Breaking News
Home / Biologia / Sombreiro

Sombreiro

PUBLICIDADE

 

Sombreiro – Clitoria fairchildiana

Sombreiro
Sombreiro

Sombreiro
Sombreiro

Ocorrência: Amazonas, Pará, maranhão e Tocantins.

Outros nomes: palheteira, sobreiro, sombra de vaca.

Características

Árvore decídua com altura de 6 a 12 m , tronco curto e revestido por casca fina e lisa.

Folhas compostas trifolioladas, estipuladas, longo-pecioladas.

Folíolos coriáceos, glabros na face superior e seríceo-pubescentes na inferior, com 14 a 20 cm de comprimento por 5 a 7 cm de largura.

Frutos vagens deiscentes. Um Kg de sementes contém 1.800 unidades.

Habitat: floresta pluvial amazônica.

Propagação: Sementes.

Madeira

Moderadamente pesada, mole, medianamente resistente, fácil de trabalhar, de baixa durabilidade sob condições naturais.

Utilidade

A madeira pode ser usada na construção civil como divisórias internas, e forros, para confecção de brinquedos e caixotaria.

A árvore proporciona ótima sombra e tem ótimo potencial paisagístico.

É indicada para regeneração de áreas degradadas.

Florescimento: abril a maio.

Frutificação: maio a julho.

Fonte: www.vivaterra.org.br

Sombreiro

Sombreiro – Clitoria fairchildiana

Família: Fabaceae, FaboideaeNomes populares: Palheteira , sombra-de-vaca , sombreiro, faveira.Origem: BrasilDistribuição geográfica: Região Norte, Floresta Ombrófila Densa na Amazônia. Ocorrência: Amazonas, Pará, Maranhão e Tocantins na floresta pluvial amazônica de terra firme. Altura média: 10-15m Diâmetro: 10 m. Ambiente: Pleno Sol. Clima: Equatorial, Tropical, Tropical úmidoPropagação: Sementes. Características morfológicas: Árvore de grande porte com frondosa copa. As folhas são compostas trifolioladas, as flores atrovioláceas apresentam-se em inflorescências pêndulas. Cultivo: Reprodução por sementes e desenvolvimento da muda é rápido.Período de florescimento e frutificação: Floresce de dezembro a fevereiro.Utilidades econômicas: A madeira pode ser usada na construção civil como divisórias internas, forros, para confecção de brinquedos e caixotaria. A árvore proporciona ótima sombra e tem ótimo potencial paisagístico, excelente para arborização rural e urbana de parques jardins, estradas, dentre outros. É indicada para regeneração de áreas degradadas. Pode ser utilizada também como adubo verde, pois é capaz de nodular e fixar nitrogênio.Propriedades medicinais: Atividade antinflamatória.No Horto: O maior indivíduo apresenta 2,80m de diâmetro do tronco. Foi observada com frutos durante todo o período de observação. Obs: Fornece excelente sombra. Suas folhas podem ser atacadas por lagartas, acabando com todas as folhas; este ataque é cíclico, não ocorrendo o ano todo.

O Sombreiro

Sombreiro (Clitorea racemosa; Fabaceae) é uma árvore nativa do norte do Brasil.

Ela é conhecida popularmente por esse nome devido ao enorme tamanho e espessura de sua copa.

A floração lilás-claro dessa árvore é muito pouco observada em meio à sua densa folhagem.

O Sombreiro é muito utilizado na arborização de estradas.

Morfologia

Altura de 6-12 m, com tronco curto revestido por casca fina e lisa. Inflorescências em racemos terminais, com flores de coloração azul-violeta. Frutos vagens achatadas.

Fenologia

Floresce durante o verão, prolongando-se até abril-maio em certas regiões.

Informações Ecológicas

Planta decídua, heliófita, seletiva higrófita, característica de formações secundárias da floresta pluvial amazônica. Tem nítida preferência por solos férteis e úmidos.

Árvore nativa da região norte e centro-oeste do Brasil e muito ornamental. Seu porte e de até 15 m de altura.

Possui copa globosa, tronco com diâmetros de até 50 cm e flor lilás, que aparecem na forma de cachos varias vezes ao ano, mas principalmente na primavera – verão. Apresenta o crescimento rápido e se adapta bem em regiões de clima tropical.

Indicação/Uso

Indicada para uso no paisagismo e na arborização urbana, pois fornece boa sombra e floração vistosa.

Foi muito utilizada em projetos nas décadas de 70 a 80 e hoje é muito pouca utilizada, devido ao pouco conhecimento dos profissionais atuais sobre a espécie. Por seu rápido crescimento e fixação de nitrogênio no solo também pode ser testada na recuperação de áreas degradadas.

Informações Complementares

A madeira pode ser empregada em construção civil, como divisórias internas, forros e, para confecção de brinquedos e caixotaria.

A árvore proporciona ótima sombra, além de apresentar características ornamentais.

É ótima para arborização urbana e rural, para o que já vem sendo largamente utilizada nas regiões sudeste e norte do país.

Como planta rústica e de rápido crescimento. Presença indispensável nos reflorestamentos heterogêneos destinados à reconstituição da vegetação de áreas degradadas de preservação permanente.

Fonte: sobasombradasarvores.wordpress.com/www.paisagismodigital.com

 

Conteúdo Relacionado

 

Veja também

Síntese de Proteínas

PUBLICIDADE O que é a síntese de proteínas? A síntese de proteínas é um processo …

Teoria do Encaixe Induzido

PUBLICIDADE O que é a teoria do encaixe induzido? A teoria do encaixe induzido foi proposta …

Sinalização Celular

PUBLICIDADE O que é sinalização celular? A sinalização celular é um processo de comunicação entre …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.