Breaking News
QUESTION 1 You have a hybrid Exchange Server 2016 organization. Some of the mailboxes in the research department are hosted on-premises. Other mailboxes in the research department are stored in Microsoft Office 365. You need to search the mailboxes in the research department for email messages that contain a specific keyword in the message body. What should you do? A. From the Exchange Online Exchange admin center, search the delivery reports. B. Form the on-premises Exchange center, search the delivery reports. C. From the Exchange Online Exchange admin SY0-401 exam center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. D. From the Office 365 Compliance Center, create a new Compliance Search. E. From the on-premises Exchange admin center, create a new In-Place eDiscovery & Hold. Correct Answer: E QUESTION 2 You have an Exchange Server 2016 organization. You plan to enable Federated Sharing. You need to create a DNS record to store the Application Identifier (AppID) of the domain for the federated trust. Which type of record should you create? A. A B. CNAME C. SRV D. TXT Correct Answer: D QUESTION 3 Your company has an Exchange Server 2016 200-310 exam Organization. The organization has a four- node database availability group (DAG) that spans two data centers. Each data center is configured as a separate Active Directory site. The data centers connect to each other by using a high-speed WAN link. Each data center connects directly to the Internet and has a scoped Send connector configured. The company's public DNS zone contains one MX record. You need to ensure that if an Internet link becomes unavailable in one data center, email messages destined to external recipients can 400-101 exam be routed through the other data center. What should you do? A. Create an MX record in the internal DNS zone B. B. Clear the Scoped Send Connector check box C. Create a Receive connector in each data center. D. Clear the Proxy through Client Access server check box Correct Answer: AQUESTION 4 Your network contains a single Active Directory forest. The forest contains two sites named Site1 and Site2. You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains two servers in each site. You have a database availability group (DAG) that spans both sites. The file share witness is in Site1. If a power failure occurs at Site1, you plan to mount the databases in Site2. When the power is restored in Site1, you Cisco CCNP Security 300-207 exam SITCS need to prevent the databases from mounting in Site1. What should you do? A. Disable AutoReseed for the DAG. B. Implement an alternate file share witness. C. Configure Datacenter Activation Coordination (DAC) mode. D. Force a rediscovery of the EX200 exam network when the power is restored. Correct Answer: C QUESTION 5 A new company has the following: Two offices that connect to each other by using a low-latency WAN link In each office, a data center that is configured as a separate subnet Five hundred users in each office You plan to deploy Exchange Server 2016 to the network. You need to recommend which Active Directory deployment to use to support the Exchange Server 2016 deployment What is the best recommendation to achieve the goal? A. Deploy two forests that each contains one site and one site link. Deploy two domain controllers to each forest. In each forest configure one domain controller as a global catalog server B. Deploy one forest that contains one site and one site link. Deploy four domain controllers. Configure all of the domain controllers as global catalog servers. C. Deploy one forest that contains two sites and two site links. Deploy two domain controllers to each site in each site, configure one domain controller as a global catalog server D. Deploy one forest that contains two sites and one site link. Deploy two domain controllers to each site. Configure both domain controllers as global catalog servers Correct Answer: C QUESTION 6 How is the IBM Content Template Catalog delivered for installation? A. as an EXE file B. as a ZIP file of XML files C. as a Web Appli cati on Archive file D. as a Portal Application Archive file Correct Answer: D QUESTION 7 Your company has a data center. The data center contains a server that has Exchange Server 2016 and the Mailbox server role installed. Outlook 300-101 exam anywhere clients connect to the Mailbox server by using thename outlook.contoso.com. The company plans to open a second data center and to provision a database availability group (DAG) that spans both data centers. You need to ensure that Outlook Anywhere clients can connect if one of the data centers becomes unavailable. What should you add to DNS? A. one A record B. two TXT records C. two SRV records D. one MX record Correct Answer: A QUESTION 8 You have an Exchange Server 2016 EX300 exam organization. The organization contains a database availability group (DAG). You need to identify the number of transaction logs that are in replay queue. Which cmdlet should you use? A. Test-ServiceHealth B. Test-ReplicationHealth C. Get-DatabaseAvailabilityGroup D. Get-MailboxDatabaseCopyStatus Correct Answer: D QUESTION 9 All users access their email by using Microsoft Outlook 2013 From Performance Monitor, you discover that the MSExchange Database\I/O Database Reads Average Latency counter displays values that are higher than normal You need to identify the impact of the high counter values on user connections in the Exchange Server organization. What are two client connections 400-051 exam that will meet performance? A. Outlook on the web B. IMAP4 clients C. mobile devices using Exchange ActiveSync D. Outlook in Cached Exchange ModeE. Outlook in Online Mode Correct Answer: CE QUESTION 10 You work for a company named Litware, Inc. that hosts all email in Exchange Online. A user named User1 sends an email message to an Pass CISCO 300-115 exam - test questions external user User 1 discovers that the email message is delayed for two hours before being delivered. The external user sends you the message header of the delayed message You need to identify which host in the message path is responsible for the delivery delay. What should you do? A. Review the contents of the protocol logs. B. Search the message tracking logs. C. Search the delivery reports 200-355 exam for the message D. Review the contents of the application log E. Input the message header to the Exchange Remote Connectivity Analyzer Correct Answer: E QUESTION 11 You have an Exchange Server 2016 organization. The organization contains three Mailbox servers. The servers are configured as shown in the following table You have distribution group named Group1. Group1 contains three members. The members are configured as shown in the following table. You discover that when User1 sends email messages to Group1, all of the messages are delivered to EX02 first. You need to identify why the email messages sent to Group1 are sent to EX02 instead. What should you identify? A. EX02 is configured as an expansion server. B. The arbitration mailbox is hosted 300-320 exam on EX02.C. Site2 has universal group membership caching enabled. D. Site2 is configured as a hub site. Correct Answer: A
Home / Biologia / Sumaúma

Sumaúma

PUBLICIDADE

 

Sumaúma – Ceiba pentandra

Sumaúma
Sumaúma

Sumaúma
Sumaúma

Ocorrência: toda bacia amazônica.

Outros nomes: sumaúma da várzea, sumaumeira, árvore da seda, árvore da lã, paina lisa, sumaúma verdadeira.

Características

Árvore decídua de até 50 m de altura, é um dos gigantes da floresta.

Tronco mais engrossado no terço inferior, casca acinzentada, lisa, apresentando raízes tabulares, com acúleos nos ramos novos e 80 a 160 cm de diâmetro.

Folhas alternas, compostas, digitadas, com 5 a 7 folíolos membranosos, glabros na página superior e pálidos na inferior, oblongos a lanceolados, ápice agudo e acuminado, com pecíolo de 28 cm.

Flores com pétalas brancas a rosadas, dispostas em inflorescências densas.

Fruto cápsula fusiforme, lisa, 10 cm de comprimento, provido de pequenas sementes envoltas por pêlos (painas). Um Kg de sementes contém aproximadamente 7.500 unidades.

Habitat: florestas inundadas.

Propagação: Sementes.

Madeira

Leve e macia, cor pardacenta, de baixa durabilidade.

Utilidade

Madeira usada na confecção de jangadas, caixotaria, brinquedos e produção de celulose.

Da paina que envolve as sementes, produz-se bóias e coletes salva-vidas, além de servir como enchimento de colchões e travesseiros sendo ainda, estrai-se um óleo que, além de comestível, presta-se também para a produção de sabão.

Florescimento: agosto a setembro.

Frutificação: outubro a novembro.

Fonte: www.vivaterra.org.br

Sumaúma

Sumaúma – Ceiba pentandra

Nome(s) Popular(es): Sumaúma, Samaúma, Mafumeira, Algodoeiro.

Família: Bombacaceae

Sumaúma ou samaumeira ( do tupi) , grande árvore da família das Bombáceas, de madeira branca, vive em regiões com bastante umidade.

O imenso tronco é apoiado em enormes raízes, cuja parte aérea, é utilizada para a confec- ção de mesas rústicas, tábuas de lavar roupas, etc. S

eus frutos produzem paina, usada para travesseiros e outros estofados domésticos.

É uma das maiores árvores da região amazônica.

A Sumaúma

Árvore de crescimento rápido, atingindo muitas vez porte agigantado com 30 a 40m de altura; quando em terra firme, de porte menor, embora volumosa; nos terrenos de várzea inundáveis, altas.

A sumaúma é a maior árvore da Amaz ô nia e uma das maiores do mundo. C hega a ter 60 metros de altura e 40 metros de copa.

As raízes tabulares, ou sapopemas, que se desenvolvem como largas escoras ao redor da base do tronco, ajudando a sustentá-lo, são a característica mais marcante da sumaúma, uma das árvores mais imponentes da América do Sul, encontrada em estado espontâneo por toda a região amazônica.

Árvore da família das bombacáceas, a mesma da paineira e da munguba, a sumaúma (Ceiba pentandra) atinge cinqüenta metros de altura e é também conhecida por sumaumeira, árvore-da-lã, árvore-da-seda ou paina-lisa. Tem folhas digitadas, sustentadas por pecíolos longos, e dá flores brancas, campanuladas.

Os frutos, grandes cápsulas com até trinta centímetros de comprimento por cinco de diâmetro, encerram numerosas sementes envolvidas por um tufo de filamentos sedosos que constituem a paina da sumaúma.

Sob o nome de kapok, esta paina, extremamente flexível e de superior qualidade, já foi muito utilizada para o fabrico de salva-vidas e bóias, pois suporta de 30 a 35 vezes seu próprio peso na água. A sumaúma, que em condições naturais nasce em terra firme e nas várzeas, multiplica-se a partir de sementes e é extremamente longeva, pois chega a viver mais de cem anos.

Descrição da Árvore

Árvore de crescimento rápido, atingindo muitas vez porte agigantado com 30 a 40m de altura; quando em terra firme, de porte menor, embora volumosa; nos terrenos de várzea inundáveis, altas.

Propriedades

Medicinais: A seiva da planta é empregada contra conjuntivite. A decocção da casca é diurética e contra a hidropisia do baixo ventre.Alimentícias: Os toros da raiz descobertos, nas margens dos riachos secos, dão água potável excelente no verão.Industriais: As sementes dão óleo de sabor e cheiro agradáveis, comestível, servindo também para iluminação; tido como bom lubrificante e eficaz contra ferrugens. A paina que envolve as sementes é aplicada como enchimento para colchões, travesseiros, etc..

Distribuição Geográfica: Ocorre em toda a bacia Amazônica.

Habitat: Florestas tropicais inundadas ou pantanosas da várzea e também na terra firme alta com solo argiloso, fértil.

Usos Comuns

Caixas, brinquedos, barris de pouca duração, caixotes de embalagens, jangadas, ubá, pasta para celulose.

Fonte: www.cdpara.pa.gov.br

Sumaúma

Sumaúma – Ceiba pentandra

Sumaúma, o que significa?

Sumaúma
Sumaúma

Sumaúma é uma árvore frondosa, considerada sagrada para o antigo povo “maia” e os que habitam às florestas. Pertence às famílias bombacáceas. (Ceiba Pentandra Gaertn).

Consta que é nativa da América do Sul e África, onde atinge a desproporcional altura de setenta metros. Sem dúvida compondo, em conjunto, as mais altas de todas as árvores.

É comum que se destaque no meio das demais, como as castanheiras, atingindo 35 a 45 m. Sua copa ocupa uma enorme extensão porque seus ramos horizontais são longos e abundantes.

A Sumaúma é tida como a “Mãe da Floresta”. Para muitos considerada uma raínha ou simplesmente uma princesa, pela sua enorme altivez e pelo que se constitui. Chamam-na também de barriguda; sumaúma; samaumeira ou sumaumeira.

É muito admirada por sua beleza natural, pelos mistérios que a cercam e pelas propriedades medicinais inexploradas.

Sempre é ligada às coisas da natureza.

Na Amazônia, onde se encontra em extinção, é nome de cinco ilhas fluviais: no Tocantins, no Tapajós, no Uaupés, a do Cuminá e a do Curuá.

É o nome de dois lagos. Um à margem do Amazonas e outro do Mamuru. E de duas cachoeiras, uma no rio Tiquié e outra, no Catrinâmi. É o nome de um barco que faz ininterrupta comunicação, entre as famílias relacionadas às diversas “samaúmas” dessa extensa região.

De gênero muito variado chega a possuir mais de um cento de espécies.

Típica de várzea, de pantanais e matas alagadas, talvez, por isso, conhecida por algumas singularidades, como o armazenamento de água em seu tronco.

Influenciada pelas as fases da lua, há ocasiões que a água existente no interior da Samaúma desloca-se para a copa ou raízes.

O movimento das águas no seu interior produz ruídos, que o caboclo chama de “estrondos”, podendo se ouvir ao longe na floresta. Os povos das grandes matas costumam utilizar sua água quando estão com sede e longe de outros mananciais.

Consta que é milenar e de enorme tradição. Apresenta uma peculiaridade com relação aos pequenos animais escandentes como sagüis, bicho preguiça que ao perceberem que estão expostos aos ataques de aves predadoras procuram a proteção das frondes das samaúmas.

Essa árvore gera uma paina sedosa e macia, extremamente, leve e espessa que envolve as sementes. Elas se mantêm intimamente agregadas como se para resguardá-las e ao estarem prestes a germinar, a paina tangida pelo vento, arrasta-as para longe, espalhando-as, semeando-as, por uma área de raio muito amplo e, em contato com a terra brotarão para o engrandecimento e a perpetuação da espécie.

A fibra é industrializada para enchimento de colchões, almofadas e coletes salva-vidas, isolante térmico e acústico para câmaras frigoríficas e aviões.

A madeira considerada leve e fácil de manusear é explorada para industrialização de compensado, de polpa de papel, de embarcações fluviais, para a fabricação de brinquedos e maquetas.

Fonte: www.samauma.biz

 

Conteúdo Relacionado

 

Veja também

Plastos

Plastos

PUBLICIDADE O que são plastos? Os plastos ou plastídeos são organelas de dupla membrana encontrados …

Plantas Tóxicas

Plantas Tóxicas

PUBLICIDADE O que são plantas tóxicas? As plantas tóxicas também chamadas de plantas venenosas contêm …

Plantas Carnívoras

Plantas Carnívoras

PUBLICIDADE O que são plantas carnívoras? As plantas carnívoras são definidas como plantas que atraem, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

300-209 exam 70-461 exam hp0-s41 dumps 640-916 exam 200-125 dumps 200-105 dumps 100-105 dumps 210-260 dumps 300-101 dumps 300-206 dumps 400-201 dumps Professor Messer's CompTIA N10-006 exam Network+