Facebook do Portal São Francisco
Google+
+ circle
Home  Análise Sintática  Voltar

Análise Sintática



A análise sintática constitui-se no estudo da estrutura do período, dividindo e classificando as orações que o compõem e reconhecendo as funções sintáticas dos termos na oração.

Apresenta, portanto, duas funções distintas:

divisão de um todo em suas partes componentes;

explicação da função de cada uma dessas partes.

A análise sintática tem seu campo de ação assim delimitado: período, oração e termos da oração.

Frase, oração, período

Frase é qualquer enunciado dotado de significação. A frase pode ser constituída de:

uma só palavra.

Ex.: Socorro!

várias palavras (com verbo ou não).

Ex.: O tempo está nublado. Que calor!

Frase nominal

exprime uma visão estática. Aparece sem verbo ou com verbo de ligação.

Ex.:

VITÓRIA JUSTA DO CORITIBA.

Frase verbal

indica um processo dinâmico.

Ex.:

O ATLÉTICO VENCEU.

Oração é a frase que apresenta verbo ou locução verbal.

Exemplos:

A fanfarra desfilou na avenida.

As festas juninas estão chegando.

Tanto na frase quanto na oração, as palavras obedecem a uma ordem, a uma disposição, para que haja uma clara transmissão da mensagem.

Observe:

Quadrinhos aluno em o sala na lê revista uma.

O entendimento da mensagem fica impossível, porque as palavras estão dispostas numa ordem anormal. Se colocadas numa ordem linguística compatível com a nossa língua, entende-se facilmente a mensagem:

O aluno lê uma revista em quadrinhos na sala.

Existe, portanto, uma ordem linguística que devemos seguir na elaboração de uma frase ou oração. A essa ordem dá-se o nome de sintaxe.

Quanto à ordem, as orações podem ser diretas ou indiretas.

Orações diretas – são as que apresentam os termos em sua ordem natural (sujeito, verbo, complementos).

Exemplo:

A comitiva presidencial chegou a Curitiba às duas horas.

Orações indiretas – são as que apresentam os termos em ordem inversa, não-natural.

Exemplo:

Às duas horas, chegou a Curitiba a comitiva presidencial.

Período é a frase estruturada em oração ou orações.

Termina sempre por um ponto final, ponto de exclamação, ponto de interrogação, reticências e, às vezes, dois pontos.

O período classifica-se em:

simples – constituído por uma só oração, chamada absoluta.

Fui à livraria ontem.

composto – constituído por mais de uma oração.

Fui à livraria ontem e comprei vários livros.

A maneira prática de saber quantas orações existem num período é contar os verbos ou expressões verbais.

TERMOS DA ORAÇÃO

Análise Sintática

TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO

Análise Sintática

As orações são constituídas, quase sempre, de dois termos que expressam, respectivamente:

o ser (de quem se diz algo) – sujeito;

aquilo que se diz (do ser) – predicado.

Análise Sintática

SUJEITO

É o ser de quem se diz alguma coisa. Como termo da maior hierarquia dentro da oração, jamais vem regido por preposição.

MODO DE ENCONTRÁ-LO: fazem-se as perguntas:

Análise Sintática

Exemplo:

O aluno saiu. (Quem é que saiu?)

Resposta : O aluno. (sujeito)

Núcleo do sujeito

O núcleo de um termo é a palavra mais importante que dele participa.

Em geral, o núcleo do sujeito pode ser:

um substantivo:

O lápis é novo.

um pronome substantivo (pessoal, indefinido etc.):

Ele está aqui.

uma palavra ou expressão substantivada:

Viver é lutar.

uma oração substantiva:

Convém que você venha à reunião.

A Nomenclatura Gramatical Brasileira (NGB) considera somente estes tipos de sujeito:

Simples

Possui um só núcleo (no singular ou no plural / claro ou subentendido).

Ex.:

Os sinos silenciaram.

Ninguém ousou levantar a voz.

Os nossos guarda-chuvas foram roubados.

Esse quê está bem empregado.

Observação: Em frases como:

Ex:

Somos os melhores

(núcleo: nós, implícito na desinência verbal), dizia-se antigamente que era um caso de sujeito oculto. Esse termo foi abolido pala NGB, apesar de ser ainda encontrado, inclusive em questões vestibulares. Seria mais próprio chamá-lo de sujeito desinencial ou implícito.

Composto

Possui dois ou mais núcleos (no singular ou no plural).

Ex.:

Eu e ela somos adversários.

Redação e provas coexistem nas preocupações dos que se preparam bem.

voltar 12345avançar
Sobre o Portal | Política de Privacidade | Fale Conosco | Anuncie | Indique o Portal