Breaking News
QUESTION 1 You have a hybrid Exchange Server 2016 organization. Some of the mailboxes in the research department are hosted on-premises. Other mailboxes in the research department are stored in Microsoft Office 365. You need to search the mailboxes in the research department for email messages that contain a specific keyword in the message body. What should you do? A. From the Exchange Online Exchange admin center, search the delivery reports. B. Form the on-premises Exchange center, search the delivery reports. C. From the Exchange Online Exchange admin SY0-401 exam center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. D. From the Office 365 Compliance Center, create a new Compliance Search. E. From the on-premises Exchange admin center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. Correct Answer: E QUESTION 2 You have an Exchange Server 2016 organization. You plan to enable Federated Sharing. You need to create a DNS record to store the Application Identifier (AppID) of the domain for the federated trust. Which type of record should you create? A. A B. CNAME C. SRV D. TXT Correct Answer: D QUESTION 3 Your company has an Exchange Server 2016 200-310 exam Organization. The organization has a four- node database availability group (DAG) that spans two data centers. Each data center is configured as a separate Active Directory site. The data centers connect to each other by using a high-speed WAN link. Each data center connects directly to the Internet and has a scoped Send connector configured. The company's public DNS zone contains one MX record. You need to ensure that if an Internet link becomes unavailable in one data center, email messages destined to external recipients can 400-101 exam be routed through the other data center. What should you do? A. Create an MX record in the internal DNS zone B. B. Clear the Scoped Send Connector check box C. Create a Receive connector in each data center. D. Clear the Proxy through Client Access server check box Correct Answer: AQUESTION 4 Your network contains a single Active Directory forest. The forest contains two sites named Site1 and Site2. You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains two servers in each site. You have a database availability group (DAG) that spans both sites. The file share witness is in Site1. If a power failure occurs at Site1, you plan to mount the databases in Site2. When the power is restored in Site1, you Cisco CCNP Security 300-207 exam SITCS need to prevent the databases from mounting in Site1. What should you do? A. Disable AutoReseed for the DAG. B. Implement an alternate file share witness. C. Configure Datacenter Activation Coordination (DAC) mode. D. Force a rediscovery of the EX200 exam network when the power is restored. Correct Answer: C QUESTION 5 A new company has the following: Two offices that connect to each other by using a low-latency WAN link In each office, a data center that is configured as a separate subnet Five hundred users in each office You plan to deploy Exchange Server 2016 to the network. You need to recommend which Active Directory deployment to use to support the Exchange Server 2016 deployment What is the best recommendation to achieve the goal? A. Deploy two forests that each contains one site and one site link. Deploy two domain controllers to each forest. In each forest configure one domain controller as a global catalog server B. Deploy one forest that contains one site and one site link. Deploy four domain controllers. Configure all of the domain controllers as global catalog servers. C. Deploy one forest that contains two sites and two site links. Deploy two domain controllers to each site in each site, configure one domain controller as a global catalog server D. Deploy one forest that contains two sites and one site link. Deploy two domain controllers to each site. Configure both domain controllers as global catalog servers Correct Answer: C QUESTION 6 How is the IBM Content Template Catalog delivered for installation? A. as an EXE file B. as a ZIP file of XML files C. as a Web Appli cati on Archive file D. as a Portal Application Archive file Correct Answer: D QUESTION 7 Your company has a data center. The data center contains a server that has Exchange Server 2016 and the Mailbox server role installed. Outlook 300-101 exam anywhere clients connect to the Mailbox server by using thename outlook.contoso.com. The company plans to open a second data center and to provision a database availability group (DAG) that spans both data centers. You need to ensure that Outlook Anywhere clients can connect if one of the data centers becomes unavailable. What should you add to DNS? A. one A record B. two TXT records C. two SRV records D. one MX record Correct Answer: A QUESTION 8 You have an Exchange Server 2016 EX300 exam organization. The organization contains a database availability group (DAG). You need to identify the number of transaction logs that are in replay queue. Which cmdlet should you use? A. Test-ServiceHealth B. Test-ReplicationHealth C. Get-DatabaseAvailabilityGroup D. Get-MailboxDatabaseCopyStatus Correct Answer: D QUESTION 9 All users access their email by using Microsoft Outlook 2013 From Performance Monitor, you discover that the MSExchange Database\I/O Database Reads Average Latency counter displays values that are higher than normal You need to identify the impact of the high counter values on user connections in the Exchange Server organization. What are two client connections 400-051 exam that will meet performance? A. Outlook on the web B. IMAP4 clients C. mobile devices using Exchange ActiveSync D. Outlook in Cached Exchange ModeE. Outlook in Online Mode Correct Answer: CE QUESTION 10 You work for a company named Litware, Inc. that hosts all email in Exchange Online. A user named User1 sends an email message to an Pass CISCO 300-115 exam - test questions external user User 1 discovers that the email message is delayed for two hours before being delivered. The external user sends you the message header of the delayed message You need to identify which host in the message path is responsible for the delivery delay. What should you do? A. Review the contents of the protocol logs. B. Search the message tracking logs. C. Search the delivery reports 200-355 exam for the message D. Review the contents of the application log E. Input the message header to the Exchange Remote Connectivity Analyzer Correct Answer: E QUESTION 11 You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains three Mailbox servers. The servers are configured as shown in the following table You have distribution group named Group1. Group1 contains three members. The members are configured as shown in the following table. You discover that when User1 sends email messages to Group1, all of the messages are delivered to EX02 first. You need to identify why the email messages sent to Group1 are sent to EX02 instead. What should you identify? A. EX02 is configured as an expansion server. B. The arbitration mailbox is hosted 300-320 exam on EX02.C. Site2 has universal group membership caching enabled. D. Site2 is configured as a hub site. Correct Answer: A
Home / Curiosidades / História da Marisa

História da Marisa

PUBLICIDADE

Bernardo Goldfarb, fundador da Marisa, pratica-mente nasceu dentro da loja de sapatos de seu pai.

A primeira loja, a Marisa Bolsas, aberta em 1948, aos poucos conquistou as mulheres. Venden-do pronta entrega de estoques de grandes fabri-cantes a preços competitivos, esse empreendedor pioneiro encontrou o seu nicho e o seu público.

Com o nome Marisa Malhas, terceira loja do grupo, iniciou-se o processo de expansão. Sempre com a filosofia de oferecer às mulheres roupas de qualidade por um preço que elas podiam pagar, a Marisa teve um desenvolvimento gradativo e pla-nejado. Foram passos largos e precisos de uma eficiente estratégia de crescimento que resultou na empresa, genuinamente brasileira, que é refe-rência em moda feminina no País.

A Marisa é a maior rede de lojas de varejo especializada em moda feminina e moda íntima e uma das maiores redes de lojas de departamento de vestuário feminino, masculino e infantil do País.

História da Marisa

O pioneirismo e o empreendedorismo estão no DNA da Marisa.

Bernardo Goldfarb, fundador da empresa, praticamente nasceu dentro da loja de sapatos do seu pai. A primeira unidade da rede, Marisa Bolsas, foi inaugurada em 1948. Vendendo pronta-entrega de estoques de grandes fabricantes a preços competitivos, este pioneiro empreendedor encontrou seu nicho e seu público.

A terceira loja do grupo, Marisa Malhas, deu início ao processo de expansão que continua até hoje. Foram passos largos e precisos de uma eficiente estratégia de crescimento que resultou em uma empresa genuinamente brasileira. Sempre com foco na classe C, a Marisa desde o início buscou o crescimento contínuo de seus negócios e se tornou referência na venda de moda para esta que é a nova classe média brasileira.

A Marisa é uma sólida companhia, com uma marca forte e tradicional. O slogan, “De Mulher para Mulher”, é facilmente reconhecido em qualquer região do País.

Buscando sempre se adaptar às necessidades de seu público, com a modernização e ampliação das lojas e do mix de produtos oferecidos, a companhia conquistou a confiança de suas clientes.

“O melhor da moda com o melhor preço. Esse é o nosso produto.”

A Marisa já foi visitada por personalidades da moda Internacional que a consideraram, moderna, antenada com as tendências, além de ter preços justos e muitas facilidades.

Diante disso, conquistou a confiança do consumidor e retribuiu com a modernização e ampliação das lojas e aumento do mix de produtos. Assim seu cliente pode encontrar, também, moda para toda a família com uma experiência de compras agradável e única no seu dia-a-dia atribulado.

Lado a lado com a mulher brasileira

Ao longo destes mais de 60 anos em que a Marisa tem acompanhado a mulher brasileira, muita coisa mudou. A cliente-foco da empresa entrou no mercado de trabalho, conquistou espaço, mudou hábitos, ganhou liberdade e novas ambições, além de poder de decisão sobre o que comprar para si e para sua família.

Por isso, em todas as lojas da rede as clientes encontram coleções que traduzem as tendências dos principais centros mundiais de moda para o dia a dia da mulher brasileira, sempre com boa relação custo-benefício, uma das marcas registradas da empresa. Além disso, com os cartões Marisa, as clientes têm acesso a uma série de benefícios exclusivos, além de excelentes condições de pagamento e crédito facilitado.

Os formatos de loja implantados (Feminina, Ampliada e Lingerie) atendem a mulher brasileira em diferentes momentos de compra: para si, para toda a família e na sua intimidade.

O que você não sabia sobre a Marisa

Bernardo Goldfarb foi precursor das pontas de estoque e bancas de exposição que, hoje, são essenciais no mercado do varejo.

Quando o fundador da Marisa abriu a primeira loja de moda feminina, tinha duas opções: ou comprava mercadorias de reposição, ou trocava o nome da loja que havia herdado de um negócio anterior. O executivo preferiu investir em produtos e manteve o nome, que permanece até hoje.

A primeira loja Marisa tinha apenas 21m² de área de vendas. Hoje, as lojas da rede têm uma média de 1400m².

A Marisa emprega mais de 13 mil colaboradores, sendo que mais de 70% desse quadro é composto por mulheres.

A empresa orgulha-se de ser a maior rede de moda íntima do País, com a maior varie-dade e o melhor preço do Brasil. Atualmente, a cada segundo, três peças de moda íntima são vendidas em nossas lojas.

Fonte: www.superbrands.com.br/www.marisa.com.br

História da Marisa

Com muitos anos de experiência, a Marisa é a maior rede de lojas especializadas em moda íntima feminina e uma das maiores redes de lojas de departamento de vestuário feminino, masculino e infantil do Brasil. Conhecendo e acompanhando as necessidades do seu público-alvo, a Marisa construiu uma relação de cumplicidade e intimidade com a mulher brasileira.

A marca Marisa, associada ao reconhecido slogan De Mulher para Mulher, possui forte reputação por sua ampla variedade de produtos de qualidade, de acordo com as últimas tendências da moda, segmentados por estilo de vida e a preços atrativos.

A história da Marisa está intimamente relacionada à aguçada visão empresarial do fundador da empresa: Bernardo Goldfarb.

Sua experiência no mundo dos negócios veio do berço, pois desde muito cedo se envolveu nas atividades da loja de sapatos de seu pai. Sob o seu comando a empresa abriu sua primeira loja, a Marisa Bolsas, em 1948, e aos poucos foi conquistando o público consumidor feminino. Desde o início, a Marisa sempre quis atender o público de baixa renda. Era uma filosofia do próprio Bernardo Goldfarb, que apostou num segmento com essas características de consumo.

Com o intuito de ampliar as oportunidades da Marisa, em 1950, por meio de seu pioneirismo no segmento de varejo voltado ao público feminino, a companhia criou a primeira ponta de estoque conhecida no Brasil: a Marisa Malhas, terceira loja do grupo.  Em seguida, a empresa passou a utilizar o nome Marisa para todas as suas lojas. Vendendo pronta entrega de estoques de grandes fabricantes, a preços competitivos, a Marisa teve um desenvolvimento gradativo e planejado e se tornou nacionalmente reconhecida como uma rede de lojas de moda feminina e moda íntima feminina.

A partir de 1952, a Marisa iniciou sua expansão por todo o território nacional, abrindo lojas em Porto Alegre, Belo Horizonte, Salvador, Recife e Manaus. Em 1982, a Marisa já estava presente em todas as regiões do país. Em 1991, acompanhando as tendências do mercado de varejo, inaugurou a sua primeira loja em shopping Center, na cidade de São Paulo. Os shoppings centers foram um dos componentes chaves para a estratégia de crescimento da rede de lojas Marisa. A capacidade de concentrar de maneira conveniente, em um único estabelecimento, uma variedade de produtos que atendiam a diversos interesses, além de oferecer segurança, facilidade de acesso, estacionamento e outros serviços associados, fez do shopping center o principal destino para compras dos consumidores urbanos brasileiros.

Em 1999, a Marisa iniciou uma estratégia de expansão a fim de aumentar a variedade de produtos oferecidos, rejuvenescer a marca Marisa e modernizar suas lojas, reformando-as e ampliando-as. A liderança da Marisa foi reforçada depois que a companhia encerrou, em outubro de 1999, as operações deficitárias das Lojas Brasileiras, outra marca do grupo.

Quando anunciou o fechamento das 63 Lojas Brasileiras, Márcio Goldfarb, filho de Bernardo,  já tinha sua carta na manga: o projeto das lojas Marisa & Família.

A partir da larga experiência da companhia, ratificada por meio de pesquisas de mercado conduzidas pela InterScience, uma das empresas de pesquisa mais bem conceituadas em consumo de varejo, a Marisa verificou a necessidade de um novo modelo de loja que aumentasse a variedade de produtos oferecidos para toda a família, criando maior conveniência de compra para suas clientes em um mesmo local . Esse foi o estalo inicial para a criação da nova rede de lojas batizada Marisa & Família. Livre de dívidas, a empresa se lançou na nova empreitada. Segundo Márcio Goldfarb, todo o investimento foi feito com recursos próprios, já que os resultados da Marisa permitiram cobrir o rombo deixado pelas Lojas Brasileiras.

O novo formato marcou a entrada da Marisa nos segmentos de roupas masculinas e infantis, além de cama, mesa e banho. A nova rede manteve o alvo nas camadas de baixa renda e se apresentou como uma espécie de Marisa ampliada. Porém, o segmento feminino continuou a ser o carro-chefe nas novas lojas do grupo, representando sozinho quase 50% dos itens comercializados.

Além dos novos nichos, a Marisa lançou, em 1999, um cartão para oferecer crédito facilitado, com compras parceladas em até cinco vezes. O Cartão Marisa foi uma ferramenta importante na estratégia de negócios para a fidelização da clientela, bem como para o aumento das receitas em vendas. Ainda no mesmo ano, inaugurou a Marisa Virtual, possibilitando às suas clientes a realização de compras pela internet em seu website.

A partir de 2001, a fim de aprimorar e atualizar a imagem da marca Marisa, a empresa desenvolveu uma nova fase de modernização, expandindo sua metragem e implementando o conceito de exposição dos produtos nas lojas por estilo de vida.

A moda feminina passou a ser apresentada nos estilo de vida:

Jovem, contemporâneo, clássico, surfwear, aeróbico e praia
A moda íntima, nos estilos de vida:
jovem, contemporâneo, sensual e clássico
A moda masculina, nos estilos de vida:
jovem, contemporâneo, casual e social
E a moda infantil foi segmentada por faixa etária:
de 1 a 3 anos, de 4 a 8 anos e de 10 a 16 anos.

Em 2006, a InterScience, em pesquisa realizada por iniciativa do mercado, apontou a Marisa como a empresa do setor têxtil de varejo que mais respeita o consumidor, levando em consideração os seguintes atributos: qualidade do produto, atendimento, preço, propaganda, responsabilidade social e monitoramento da satisfação de clientes, ficando à frente de seus principais concorrentes.

Nas lojas Marisa, a empresa presta um atendimento diferenciado, em ambiente agradável e moderno, em relação aos demais locais freqüentados por seu público-alvo. As lojas são bem decoradas e iluminadas e possuem vitrines criativas e atrativas. A Marisa acredita que se diferencia de sua concorrência por proporcionar uma experiência de compra única em suas lojas, onde busca oferecer às suas clientes um sonho e não meramente vender produtos.

A história

História da Marisa

A história da MARISA está intimamente relacionada à aguçada visão empresarial do fundador da empresa: Bernardo Goldfarb. Sua experiência no mundo dos negócios veio de berço, pois desde muito cedo se envolveu nas atividades da loja de sapatos de seu pai. Sob o seu comando a empresa abriu sua primeira loja, a Marisa Bolsas, em 1948, no Centro de São Paulo, e aos poucos foi conquistando o público consumidor feminino.

Quando inaugurou esta primeira loja, Bernardo tinha duas opções: ou comprava mercadorias para reposição ou trocava o nome da loja que havia herdado de um negócio anterior.

Preferiu investir em produto e manteve o nome MARISA. Desde o início, a loja sempre quis atender o público de baixa renda. Era uma filosofia do próprio Bernardo, que apostou em um segmento com essas características de consumo.

Com o intuito de ampliar as oportunidades da MARISA, em 1950, por meio de seu pioneirismo no segmento de varejo voltado ao público feminino, a empresa criou a primeira “ponta de estoque” conhecida no Brasil: a Marisa Malhas, terceira loja do grupo, que apresentava uma grande novidade chamada “banca de exposição”, essenciais hoje em dia para o mercado de varejo.

Em seguida, a empresa passou a utilizar o nome MARISA para todas as suas lojas.

Vendendo pronta entrega de estoques de grandes fabricantes, a preços competitivos, a MARISA teve um desenvolvimento gradativo e planejado e se tornou nacionalmente reconhecida como uma rede de lojas de moda feminina e moda íntima feminina. A partir de 1952, a rede iniciou sua expansão por todo o território nacional, abrindo lojas em Porto Alegre, Belo Horizonte, Salvador, Recife e Manaus. Em 1982, já estava presente em todas as regiões do país.

A partir da larga experiência da empresa, ratificada por meio de pesquisas de mercado a MARISA verificou a necessidade de um novo modelo de loja que aumentasse a variedade de produtos oferecidos para toda a família, criando maior conveniência de compra para suas clientes em um mesmo local. Esse foi o estalo inicial para a criação da nova rede de lojas batizada Marisa & Família. Livre de dívidas, a empresa se lançou na nova empreitada.

O novo formato de loja marcou a entrada da MARISA nos segmentos de roupas masculinas e infantis, além de cama, mesa e banho. A nova rede manteve o alvo nas camadas de baixa renda e se apresentou como uma espécie de MARISA ampliada. Porém, o segmento feminino continuou a ser o carro-chefe nas novas lojas do grupo, representando sozinho quase 50% dos itens comercializados. Além dos novos nichos, a MARISA lançou, em 1999, um cartão para oferecer crédito facilitado, com compras parceladas em até cinco vezes. O Cartão Marisa foi uma ferramenta importante na estratégia de negócios para a fidelização da clientela, bem como para o aumento das receitas em vendas.

Ainda no mesmo ano, inaugurou a Marisa Virtual, possibilitando às suas clientes a realização de compras pela Internet em seu site. A partir de 2001, a fim de aprimorar e atualizar a imagem da marca, a empresa desenvolveu uma nova fase de modernização, expandindo sua metragem e implementando o conceito de exposição dos produtos nas lojas por “estilo de vida”.

A moda feminina passou a ser apresentada nos estilo de vida:

Jovem, contemporâneo, clássico, surfwear, aeróbico e praia
A moda íntima, nos estilos jovem, contemporâneo, sensual e clássico
A moda masculina, nos estilos jovem, contemporâneo, casual e social
E a moda infantil foi segmentada por faixa etária (de 1 a 3 anos, de 4 a 8 anos e de 10 a 16 anos).

Sempre moderna e inovadora, a empresa lançou em 2010 a MARISA LINGERIE, que introduziu no mercado brasileiro um novo conceito de venda de roupa íntima. O novo formato de loja, exclusivamente dedicada à moda íntima feminina, que ainda tem pijamas e meias, fez tanto sucesso que a rede já inaugurou mais de 15 unidades nesse conceito.

Para facilitar as compras, essas lojas foram divididas em setores:

Sensual, com modelagem sexy, transparências, e até fantasiosas
O Novo Clássico, de peças românticas
Casual, com modelos básicos para o dia-a-dia
Jovem, dinâmica, com estampas de bichos
Tributos, destinado as peças funcionais (modeladores, sutiãs para amamentação)
E Meias, de soquetes a estampadas.

A preocupação de estar sempre lado a lado com as últimas tendências da moda, sem perder de vista a qualidade, fez da MARISA a loja escolhida pela mulher jovem e moderna, que faz questão de se vestir bem e que nem por isso pode pagar o preço abusivo das grandes grifes.

Fonte: www.casodesucesso.com/mundodasmarcas.com

Conteúdo Relacionado

 

Veja também

Fórceps

PUBLICIDADE Fórceps é um instrumento de metal com duas alças usadas especialmente em operações médicas …

Fake News

Fake News

PUBLICIDADE O que é fake news? A fake news (ou notícia falsa) é uma notícia que …

Grampo Cirúrgico

Grampo Cirúrgico

PUBLICIDADE Grampo Cirúrgico é um dos vários dispositivo cirúrgico usados para unir, prender, suportar ou …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

300-209 exam 70-461 exam hp0-s41 dumps 640-916 exam 200-125 dumps 200-105 dumps 100-105 dumps 210-260 dumps 300-101 dumps 300-206 dumps 400-201 dumps Professor Messer's CompTIA N10-006 exam Network+