papel para negativo EASTMAN.
Eastman e William H. Walker, um dos sócios, inventam um suporte em rolo para papéis negativos.

1885:

É lançado o EASTMAN American, o primeiro “filme” fotográfico transparente na forma como o conhecemos hoje.
A empresa abre um escritório de vendas no atacado em Londres, Inglaterra.

1886:

George Eastman torna-se um dos primeiros industrialistas americanos a empregar cientistas pesquisadores em período integral para ajudar na comercialização de uma base de filme flexível e transparente.

1888: O nome “Kodak” surge e a câmera KODAK entra no mercado, com o slogan “Você aperta o botão, nós fazemos o resto”. Isso marca o nascimento da fotografia instantânea, como é conhecida hoje em dia por milhões de fotógrafos amadores.

1889:

O primeiro filme comercial transparente em rolo, aperfeiçoado por Eastman e seus químicos pesquisadores, entra no mercado. A disponibilidade deste filme flexível torna possível o desenvolvimento da câmera cinematográfica de Thomas Edison, em 1891.
Uma nova empresa, a Eastman Company, é formada, levando consigo a Eastman Dry Plate and Film Company.

1891:

A empresa coloca no mercado sua primeira câmera que pode ser carregada na luz, o que significava que o fotógrafo poderia recarregar a câmera sem usar a câmara escura.
A fabricação de filmes e papéis fotográficos é transferida para o prédio de quatro andares no Kodak Park, em Rochester. É inaugurada também a primeira fábrica da empresa fora dos EUA, em Harrow, Inglaterra.

1892: A empresa passa a se chamar Eastman Kodak Company de Nova York.

1893: O prédio de seis andares, Camera Works, é construído na State Street, Rochester, para fabricar a crescente linha de câmeras em caixa e filmes em rolo dobráveis.

1895: É anunciada a câmera de bolso Pocket KODAK. Essa câmera usava filme de rolo e incorporava uma pequena janela onde o número da pose era exibido.

1896:

Um ano após a descoberta dos raios X, Eastman assina um contrato de fornecimento de chapas e papéis para o novo processo.
A Kodak também coloca no mercado o primeiro filme especialmente revestido para uso em cinematografia.

1897: A Kodak estabelece uma nova subsidiária na França, 100% de sua propriedade, expandindo seus escritórios inaugurados em 1891.

1898:

A Kodak lança a Folding Pocket KODAK, a câmera que é considerada a mãe de todas as câmeras de filme de rolo da atualidade. Ela produzia um negativo de 2 1/4 por 3 1/4 polegadas, que foi o tamanho padrão por décadas.
Começa o sistema de sugestões da empresa. Era oferecido aos funcionários pagamento em dinheiro por suas sugestões para melhorar as operações da empresa.

1899:

A empresa desenvolve o processo de roda contínua para fabricação de base de filme transparente, filme este que era revestido previamente em longas mesas.
Eastman oferece aos funcionários da Kodak um bônus tirado de seus fundos pessoais pelo “bom trabalho extra”.
É criada a Kodak Canada Limited, um centro de distribuição em Toronto.

1900: É lançada a primeira das famosas câmeras BROWNIE. Ela era vendida a US$ 1 e usava filme que custava 15 centavos por rolo. Pela primeira vez, o hobby da fotografia estava dentro do orçamento de praticamente qualquer pessoa.

1901: É fundada a Eastman Kodak Company de Nova Jersey, a empresa-mãe como a conhecemos hoje. George Eastman tornou-se diretor-geral da empresa holding de Nova Jersey. Henry A. Strong, o parceiro inicial de Eastman, continuou na presidência da empresa de Nova York até sua morte, em 1919.

1902:

Surge a KODAK Developing Machine, que simplifica o processo de filmes em rolo e possibilita a revelação de filmes sem a necessidade da câmara escura.
A KODAK Developing Machine permite que os fotógrafos amadores revelem seus próprios filmes, sem a necessidade da câmara escura.

1903: É lançado o filme KODAK Non-Curling, que permanece como o filme padrão dos fotógrafos amadores por quase 30 anos.

1907: Os colaboradores da Kodak em âmbito mundial passam a marca dos 5 mil.

1908:

A Kodak produz o primeiro filme comercial do mundo, praticamente seguro, usando base de acetato de celulose em lugar da base de nitrato de celulose altamente inflamável.
É inaugurada uma fábrica na Austrália.

1911:

O nome da fábrica da câmera Blair, em Rochester, muda para Hawk-Eye Works e, em 1912, é formado o departamento de design óptico.
Eastman cria o fundo de pensão, acidentes e benefícios para os colaboradores.
É organizado o primeiro comitê de segurança da empresa para debater a prevenção de acidentes.

1912:

George Eastman contrata o Dr. C.E. Kenneth Mees, cientista britânico, para que organize e chefie o laboratório de pesquisas de Rochester, um dos primeiros centros de pesquisa industrial dos EUA.
Os colaboradores da Kodak recebem seu primeiro Salário Dividendo, um programa de participação nos lucros que ainda hoje é aplicado nos EUA.

1913: O lançamento do filme EASTMAN Portrait dá início ao processo de transição entre os fotógrafos profissionais do uso de filmes em folhas em lugar de placas de vidro.

1914: Termina a construção do prédio de 16 andares na 343 State Street, em Rochester, a atual sede mundial da empresa. E, em 1930, são construídos mais três andares.

1917:

A Kodak desenvolve as câmeras para fotografia aérea e treina fotógrafos da corporação de defesa aérea norte-americana durante a Primeira Guerra Mundial.
Eastman também oferece ao exército dos EUA suprimentos de acetato de celulose para revestimento das asas dos aviões e produção de lentes inquebráveis para máscaras de gás.

1920: É criada a Tennessee Eastman Company, empresa dedicada à fabricação de álcool extraído de madeira para a confecção da base de filme.

1921: Estabelece-se a Eastman Savings and Loan Association, para ajudar os colaboradores a manter suas economias e a financiar a compra da casa própria. Essa associação permanece parte da empresa até tornar-se uma instituição de crédito independente, em 1994.

1923: A Kodak facilita a produção cinematográfica amadora com o lançamento do filme reverso de 16 mm em base de acetato de celulose (seguro), da primeira câmera de 16 mm CINE-KODAK Motion Picture e do projetor KODASCOPE. A imediata popularidade dos filmes de 16 mm resulta em uma extensa rede de laboratórios de revelação Kodak em todo o mundo.

1925:

Eastman torna-se presidente da diretoria da Kodak.
William G. Stuber, contratado por Eastman em 1894 para coordenar a produção de emulsão, é nomeado diretor-geral.

1927: O número de funcionários da Kodak em âmbito mundial ultrapassa a marca dos 20 mil.

1928:

O cinema em cores passa a ser realidade para os cineastas amadores, com o lançamento do filme de 16 mm KODACOLOR.
A Recordak Corporation, subsidiária recém-fundada da Kodak, lança o primeiro sistema de microfilme, desenvolvido para simplificar controles bancários.
São criados programas anuais de aposentadoria, seguro de vida e pecúlio por invalidez para todos os funcionários da Kodak.

1929: A empresa lança o primeiro filme cinematográfico, desenvolvido especialmente para a produção do cinema falado, como o conhecemos hoje – a grande novidade da época.

1930-1959

1930: A Kodak compra a fábrica de gelatina em Peabody, Massachusetts, e forma a Eastman Gelatin Corporation.

1931:

A Tennessee Eastman começa a comercializar fios de acetato de celulose para o setor têxtil.
A Kodak lança os filmes e chapas KODALITH, os quais substituem as chapas úmidas de colódio usadas na indústria de artes gráficas.
É lançado o filme KODAK VERICHROME, que oferece maior latitude e granulação mais fina do que o filme KODAK NC (Non-Curling) que tinha sido o padrão desde 1903.
A Kodak compra a Nagel Camera Company em Stuttgart, Alemanha. A empresa passa a ser conhecida como Kodak A.G., que, por décadas, fabricara equipamentos para a Kodak. A outra fábrica na Alemanha, na cidade de Koepenick, é perdida quando a Alemanha é dividida após a Segunda Guerra Mundial.

1932:

São lançados os primeiros filmes, câmeras e projetores cinematográficos de 8 mm para amadores.
A Tennessee Eastman inicia a produção de seu primeiro plástico, o acetato EASTMAN TENITE.
Morre George Eastman, deixando todo seu patrimônio residual para a Universidade de Rochester.
Em 1949, sua casa em Rochester é aberta ao público como um museu independente:
o International Museum of Photography na George Eastman House.

1933: A Kodak e a Western Electric unem-se para comercializar a fotografia industrial de alta velocidade com câmeras de alta velocidade sincronizadas por meio de um cronômetro elétrico.

1934:

A Kodak A.G. (Alemanha) lança a primeira de suas câmeras de precisão de 35 mm, a KODAK RETINA.
A Kodak e a General Mills, Inc. dão início ao programa de pesquisa conjunta em destilação molecular, partindo de uma pesquisa já iniciada pela Kodak.
Em 1938, a Distillation Products, Incorporated começa a produção de concentrados vitamínicos e, em 1948, a Kodak adquire a General Mills.
William G. Stuber é nomeado presidente da diretoria e Frank Lovejoy o substitui como diretor-geral.

1935: É lançado o KODACHROME, o primeiro filme colorido para amadores comercializado com sucesso. Inicialmente oferecido no formato 16 mm para cinema e, em 1936, seguiram-se os slides de 35 mm e o filme doméstico de 8 mm.

1936:

A Kodak lança uma nova câmera para filmes domésticos, a CINE-KODAK com magazine de 16 mm, que usa filme em magazine em lugar de rolo.
Um ano depois, a Kodak lança seu primeiro projetor de filme e som de 16 mm, o Sound KODASCOPE Special.

1937: A Kodak lança seu primeiro projetor de slides, o KODASLIDE. Com carregamento na parte superior do projetor, esse modelo era alimentado slide por slide, um de cada vez.

1938: É desenvolvida a primeira câmera com controle fotoelétrico de exposição, a Super KODAK Six-20.

1939:

A Kodak adiciona o serviço READY-MOUNT aos filmes de 35 mm KODACHROME. Isso possibilita a projeção de slides assim que recebidos dos laboratórios de revelação Kodak.
A empresa dá início a um programa anual de subvenção a escolas técnicas e universidades em todo o país.

1941:

A Kodak coloca no mercado a versátil câmera KODAK EKTRA, com um intervalo de velocidade do obturador de 1/1000 a 1 s.
O aerograma, ou “V-Mail”, é desenvolvido pela Kodak como uma forma de microfilmar cartas e preservar espaço de transporte durante a Segunda Guerra Mundial.
Frank Lovejoy é nomeado presidente da diretoria e Thomas J. Hargrave, chefe do departamento jurídico da empresa, é nomeado diretor-geral.1942
É anunciado o lançamento do filme KODACOLOR para impressão, o primeiro filme negativo do mundo a preservar as cores exatas.
As unidades da Kodak em Rochester recebem a distinção “E” do exército-marinha dos EUA pelas grandes conquistas na produção de equipamentos e filmes e por seus esforços de guerra.

1945: Perley S. Wilcox substitui Frank Lovejoy como presidente da diretoria. Antes disso, ele conduziu a formação da Tennessee Eastman Company em 1920.

1946:

A Kodak lança no mercado o filme para transparência KODAK EKTACHROME, o primeiro filme colorido da empresa que permitia aos próprios fotógrafos revelar suas fotos usando os recém-lançados kits de químicos.
O número de funcionários da Kodak em âmbito mundial ultrapassa a marca dos 60 mil.

1947:

A primeira linha de produção comercial do mundo de vitamina A sintética é iniciada na Distillation Product Industries (DPI). A DPI descontinua a produção de vitamina A em 1973.
A Kodak coloca no mercado a câmera EASTMAN Television Recording, em colaboração com a DuMont Laboratories e a NBC, para a gravação de imagens da tela do televisor.

1948: A Kodak anuncia um filme de 35 mm seguro com base de triacetato para a indústria cinematográfica em substituição ao com base de nitrato de celulose inflamável. Dois anos depois, recebe o “Oscar” por tal feito. Graças à processadora KODAK de papel contínuo, deu-se início à revelação automática de fotos instantâneas. A máquina produzia 2.400 cópias fotográficas por hora.

1950: A empresa coloca em exposição a primeira transparência da série KODAK COLORAMA, com 5,5 m de altura por 18 m de largura, no saguão principal da Grand Central Station na cidade de Nova York. A cada dia, cerca de 650 mil pessoas viam essa bela atração, e muitas das grandes fotografias expostas ano a ano foram motivo de cobertura nos jornais e capas de revista. A exposição acabou definitivamente no início de 1989, quando houve a restauração da Grand Central Station.

1951:

É lançada a câmera cinematográfica de baixo custo, a BROWNIE de 8 mm. Em 1952, é lançado o projetor cinematográfico BROWNIE e, em 1955, a câmera BROWNIE Turret.
A Recordak Corporation lança a microfilmadora BANTAM, com o maior valor de proporção de redução obtido até então:
– 40:1.
A Texas Eastman Company inicia suas operações em Longview, Texas, produzindo alcoóis e aldeído para comercialização.
Dr. Albert K. Chapman substitui Thomas J. Hargrave no cargo de diretor-geral da empresa, momento em que Hargrave é nomeado presidente da diretoria da Eastman Kodak Company.

1953:

A empresa lança o KODAK Photo Resist, produto desenvolvido para uso em chapas de impressão fotolitográfica.
Em 1987, o negócio é vendido para a Union Carbide Corporation.
Uma nova subsidiária, a Eastman Chemical Products, Inc., é formada para colocar no mercado os materiais produzidos pela Tennessee Eastman e pela Texas Eastman.

1954:

É lançado o KODAK TRI-X, filme preto-e-branco de alta velocidade.
A Texas Eastman constrói uma nova fábrica para produção do plástico polietileno EASTMAN TENITE.
A Kodak Brasileira inicia suas operações em uma unidade especial em São Paulo, Brasil.

1955:

A Kodak começa a vender filmes coloridos sem incluir o custo do processamento, resultado de um acordo assinado em 1954.
A longo prazo, deu-se a criação de mais um novo mercado para a Kodak, o de fornecimento de produtos e serviços para fotógrafos profissionais autônomos.
O quadro de funcionários da empresa chega a 73 mil colaboradores.

1956:

É lançado o KODAK VERICHROME Pan, o filme preto-e-branco que vem a substituir o filme KODAK VERICHROME lançado em 1931.
A Tennessee Eastman lança a fibra VEREL para uso em tapetes, cortinas e outros itens de tapeçaria.
A Kodak cria, em Rochester, a Apparatus and Optical Division, que incluía a Camera Works e a Hawk-Eye Works.

1957: São lançadas as câmeras KODAK BROWNIE STARMATIC. Essas câmeras chegam a contar com sete diferentes modelos e vendem mais de 10 milhões de unidades nos cinco anos que se seguem.

1958:

É lançado o KODAK CAVALCADE, o primeiro projetor totalmente automático da Kodak.
A processadora KODAK X-OMAT reduz o tempo de revelação de filmes de raios X de uma hora para seis minutos.
É fabricada a primeira câmera reflex da empresa, a KODAK RETINA, pela Kodak A.G. em Stuttgart, Alemanha.
Desenvolvida na Tennessee Eastman a fibra têxtil de poliéster da KODAK para uso em peças de vestuário. Em 1960, é construída uma fábrica para produção, em grande escala, da fibra EASTMAN KODEL.

1959:

O filme de alta velocidade KODAK EKTACHROME é considerado o filme colorido mais rápido disponível no mercado.
É introduzido o controle de exposição automática em duas câmeras fotográficas e quatro câmeras filmadoras de 8 mm.
O número de acionistas da Kodak ultrapassa a marca dos 100 mil.

1960-1979

1960:

KODAK ESTAR Film Base (uma base de filme de poliéster) foi introduzido para dar melhor estabilidade dimensional para Kodalith Film Artes Gráficas.
O RECORDAK 500 microfilmadora RELIANT foi introduzido e era capaz de fotografar até 500 cheques ou 185 cartas em um minuto.
Dr. Albert K. Chapman tornou-se vice-presidente do conselho de administração e William S. Vaughn se tornou presidente e diretor executivo.

1961:

A empresa introduziu o primeiro de sua linha de muito sucesso da KODAK CAROUSEL Projectors, que contou com uma bandeja redonda que recebe 80 slides.
KODACHROME Film II foi introduzido, proporcionando uma melhoria significativa sobre o filme de longa data KODACHROME.

1962:

As vendas da empresa nos EUA consolidado ultrapassou US $ 1 bilhão para a primeira vez e de emprego em todo o mundo ultrapassou a marca de 75 mil.
John Glenn se tornou o primeiro astronauta americano a orbitar a Terra, e Kodak filme gravado suas reações a viajar pelo espaço a 17.400 milhas por hora.
Dr. Albert K. Chapman se tornou presidente do conselho de administração após a morte de Thomas J. Hargrave.

1963: A linha de câmeras KODAK Instamatic foi introduzido, com fácil de usar cartucho de carregamento de filme, que eventualmente trouxe fotografia amadora a novos patamares de popularidade. Mais de 50 milhões Câmeras Instamatic foram produzidos em 1970.

1964: O Pavilhão Kodak na Feira Mundial de Nova York foi um dos dez maiores edifícios na exposição internacional. “Torre de Fotografia” contou com a maior cor ao ar livre imprime sempre exibiu.

1965:

Kodak desenvolveu o formato super 8 e lançou filmes super 8 com o novo cartucho de carga Film II KODACHROME.
Câmeras KODAK Instamatic habilitado picture-takers para tirar quatro fotos com flash sem alterar flashes.
Novos sistemas de tratamento automatizado reduziu o tempo de processamento para x-ray filmes a meros 90 segundos.

1966:

O KODAK Color Printer 2620 incorporou uma memória eletrônica para produzir 2.000 a 3.000 impressões por hora..
“A fotografia do século”, um close-up da Copernicus cratera na lua, foi feita pelo Lunar Orbiter II, usando uma lente dupla câmara, filme, processador e dispositivo de leitura fornecidos pela Kodak.
As vendas combinadas de todas as unidades Kodak em todo o mundo ultrapassou os US $ 4 bilhões, e Kodak de emprego em todo o mundo ultrapassou a marca de 100.000.

1967:

Deslocalização da Câmara Obras planta foi iniciada em uma área de 600 acres na cidade de Gates, NY. O site, Plant Elmgrove, era o centro dos EUA fabricação de equipamentos até a sua venda em 2000. Depois, mudou suas operações para outros locais Kodak.
William S. Vaughn se tornou presidente do conselho de administração e Dr. Louis K. Eilers o sucedeu como presidente.

1968: Carolina Empresa Eastman foi dedicado em Columbia, Carolina do Sul, para a fabricação de fibras de poliéster e fios KODEL.

1969:

A construção começou em Kodak Colorado Division – uma unidade de fabricação de filmes e papéis, localizado em Windsor, Colorado.
Uma câmera de som muito especial feita pela Kodak acompanhado astronautas Aldrin e Armstrong quando pisou na lua.
Kodak
recebeu um “Emmy” Prêmio para o seu desenvolvimento de processamento rápido filme colorido para uso da televisão.
A KODAK EKTAGRAPHIC Projetor de slides, projetor de slides da Kodak primeira projetada para o mercado de áudio-visual profissional, foi introduzido.
O número de acionistas ultrapassou a marca de 200 mil.

1970:

A nova fábrica de cinema em Guadalajara, no México foi dedicado.
Sistema da empresa sugestão recebeu sua sugestão milionésimo.
Dr. Louis K. Eilers se tornou presidente do conselho e Gerald B. Zornow foi nomeado presidente.
Mais de 50 milhões de câmeras KODAK Instamatic foram produzidos a partir de 1963 a 1970.

1971:

Kodak introduziu KODAK EKTACHROME Film Filme 160 (Tipo A) e duas novas câmeras de filme super 8, que, combinadas, tornado possível “luz existente” filmes para uso doméstico.
O Centro de Educação Marketing (também conhecido como o local Riverwood), aberto como um centro de treinamento que ofereciam uma variedade de serviços educacionais para os profissionais que utilizaram produtos Kodak.

1972:

Kodak reduziu a câmera Instamatic populares ao tamanho de bolso com a introdução de cinco diferentes Câmeras Pocket KODAK Instamatic, usando um novo KODAK Cartucho Film 110. A linha era tão popular que mais de 25 milhões de câmeras foram produzidos em pouco menos de três anos.
Walter A. Fallon tornou-se presidente e executivo-chefe e Gerald B. Zornow foi eleito presidente do conselho.

1973:

A companhia revelou filmes caseiros de som com a introdução de duas câmeras super 8 som de cinema e cartucho de carregamento super 8 filme, magneticamente listrado para gravação de som.
De emprego em todo o mundo ultrapassou a marca de 120.000.

1975:

Kodak inventou a primeira câmera digital do mundo. O protótipo foi do tamanho de uma torradeira e capturados em preto e branco imagens com uma resolução de 10.000 pixels (0,01 megapixels).
Kodak
introduziu o KODAK EKTAPRINT 100 Copiadora Duplicator, que recebeu elogios da indústria de imediato para a sua alta qualidade de cópias e as conveniências do usuário possível graças a um microcomputador de bordo.

1976:

A linha de KODAK EKTAPRINT Copiadora-Duplicadores foi ampliado para seis modelos diferentes.
Nova KODAK ORACLE e produtos de microfilme KODAK STARVUE foram introduzidos, proporcionando alta velocidade de recuperação automatizada das imagens microfilmadas.
Câmeras KODAK nova Instantânea, e um filme de impressão para impressões de auto-desenvolvimento de cores, foram anunciados.

1977:

Arkansas Eastman Company, o mais novo membro da Divisão de Produtos Químicos Eastman, começou a produção comercial de produtos químicos orgânicos.
Walter A. Fallon foi eleito presidente do conselho e Colby H. Chandler se tornou presidente.

1978: Eastman Chemicals Division introduziu EASTMAN KODAPAK poliéster termoplástico para uso em garrafas de bebidas de fabricação.

1980-1989

1980:

Kodak celebrou o seu 100 º aniversário.
A empresa anunciou sua entrada no mercado de diagnóstico clínico com o Ektachem KODAK 400 Analyzer, utilizando análise química seca de soro sangüíneo.

1981:

Vendas da empresa ultrapassaram a marca de US $ 10 bilhões.
Kodak
adquiridos Atex, Inc., uma fabricante de sistemas de computador baseado em publicação.
A introdução de KODAK EKTAFLEX PCT Produtos de Gravura Cor tornou fácil para os entusiastas da câmara escura casa para fazer ampliações a cores.

1982:

Kodak lançou “fotografia do disco” com uma linha de compactos, “a decisão livre de” câmeras construído em torno de um disco rotativo de filme.
KODACOLOR VR 100 Film foi introduzido, utilizando uma nova tecnologia de emulsão T-GRAIN, o que representou um grande avanço na emulsões de haleto de prata.
O pavilhão Kodak abriu em novo Walt Disney World EPCOT Center perto de Orlando, Florida.

1983:

Colby H. Chandler foi eleito presidente e executivo-chefe e Kay R. Whitmore tornou-se presidente.
O KODAK KAR 4000 Sistema de Informação fornecida recursos avançados para assistida por computador armazenamento e recuperação de imagens em microfilme.
Tennessee Eastman começou a operação da usina só comercial em os EUA para fazer produtos químicos industriais a partir do carvão.
O KODAK Ektachem DT60 Analyzer, uma unidade desk-top, trouxe a conveniência de dry-química de análise de soro sangüíneo para o escritório do médico.

1984:

Kodak entrou no mercado de vídeo com a série KODAVISION 2000 8 mm e sistema de vídeo cassetes KODAK Videotape introduzido em 8 mm, Beta e VHS formatos.
A empresa anunciou uma linha completa de disquetes flexíveis para computadores pessoais.

1985:

A empresa lançou dois sistemas de nova imagem de gestão – a KODAK EKTAPRINT Sistema de Editoração Eletrônica (CONTINUA) eo KODAK Sistema de Gestão da Informação (KIMS).
Sistemas de serviços de revelação Minilab foram introduzidos, oferecendo aos consumidores de serviços de impressão excepcionalmente rápido de fotos.

1987:

A empresa entrou no mercado ainda em vídeo com sete produtos eletrônicos para gravação, armazenamento, manipulação, transmissão e impressão eletrônica de imagens de vídeo ainda.
A construção começou em uma planta estado-da-arte da nova sensibilização em Rochester, NY para os filmes de cor de revestimento para uso profissional.
Kodak
anunciou sua câmera um tempo de uso da primeira – a câmera KODAK FLING – que continha um cartucho de 110 Film KODACOLOR.

1988:

Kodak adquiridos Sterling Drug Inc., que forneceu a infra-estrutura e marketing capacidade Kodak necessário para ser um participante rentável em medicamentos éticos e over-the-counter.
Kodak
acabou vendido seus negócios de imagem não-relacionados com a saúde em 1994.
Qualex, Inc. foi estabelecida como uma joint venture entre a Kodak e Indústrias Fuqua, Inc., integrando as operações de cerca de 90 laboratórios de processamento fotográfico de propriedade de ambas as partes.
A primeira linha de cor filmes negativa criada especialmente para fotojornalistas foi introduzido com filmes Kodak EKTAPRESS OURO.
Preto-e-branco a tecnologia evoluiu com filme KODAK filme P3200 T-MAX..
O KODAK CREATE-A-35 PRINT Centro de Alargamento milímetros habilitado consumidores para cortar e fazer suas próprias ampliações em poucos minutos.

1989:

Kodak celebra o 100 º aniversário de filmes através da introdução de filmes coloridos EASTMAN EXR Negativo.
O KODAK XL 7700 Digital Printer Tom contínuo, que produziu grande formato impressões a cores térmica, foi introduzido.
A um tempo de uso-STRETCH KODAK Camera 35 produziu 3 1 / 2 x 10 – imprime polegadas para cenas panorâmicas.
A um tempo de uso-35 WEEKEND KODAK Camera foi uma câmera para qualquer tempo capaz de tirar fotos debaixo d’água até uma profundidade de 8 metros.
A KODAK Série Component IMAGELINK (para imagens de documentos) e KODAK OPTISTAR Produtos (para a saída de computador) ofereceu uma escolha de captura micrográfica ou digital de imagens.
O KODAK X-OMATIC cassete RA reduziu significativamente a exposição radiográfica para pacientes pediátricos. Um tempo de uso da KODAK FUN SAVER 35 Câmera Panorâmica.

1990-1999

1980:

Kodak celebrou o seu 100 º aniversário.
A empresa anunciou sua entrada no mercado de diagnóstico clínico com o Ektachem KODAK 400 Analyzer, utilizando análise química seca de soro sangüíneo.

1981:

Vendas da empresa ultrapassaram a marca de US $ 10 bilhões.
Kodak
adquiridos Atex, Inc., uma fabricante de sistemas baseados em computador de publicação.
A introdução de KODAK EKTAFLEX PCT Produtos de Gravura Cor tornou fácil para os entusiastas da câmara escura casa para fazer ampliações a cores.

1982:

Kodak lançou “fotografia do disco” com uma linha de compactos, “a decisão livre de” câmeras construído em torno de um disco rotativo de filme.
KODACOLOR VR 100 Film foi introduzido, utilizando uma nova tecnologia de emulsão T-GRAIN, o que representou um grande avanço na emulsões de haleto de prata.
O pavilhão Kodak abriu em novo Walt Disney World EPCOT Center perto de Orlando, Florida.

1983:

Colby H. Chandler foi eleito presidente e executivo-chefe e Kay R. Whitmore tornou-se presidente.
O KODAK KAR 4000 Sistema de Informação fornecida recursos avançados para assistida por computador armazenamento e recuperação de imagens em microfilme.
Tennessee Eastman começou a operação da usina só comercial em os EUA para fazer produtos químicos industriais a partir do carvão.
O KODAK Ektachem DT60 Analyzer, uma unidade desk-top, trouxe a conveniência de dry-química de análise de soro sangüíneo para o escritório do médico.

1984:

Kodak entrou no mercado de vídeo com a série KODAVISION 2000 8 mm e sistema de vídeo cassetes KODAK Videotape introduzido em 8 mm, Beta e VHS formatos.
A empresa anunciou uma linha completa de disquetes flexíveis para computadores pessoais.

1985:

A empresa lançou dois sistemas de nova imagem de gestão – a KODAK EKTAPRINT Sistema de Editoração Eletrônica (CONTINUA) eo KODAK Sistema de Gestão da Informação (KIMS).
Sistemas de serviços de revelação Minilab foram introduzidos, oferecendo aos consumidores de serviços de impressão excepcionalmente rápido de fotos.

1986:

A empresa lançou dois novos KODACOLOR VR-G 35 Films e re-entrou no mercado de câmeras 35 mm com dois novos Kodak VR 35 câmeras.
A empresa anunciou KODAK Ultralife Células Lithium Power, o primeiro do mundo de células de lítio de 9 volts para uso do consumidor, e entrou no mercado de consumo de bateria em geral com uma linha de pilhas KODAK SUPRALIFE.
Kodak
entrou uma empresa de cuidados de saúde novos com o estabelecimento de sua Divisão de Produtos Farmacêuticos Eastman.

1987:

A empresa entrou no mercado ainda em vídeo com sete produtos eletrônicos para gravação, armazenamento, manipulação, transmissão e impressão eletrônica de imagens de vídeo ainda.
A construção começou em uma planta estado-da-arte da nova sensibilização em Rochester, NY para os filmes de cor de revestimento para uso profissional.
Kodak
anunciou sua câmera um tempo de uso da primeira – a câmera KODAK FLING – que continha um cartucho de 110 KODACOLOR Film.

1988:

Kodak adquiridos Sterling Drug Inc., que forneceu a infra-estrutura e marketing capacidade Kodak necessário para ser um participante rentável em medicamentos éticos e over-the-counter. Kodak acabou vendido seus negócios de imagem não-relacionados com a saúde em 1994.
Qualex, Inc. foi estabelecida como uma joint venture entre a Kodak e Indústrias Fuqua, Inc., integrando as operações de cerca de 90 laboratórios de processamento fotográfico de propriedade de ambas as partes.
A primeira linha de cor filmes negativa criada especialmente para fotojornalistas foi introduzido com filmes Kodak EKTAPRESS OURO.
Preto-e-branco a tecnologia evoluiu com filme KODAK filme P3200 T-MAX.
O KODAK CREATE-A-35 PRINT Centro de Alargamento milímetros habilitado consumidores para cortar e fazer suas próprias ampliações em poucos minutos.

1989:

Kodak celebra o 100 º aniversário de filmes através da introdução de filmes coloridos EASTMAN EXR Negative.
O KODAK XL 7700 Digital Printer Tom contínuo, que produziu grande formato impressões a cores térmica, foi introduzido.
A um tempo de uso-STRETCH KODAK Camera 35 produziu 3 1 / 2 x 10 – imprime polegadas para cenas panorâmicas.
A um tempo de uso-35 WEEKEND KODAK Camera foi uma câmera para qualquer tempo capaz de tirar fotos debaixo d’água até uma profundidade de 8 metros.
O KODAK Série Component IMAGELINK (para imagens de documentos) e KODAK OPTISTAR Produtos (para a saída de computador) ofereceu uma escolha de captura micrográfica ou digital de imagens.
O KODAK X-OMATIC cassete RA reduziu significativamente a exposição radiográfica para pacientes pediátricos. Um tempo de uso da KODAK FUN SAVER 35 Câmera Panorâmica

1990-1999

1990:

Kay Whitmore foi eleito presidente e CEO da Kodak.
Kodak
anunciou o desenvolvimento de seu sistema de Photo CD para jogar imagens em telas de televisão, e propôs um padrão mundial para a definição de cores no ambiente digital de computadores e periféricos de computadores.
O KODAK PREMIER Sistema de Aperfeiçoamento de Imagem ajudou laboratórios de fotografia comercial e industrial atingir novos níveis de qualidade e produtividade através da combinação de tecnologias de haleto de prata e eletrônica para digitalizar fotografias, digitalizar a informação, e, em seguida, saída para filme fotográfico ou papel.
A empresa anunciou seu primeiro produto de uma nova família de sistemas de gestão de documentos, proporcionando alta velocidade capacidade de impressão centralizada para os departamentos de duplicação.
Kodak
começou um programa de reciclagem de câmeras de um tempo de uso e também começou a usar o cartão reciclado para caixas de filme.

1991:

Sterling Drug Inc. anunciou um acordo com a Sanofi, uma companhia líder farmacêutica francesa, que resultaria em uma série de joint ventures entre as empresas.
O KODAK Professional Digital Camera System (DCS), foi introduzida, permitindo fotojornalistas para tirar fotos com uma câmera eletrônica Nikon F-3 equipada pela Kodak com um sensor de 1.3 megapixel.
Novas copiadoras da Kodak ofereceu características inovadoras digital, tais como a capacidade de personalizar cópias de documentos originais.
Construção de uma planta estado-da-arte da nova sensibilização, que começou em 1986, em Rochester, NY para filmes de revestimento de cor para os mercados profissional e de movimento de imagem foi concluída.

1992:

Kodak lançou um CD gravável que seu primeiro cliente, MCI, usado para produzir contas de telefone para contas corporativas.
O KODAK FUN SAVER Telephoto 35 câmera foi adicionada à linha popular de câmeras de um tempo de uso.
Kodak vendeu sua 100.000 ª X-OMAT processador filme X-ray, introduzido pela primeira vez em 1956.
A empresa anunciou um projeto de I & D conjunto com a Canon, Fuji, Minolta e Nikon para desenvolver um Sistema Avançado de Fotografia.
Novos produtos digitais incluíram a KODAK Professional DCS 200 Camera Digital eo KODAK XLT 7720 Printer Tone Digital Contínua.
KODAK EKTAPRO Projetores tornou-se o primeiro slide projetores Kodak para se conectar a um computador.
Kodak
recebeu um R & D 100 Award pelo seu Sistema de Imagem INSIGHT Torácica, que produziu significativamente melhorada radiografias dos tecidos moles.
KODACOLOR filme celebrou o seu 50 º aniversário.

1993:

Kodak introduziu 20 novos produtos fotográficos, incluindo a elegante, compacto CAMEO linha de câmeras 35 mm; Films nova EKTACHROME LUMIERE; uma versão subaquática de Film EKTACHROME, eo KODAK FUN SAVER Retrato 35 Camera Use One-Time.
A empresa lançou um fluxo de novos produtos de software e formatos de CD de fotos para uso comercial, além de um player portátil Photo CD.
Usando o novo Kodak Cineon Tecnologia, técnicos Kodak digitalmente restaurados 1.937 clássico de Walt Disney “Branca de Neve e os Sete Anões”.
George M.C. Fisher, CEO da Motorola anteriormente, tornou-se presidente e CEO da Kodak.
No final do ano, a Eastman Chemical Company (incluindo negócios de Produtos de Destilação), fundada em 1920, foi desmembrada para os acionistas e se tornou uma empresa independente, com seu próprio conselho de administração e New York Stock lista Exchange.

1994:

Kodak anunciou 30 novos produtos, incluindo KODAK ROYAL película de ouro e novos produtos de imagem digital e serviços.
Produtos digitais KODAK Copyprint incluiu a Estação, para fazer impressões de novo a partir de cópias de idade; a KODAK Digital Enhancement Station 100, permitindo que os varejistas para ajudar os consumidores a eliminar defeitos como “olho vermelho”, e da Estação Criação KODAK, um fácil de usar walk-up centro para a tomada de impressões digitais a partir de negativos, slides, gravuras e imagens Photo CD.
Kodak
despojado seus negócios de imagem não-relacionados com a saúde – Sterling Winthrop, L & F Produtos e Diagnóstico Clínico – permitindo que a empresa se concentrasse todos os seus recursos no seu negócio de imagem do núcleo. O produto da venda destas empresas foi usado para reduzir substancialmente a dívida.

1995:

Kodak introduziu o seu site Internet, kodak.com, oferecendo uma oportunidade para os usuários da Internet em todo o mundo para aprender mais sobre as pessoas da Kodak, produtos, serviços, e história.
Em março, a Kodak avançados seu negócio de imagem digital com o DC40 KODAK Camera Ponto-e-Dispare Digital e papel premium-grade nova e filme de transparência formulado para proporcionar imagens de alta qualidade de cor de impressoras jato de tinta.
Em setembro, a Kodak anunciou que Danka Business Systems PLC iria vender e serviços Kodak de alto volume copiadoras em todo os EUA e Canadá.

1996:

O formato Sistema Avançado de Fotografia foi introduzido. Recursos incluídos drop-in loading filme cartucho, a mudança de bobinas meados permitindo o filme a ser removido antes de ser completamente expostos, e três diferentes formatos de imagem (Classic, Grupo e panorâmico).
Kodak
lançou a marca ADVANTIX, por seus produtos relacionados.
Em junho, a empresa revelou a primeira de uma série de pocket-sized câmeras digitais para o mercado consumidor crescente digital.
Comerciais de televisão Kodak apresentou o tema, “Take Pictures. Adicionais.”, Uma campanha destinada a ampliar o apelo da marca Kodak.
A empresa lançou seu 10.000 º impressora laser médica, o KODAK EKTASCAN Impressora Laser 2180, a Duke University Medical Center, em Durham, NC
Daniel A. Carp foi nomeado presidente da Kodak e Diretor de Operações.

1997:

Kodak vendeu a vendas, marketing e operações de serviços de equipamentos de imagem de seus negócios Office e seu negócio de gestão de instalações (anteriormente conhecida como Serviços Kodak Imaging) para Danka Business Systems PLC.
A empresa lançou quatro novos filmes de ouro (400, 200 e 100 velocidades e Max velocidade de 800) que a tecnologia empregada COLORSHARP.
Em fevereiro, a empresa tinha reciclou mais de 100 milhões de uma só vez de usar câmeras desde que o programa começou em 1990.
A Rede KODAK Picture foi anunciado, permitindo que as pessoas vejam suas fotos, reprints ordem, e compartilhar suas fotos com amigos e familiares ao redor do mundo através da Internet.
Em abril, a empresa revelou o KODAK DIGITAL SCIENCE DC120 Zoom Digital Camera, a câmera de primeira qualidade point-and-shoot megapixels menos de US $ 1.000.
Kodak e Sun Chemical Corporation concordaram em formar uma joint venture, a Kodak Polychrome Graphics, para abastecer o mercado de artes gráficas com produtos sensíveis, bem como computer-to-plate e outras soluções de digital.
Um avançado sensor de imagem Kodak permitiu Mars Rover da NASA para “ver” como se moveu sobre para explorar a superfície daquele planeta.

1998:

KODAK PROFESSIONAL Cor PORTRA filmes negativos, e KODAK PROFESSIONAL SUPRA Papel Colorido III foram introduzidas.
America Online e Kodak anunciou “Você tem Fotos!” um serviço onde os membros da AOL poderia ter suas fotos transformadas entregues online.
Kodak
adquiriu a maioria do negócio Imation Corporation imagem médica mundial, incluindo o negócio de imagem DRYVIEW Laser.
O astronauta John Glenn e os outros membros da tripulação STS-95 usado uma KODAK PROFESSIONAL DCS 460 Camera Digital para capturar imagens de alta resolução para transmissão em tempo real para a Terra durante o seu vôo espacial.

1999:

Kodak vendeu sua impressão digital, copiadora / duplicadora, e operações de montagem de rolos de Heidelberger Druckmaschinen AG. As duas empresas também ampliaram sua joint venture, NexPress, que foi criado em 1998.
A empresa anunciou DURALIFE Paper, um papel novo e revolucionário fotográfica para instantâneos. É estabelecer padrões de referência de desempenho em praticamente todas as categorias, incluindo lágrima-resistência, durabilidade, brilho e brancura, a nitidez da imagem e resistência ao curling.
Comercial e de Governo da Kodak introduziu um negócio de Sistemas Terra-imagem da câmera digital capaz de mostrar objetos de superfície tão pequena quanto um metro de comprimento.
Kodak e Lexmark International, Inc. uniram-se para introduzir o KODAK Picture Maker pessoais para impressão de imagens digitais.
O negócio de imagens de Saúde anunciou a KODAK DRYVIEW 8600 Laser Imaging System para mamografia e três state-of-the-art sistemas de radiografia digital para capturar imagens de raios-x.
Kodak e Sanyo Electric Co. lançou o primeiro modelo comercial do mundo de um full-color matriz ativa, orgânico eletroluminescente display (OLED).

2000-2009

2000:

Dan Carp tornou-se CEO da Kodak, além de suas responsabilidades como presidente.
Unidade Kodak Imaging da Saúde introduziu 45 novos produtos durante o ano, inclusive, KODAK InSight Film Intraoral Dental; um filme de radiografia dental que ajudou dentistas reduzir a exposição de radiação para pacientes ao mesmo tempo oferece excelentes imagens e dois novos sistemas de radiografia digital, a Kodak DirectView DR 9000 e DirectViewDR 5000.
Entretenimento Kodak Imaging da unidade e Qualcomm Inc. lançou uma iniciativa para colaborar em testes de tecnologias de base para a criação de um sistema de alta qualidade de cinema digital.
No final do ano, a Kodak concluiu a aquisição da Lumisys, Inc., uma provedora líder de sistemas de radiografia computadorizada de mesa e digitalizadores x-ray filme.

2001:

Dan Carp tornou-se presidente da Kodak, além de suas responsabilidades como presidente e CEO.
Kodak
entrou em uma aliança com a Maytag Corporation, Dixie-Narco Maytag da divisão de máquinas de venda automática e e-Vend.net que use máquinas de venda automática e da Internet para expandir o número de locais onde os consumidores poderiam comprar filmes e um tempo de uso de câmeras.
A empresa completou a aquisição da Bell & Howell empresas Companhia de imagem.
Kodak
anunciou uma nova campanha publicitária em todo o mundo, “Momentos Share. Vida Share.”
O Sistema KODAK EASYSHARE, uma nova linha de câmeras digitais e sistemas de ancoragem que estabeleceu o padrão para a facilidade de uso para a fotografia digital, foi lançado.
Em junho, a empresa adquiriu Ofoto, Inc., um serviço de fotografia on-line líder.

2002:

Kodak finalizou a aquisição da Encad, Inc., uma subsidiária da Kodak, focada exclusivamente no setor de grande formato a jato de tinta de impressão.
KODAK PERFECT TOUCH Processing foi introduzido, que marcou a expansão da oferta digital da empresa de processamento de fotos para os consumidores.
Individualmente por digitalização e processamento digital de cada imagem, processamento KODAK PERFECT TOUCH remove sombras escuras, revela muito mais detalhes, melhora a nitidez e contraste, e revela a cor mais vibrante em imagens.
A empresa introduziu o KODAK 8500 Impressora Fotográfica Digital, uma qualidade fotográfica, impressora de mesa térmica que oferece produtividade superior contra a jato de tinta a um preço competitivo.
KODAK i200 Series Scanners foram introduzidos, uma nova família de scanners de baixo volume de documentos que caracterizam grande parte da tecnologia encontrada na empresa de maior velocidade de scanners, além de acessório acoplável ao mercado a primeira mesa para digitalização de documentos que precisam de tratamento especial.
Kodak e Sanyo Electric Co. apresentou um protótipo de quinze polegadas tela plana, a próxima geração de full-color displays baseados em light-emitting patenteado da Kodak diodo orgânico (OLED), tecnologia.
A companhia revelou KODAK VISION2 filme colorido do cinema negativo, a próxima geração de seu premiado do cinema filmes.
KODAK VISION2 é o descendente da linha de visão de filmes, que foram introduzidos em 1995 e rapidamente se tornou o mais usado do cinema filmes no mundo.

2003:

O KODAK EASYSHARE 6000 impressora, um aparelho que produz duráveis, 4 sem fronteiras “x 6” KODAK impressões, foi introduzido.
A empresa introduziu várias câmeras digitais KODAK LS633, incluindo a câmera com zoom EASYSHARE digital, a primeira câmera digital com recurso de um organic light-emitting diode display (OLED) e as DX6490 KODAK EASYSHARE para fotógrafos amadores avançados.
O scanner KODAK i80, capaz de digitalizar documentos de papel de 40 por cento mais rápido do que modelos anteriores, foi introduzido.
Kodak
fez várias aquisições incluindo PracticeWorks, Inc., um fornecedor de software dental práticas de gestão, 20% da Lucky Film Co., Ltd., a maior fabricante de filme de fotografia com sede na China; Laser-Pacific Media Corporation, um fornecedor de pós-serviços de produção para os cineastas; Algotec Systems Ltd., desenvolvedora de arquivamento de imagens e sistemas de comunicação e Applied Science Fiction de Digital PIC tecnologia de processamento rápido filme.
Antonio M. Perez ingressou na empresa como presidente e Chief Operating Officer.
Em setembro, a empresa revelou uma nova estratégia digital orientada para acelerar o crescimento para expandir em uma série de empresas comerciais.
A empresa foi organizada sob cinco operações principais:
impressão comercial de exibição, e componentes, Health Imaging, Digital e Sistemas Film Imaging, Imagem e Comercial.

2004:

Câmeras digitais KODAK EASYSHARE mais alta classificação em satisfação do cliente em US $ 200 – $ 399 e US $ 400 – $ 599 segmentos de preços na JD Power Associates e 2004 Digital Camera Estudo de Satisfação.
Kodak
expandiu seus negócios de comunicação gráfica, tornando-se único proprietário da NexPress anterior empresa comum (a fornecedora de high-end, sob demanda de sistemas de impressão a cores e preto-e-branco sistemas de impressão de dados variáveis), e Scitex Digital Printing (líder em alta velocidade de impressão a jato de tinta de dados variáveis).
O último foi renomeado Kodak Versamark, Inc.
A empresa também comprou ações remanescentes de Chinon Industries, uma fabricante de câmeras digitais, adquiriu o negócio de sensor de imagem da National Semiconductor, e formou uma aliança com a IBM para a fabricação de sensores de imagem CMOS.
Dar mais atenção em suas áreas de crescimento, Kodak vendeu seus negócios de Sistemas de Sensoriamento Remoto, que serviu de defesa e aeroespacial clientes, a ITT Industries.
A construção começou em uma fábrica de Windsor da Kodak, Colorado site para expandir a capacidade de mídia térmica usada em produtos como quiosques da Kodak fabricante populares de imagem.
Alimentos dos EUA and Drug Administration (FDA) concedeu aprovação para mamografia inovadora Kodak computer-aided sistema de detecção projetado para ajudar os radiologistas na detecção precoce do câncer de mama.
Papel fotográfico KODAK Ultima, com tecnologia COLORLAST, foi introduzido. Quando utilizado com as mais recentes tintas, fotografias impressas em papel inkjet este terá a duração de mais de 100 anos no domésticas normais de exposição.

2005:

Kodak recebeu elogios da indústria para a sua câmera EASYSHARE-ONE novos Digital, que fornece uma capacidade sem precedentes para armazenar até 1.500 fotos para visualização instantânea e sem fios para transmitir imagens para impressão, e-mails ou visualização on-line.
Outras novas câmeras EASYSHARE incluídas V-série e P-series modelos. P-Series câmeras oferecem recursos avançados para fotógrafos ávidos. Menor que um baralho de cartas, V-série câmeras mistura ainda vídeo, fotografia, oferecendo a capacidade de tomar de qualidade de impressão ainda imagens de vídeo, ou gravar até 80 minutos contínuos de qualidade de TV vídeos com som.
Da empresa Ofoto online Photo Service mudou seu nome para KODAK EASYSHARE Gallery.
Kodak
adquiridos OREX radiografia computadorizada Ltd., um fornecedor líder de sistemas de radiografia computadorizada compacta que adquirir digitalmente imagens de raios X.
Continua a crescer o seu negócio Graphic Communications, a empresa tornou-se único proprietário da ex-joint venture da Kodak Polychrome Graphics, um fornecedor líder de produtos e serviços para o mercado de comunicação gráfica, e adquiriu Creo Inc. – um fornecedor principal de sistemas de pré-impressão e fluxo de trabalho usado por impressoras comerciais em todo o mundo.
Kodak
introduziu novas ofertas para a indústria gráfica, incluindo a solução KODAK Enterprise Management (EMS), uma solução de fluxo de trabalho completo de negócios, eo sistema de impressão Kodak Versamark VX5000e, oferecendo uma resolução efetiva dobro disponíveis com as gerações anteriores de cabeças de impressão a jato de tinta contínuo.
Antonio M. Perez tornou-se CEO da Kodak, além de seu papel como presidente.
Kodak
anunciou a disponibilidade do primeiro sensor de imagem CMOS (CIS) dispositivos de vir de sua aliança de produção com a IBM.
Kodak
introduziu sistemas de imagem molecular que, através de um procedimento não-invasivo, ajudar a identificar anormalidades moleculares que a doença de sinal em uma fase muito precoce.
Neste ponto, os sistemas não são destinados para uso humano, mas eles vão ajudar os pesquisadores do laboratório em campos como o estudo do câncer.
Kodak
anuncia nova casa produtos de impressão, incluindo a impressora fotográfica EasyShare 500, para uso com praticamente qualquer marca de câmera digital e telefones com câmera recente.
O primeiro do mundo 39 milhões sensor de imagem de pixel, o KODAK KAF-39000 Sensor de imagem, foi introduzido.
Fortalecendo sua posição de liderança no varejo de impressão, a Kodak introduziu o KODAK Picture Kiosk G4, oferecendo mais rápido upload e impressão de imagens.

2006:

Antonio M. Perez tornou-se presidente da Kodak, além de seu papel como CEO.
O primeiro do mundo com lente dupla câmara fotográfica digital, a Kodak EasyShare V570 elegante câmera digital com zoom, foi introduzido. Que foi seguido pela introdução do EASYSHARE KODAK dupla lente da câmera V610 digital, menor câmera do mundo a contar com um zoom óptico de 10x, e os KODAK EASYSHARE V705 dupla lente da câmera digital, o menor do mundo ultra-grande angular câmera com zoom óptico digital.
Kodak
atualizou sua logomarca, proporcionando um olhar fresco e contemporâneo para o mundo digital de hoje.
Kodak
e Motorola entrou em um produto global, licenças cruzadas e aliança de marketing em torno de imagem móvel.
O KODAK Scan Station 100 foi anunciado. Ele permite que os trabalhadores de escritório, simultaneamente, digitalizar, armazenar e compartilhar documentos em uma rede de escritório, e enviá-los em qualquer lugar – sem um computador.
Aprimorada KODAK PROFESSIONAL filmes coloridos PORTRA negativos foram introduzidas para fotógrafos profissionais. Os filmes oferecem grão mais fino, e fornecer os tons de pele espetacular e cores incríveis em condições de iluminação mista.
A companhia celebrou o 10 º aniversário do primeiro sistema de computador para a chapa térmica para chapas de impressão de imagem.
O sistema Kodak utiliza o calor para placas digital de imagem, uma partida de sistemas anteriores que usaram a luz. Os tempos de resposta mais rápido, menor custo e melhor qualidade proporcionada pela tecnologia térmica continuar a beneficiar impressoras comerciais hoje.

2007:

Kodak atacou o alto custo de impressão a jato de tinta, a introdução do revolucionário KODAK EASYSHARE All-In-One impressoras que affordably impressão nítida, nítida e documentos Kodak qualidade de laboratório fotográfico usando prêmio de tintas baseadas em pigmentos.
Kodak
entrou em tecnologia de licença cruzada acordos com a Sony Corporation e Sony Ericsson Mobile Communications.
KODAK EASYSHARE Porta-retratos digitais foram introduzidos, dando aos consumidores uma maneira fácil e emocionante jogar slideshows de fotos e vídeos favoritos – mesmo com música.
Duas novas ofertas expandiu o Plataforma KODAK NexPress de prensas de impressão digital em cores, tornando mais fácil para os fornecedores de impressão comercial para entrar – ou crescer sua presença em – o mercado de impressão digital.
Kodak
concluiu a venda do seu Grupo de Saúde para uma afiliada da Onex Corporation do Canadá. O negócio é continuar com o nome da Carestream Health, Inc.
O Sistema KODAK TRACELESS – destinado a proteger contra a falsificação de itens como bilhetes, documentos e bens de luxo – foi lançado. Marcadores invisíveis são incorporados em um produto ou o rótulo. Leitores Kodak, em seguida, detectar esses marcadores para verificar a autenticidade.
Kodak
instalou seu 10.000 º computer-to-plate dispositivo (CTP), aprofundar a sua posição como líder em tecnologia neste mercado de impressão.
Kodak
anunciou um avanço revolucionário na tecnologia de sensor de imagem – um conjunto padrão de filtro que proporciona um 2X para aumentar em 4X a sensibilidade à luz versus a concepção do sensor de corrente.
Kodak
introduziu sua primeira câmera com a empresa inovadora tecnologia de sensor de imagem CMOS. O KODAK C513 câmera digital EASYSHARE oferece 5 megapixels de resolução para menos de US $ 100.
Introduzido para a indústria de impressão de embalagens, a Kodak Flexcel NX Sistema Digital Flexographic fornece qualidade de impressão offset em próximos filmes flexíveis, papel alumínio, etiquetas e outros materiais de embalagem.
Kodak
lançou KODAK PROFESSIONAL T-MAX 400 filmes em preto-e-branco, oferecendo fotógrafos um nível de clareza normalmente disponíveis apenas a partir de 100 de velocidade de filme.
Uma nova geração de filme colorido do cinema – o filme KODAK VISION3 – foi introduzido, melhorando a exposição em brilhantes destaques e sombras mais escuras.

2008:

Kodak recebeu sua nona estatueta Oscar ®, desta vez para o desenvolvimento de emulsões para filmes KODAK Cor VISION2 negativo para a indústria cinematográfica.
Nos 80 anos Academy Awards foram apresentados, todos os “Melhor Filme” Oscar ter ido ao cinema em filme Kodak. O vencedor deste ano, No Country For Old Men, não foi exceção.
Kodak
lançou o sistema APEX, uma solução de laboratório seco para os varejistas. APEX pode cumprir ordens de impressão padrão e ser expandido para também produzir álbuns de fotos, cartas, fotografias e outros itens personalizados.
Usando o novo KODAK TRUESENSE pixel CMOS e recente tecnologia de cores padrão de filtro, a Kodak lançou micron do mundo 1,4 em primeiro lugar, sensor de 5 megapixels – projetado para aplicações de consumo como telefones celulares.
Sensores de imagem CCD KODAK foram usados no ônibus espacial Discovery para ajudar a avaliar exterior da nave antes de reentrada.
Kodak
lançou mais de duas dezenas de novos produtos na Drupa, feira mundial de maior feira de impressão.
A Kodak também demonstrou sua tecnologia de jato de tinta altamente antecipado Stream, um sistema de jato de tinta contínuo e fornece compensar um desempenho de classe de alto volume comercial / aplicações de dados de impressão.
Motorola anunciou o MOTOZINE ZN5, um celular com câmera com a tecnologia KODAK Imaging para internet de alta qualidade, de fotografia.
Kodak e da PGA TOUR anunciaram a Kodak Desafio, uma competição para comemorar buracos bonita e momentos memoráveis no golfe. Os jogadores competem para o título com base em suas notas sobre buracos seleccionados durante a temporada PGA TOUR.
Kodak
introduziu os primeiros 50 milhões de pixels sensor de imagem CCD, oferecendo resolução sem precedentes e os detalhes para a fotografia profissional.
Kodak
introduziu produtos de alta definição (HD) habilitados, incluindo a câmara de vídeo KODAK Zi6 bolso para fácil fotografia e partilha de vídeos.
KODAK PROFESSIONAL EKTAR 100, que dispõe dos melhores grãos de qualquer filme negativo colorido, é lançado.
Versões sem fio de impressoras da Kodak a jato de tinta de consumo – a Kodak ESP 7 e ESP 9 Impressora AiO – são introduzidos. No final do ano, mais de um milhão Kodak
Impressoras AiO tinham sido vendidos para os consumidores desde a introdução do produto de 2007.

2009:

De uso único da Kodak programa de reciclagem da câmara atingiu a marca de 1,5 bilhões de reciclagem câmeras, incluindo tanto Kodak e modelos competitivos.
Avanço da Kodak Córrego tecnologia jato de tinta comercial – que oferece compensação de classe, impressão de dados variáveis ??- entrou no mercado sob a KODAK PROSPER nome de família. O primeiro produto disponível era o KODAK PROSPER S10 Sistema Imprinting, um cabeçote de impressão para uso em impressoras existentes.
Kodak
continuou a crescer a sua linha de câmeras de vídeo de bolso popular, introduzindo o KODAK Zi8 Câmera de Vídeo de Bolso oferece 1080p captura de vídeo em Alta Definição.
KODACHROME Film Cor foi aposentado, concluindo sua corrida de 74 anos como um ícone da fotografia.
O KODAK EASYSHARE S730 Digital Picture Frame, com uma bateria recarregável que permite que você desligue o quadro e passá-lo em torno de fácil visualização – foi introduzido.
Kodak
adquiriu a divisão de scanner de documentos de BÖWE BELL + HOWELL, um fornecedor líder de scanners de documentos para revendedores de valor agregado, integradores de sistemas e usuários finais.
Subsidiária Kodak Cinesite ganhou um Emmy Award ® para “Special Effects Visual para um especial de TV ou Minissérie” por seu trabalho na produção da HBO “Generation Kill”.
Kodak
anunciou que vai vender os ativos de seus negócios OLED para um grupo de empresas LG.

2010:

Novos produtos de consumo Kodak promoveu a facilidade de compartilhamento de fotos. Oferendas, a KODAK PULSE Digital Frame – com um endereço de e-mail para receber imagens de KODAK Gallery, Facebook e mensagens de correio eletrônico – e novas câmeras digitais KODAK EASYSHARE – com um botão Compartilhar único.
O botão permite aos usuários facilmente marcar suas fotos para o esforço de e-mails e fazer o upload para sites de compartilhamento populares ou o quadro PULSE.
Também para os consumidores, a KODAK PLAYSPORT câmara de vídeo foi a primeira oferta à prova de água em linha popular da Kodak de câmeras de vídeo de bolso.
KODAK TRILLIAN SP chapas térmicas foram introduzidos, proporcionando excelente qualidade, eficiência e benefícios ambientais para a impressão offset.
O primeiro completa PROSPER Presses – a KODAK monocromática PROSPER 1000 Imprensa eo KODAK cor PROSPER 5000 Imprensa – entraram no mercado.
Kodak
unidade Cinesite, um fornecedor líder de efeitos visuais para filmes, lançou serviços para 3D estereoscópico efeitos visuais e conversão de filmes 2D em 3D.
KODAK Picture Sistemas Saver Scanning foram introduzidas para permitir que os varejistas e comerciantes da ameia para ajudar os consumidores impressões digitalizar fotos, documentos e outros lembrança “memórias impressas.”
O KODAK ESP Escritório 6150 All-in-One Impressora Jato de Tinta, com conectividade para imprimir a partir de múltiplas fontes, trouxe tinta revolucionária Kodak é acessível para negócios repouso-baseados.
Kodak
continuou a inovar no filme, introduzindo KODAK PROFESSIONAL PORTRA 400 Film – que apresenta a estrutura mais fina disponível em um filme colorido 400 velocidade negativa – e fazendo KODAK PROFESSIONAL EKTAR 100 disponível em grandes formatos.
Pesquisador aposentado Kodak Steve Sasson recebeu a Medalha Nacional de Tecnologia e Inovação para a invenção da câmera digital em 1975. É a maior honra dos EUA para cientistas, engenheiros e inventores.
Kodak
anunciou a mais alta resolução de transferência de interline sensor de imagem CCD para aplicações exigentes como a inspeção industrial, fotografia aérea e de segurança.
O 100 Kodak Flexcel NX Sistema Digital Flexografia – uma solução inovadora de produção de chapas para a impressão de materiais de embalagens flexíveis – foi instalado.

Fonte: www.kodak.com

Conteúdo Relacionado

 

Veja também

Fórceps

PUBLICIDADE Fórceps é um instrumento de metal com duas alças usadas especialmente em operações médicas …

Fake News

Fake News

PUBLICIDADE O que é fake news? A fake news (ou notícia falsa) é uma notícia que …

Grampo Cirúrgico

Grampo Cirúrgico

PUBLICIDADE Grampo Cirúrgico é um dos vários dispositivo cirúrgico usados para unir, prender, suportar ou …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

300-209 exam 70-461 exam hp0-s41 dumps 640-916 exam 200-125 dumps 200-105 dumps 100-105 dumps 210-260 dumps 300-101 dumps 300-206 dumps 400-201 dumps Professor Messer's CompTIA N10-006 exam Network+