Garrincha

PUBLICIDADE

 

Garrincha

Nome completo: Manoel dos Santos

Nascimento: Majé-RJ, 8/10/1933

Morte: 20/01/1983, no Rio de Janeiro.

Clubes onde jogou

Botafogo
Corinthians
Portuguesa-RJ
Flamengo
Olaria-RJ
Milionários-COL
Atlético Junior-COL

Títulos

Campeão Carioca (1957, 1961 e 1962)
Campeão do Torneio Rio-São Paulo (1962, 1964 e 1966)
Campeão Mundial (1958 e 1962) pela seleção brasileira.
Jogos pela seleção brasileira: 60
Gols pela seleção brasileira: 17

Garrincha marcou seu nome na história do futebol mundial com o apelido de “alegria do povo”. Foi o legítimo representante do futebol-arte brasileiro.

Seu principal feito foi ter conquistado a Copa do Mundo de 1962, praticamente sozinho, depois que Pelé se machucou na segunda rodada da competição.

Mesmo com uma diferença de 6 cm que separava seus joelhos (a perna esquerda era arqueada para fora), sempre levava vantagem sobre o marcador.

Sua jogada característica era o drible desconcertante para a direita, o arranque e o cruzamento para a área.

Fez parte do melhor time do Botafogo de todos os tempos, que contava com Zagallo, Didi, Amarildo, Garrincha e seu compadre Nilton Santos, e dos melhores anos da seleção brasileira.

Garrincha ganhou o apelido quando ainda era criança, em Pau de Grande, distrito de Magé, no Rio de Janeiro. Garrincha era o nome de um pássaro de cauda vermelha, que ele costumava caçar. Começou a jogar aos 14 anos, no Esporte Clube Pau Grande. Mais tarde foi levado por Arati, um ex-jogador, para o Botafogo.

No clube da estrela solitária, Garrincha viveu seus anos de glória. Foi Campeão Carioca em 1957 e bi em 1961 e 1962. Pelo clube, marcou 242 gols em 613 jogos entre os anos de 1953 e 1965.

No final da carreira, com o preparo físico debilitado, chegou a defender o Corinthians, onde, aos 33 anos, conquistou o Torneio Rio-São Paulo de 1966 (jogou apenas 13 vezes pela equipe paulista) e o Flamengo, além de equipes menores do futebol brasileiro e colombiano.

Indisciplinado, não foram poucas as vezes que esquentou o banco na seleção brasileira. Apesar da pouca cultura fora de campo, era um gênio dentro dele. Sagrou-se Campeão Mundial com a seleção brasileira em 1958, na Suécia, e no Chile, em 1962, quando, na ausência de Pelé, foi eleito o melhor jogador da Copa.

Garrincha morreu no Rio de Janeiro, no dia 20 de janeiro de 1983, vítima de um edema pulmonar. O velório foi realizado no estádio do Maracanã, onde deu verdadeiros espetáculos, e foi acompanhado por milhares de fãs.

Fonte: futebol.bol.com.br

Veja também

Rivellino

Rivellino

Rivellino, Roberto, Jogador, Futebol, Clubes, Títulos, Seleção Brasileira, Gols, Faltas, Cobrador de Faltas, Corinthians, Vida, Carreira, Rivellino

Romário

Romário

Romário, Jogador, Brasileiro, Futebol, Carreira, Clubes, Baixinho, Político, Gols, Títulos, Passagens, Vida, Biografia, Romário

Didi

Didi, Jogador, Futebol, Seleção Brasileira, Carreira, Clubes, Treinador, Copa do Mundo, Títulos, Waldyr Pereira, Didi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.